Humanizacao das marcas

384 views

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
384
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Humanizacao das marcas

  1. 1. Humanização das Marcas: Relacionamento e Fidelização de Clientes Gabriel Ramalho
  2. 2. Hora de desconstruir• Internet não é a rede mundial de computadores
  3. 3. Hora de desconstruir• Internet não é a rede mundial de computadores;• Discursos verticalizados não têm mais poder de convencimento;
  4. 4. Hora de desconstruir• Internet não é a rede mundial de computadores;• Discursos verticalizados não têm mais poder de convencimento;• RELACIONAMENTO é a alma do negócio;
  5. 5. Hora de desconstruir• Internet não é a rede mundial de computadores;• Discursos verticalizados não têm mais poder de convencimento;• RELACIONAMENTO é a alma do negócio;• Atendimento ao cliente não é apenas uma atividade reativa;
  6. 6. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;
  7. 7. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;• Consulta a Internet antes de tomar decisões;
  8. 8. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;• Consulta a Internet antes de tomar decisões;• Valoriza as opiniões dos amigos, em detrimento dos discursos das marcas;
  9. 9. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;• Consulta a Internet antes de tomar decisões;• Valoriza as opiniões dos amigos, em detrimento dos discursos das marcas;• Tem elevado nível de exigência, em todos os extratos sociais;
  10. 10. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;• Consulta a Internet antes de tomar decisões;• Valoriza as opiniões dos amigos, em detrimento dos discursos das marcas;• Tem elevado nível de exigência, em todos os extratos sociais;• Tem voz, graças à democracia das redes sociais digitais;
  11. 11. O Novo Cliente• Se relaciona e troca experiências de consumo;• Consulta a Internet antes de tomar decisões;• Valoriza as opiniões dos amigos, em detrimento dos discursos das marcas;• Tem elevado nível de exigência, em todos os extratos sociais;• Tem voz, graças à democracia das redes sociais digitais;• Deseja ser reconhecido e surpreendido positivamente.
  12. 12. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;
  13. 13. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;• Integração de canais; não só os de atendimento;
  14. 14. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;• Integração de canais; não só os de atendimento;• Fim da verticalidade; humanizar também é horizontalizar;
  15. 15. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;• Integração de canais; não só os de atendimento;• Fim da verticalidade; humanizar também é horizontalizar;• Inteligência: usando estrategicamente a informação;
  16. 16. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;• Integração de canais; não só os de atendimento.• Fim da verticalidade; humanizar também é horizontalizar;• Inteligência: usando estrategicamente a informação;• Cliente fiel? Cliente leal!
  17. 17. Relacionamento: Algumas observações• Monitorar, interagir, enriquecer, acompanhar, registrar;• Integração de canais; não só os de atendimento.• Fim da verticalidade; humanizar também é horizontalizar;• Inteligência: usando estrategicamente a informação;• Cliente fiel? Cliente leal!• Personalização: o que é humano surpreende.
  18. 18. Obrigado! Gabriel Ramalho gabriel@lemedigital.com.brwww.facebook.com/lemedigital

×