Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Apsa1

382 views

Published on

Apsa 1

Published in: Science
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Apsa1

  1. 1. Apsa nº 1 1 - Considere os átomos representados a seguir cujas letras A, B, C, D e E não são os símbolos químicos dos elementos. 12 6 A 14 7 B 13 6 C 23 11 D 14 6 E Indique: 1.1 - Os átomos que são isótopos. Justifique. 1.2 - Os átomos que se representam pelo mesmo símbolo químico. 1.3 - Os átomos que têm o mesmo número de neutrões. 1.4 - Os átomos que têm o mesmo número de nucleões. 2 - Considere os átomos representados a seguir cujas letras A, B, C, D e E não são os símbolos químicos dos elementos. 14 7 A 20 10 B 12 6 C 40 20 D 13 7 E 24 12 F 2.1 - Indique, justificando: 2.1.1 - A quantos elementos químicos distintos pertencem os átomos representados. 2.1.2 - Dois átomos que tenham o mesmo número de neutrões. 2.1.3 - Dois isótopos. 2.2 - Indique a constituição do átomo A. 2.3 - Represente simbolicamente os iões que tiveram origem no átomo do elemento: 2.3.1 - E, quando ganha três electrões 2.3.2 - D, quando perde dois electrões 3 - Considere as seguintes representações de unidades estruturais: Mg2+ O2 NH3 NO3 − 3Na 4H2SO4 4P4 H3O+ PO4 3− Ca 5Be 3.1 - Indique as que são: 3.1.1 – átomos 3.1.2 – moléculas 3.1.3 – iões 3.2 - Faça corresponder a cada uma das afirmações seguintes uma das representações anteriormente mencionadas: A - Uma molécula de oxigénio. B - Quatro moléculas de uma substância elementar. C - Um ião monopositivo. D - Cinco átomos de berílio. E - Quatro moléculas de uma substância composta. F - Um ião trinegativo. G - Unidade estrutural formada por 3 átomos de hidrogénio e um átomo de azoto. Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva ESCOLA SECUNDÁRIA 3EB Dr Jorge Correia – TAVIRA Ano lectivo 2011/2012 – Química A – 10º ano
  2. 2. 4 - Calcule a massa atómica relativa de um elemento X, sabendo que este elemento apresenta três isótopos X-32, X-33 e X-34, e que a sua abundância é, respectivamente, 95%, 0,8% e 4,2%. 5 - Adicionou-se uma colher de café de açúcar (sacarose) a um copo cheio com água da torneira e mexeu-se a mistura até dissolver o açúcar. 5.1 - Indique qual a fase dispersa (soluto) e a fase dispersante (solvente). 5.2 - Supondo que uma colher de café de açúcar contém 5g de sacarose e que o copo usado para fazer a mistura tinha 2,5 dl de capacidade, calcule a concentração mássica da sacarose. Indique o significado do valor encontrado. Como procederia para tornar a solução menos concentrada? 6. Dissolveram-se 5,0g de cloreto de sódio em 100cm3 de água. Calcule a concentração mássica de cloreto de sódio na solução obtida em g/dm3 . 7. Uma solução aquosa de hidróxido de potássio contém 9,22 g de soluto por 100 cm3 de solução. A sua concentração mássica é de __(a)__ g/dm3 ou ___(b)___ kg/m3 . Substituía as letras (a) e (b), respectivamente, pelos valores numéricos correctos seleccionando uma das seguintes opções: (A) 92,2 e 92,2 (B) 0,0922 e 92,2 (C) 92,2 e 0,0922 (D) 10,8 e 10,8 8 Preparou-se 140 cm3 de uma solução de cloreto de sódio de concentração mássica igual a 115,0 g/dm3. Calcule a massa de cloreto de sódio que se usou nesta preparação. 9 A água do mar tem na sua composição as seguintes substâncias: Cl − ião cloreto Na+ ião sódio ião sulfato Mg2+ ião magnésio Ca2+ ião cálcio Br− ião brometo Indique o nome e a fórmula química dos sais que o resíduo seco da água do mar pode conter. Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva
  3. 3. Apsa nº 1 Resolução 1 - 12 6 A 14 7 B 13 6 C 23 11 D 14 6 E 1.1 - São isótopos: 12 6 A 13 6 C e 14 6 E porque possuem o mesmo nº atómico (6) e diferente nº de massa 1.2 – Representam-se pelo mesmo símbolo químico 12 6 A 12 6 C e 12 6 E porque têm o mesmo nº atómico que é o que caracteriza cada elemento. 1.3 - Mesmo número de neutrões: 14 7 B (nº neutrões = 14 – 7 = 7) e 13 6 C(nº neutrões = 13 – 6 = 7) ambos têm 7 neutrões. 1.4 - Mesmo número de nucleões: 14 7 B e 12 6 E , nº de nucleões = nº massa 2 - 14 7 A 20 10 B 12 6 C 40 20 D 13 7 E 24 12 F 2.1.1 – Há 5 elementos químicos distintos porque A e E representam o mesmo elemento com nº atómico 7. 2.1.2 - Mesmo número de neutrões 12 6 C (nº neutrões = 12 – 6 = 6) e 13 7 E (nº neutrões = 13 – 7 = 6) 2.1.3 – Isótopos: 14 7 A e 13 7 E têm igual nº atómico e diferente nº de neutrões (diferente nº massa) 2.2 - Átomo 14 7 A: 7 protões; 7 electrões e 7 neutrões 2.3.1 - E, quando ganha três electrões 13 7 E 3− ou simplesmente E 3− 2.3.2 - D, quando perde dois electrões 40 20 D 2+ ou simplesmente D 2+ 3 - Unidades estruturais: Mg2+ O2 NH3 NO3 − 3Na 4H2SO4 4P4 H3O+ PO4 3− Ca 5Be 3.1.1 – átomos: 3Na, Ca e 5Be 3.1.2 – moléculas: O2, NH3 ,4P4 e 4H2SO4 3.1.3 – iões: Mg2+ , NO3 − , H3O+ e PO4 3− 3.2 - A - Uma molécula de oxigénio. O2 B - Quatro moléculas de uma substância elementar. 4P4 C - Um ião monopositivo. H3O+ D - Cinco átomos de berílio. 5Be E - Quatro moléculas de uma substância composta. 4H2SO4 F - Um ião trinegativo. PO4 3− G - Unidade estrutural formada por 3 átomos de hidrogénio e um átomo de azoto. NH3 4 - A massa atómica relativa de um elemento X,é calculada através da média ponderada da massa Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva
  4. 4. relativa de cada isótopo. Três isótopos X-32 95%, X-33 0,8% e X-34 4,2%. Média ponderada = massa (X-32) x % (X-32) + massa (X-33) x % (X-33) + massa (X-34) x % (X-34) 100 Massa atómica (X) = 32 x 95 + 33 x 0,8 + 34 x 4,2 Massa atómica (X) = 32,09 100 5.1 - A fase dispersa (soluto) é o açúcar e a fase dispersante (solvente) é a água. 5.2 - m = 5 g Cm = m Cm = 5 g Cm = 2 g / dl V 2,5 dl V = 2,5 dl Cm = 2 g / dl significa que em cada dl de água estão dissolvidos 2 g de açúcar Para tornar a solução menos concentrada adiciona-se água (solvente) 6. Dissolveram-se 5,0g de cloreto de sódio em 100 cm3 de água. Calcule a concentração mássica de cloreto de sódio na solução obtida em g/dm3 . m = 5,0g cloreto de sódio Cm = m Cm = 5,0 g Cm = 50 g/ dm3 V 0,100 dm3 V =100cm3 = 0,100 dm3 7. Uma solução aquosa de hidróxido de potássio contém 9,22 g de soluto por 100 cm3 de solução. A sua concentração mássica é de 92,2 g/dm3 ou 92,2 kg/m3 . Opção (A) Cálculos: Resultado em g/dm3 significa massa em g e volume em dm3 . m = 9,22 g Cm = m Cm = 9,22 g Cm = 92,2 g / dm3 V 0,100 dm3 V = 100 cm3 = 0,100 dm3 Resultado em kg/m3 significa massa em Kg e volume em m3 . m = 9,22 g = 0,00922 Kg Cm = m Cm = 9,22 g Cm = 92,2 g / dm3 V 0,000100 dm3 V = 100 cm3 = 0,000100 m3 8 Preparou-se 140 cm3 de uma solução de cloreto de sódio de concentração mássica igual a Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva
  5. 5. 115,0 g/dm3. Calcule a massa de cloreto de sódio que se usou nesta preparação. Cm = 115,0 g/dm3 V = 140 cm3 = 0,140 dm3 m = 115,0 g/dm3 x 0,140 dm3 m = 16,1 g m = ? 9 A água do mar tem na sua composição as seguintes substâncias: Cl − ião cloreto Na+ ião sódio ião sulfato Mg2+ ião magnésio Ca2+ ião cálcio Br− ião brometo Indique o nome e a fórmula química dos sais que o resíduo seco da água do mar pode conter. A água do mar pode conter todos os sais possíveis das combinações entre estes iões positivos (catiões) com iões negativos (aniões) Possibilidades: Cl − ião cloreto NaCl cloreto de sódio Na+ ião sódio ião sulfato Na2SO4 sulfato de sódio Br − ião brometo NaBr brometo de sódio Cl − ião cloreto MgCl2 cloreto de magnésio Mg 2+ ião magnésio ião sulfato MgSO4sulfato de magnésio Br − ião brometo NaBr2 brometo de magnésio Cl − ião cloreto CaCl2 cloreto de cálcio Ca2+ ião cálcio ião sulfato CaSO4 sulfato de cálcio Br − ião brometo CaBr2 brometo de cálcio Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva
  6. 6. 115,0 g/dm3. Calcule a massa de cloreto de sódio que se usou nesta preparação. Cm = 115,0 g/dm3 V = 140 cm3 = 0,140 dm3 m = 115,0 g/dm3 x 0,140 dm3 m = 16,1 g m = ? 9 A água do mar tem na sua composição as seguintes substâncias: Cl − ião cloreto Na+ ião sódio ião sulfato Mg2+ ião magnésio Ca2+ ião cálcio Br− ião brometo Indique o nome e a fórmula química dos sais que o resíduo seco da água do mar pode conter. A água do mar pode conter todos os sais possíveis das combinações entre estes iões positivos (catiões) com iões negativos (aniões) Possibilidades: Cl − ião cloreto NaCl cloreto de sódio Na+ ião sódio ião sulfato Na2SO4 sulfato de sódio Br − ião brometo NaBr brometo de sódio Cl − ião cloreto MgCl2 cloreto de magnésio Mg 2+ ião magnésio ião sulfato MgSO4sulfato de magnésio Br − ião brometo NaBr2 brometo de magnésio Cl − ião cloreto CaCl2 cloreto de cálcio Ca2+ ião cálcio ião sulfato CaSO4 sulfato de cálcio Br − ião brometo CaBr2 brometo de cálcio Física e Química A 10º ano 2011 / 2012 Anabela Silva

×