Seminario filosofia medieval

5,599 views

Published on

Seminario filosofia medieval

  1. 1. FILOSOFIA MEDIEVAL SEMINÁRIO APRESENTADO PELOS GRADUANDOS DO 1º SEMESTRE DE PSICOLOGIA Hannah Dantas, Lucas Lopes, Tatiana silva, Roberval dias e Henrique oliveira PARA A DISCIPLINA FILOSOFIA E ÉTICA, ORIENTADA PELO PROFESSOR JEAN FÁBIO
  2. 2. A FILOSOFIA CRISTÃ  Séculos I ao XVI  Filosofia Patrística e Filosofia Escolástica ou Medieval.
  3. 3. Filosofia Patrística  Surge a partir da decadência do Império Romano  Patrística, pois, era pensada pelos “Padres” ou “Pais” da Igreja
  4. 4. Filosofia Patrística  Introdução de conceitos desconhecidos para os gregos  Explicação sobre o Mal  Verdades Naturais e Verdades Sobrenaturais
  5. 5. Filosofia Patrística  Patrística Grega e Patrística latina  Pensadores importantes dessa fase: Santo Justino, Tertuliano e Santo Agostinho
  6. 6. Filosofia Patrística Santo Agostinho  Pai pagão e mãe cristã  Aderiu inicialmente ao Maniqueísmo  Converteu-se ao cristianismo
  7. 7. Filosofia Patrística Santo Agostinho  Principais obras: Cidade de Deus, As confissões e Sobre a Imortalidade da Alma  Solução ideal para os problemas da vida relacionam-se à Deus e à alma
  8. 8. Filosofia Patrística SANTO AGOSTINHO  Certeza da própria existência espiritual  Reinterpretação das obras de Platão para conciliar aos dogmas da Igreja  Nova versão da Teoria das Ideias  “Que a mesma sabedoria divina, por quem foram criadas todas as coisas, conhecia aquelas primeiras , divinas, imutáveis e eternas razões de todas as coisas antes de serem criadas, a Sagrada Escritura dá este testemundo: No príncípio era o Verbo e o Verbo estava junto de Deus, e o Verbo era Deus...” (A cidade de Deus, XI,26)
  9. 9. Filosofia Patrística Santo Agostinho  Caminho para se conhecer a Deus passa pela nossa alma  Nega a realidade metafísica do Mal  Mal moral provém do homem, através do Pecado Original
  10. 10. FILOSOFIA ESCOLÁSTICA  Igreja Romana dominava a Europa  Surgimento da Teologia  Busca de provas racionais da existência de Deus  Método das Disputas
  11. 11. Filosofia Escolástica SANTO TOMÁS DE AQUINO  Italiano, nascido em Aquino  Tornou-se Dominicano contra a vontade dos pais  Após o término dos estudos dedicou-se à Suma Teológica
  12. 12. FILOSOFIA ESCOLÁSTICA SANTO TOMÁS DE AQUINO  Integração entre o Aristotelismo e o Cristianismo  Encontrou forte oposição dos agostinianos
  13. 13. FILOSOFIA ESCOLÁSTICA SANTO TOMÁS DE AQUINO  Distingue fé e religião, mas não as separa  Só se conhece a verdade quando se conhece o ser  Concepção Hilemórfica
  14. 14. FILOSOFIA ESCOLÁSTICA AS CINCO VIAS – SANTO TOMÁS DE AQUINO  Movimento  Causa Eficiente  Possível e Necessário  Graus das coisas  Governo das Coisas
  15. 15. As verdades da razão natural não contradizem as verdades da Fé Cristã “Do exposto se infere o seguinte: quaisquer que sejam os argumentos que se aleguem contra a fé cristã, não procedem retamente dos primeiros princípios inatos à natureza e conhecidos por si mesmos. Por conseguinte, não possuem valor demonstrativo, não passando de razões de probabilidade sofismáticas. E não é difícil refutá-los.” (Santo Tomás de Aquino ,Súmula contra os gentios, Os pensadores, São Paulo. Abril Cultural, 1973, p. 70.)

×