Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

06 contabilidade (preparar um d.r.e)

2,741 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

06 contabilidade (preparar um d.r.e)

  1. 1. SAIR
  2. 2. Demonstração do Resultado do Exercício SAIR
  3. 3. Demonstração do Resultado do Exercício SAIR
  4. 4. Demonstração do Resultado do Exercício Mesmo os contadores mais organizados enfrentam uma série de questionamentos ao apresentar o balanço aos seus clientes. Eles analisam aqueles valores e perguntam: “Quanto a empresa vendeu?”, “Quanto é seu custo, quais são suas despesas?”, “Quanto rendeu a aplicação deste ou daquele mês?”. É impossível responder tudo isso só com os balanços. Para isso, existe o Demonstrativo de Resultado do Exercício. O DRE, como também é chamado, é o confronto das receitas, custos e resultados do exercício, para obter o resultado líquido do mesmo. SAIR
  5. 5. Demonstração do Resultado do Exercício A lei brasileira prevê que os seguintes itens devem estar na Demonstração do Resultado do Exercício. SAIR
  6. 6. Demonstração do Resultado do Exercício A lei brasileira prevê que os seguintes itens devem estar na Demonstração do Resultado do Exercício. SAIR
  7. 7. Demonstração do Resultado do Exercício A lei brasileira prevê que os seguintes itens devem estar na Demonstração do Resultado do Exercício. SAIR •A receita bruta das vendas e serviços e eventuais deduções (como os impostos); •A receita líquida das vendas e serviços, e, por fim o lucro bruto; •As despesas com as vendas, as despesas financeiras, deduzidas das receitas, as despesas gerais e administrativas, e outras despesas operacionais;
  8. 8. Demonstração do Resultado do Exercício •O lucro ou prejuízo operacional, as outras receitas e as outras despesas; •O resultado do exercício antes do Imposto de Renda e a previsão para tal imposto; •As participações de quaisquer partes e de instituições ou fundos de assistências e previdência de empregados Veja abaixo um tutorial de como calcular o DRE: SAIR
  9. 9. Faturamento Bruto (venda de produtos) SAIR
  10. 10. Faturamento Bruto (venda de produtos) Subtraia: Impostos Industriais (o IPI é o mais comum) SAIR
  11. 11. Faturamento Bruto (venda de produtos) Subtraia: Impostos Industriais (o IPI é o mais comum) Receita Bruta de Vendas Subtraia: Impostos e sobre Mercadorias e Serviços (ISS, ICMS, PIS/COFINS) Descontos incondicionais concedidos Devoluções de Vendas Abatimentos sobre Vendas Some: Reversão dos Impostos SAIR
  12. 12. Faturamento Bruto (venda de produtos) Subtraia: Impostos Industriais (o IPI é o mais comum) Receita Bruta de Vendas Subtraia: Impostos e sobre Mercadorias e Serviços (ISS, ICMS, PIS/COFINS) Descontos incondicionais concedidos Devoluções de Vendas Abatimentos sobre Vendas Some: Reversão dos Impostos Receita Líquida de Vendas Subtraia: Custo dos Produtos Vendidos (inclua frete, seguros e afins) Custo das Mercadorias Vendidas (inclua frete, seguros e afins) Custo dos Serviços Prestados SAIR
  13. 13. Faturamento Bruto (venda de produtos) Lucro Operacional Bruto Subtraia Despesas Comerciais (inclua gastos com publicidade e propaganda, eventuais manutenções, salários de vendedores, despesas com devedores, etc) Despesas Financeiras (como o IOF, variações monetárias passivas, descontos condicionais concedidos, etc) Despesas Gerais e Administrativas (inclua impostos e aluguéis, honorários, depreciações e eventuais manutenções) SAIR
  14. 14. Outras Despesas Operacionais) SAIR
  15. 15. Outras Despesas Operacionais) SAIR
  16. 16. Outras Despesas Operacionais) Some: Receitas financeiras (como as variações monetárias ativas, descontos condicionais obtidos, etc). Outras Receitas Operacionais SAIR
  17. 17. Outras Despesas Operacionais) Some: Receitas financeiras (como as variações monetárias ativas, descontos condicionais obtidos, etc). Outras Receitas Operacionais SAIR
  18. 18. Outras Despesas Operacionais) Lucro ou Prejuízo Operacional Líquido Subtraia: Outras Despesas Não Operacionais (inclua o custo de venda de ativo imobilizado, etc) Some: Outras Receitas Não Operacionais (inclua a receita de venda de ativo imobilizado, etc) SAIR
  19. 19. Outras Despesas Operacionais) Lucro ou Prejuízo Operacional Líquido Subtraia: Outras Despesas Não Operacionais (inclua o custo de venda de ativo imobilizado, etc) Some: Outras Receitas Não Operacionais (inclua a receita de venda de ativo imobilizado, etc) Lucro/prejuízo antes do Imposto de Renda e da contribuição social sobre o lucro líquido Subtraia Despesa com Imposto de Despesa com Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido SAIR Renda
  20. 20. Outras Despesas Operacionais) Lucro ou Prejuízo líquido antes das participações (As participações abaixo precisam ser calculadas obrigatoriamente nesta ordem, isto porque para o cálculo da próxima deve ser abatido o valor da participação anteriormente calculada) SAIR
  21. 21. Outras Despesas Operacionais) Lucro ou Prejuízo líquido antes das participações (As participações abaixo precisam ser calculadas obrigatoriamente nesta ordem, isto porque para o cálculo da próxima deve ser abatido o valor da participação anteriormente calculada) Subtraia: Debêntures (dedutível do Imposto de Renda) Empregados (dedutível do Imposto de Renda) Administradores Partes Beneficiárias Fundos de Assistência e Previdência para Empregados SAIR
  22. 22. Outras Despesas Operacionais) Lucro ou Prejuízo líquido do exercício Se desejar saber qual o lucro ou prejuízo de cada ação, basta dividir o Lucro/Prejuízo Líquido do Exercício pelo total de ações. É um calculo trabalhoso, mas relativamente simples que dá uma visão geral do andamento do negócio, possibilitando análise de gastos e receitas e, portanto, dicas claras de como aumentar o faturamento do negócio. SAIR
  23. 23. FIM da Aula SAIR

×