Palestra fundamentos para excelencia da gestão

3,788 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
3,788
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
71
Actions
Shares
0
Downloads
87
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Palestra fundamentos para excelencia da gestão

  1. 1. FUNDAMENTOS PARA AEXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE “Key concepts of management excellence” excellence” Palestrante: Riberto de Barros Araújo Vitória/ES
  2. 2. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Apresentação – Riberto Araújo Engenheiro Mecânico (PUC-MG), Certified (PUC-Quality Engineer (ASQ-USA), Mestre em (ASQ-Administração Empresarial (FGV-RJ), (FGV-Especialização em Corporate Management(AOTS – Japão); Ex-Professor do Curso de Engenharia da Ex-PUC-PUC-MG; do Curso de Administração da FDV ede Pós da Faculdade Salesiano; Consultor em Gestão Pública e Empresarial eDiretor da Primus Inter Pares Soluções emGestão, Vila Velha – ES. DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  3. 3. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE ESTAR BEM EM GESTÃO NÃO SIGNIFICA TER EXCELÊNCIA NA GESTÃOEXCELÊNCIA: “Situação excepcional da gestão e dosresultados obtidos pela organização, alcançada pormeio da prática continuada dos fundamentos domodelo sistêmico”.Fonte: Glossário dos Critérios de Excelência da FNQ DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  4. 4. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE 1. Histórico 2. Para que servem os Critérios de Excelência 3. Fundamentos da ExcelênciaSUMÁRIO 4. Modelo Brasileiro 5. Critérios de Excelência 6. Benefícios da Utilização – O que o PNQ agrega às Organizações 7. Como a Primvs trabalha com os Critérios de Excelência do PNQ DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  5. 5. Origem dos Critérios de ExcelênciaEstudo do NIST no final da década de 80: O que as Princípios comuns:melhores empresas têm em Fundamentos comum ? Resulta dos Modelos Estrangeiros e Internacionais ( 460 ) PNQ 2001 - 2002 Modelo para avaliar a aplicação dos fundamentos, PNQ 1992-2000 visando conceder Estrutura d os Critérios o prêmio MBNQA às empresas E str atég ias e planos de ação 2 Pla ne jam ento estraté gico 5 Gestão de p es soas “world class” americanas 1 7 R e su ltados Lide ran ça da 3 6 organi zaç ão Foco no clien te e n o Gestão de m ercad o proce ss os PNQ 2003 - 2009 4 In formação e a nális e MAX C om pu Consult
  6. 6. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE  Grupo de Estudos (1989 - 1991): profissionais de manufaturas, de serviços, de consultoria, do meio acadêmico, etc;HISTÓRICO DA FNQ  Dedicação voluntária por mais de dois anos à criação da premiação;  Diversas modalidades de premiação brasileiras e estrangeiras foram estudadas;  Prêmios Deming (Japão) e Malcolm Baldrige (EUA) tiveram destaque na criação;  Preparação de uma proposta e apresentação ao Comitê Nacional de Qualidade e Produtividade do PBQP;  FNQ foi Instituída em 11 de outubro de 1991, com contribuições de 39 empresas; Fonte: FNQ – Fundação Nacional da Qualidade DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  7. 7. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Além do PNQ, existe a premiação dos Primeiros Passos (PP) para aCATEGORIAS DE PREMIAÇÃO Excelência, que distribui 500 pontos. Os PP são utilizados nas avaliações estaduais e setoriais: Bahia, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Distrito Federal, Rio Grande do Sul, Gestão em Saúde, Transporte Público, Saneamento, ABRADEE, etc. DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  8. 8. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Utilizando os Critérios de Excelência (CE) comoPARA QUE SERVEM OS CE referência, uma organização pode (1) Construir seu modelo de gestão, (2) Realizar Auto-avaliação e/ou (3) Se candidatar a Prêmios como o Nacional da Qualidade.  Os Critérios de Excelência do Prêmio Nacional da Qualidade constituem um modelo sistêmico de gestão, que refletem o “estado da arte”, adotado por inúmeras organizações de Classe Mundial.  São construídos sobre uma base de fundamentos essenciais à obtenção da excelência do desempenho. DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  9. 9. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Revisão Fundamentos PNQPARA QUE SERVEM OS CE Fundamentos Fundamentos dos CE do PNQ da Organização Planos de Ação Requisitos dos Modelo de C. Excelência Gestão DIAGNÓSTICO Pontos RA Fortes & Oportuni- A que distância estamos da dades de Excelência? Melhoria DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  10. 10. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Fundamentos da Excelência – organizações de alto desempenho 1. Visão Sistêmica – Entendimento da relação de interdependência. 2. Aprendizado Organizacional – Por meio da percepção, reflexão, avaliação eFUNDAMENTOS - PNQ compartilhamento de experiências - internalizado como valor cultural. 3. Inovação – Ambiente favorável à criatividade, experimentação e implementação de novas idéias, como diferencial competitivo. 4. Liderança e Constância de Propósitos – Atuação de forma aberta, democrática e inspiradora das pessoas, desenvolvendo a cultura da excelência, das relações de qualidade e da proteção dos interesses dos stakeholders. 5. Orientação por processos e informações – Compreensão das atividades que agreguem valor para as partes interessadas. A tomada de decisão leva em consideração a medição e a análise de desempenho com base nas informações disponíveis e inclui os riscos identificados. 6. Visão de futuro - Compreende os fatores que afetam a organização, seu ecossistema e o ambiente externo no curto e longo prazo, visando a perenização. 7. Geração de valor – Alcance de resultados consistentes pelo aumento do valor tangível e intangível de forma sustentada para todas as partes interessadas. DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  11. 11. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Fundamentos da Excelência – organizações de alto desempenhoFUNDAMENTOS - PNQ 8. Valorização das Pessoas – Relações que criem condições para a realização profissional e humana, maximiza desempenho e compromete com o desenvolvimento e o empreendedorismo. 9. Conhecimento sobre o cliente e o mercado – Visa criação de valor de forma sustentada para o cliente, com geração de competitividade. 10. Desenvolvimento de parcerias – Atividades em conjunto a partir da plena utilização das competências essenciais de cada, com benefícios para ambas as partes. 11. Responsabilidade social – Performance baseada em ética e transparência para com os públicos com os quais se relaciona com foco no desenvolvimento sustentável. DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  12. 12. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE 1.000 pontos (60 pontos)MODELO PNQ (90 pontos) Clientes e mercado 100 pts Econômico-financeiras 100 pts (60 pontos) Pessoas 60 pts Fornecedores 30 pts (110 pontos) (450 pontos) Sociedade 60 pts Processos principais e 100 pts de apoio (110 pontos) (60 pontos) DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  13. 13. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Comparação entre Modelos Internacionais de Premiações 1 1 1 3 1 2 1 1 1 1 1 1 LiderançaMODELO PNQ (100) (150) (150) (60) (120) (85) (150) (90) (120) (100) (140) (120) Estratégias e 2 2 4 1 2 3 2 2 2 2 2 4 Planos (90) (100) (70) (110) (85) (85) (100) (80) (85) (80) (100) (60) 3 3 2 2 3 1 3 4 2 5 5 3 Clientes (60) (100) (115) (100) (85) (120) (100) (110) (85) (140) (120) (110) 4 1.3 7 7 1.2 7 1.2 7 1.2 2 Sociedade (60) (30) (50) (60) (40) (50) (50) (70) (50) (50) Informação e 5 6 5 4 4 4 5 4 4 7 Conhecimento (60) (65) (60) (90) (70) (70) (70) (90) (90) (60) 6 5 3 4 5 5 5 3 5 3 3 5 Pessoas (90) (100) (150) (100) (85) (105) (100) (120) (85) (90) (140) (100) 7 4 5 5 6 6 6 6 6 4 6 Processos (90) (100) (125) (110) (85) (135) (100) (110) (85) (100) (100) 8 6 8 8 7 8 7 8 7 6a9 6a9 8 Resultados (450) (450) (275) (400) (450) (350) (380) (350) (400) (400) (400) (400) DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  14. 14. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE DIAGRAMA DE GESTÃO D Práticas de GestãoP Execução Verificação Definição D das Práticas Ciclo de C e Padrões Controle Comparação Ação com Padrão A Ciclo de Aprendizado Inovação/ C Avaliação Melhoria A DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  15. 15. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE PNQ e a Qualidade TotalBENEFÍCIOS - O QUE O PNQ AGREGA  Décadas de 50 e 60: Base teórica da Qualidade Total (Deming, Juran e Feigenbaum)  Décadas de 50 a 70: Popularização dos conceitos de TQC no Japão (JUSE)  1951: Criação do Prêmio Deming  Décadas de 80 e 90: “Ocidentalização” do TQC no estilo Japonês  1987: Publicação da série de normas ISO 9000  1987: Criação do Prêmio Malcolm Baldrige (PNQ) “Régua” PNQ → 1.000 pontos Funda- E  Década de 90: Disseminação do TQC no Brasil mentos da X Excelência  1992: Criação do PNQ C Responsabilidade Social (SA 8000) E  Década atual: interface QT-Estratégia L Segurança e Saúde Ocupacional (OHSAS 18000) Ê N Gestão Ambiental (ISO 14000) C I Gestão da Qualidade (ISO 9000) A 5 Sensos (5S) Legislação e Normas DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  16. 16. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE Data SIGA CRMFundamentos dos Plano CE do PNQ Ware Fundamentos da Organização Sistema Supply PNQ: Avaliação da Excelência house Chain Empre- ERP do Modelo de Gestão sarial Planos de Ação GestãoRequisitos dos C. Excelência Riscos Modelo de Gestão 6 OHSAS Sigma SériePesquisa Clima DIAGNÓSTICO ISO Pontos Fortes & Estruturação do Modelo de Gestão Oportuni- A que distância estamos da RA PCP dades de excelência? Melhoria TQC GRD GPD BSC GP Estas práticas são TQM suficientes? Algo está sobrando? Existe duplicidade? Como avaliar o Modelo visando agregação de valor para a empresa? Como este modelo se compara com os outros? DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  17. 17. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTEA PRIMVS E O PNQ 1. Esquemático do Produto 2. Formas de Atuação 3. O que já foi feito DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  18. 18. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE AVALIAÇÃO SISTÊMICA Etapa Produtos ENTENDIMENTO DOS AVALIAÇÃO SEGUNDO OS REQUISITOS PARA CRITÉRIOS DE EXCELÊNCIA DO EXCELÊNCIA DOPRÊMIO NACIONAL DA QUALIDADE DESEMPENHO IDENTIFICAÇÃO DAS OPORTUNIDADES DE APLICAÇÃO: MELHORIAS Avaliar o Sistema de Gestão IDENTIFICAÇÃO DOS das Organizações, segundo PONTOS FORTES os Critérios de Excelência VISUALIZAÇÃO SISTÊMICA da FNQ, com o objetivo de ATRAVÉS DO GRÁFICO realinhar a estratégia interna RADAR INTEGRAÇÃO DAS (independente de candidatura NECESSIDADES DE TODAS ao Prêmio Nacional). AS PARTES INTERESSADAS RELATÓRIO CONCLUSIVO DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  19. 19. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTEPRODUTO – GRÁFICO RADAR AVALIAÇÃO PNQ Empresa Empresa Pontuação: 573 Mínimo desejado Mínimo desejado 1 - LIDERANÇA Mínimo conhecido de empresas vencedoras TOTAL 2 - ESTRATÉGIAS E PLANOS 63% 57% 68% 60% 8 - RESULTADOS 65% 45% 3 - CLIENTES - 55% 81% 67% 7 - PROCESSOS 4 - SOCIEDADE 55% 75% 5 - INFORMAÇÕES E 6 - PESSOAS CONHECIMENTO DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  20. 20. FUNDAMENTOS PARA A EXCELÊNCIA EM GESTÃO – ESTADO DA ARTE  PREPARAÇÃO PARA A CANDIDATURAFORMAS DE ATUAÇÃO  Auxílio à organização na Elaboração de seu RG e levantamento de evidências objetivas que possam ser necessárias na Etapa III (modalidade não aplicada ainda)  PRÉ-ANÁLISE DE RG  Avaliação de RG de organização que pretende se cadidatar a Prêmio (Cliente: CEMIG – Diretoria de Distribuição e Comercialização)  AUTO-AVALIAÇÃO  Auxílio na elaboração do RG / Planilhas de práticas e resultados e avaliação segundo os CE do PNQ  Pode ser corporativa ou segmentada DIREITOS RESERVADOS À PRIMVS INTER PARES
  21. 21. OBRIGADO ! www.primvs.com.br (27) 3222-8275 3222-primvs@primvs.com.br

×