Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Fontes de legitimação

271 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Fontes de legitimação

  1. 1. INVESTIGAÇÃO EM SERVIÇO SOCIAL FONTES DE LEGITIMAÇÃO1 – A TEORIA1.1 – A relação entre teoria e factos na construção do conhecimento1.2 – A relação entre teoria e prática1.3 – A quase ausência de uma “cultura de investigação”2 – O OBJECTO2.1 – Os sujeitos2.1.1 - A multiplicidade de actores sociais intervenientes2.1.2 – O papel do interventor social2.2 – A intervenção2.2.1 - A relação entre conhecimento e acção2.2.2 – As características da procura social2.2.3 – Os procedimentos utilizados2.3 – O contexto2.3.1 - A complexidade dos problemas sociais2.3.2 – As políticas sociais3 – A FORMAÇÃO3.1 – A ruptura com o senso comum3.2 – O papel das representações3.3 – O domínio dos procedimentos de pesquisa
  2. 2. RELAÇÃO ENTRE TEORIA E FACTOS TEORIA FACTOS1 – Orienta os objectivos da ciência 1 – Inicia a Teoria • Restringe a amplitude dos • Compete ao investigador explicar factos a serem estudados os factos e suas correlações • Define os principais aspectos de uma investigação2 – Oferece um sistema de conceitos 2 – Reformula e rejeita teorias • Sistema de conceptualização • A teoria deve ajustar-se aos factos • Sistema de classificação dos factos3 - Resume o conhecimento 3 – Redefine e esclarece teorias • Generalizações • Os pormenores e o geral • Inter-relações4 – Prevê factos 4 – Clarifica os conceitos contidos nas • Estabelece uniformidades e teorias generalizações5 – Indica lacunas no conhecimento
  3. 3. “OS OUTROS RAMOS DO SERVIÇO SOCIAL, QUE ESTÃO EM RELAÇÃOCOM O SERVIÇO SOCIAL DE CASOS INDIVIDUAIS, SÃO TRÊS: TÊM POROBJECTO OS SERVIÇOS SOCIAIS COLECTIVOS, AS REFORMAS SOCIAIS EAS INVESTIGAÇÕES SOCIAIS.(...)ENFIM, O SERVIÇO DE INVESTIGAÇÕES SOCIAIS COM A SUA PRECIOSACARGA DE DESCOBERTAS REALIZADAS EM TODOS OS CAMPOS DEACÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL, TEM TAMBÉM COMO TAREFA ACESSÓRIAA DE REUNIR OS FACTOS CONHECIDOS E INTERPRETÁ-LOS PARA USODO SERVIÇO DE REFORMAS SOCIAIS, DOS SERVIÇOS SOCIAISCOLECTIVOS E DO SERVIÇO SOCIAL INDIVIDUALIZADO.(...)NÃO CREIO QUE POSSA DAR UM MELHOR CONSELHO AOS ASSISTENTESDE SERVIÇO FAMILIAR DE CASOS INDIVIDUAL, QUE O DE ESTUDAR EDESENVOLVER A PARTE DA SUA ESFERA DE ACTIVIDADE DEINVESTIGAÇÕES SOCIAIS” Mary Richmond, 1922“ A INVESTIGAÇÃO É A APLICAÇÃO DE PROCEDIMENTOSSISTEMATIZADOS COM O FIM DE DESCREVER, MODIFICAR E AMPLIARCONHECIMENTOS QUE PODEM SER COMUNICADOS E VERIFICADOS” Tripoli, Fellin e Meyer

×