Conflitos no cáucaso

16,560 views

Published on

ti.. versão provisória : )

Published in: Education
0 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
16,560
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
334
Comments
0
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Conflitos no cáucaso

  1. 1. Conflitos Étnico-Nacionalistas e Separatismo Conflitos no CáucasoBruno A, Fernando, Geovane e Tiago 3º Ano EM
  2. 2. O Cáucaso• Região Montanhosa situada entre os mares Negro e Cáspio.• É historicamente um polo de conflitos.• No Cáucaso convivem cerca de 50 etnias com histórias e culturas próprias.• Ponto equidistante entre Europa e Ásia, é também o limite entre as religiões Cristã e Islâmica.
  3. 3. • Parte russa do Cáucaso: composta por repúblicas sem ligação entre si ou identidade com a Federação Russa.• Rússia luta para manter controle sobre elas, devido a: – Grandes reservas de petróleo da região; – Posição estratégica no contexto geopolítico; – Principal ligação russa ao mar Cáspio; – Controle de vales férteis.
  4. 4. As Guerras da Chechênia• A Chechênia foi incorporada ao Império Russo no séc. XIX e sua população, na maioria muçulmana, foi perseguida durante o regime soviético.• Constituição de uma república e declaração de independência, com o fim da URSS, em 1991.• Rússia tenta retomar o controle me 1994, reagindo com violência aos separatistas: foi a primeira Guerra da Chechênia.
  5. 5. • Russos conquistam a capital Grózny e reforçam as atividades militares na região.• Assinatura de um tratado de paz que apenas adiou a decisão da situação . Guerrilheiro checheno próximo ao Palácio Presidencial de Grózny.
  6. 6. • Em 1999, os rebeldes retomam os combates e realizam atentados terroristas em Moscou e outras cidades russas.• Invasão do Daguestão, com o intuito de formar um Estado Islâmico independente na região.
  7. 7. • Deflagração da segunda Guerra da Chechênia. Ofensiva militar reduziu a cidade de Grózny a escombros.• Russos assumem o controle em 2000 e fazem alianças com alguns líderes chechenos, dissolvendo o movimento.
  8. 8. • Conflitos causaram mais de 50 mil vítimas.• Chechênia declarada “zona livre de terrorismo” em 2009, pelo Comitê Nacional Antiterrorista da Rússia.• Em 2010, entretanto, um antigo separatista checheno declarou-se responsável por organizar ataques suicidas no metrô de Moscou.
  9. 9. A Separação da Ossétia do Sul e da Abkházia• Outro movimento separatista ocorrido com o colapso da URSS.• Ossétia do Sul situa-se na Geórgia, mas compartilha raízes étnicas e culturais com a Ossétia do Norte, na Rússia.• Guerra separatista em 1990.• Abkházia, também situada na Geórgia, tentou separar-se em 1992, provocando uma guerra civil.
  10. 10. • Eleição de um presidente da Geórgia com forte política pró-ocidente, em 2004, aproximou o governo russo de ambos movimentos separatistas.• Em 2008 o governo da Geórgia usa a violência para acabar com os movimentos separatistas, com apoio do ocidente. Rússia desloca tanques e aviões, expulsando as tropas georgianas e avançando rumo a Tbilisi, capital da Geórgia.
  11. 11. • Ossétia do Sul e Abkházia conquistam a independência.
  12. 12. • Nos conflitos envolvendo a Ossétia do Sul e a Abkházia, a Rússia deixou claro que está disposta a usar força militar para defender seus interesses no Cáucaso. Seus interesses e presença deverão permanecer na região por um bom tempo.

×