Kansas (Banda)<br />Banda de rock norte-americana<br />
História<br />Sua formação original era constituída por Steve Walsh (teclado e vocal) RobbySteinhardt (violino)  Kerry Liv...
Discografia<br />Álbuns de estúdio<br />1974 – Kansas<br />1974 - Song for America<br />1975 – Masque<br />1976 – Leftover...
Decorrer da banda<br />A banda se destacou ao emplacar clássicos do rock progressivo como "CarryonWaywardSon", hoje, suces...
Continuação ...<br />Depois veio o disco "AlwaysNevertheSame" junto de "TheLondonShymphonyOrchestra", o que não causou imp...
Sua história em épocas<br />1970-1974:  Seu inicio e modificações na banda.<br />Dave Hope ,Phil Ehart e Kerry Livgren for...
Continuação ...<br />1980-1983:  Discussões e contra versas.<br />O Kansas começou a morrer no início dos anos 80. Kerry L...
Atualmente<br />1986: Reformulação.<br />Em 1990, um promotor musical alemão reuniu os membros originais da banda, com exc...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Kansas (banda)

1,143 views

Published on

Published in: Self Improvement
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,143
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Kansas (banda)

  1. 1. Kansas (Banda)<br />Banda de rock norte-americana<br />
  2. 2. História<br />Sua formação original era constituída por Steve Walsh (teclado e vocal) RobbySteinhardt (violino) Kerry Livgren (guitarras) Billy Greer (baixo) e Phil Ehart (bateria).<br />Grandes álbuns foram gravados nos anos 70e o primeiro se chamava ‘’Kansas’’.<br />Ganharamváriosprêmiosaolançaremestesalbunsdoisálbuns "Point of Know return"e "Leftoverture“ .<br />
  3. 3. Discografia<br />Álbuns de estúdio<br />1974 – Kansas<br />1974 - Song for America<br />1975 – Masque<br />1976 – Leftoverture<br />1977 - Point of Know Return<br />1979 – Monolith<br />1980 - Audio-Visions<br />1982 - Vinyl Confessions<br />1983 - Drastic Measures<br />1986 – Power<br />1988 - In the Spirit of Things<br />1995 - Freaks of Nature<br />1998 - Always Never the Same<br />2000 - Somewhere to Elsewhere<br />Álbuns ao vivo<br />1978 - Two for the Show<br />1992 - Live at the Whisky<br />1998 - King Biscuit Flower Hour Presents Kansas<br />2002 - Device, Voice, Drum<br />2003 - From The Front Row...Live!<br />2009 - There's Know Place Like Home<br />Compilações<br />1984 - The Best of Kansas<br />1992 - Carry On<br />1998 - The Kansas Boxed Set<br />1999 - The Best of Kansas (expandido)<br />2002 - The Ultimate Kansas<br />2004 - Sail On: The 30th Anniversary Collection<br />2005 - On the Other Side (re-relançamento de Carry On)<br />2006 - Works in Progress<br />
  4. 4. Decorrer da banda<br />A banda se destacou ao emplacar clássicos do rock progressivo como "CarryonWaywardSon", hoje, sucesso na abertura do seriado norte-americanoSupernatural, "Song for America" e "TheWall"... desta época também surgiu o maior sucesso do Kansas, a balada "Dust in the Wind".<br />Como o sucesso traz junto a discórdia, os integrantes começaram a se desentender no que resultou na saída de RobbySteinhardt e Kerry Livgren.<br />Um novo período de mudanças surge na banda, segue-se uma coletânea e em 86 eles lançam novo trabalho na praça, trata-se de "Power". Um álbum totalmente voltado para o Hard Rock, inluência de Steve Morse que estreiava na guitarra.<br />A banda permaneceu um tempo longe da mídia, mas retornou com força total em 1995 com o álbum "FreaksofNature", este disco mostrou um outro lado mais pesado da banda, que contava com mais um violinista : David Ragsdale.<br />
  5. 5. Continuação ...<br />Depois veio o disco "AlwaysNevertheSame" junto de "TheLondonShymphonyOrchestra", o que não causou impacto. Após o lançamento de vários caça níqueis (Remasterizacões, ao vivo, Coletâneas) a formação original se junta novamente e grava "Somewhere to Elsewhere", onde mostram o porque de o Kansas ser tão conceituada em termos de rock progressivo.<br />
  6. 6. Sua história em épocas<br />1970-1974: Seu inicio e modificações na banda.<br />Dave Hope ,Phil Ehart e Kerry Livgren formaram o Kansas em 1970 em sua cidade natal Topeka, junto com o vocalista Lynn Meredith, o tecladista Don Montre, o tecladista Dan Wright e o saxofonista Larry Baker. Essa formação durou até 1971, quando Ehart deixou a banda para morar na Inglaterra, sendo substituído por ZekeLowe e posteriormente Brad Schulz. Hope foi substituído por Rod Mikinski, e Baker foi substituído por John Bolton, que além de saxofonista era flautista.<br />Nesse meio tempo Ehart e Hope montam a banda White Clover com RobbySteinhardt (violino e vocal), Steve Walsh (teclado e vocal) e Rich Williams (guitarra). Eles mudaram seu nome para Kansas quando recrutaram Livgren do outro grupo Kansas, que havia terminado.<br />1974-1979: Sucesso Gradual <br />O primeiro álbum Kansas foi lançado em 1974, e mostrou um misto de guitarra, teclados, vocais e violinos em estilo boogie-rock, dotado de arranjos complexos e mudanças de tempo.<br />Com o sucesso do hit CarryOnWaywardSon, o quarto álbum da banda Leftoverture (1976) teve bastante sucesso comercial. O álbum seguinte, PointofKnowReturn (1977), continha a faixa Dust in the Wind, que se tornou sucesso ainda maior que o álbum anterior. Ambos os álbuns venderam mais de quatro milhões de cópias nos Estados Unidos, e possuem os maiores hits da banda. O álbum de 1979 Monolith, que continha letras influenciadas pelo Livro de Urântia, foi menos popular, apesar de incluir o hit PeopleoftheSouth Wind.<br />
  7. 7. Continuação ...<br />1980-1983: Discussões e contra versas.<br />O Kansas começou a morrer no início dos anos 80. Kerry Livgren se converteu ao cristianismo, o que refletiu-se em suas letras nos próximos três álbuns, começando por Audio-Visions. Dave Hope acabou se convertendo ao cristianismo da mesma maneira, e Walsh considerou que a banda estava se movendo para outra direção. Em 1983 o Kansas se reuniu para gravar novo álbum, mas as mudanças na banda de Audio-Vision estava ressurgindo. RobbySteinhardt não compareceu para gravar o álbum. Kerry Livgren estava segurando seus melhores materiais para a gravação de um segundo álbum solo.<br />Em 1986 a banda voltou às atividades, lançando o álbum Power, junto com o baixista Billy Greer (com quem Walsh já havia trabalhado no Streets), o guitarrista Steve Morse. Para espanto, essa formação não incluia um violinista (apesar de Morse fazer esse papel na execução de Dust in the Wind em apresentações). All I Wanted se tornou o último single do Kansas a chegar as 20 primeiras posições nas paradas. Em 1998 foi lançado o segundo álbum com a mesma formação, In theSpiritofThings, o favorito entre diversos membros da banda mas um fracasso comercial. No final da turnê do mesmo álbum Morse deixou a banda.<br />
  8. 8. Atualmente<br />1986: Reformulação.<br />Em 1990, um promotor musical alemão reuniu os membros originais da banda, com exceção de Steinhardt, para uma turnê pela Europa. Green se reuniu com a banda, junto como tecladista Greg Robert, que já participava das turnês da banda desde a época de Morse. No final da turnê Hope deixou novamente a banda. Livgren acabou se mantendo até a turnê de 1991, sendo substituído até o final da turnê novamente por Steve Morse. Essa turnê também contava com a presença de David Ragsdale no violino. <br />Essa formação (Ehart, Greer, Ragsdale, Robert, Walsh e Williams) se manteve até 1997. Nesse período foi lançado um álbum ao vivo, LiveattheWhiskey (1992), e o álbum FreaksoftheNature, um retorno ao período clássico da banda, mas sem sucesso.Em 1997 Robert e Ragsdale deixaram a banda, e RobbySteinhardt retornou. <br />Em 2002, a formação do Kansas anterior ao primeiro álbum lançou o álbum de demos e gravações ao vivo de 1971-1973. Por questões legais e por não quererem usar o nome da formação de sucesso para promover o novo material, decidiram usar o nome Proto-Kaw. O grupo acabou lançando outro álbum em 2004, BeforeBecameAfter, e um terceiro em 2006, TheWaitofGlory.<br />

×