2 ano reino animalia (plat...e nema...)

2,807 views

Published on

Published in: Education
1 Comment
1 Like
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
2,807
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
455
Actions
Shares
0
Downloads
68
Comments
1
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

2 ano reino animalia (plat...e nema...)

  1. 1. REINO ANIMALIA: GRUPO: INVERTEBRADOS FILO: PLATELMINTOS by Prof. Lenoir 2011
  2. 2. Características Gerais: <ul><li>Há mais de 3 mil espécies de platelmintos; </li></ul><ul><li>É parasita de animais VERTEBRADOS e INVERTEBRADOS; </li></ul><ul><li>São vermes de corpo achatado; </li></ul><ul><li>São os primeiros seres a possuírem simetria bilateral. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  3. 3. Os mais conhecidos: <ul><li>Planárias ► Vida Livre; </li></ul><ul><li>Esquistossomo ► habitam veias do fígado e outros órgãos abdominais; </li></ul><ul><li>Solitárias ou tênias ► cavidade intestinal. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  4. 4. Classe: Turbellaria <ul><li>Conhecidos popularmente como Planárias; </li></ul><ul><li>Podem ser aquáticas ou terrestres; </li></ul><ul><li>Medem de 1 a 2 cm de comprimento, podem ser encontradas em córregos ou lagoas de água limpa, troncos caídos, folhas, rochas no interior da mata úmida. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  5. 5. PLANÁRIAS by Prof. Lenoir 2011
  6. 6. by Prof. Lenoir 2011
  7. 7. Reprodução Sexuada: <ul><li>São seres hermafroditas, mas a reprodução é geralmente cruzada; </li></ul><ul><li>Dois animais entram em contato pelos poros genitais, trocando os gametas. </li></ul><ul><li>A fecundação é interna, e após a formação dos ovos, são liberados no ambiente. </li></ul><ul><li>Seu desenvolvimento é direto, sem larvas. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  8. 8. by Prof. Lenoir 2011
  9. 9. by Prof. Lenoir 2011
  10. 10. Poder de Regeneração by Prof. Lenoir 2011
  11. 11. Olhos ?????? O que parece ser olhos, essas duas estruturas são chamadas de OCELOS, que são sensíveis a luz, mas NÃO formam imagens. by Prof. Lenoir 2011
  12. 12. by Prof. Lenoir 2011
  13. 13. Classe : Trematoda <ul><li>O mais conhecido é Schistosoma mansoni causador da esquistossomose popularmente conhecida com “barriga d’água”; </li></ul><ul><li>Provocam hemorragia e inflamações no fígado, intestino e outros órgãos. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  14. 14. Ciclo: 1 <ul><li>O homem é hospedeiro definitivo; </li></ul><ul><li>Fêmea fecundada libera ovos nas fezes; </li></ul><ul><li>Ovos eclodem ► liberam o MIRACÍDIO </li></ul><ul><li>As larvas procuram o caramujo ( intermediário) </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  15. 15. Ciclo: 2 <ul><li>Começa a fase assexuada; </li></ul><ul><li>Novas larvas ► CERCÁRIAS </li></ul><ul><li>Dotadas de cauda Bifurcadas, conseguem penetrar na pele Humana. </li></ul><ul><li>Assim começando um novo ciclo. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  16. 16. ciclo by Prof. Lenoir 2011
  17. 17. by Prof. Lenoir 2011
  18. 18. by Prof. Lenoir 2011
  19. 19. by Prof. Lenoir 2011
  20. 20. Classe Cestoda: <ul><li>Vermes endoparasitas; </li></ul><ul><li>O Termo “Tênia” (grego tainia, fita, tira) refere-se a forma do corpo; </li></ul><ul><li>Solitária é devido algumas espécies serem únicos em alguns hospedeiros, que liberam substâncias que não deixam outro verme se hospedar. ( super população) </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  21. 21. Partes de uma Tênia: Escólex by Prof. Lenoir 2011
  22. 22. Partes de uma Tênia: Proglotes <ul><li>É o restante do corpo da Tênia; </li></ul><ul><li>Conforme a Tênia vai crescendo a proglote mais velha vai se distanciando da escólex, e após a sua maturação ela é liberada pelas fezes junto com seus ovos. </li></ul><ul><li>Podem chegar de 3 a 5 metros comprimento. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  23. 23. PROGLOTES by Prof. Lenoir 2011
  24. 24. T. saginata / T. solium by Prof. Lenoir 2011
  25. 25. Tênia Solium <ul><li>Conhecida como tênia – do – porco; </li></ul><ul><li>Ao perfurar o intestino do animal, ela entra na corrente sanguínea, que irá se alojar na musculatura do mesmo. </li></ul><ul><li>E quando sua carne for ingerida, irá transmitir a larva, que transformará adulta e causará a doença Teníase . </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  26. 26. by Prof. Lenoir 2011
  27. 27. Tênia Saginata <ul><li>Conhecida como Tênia – do – boi; </li></ul><ul><li>O ciclo é o mesmo que se aplica ao porco. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  28. 28. by Prof. Lenoir 2011
  29. 29. CICLO: by Prof. Lenoir 2011
  30. 30. <ul><li>Ao consumir carnes de origem Bovinas, Suínas, Peixes, frangos certifique – se que estejam bem assadas, cozidas ou fritas... </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  31. 31. by Prof. Lenoir 2011
  32. 32. REINO ANIMALIA: GRUPO: INVERTEBRADOS FILO: NEMATELMINTOS by Prof. Lenoir 2011
  33. 33. Características Gerais: <ul><li>Possuem sistema digestório completo; </li></ul><ul><li>Possuem uma cutícula de proteção; </li></ul><ul><li>De vida livre e Parasitas, terrestres ou aquáticos; </li></ul><ul><li>Corpo cilíndrico e alongado. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  34. 34. Principais Nematóides parasitas do ser humano <ul><li>Ascaris lumbricoides ► Lombrigas </li></ul><ul><li>Ancylostoma braziliensis ► bicho – geográfico </li></ul><ul><li>Wuchereria bancrofti ► causa elefantíase </li></ul><ul><li>Ancylostoma duodenale ► causa amarelão </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  35. 35. Ascaris lumbricoides ► Lombrigas <ul><li>Vivem no intestino Delgado; </li></ul><ul><li>Provocam reações alérgicas, cólicas, náuseas e oclusão intestinal. </li></ul><ul><li>A fêmea pode por até 200 mil ovos por dia, que são eliminados pelas fezes do hospedeiro. </li></ul><ul><li>Sua reprodução é sexuada. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  36. 36. by Prof. Lenoir 2011
  37. 37. Profilaxia <ul><li>Lavar bem frutas e verduras; </li></ul><ul><li>Não ingerir água sem tratamento; </li></ul><ul><li>Ter hábitos de higiene e instalações sanitárias adequadas. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  38. 38. by Prof. Lenoir 2011
  39. 39. by Prof. Lenoir 2011
  40. 40. by Prof. Lenoir 2011
  41. 41. by Prof. Lenoir 2011
  42. 42. Ancylostoma braziliensis <ul><li>conhecido como “bicho Geográfico”; </li></ul><ul><li>Parasitas do intestino de cães e gatos; </li></ul><ul><li>Entram pela pele Humana, migram por algumas semanas, não completam o ciclo e morrem. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  43. 43. by Prof. Lenoir 2011
  44. 44. by Prof. Lenoir 2011
  45. 45. Wuchereria bancrofti <ul><li>Cerca de 7 cm de comprimento; </li></ul><ul><li>Causador da Filariose, conhecida como Elefantíase; </li></ul><ul><li>Alojam – se nos vasos linfáticos, de diversos órgãos ( bolsa escrotal, pernas, mamas) </li></ul><ul><li>Ocasionam a HIPERTROFIA dos locais afetados. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  46. 46. Transmissão <ul><li>É transmitido pelo mosquito CULEX; </li></ul><ul><li>Após sugar o sangue de uma pessoa infectada, adquire os embriões dos parasitas. </li></ul><ul><li>Depois de alguns estágios tornam-se infectantes. </li></ul>by Prof. Lenoir 2011
  47. 47. by Prof. Lenoir 2011
  48. 48. by Prof. Lenoir 2011
  49. 49. by Prof. Lenoir 2011
  50. 50. by Prof. Lenoir 2011
  51. 51. by Prof. Lenoir 2011
  52. 52. by Prof. Lenoir 2011
  53. 53. Profilaxia: <ul><li>BASICAMENTE A DESTRUIÇÃO DO MOSQUITO TRANMISSOR </li></ul>by Prof. Lenoir 2011

×