Fischer - Semana da Imagem 2011

533 views

Published on

Slides da apresentação realizada na mesa redonda

Published in: Design
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
533
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
40
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Fischer - Semana da Imagem 2011

  1. 2. GERAL: Observar as características das mídias em relação ao design de interfaces buscando identificar aspectos que refletem as modificações que as interfaces web ou de softwares que operam através da internet sofreram nos últimos 15 anos.
  2. 3. <ul><li>ESPECÍFICOS : </li></ul><ul><li>Desenvolver ou aprimorar categorizações para expressar padrões e tendências que se apresentaram através dos últimos 15 anos no design de interfaces web ou de softwares que operam através da internet em relação ao tensionamento provocado pelas características das mídias. </li></ul><ul><li>2. Compreender como profissionais que desenvolvem soluções de interface para a web ou softwares que operam integrados a Internet se apropriam das características das mídias nos seus processos de projeto. </li></ul>
  3. 4. <ul><li>O material empírico vem sendo obtido através de uma análise retroativa (procurando interfaces de determinados websites e softwares em versões anteriores ou desativados) e progressiva (acompanhando websites e softwares que estão online no período da pesquisa) de caráter exploratório. </li></ul><ul><li>Contribuições teóricas dos estudos de Lev Manovich sobre interfaces culturais e audiovisual. </li></ul><ul><li>Além disso, Jay Bolter e Richard Grusin nas discussões sobre o conceito de remediação, entre outros conceitos ligados ao design de interfaces como arquitetura de informação e usabilidade. </li></ul>
  4. 5. 1994 2010
  5. 6. 2010 1996
  6. 7. 1998 2010
  7. 8. 2001 2010
  8. 9. 2004 2010
  9. 10. 2004 2010
  10. 11. 1999 2001 2003 2005 2006
  11. 12. <ul><li>Estudo de fontes secundárias: publicações acadêmicas da literatura pertinente às áreas da comunicação e do design. </li></ul><ul><li>Literatura específica que identifique as principais características das interfaces web ao longo dos últimos 15 anos aproximadamente. </li></ul><ul><li>Literatura relativa à Interfaces Culturais (MANOVICH) e Remediação (BOLTER;GRUSSIN). </li></ul><ul><li>Iniciamos trabalhando pela categorização de Gilmor (2002) que propõe “ quatro gerações ” em relação ao design de web. </li></ul><ul><li>Agir retroativo de interfaces web e de softwares: trata-se de uma ação de inspiração arqueológica para o resgate de interfaces para o desenvolvimento das categorizações e tendências. </li></ul><ul><li>Agir progressivo no acompanhamento de determinados websites e softwares para captura de suas interfaces no período de 1 ano visando identificar sinalizações de eventuais novas categorizações contemporâneas a execução do projeto. </li></ul><ul><li>Entrevistas de profundidade com profissionais que atuam em processos de projetação de interfaces web ou de softwares. </li></ul>
  12. 13. PRIMEIRA GERAÇÃO: interfaces compostas por texto e gráficos. Esquema de cores monocromático. SEGUNDA GERAÇÃO: surgimento de ícones, imagens bidimensionais e imagens de fundo. Hierarquização da informação (AI). TERCEIRA GERAÇÃO: conteúdo apresentado em forma de multimídia – imagens 3D, sons, vídeos e e-commerce. QUARTA GERAÇÃO: informação livre e totalmente gratuita (internet colaborativa). Obs: a proposta de Quatro Geração vem de GILMOR (2002)
  13. 14. “ A linguagem das interfaces gráficas está ligada a outras formas culturais advindas do impresso, do cinema e das Interfaces Humano-Computador. Nessas formas culturais, há modalidades específicas de organização, estruturando a experiência humana.”(MANOVICH, 2001)
  14. 15. &quot;A REMEDIAÇÃO é um processo que atravessaria todas as mídias, a partir de uma apropriação de técnicas, formas e significado social umas das outras e com isso repropondo-se, remodelando-se (do inglês  refashion)  na busca por construir novas formas de representação .” (BOLTER; GRUSIN, 1999)
  15. 16. O recorte nos resultados parciais resultou no Hotsite da Absolut Rock – uma variação da bebida Absolut Vodka. No Hotsite, encontramos alguns exemplos de Remediação
  16. 17. Remidiação Galeria Flickr
  17. 18. Remidiação telejornais
  18. 19. Remidiação DVD : separar partes do vídeo em capítulos
  19. 20. Hyperlink durante o vídeo – remidiação Youtube
  20. 21. Remidiação botões de player de música
  21. 22. Linha do tempo – remidiação Youtube
  22. 23. BANCO DE DADOS: conjunto de informações, que podem ser arquivados, indexados e resgatados por determinados procedimentos técnicos. MÍDIA: presença de imagens, vídeos, músicas e outras linguagens hipermidiáticas linkados ao banco de dados. AMBIENTE DE RELACIONAMENTO: lugar onde ocorre a interatividade com a interface. Web 2.0 – websites interativos e colaborativos.
  23. 24. Como o mercado que discute interfaces web e softwares baseados na internet entende tendências?
  24. 25. Um levantamento feito em sites especializados em web design nos apontaram tendências. Acompanhamento dos posts do website Webdesign Ledger * * http://webdesignledger.com/
  25. 26. Esquema de cores diferentes Tipografia em negrito Grandes espaços em branco
  26. 27. Imagens explorando a perspectiva
  27. 28. Logos e cabeçalhos aumentaram seu tamanho exageradamente
  28. 29. Layout com profundidade Dar mais importância à Informação que vem na frente
  29. 30. Grandes imagens de plano de fundo
  30. 31. Design de miniatura: seu Site precisa estar pronto para ser fotografado
  31. 32. The Big App Show
  32. 34. GIF está de volta> uma tendência vantajosa?
  33. 35. Mídia + Serviço + Design + S oftware
  34. 36. REFERÊNCIAS <ul><li>BOLTER, Jay David; GRUSIN, Richard. Remediation . Understanding new media. Cambridge, Massachussets e Londres, Inglaterra: Mit Press, 1999. </li></ul><ul><li>MCLUHAN, Marshall. A galáxia de Gutenberg : a formação do homem tipográfico. São Paulo: Nacional, 1977. </li></ul><ul><li>______. Os meios de comunicação como extensões do homem . São Paulo: Cultrix, 1979. </li></ul><ul><li>_______. et al. Guerra e paz na aldeia global . São Paulo: Record, 1971. </li></ul><ul><li>MANOVICH, Lev. Self-interview by Lev Manovich for MIT Press . [s.d.]. Disponível em: <http://www.manovich.net/LNM/Q&A_Manovich.html>. Acesso em: out. 2008. </li></ul><ul><li>______. The language of new media . Londres: The MIT Press, 2001. </li></ul><ul><li>______. Software Takes Command. www,manovich.net. 2008 </li></ul>
  35. 37. <ul><li>As Agências Digitais já foram escolhidas e os profissionais estão sendo contatados para as entrevistas. </li></ul><ul><li>Atualizações das contribuições de Manovich e outros autores a partir do aprofundamento na sua obra e o novo alinhamento dentro do campo da Comunicação e da linha de pesquisa em Audiovisualidades, já que o 1º ano da pesquisa foi dentro do PPG em Design. </li></ul><ul><li>Construção das categorizações a partir da análise das interfaces coletas, dados secundários de bibliografia e referências online e entrevistas com profissionais. </li></ul>

×