Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Domingo 01/02/2014 - Apresentação do Senhor

561 views

Published on

Equipe da livraria de Gustavo Scheffer
E - mail: livrariadegustavoscheffer@hotmail.com

Published in: Design
  • Be the first to comment

Domingo 01/02/2014 - Apresentação do Senhor

  1. 1. APRESENTAÇÃO DO SENHOR Luz das Nações e glória do seu Povo Dia de oração pelas vocações e da partilha
  2. 2. Tua família reunida; vem hoje pedir-te Senhor. A paz que nos vem de tua vida; e é fruto do teu amor.
  3. 3. 1. Quando o ódio, a vingança, o rancor, vierem nos destruir, nós queremos ser em tuas mãos, instrumentos do teu amor.
  4. 4. Tua família reunida; vem hoje pedir-te Senhor. A paz que nos vem de tua vida; e é fruto do teu amor.
  5. 5. 2. Quando a treva que o erro conduz, cegar muitos corações. Nós queremos ser em tuas mãos, instrumentos de tua luz.
  6. 6. Tua família reunida; vem hoje pedir-te Senhor. A paz que nos vem de tua vida; e é fruto do teu amor.
  7. 7. 3. Quando a ofensa e a discórdia, enfim; romperem a união. Nós queremos ser em tuas mãos. Instrumentos do teu perdão.
  8. 8. Tua família reunida; vem hoje pedir-te Senhor. A paz que nos vem de tua vida; e é fruto do teu amor.
  9. 9. RITOS INICIAS
  10. 10. PERDÃO
  11. 11. Tende piedade./ Tende piedade./ Tende piedade de nós, ó Senhor./ Tende piedade./ Tende piedade./ Vosso povo é santo, mas também é pecador.
  12. 12. Vosso coração de Pai,/ sabe perdoar./ Vosso coração de Filho,/ sabe perdoar./ Vosso coração de Deus Consolador,/ sabe perdoar,/ sabe perdoar.
  13. 13. Tende piedade./ Tende piedade./ Tende piedade de nós, ó Senhor./ Tende piedade./ Tende piedade./ Vosso povo é santo, mas também é pecador.
  14. 14. GLÓRIA
  15. 15. Glória, glória! Anjos no céu cantam todos seu amor! E na terra, homens de paz: “Deus merece o louvor!”
  16. 16. 1. Deus e Pai, nos vos louvamos, adoramos, bendizemos, damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos!
  17. 17. Glória, glória! Anjos no céu cantam todos seu amor! E na terra, homens de paz: “Deus merece o louvor!”
  18. 18. 2. Senhor nosso, Jesus Cristo, Unigênito do Pai, vós de Deus Cordeiro Santo, nossas culpas perdoai!
  19. 19. Glória, glória! Anjos no céu cantam todos seu amor! E na terra, homens de paz: “Deus merece o louvor!”
  20. 20. 3. Vós que estais junto do Pai, como nosso Intercessor, acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor!
  21. 21. Glória, glória! Anjos no céu cantam todos seu amor! E na terra, homens de paz: “Deus merece o louvor!”
  22. 22. 4. Vós somente sois o Santo, o Altíssimo, o Senhor, com o Espírito Divino, de Deus Pai no esplendor!
  23. 23. Glória, glória! Anjos no céu cantam todos seu amor! E na terra, homens de paz: “Deus merece o louvor!”
  24. 24. LITURGIA PALAVRA
  25. 25. PRIMEIRA LEITURA (3,1-4).
  26. 26. SALMO (24)
  27. 27. O Rei da glória é o Senhor onipotente!
  28. 28. SEGUNDA LEITURA (HB 2,14-18)
  29. 29. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
  30. 30. Vai falar no Evangelho/ Jesus Cristo, aleluia!/ Sua Palavra é alimento,/ que dá a vida, aleluia!
  31. 31. Glória a Ti, Senhor, toda graça e louvor. (bis)
  32. 32. 2. A mensagem da alegria/ ouviremos, aleluia!/De Deus as maravilhas,/ cantaremos, aleluia!
  33. 33. Glória a Ti, Senhor, toda graça e louvor. (bis)
  34. 34. EVANGELHO (LC 2,22-40)
  35. 35. PROFISSÃO DE FÉ
  36. 36. PRECES: Senhor,socorrei – nos em vossa vontade
  37. 37. OFERTÓRIO
  38. 38. /:De mãos estendidas ofertamos o que de graça recebemos.:/
  39. 39. 1. A natureza tão bela, que é louvor, que é serviço; o sol que ilumina as trevas, transformando-as em luz; o dia que nos traz o pão e a noite que nos dá repouso; ofertamos ao Senhor o louvor da criação.
  40. 40. /:De mãos estendidas ofertamos o que de graça recebemos.:/
  41. 41. 2. Nossa vida toda inteira, ofertamos ao Senhor como prova de amizade, como prova de amor, com o vinho, com o pão, ofertamos ao Senhor nossa vida toda inteira, o louvor da criação.
  42. 42. /:De mãos estendidas ofertamos o que de graça recebemos.:/
  43. 43. ORAÇÃO EUCARÍSTICA III
  44. 44. ORAÇÃO EUCARÍSTICA III O SENHOR ESTEJA CONVOSCO. ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. CORAÇÕES AO ALTO. O NOSSO CORAÇÃO ESTÁ EM DEUS. DEMOS GRAÇAS AO SENHOR, NOSSO DEUS. É NOSSO DEVER E NOSSA SALVAÇÃO.
  45. 45. Senhor Deus do universo, santo, santo é vosso nome! Nós proclamamos vossa glória! Hosana, hosana nas alturas! Hosana a Deus três vezes santo!
  46. 46. E bendito seja aquele que em seu nome veio ao mundo, que em seu nome veio ao mundo. Hosana, hosana nas alturas/ hosana a Deus três vezes santo.
  47. 47. SANTIFICAI E REUNI O VOSSO POVO!
  48. 48. SANTIFICAI NOSSA OFERENDA, Ó SENHOR!
  49. 49. Todas as vezes que comemos deste pão e bebemos deste cálice, anunciamos, Senhor, a vossa morte enquanto esperamos a vossa vinda!
  50. 50. RECEBEI, Ó SENHOR, A NOSSA OFERTA!
  51. 51. FAZEI DE NÓS UM SÓ CORPO E UM SÓ ESPÍRITO!
  52. 52. FAZEI DE NÓS UMA PERFEITA OFERENDA!
  53. 53. LEMBRAIVOS, Ó PAI, DA VOSSA IGREJA!
  54. 54. LEMBRAIVOS, Ó PAI, DOS VOSSOS FILHOS!
  55. 55. A TODOS SACIAI COM VOSSA GLÓRIA!
  56. 56. PAI NOSSO...
  57. 57. ORAÇÃO PELA PAZ
  58. 58. COMUNHÃO
  59. 59. Entre muitos presentes que nos deu, Jesus Cristo deixou a Eucaristia. Foi a forma tão simples que encontrou pra ficar com seu povo noite e dia.
  60. 60. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  61. 61. 2. Celebrando com os seus a despedida, não querendo deixar-nos sós no mundo, transformou-se no pão de nossa vida, num mistério tão rico e tão profundo.
  62. 62. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  63. 63. 3. Como outrora a seu povo no deserto, Deus nos dá o seu Filho por comida. Quem comer deste pão pode estar certo; terá Cristo envolvendo a sua vida.
  64. 64. /:Pelo amor de Jesus e Maria, esta Eucaristia nos faça viver.:/
  65. 65. Se calarem a voz dos profetas, as pedras falarão, se fecharem uns poucos caminhos, mil trilhas
  66. 66. Muito tempo não dura a verdade, nestas margens estreitas demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais.
  67. 67. É Jesus esse pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo, que quer ter voz, ter vez, lugar.
  68. 68. Comungar-se é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar, com a fé e a união, nossos passos um dia vão chegar.
  69. 69. 2. O espírito é vento incessante que nada há de prender, ele sopra até no absurdo que a gente não quer ver.
  70. 70. Muito tempo não dura a verdade, nestas margens estreitas demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais.
  71. 71. É Jesus esse pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo, que quer ter voz, ter vez, lugar.
  72. 72. Comungar-se é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar, com a fé e a união, nossos passos um dia vão chegar.
  73. 73. 3. No banquete da festa de uns poucos, só o rico se sentou, nosso Deus fica ao lado dos pobres colhendo o que sobrou.
  74. 74. Muito tempo não dura a verdade, nestas margens estreitas demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais.
  75. 75. É Jesus esse pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo, que quer ter voz, ter vez, lugar.
  76. 76. Comungar-se é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar, com a fé e a união, nossos passos um dia vão chegar.
  77. 77. 4. O poder tem raízes na areia, o tempo faz cair, a união é a rocha que o povo usou pra construir.
  78. 78. Muito tempo não dura a verdade, nestas margens estreitas demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais.
  79. 79. É Jesus esse pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo, que quer ter voz, ter vez, lugar.
  80. 80. Comungar-se é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar, com a fé e a união, nossos passos um dia vão chegar.
  81. 81. 5. Toda a luta verá o seu dia nascer da escuridão. Ensaiamos a festa e a alegria fazendo comunhão.
  82. 82. Muito tempo não dura a verdade, nestas margens estreitas demais, Deus criou o infinito pra vida ser sempre mais.
  83. 83. É Jesus esse pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo, que quer ter voz, ter vez, lugar.
  84. 84. Comungar-se é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar, com a fé e a união, nossos passos um dia vão chegar.

×