Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

04 e 05 secretariado (tipos de carta comercial)

7,279 views

Published on

  • Be the first to comment

04 e 05 secretariado (tipos de carta comercial)

  1. 1. Tipos de Carta Comercial
  2. 2. Tipos de Carta Comercial Tipos de Carta Comercial AULA 04
  3. 3. Tipos de Carta Comercial Tipos de Carta Comercial •Carta de reclamação Carta de reclamação Uma carta de reclamação irá quase certamente resultar numa resposta oficial se você abordá-la com uma perspectiva de negócios. Faça com que sua reclamação seja breve, direta e educada. Cortesia compensa, não importa o quanto você esteja irritado na hora em que escrever essa carta. AULA 04
  4. 4. Tipos de Carta Comercial Tipos de Carta Comercial •Carta de reclamação Carta de reclamação - Uma carta de reclamação irá quase certamente resultar numa resposta oficial se você abordá-la com uma perspectiva de negócios. Faça com que sua reclamação seja breve, direta e educada. Cortesia compensa, não importa o quanto você esteja irritado na hora em que escrever essa carta. •Cartas de apresentação Uma carta de apresentação que acompanha um currículo deve se beneficiar de sua brevidade. Você deve usar o mínimo de tempo e palavras para realizar uma tarefa: convencer o leitor a ficar ansioso por ler seu currículo. Mencione o cargo pra o qual você está se candidatando além de um ou dois de seus pontos fortes. AULA 04
  5. 5. Tipos de Carta Comercial •Carta de recomendação Uma carta de recomendação permite que você use algumas palavras bem escolhidas para comunicar a alguém o quanto você valoriza determinada pessoa. Resista à tentação de exagerar, aborde sua recomendação de forma direta que ainda permite transmitir a mensagem. AULA 04
  6. 6. Tipos de Carta Comercial •Carta de recomendação Uma carta de recomendação permite que você use algumas palavras bem escolhidas para comunicar a alguém o quanto você valoriza determinada pessoa. Resista à tentação de exagerar, aborde sua recomendação de forma direta que ainda permite transmitir a mensagem. •Carta de demissão Uma carta de demissão oficial é uma carta comercial que deve ser justa e diplomática. Tenhocuidado para não fechar portas da quais você pode precisar no futuro. Ofereça um motivo válido para sua saída e evite o autoelogio. AULA 04
  7. 7. Tipos de Carta Comercial •Carta de recomendação Uma carta de recomendação permite que você use algumas palavras bem escolhidas para comunicar a alguém o quanto você valoriza determinada pessoa. Resista à tentação de exagerar, aborde sua recomendação de forma direta que ainda permite transmitir a mensagem. •Carta de demissão Uma carta de demissão oficial é uma carta comercial que deve ser justa e diplomática. Tenhocuidado para não fechar portas da quais você pode precisar no futuro. Ofereça um motivo válido para sua saída e evite o autoelogio. •Candidato não contratado Em alguns casos, pode ser que seja necessário que você escreva uma carta comercial que informe a um candidato que ele não foi escolhido para uma vaga. Comece agradecendo pelo tempo dele, cumprimente-o por sua experiência ou educação e explique que ele não era exatamente o que a empresa estava procurando no momento. AULA 04
  8. 8. Tipos de Carta Comercial •ATA É um documento que registra resumidamente e com clareza ocorrências, deliberações, resoluções e decisões de reuniões ou assembléias. Deve ser redigida de maneira que não seja possível qualquer modificação posterior. as AULA 04
  9. 9. Tipos de Carta Comercial •ATA É um documento que registra resumidamente e com clareza ocorrências, deliberações, resoluções e decisões de reuniões ou assembléias. Deve ser redigida de maneira que não seja possível qualquer modificação posterior. as Para que isso deve ser escrita: - sem parágrafos ou alíneas (ocupando todo o espaço da página); - sem abreviaturas de palavras ou expressões; - números por extenso; - sem emendas ou rasuras; - sem uso de corretivo (tipo erro-ex); -com emprego do verbo no tempo pretérito perfeito do indicativo (Exemplo: verbo falar: falou, falaram; verbo discutir: discutiu, discutiram; verbo comentar: comentou, comentaram). -com verbo de elocução para registrar as diferentes opiniões. Quem redige a Ata não põe os participantes da reunião a falar diretamente, mas faz-se intérprete delas, transmitindo ao leitor o que elas (as pessoas) disseram. (Exemplo: Em vez de "Inicialmente, eu Manuel de Araújo, presidente do Centro, determino a sra. vice-presidente, que apresente o calendário que fizemos para que os presentes o conheçam." Deve ser redigida assim: "Inicialmente o sr. Manuel de Araújo solicitou à vice-presidente, sra. Maria de Souza, que apresentasse o calendário elaborado para que os presentes tivessem seu conhecimento.)" - AULA 04
  10. 10. Tipos de Carta Comercial Se o relator (secretário) cometer um erro, deve empregar a partícula retificativa digo, como neste exemplo: "Aos dez dias do mês de dezembro, digo, de janeiro, de dois mil e quatro...". Quando se constatar erro ou omissão depois de lavrada a ata, usa-se em tempo. Exemplo: "Em tempo: Onde se lê senhor janeiro, leia-se fevereiro". AULA 04
  11. 11. Tipos de Carta Comercial Se o relator (secretário) cometer um erro, deve empregar a partícula retificativa digo, como neste exemplo: "Aos dez dias do mês de dezembro, digo, de janeiro, de dois mil e quatro...". Quando se constatar erro ou omissão depois de lavrada a ata, usa-se em tempo. Exemplo: "Em tempo: Onde se lê senhor janeiro, leia-se fevereiro". •Comunicado Comunicado é um texto cativante, inédito, verdadeiro, objetivo e denotativo. Um comunicado representa um antónimo de comunicação já que este não espera obter uma resposta por parte do receptor, enquanto que para haver comunicação têm que pelo menos existir um emissor e um receptor. Os comunicados são escritos para anunciar alguma idéia ou lei (comunicar algo a alguém). AULA 04
  12. 12. Tipos de Carta Comercial Se o relator (secretário) cometer um erro, deve empregar a partícula retificativa digo, como neste exemplo: "Aos dez dias do mês de dezembro, digo, de janeiro, de dois mil e quatro...". Quando se constatar erro ou omissão depois de lavrada a ata, usa-se em tempo. Exemplo: "Em tempo: Onde se lê senhor janeiro, leia-se fevereiro". •Comunicado Comunicado é um texto cativante, inédito, verdadeiro, objetivo e denotativo. Um comunicado representa um antónimo de comunicação já que este não espera obter uma resposta por parte do receptor, enquanto que para haver comunicação têm que pelo menos existir um emissor e um receptor. Os comunicados são escritos para anunciar alguma idéia ou lei (comunicar algo a alguém). •Declaração Em termos gerais, uma declaração é o ato de mostrar claramente, esclarecer, revelar, dar a conhecer ou explicar. É um ato de vontade que pode exteriorizar-se, ou não, em documento. AULA 04
  13. 13. Tipos de Carta Comercial Em certos assuntos e situações contextuais, as declarações podem prescindir desse instrumento que é o documento escrito e ser assumidas verbalmente. Tanto são declarações a asseveração escrita singular ou coletiva em que se emprega, respectivamente, a palavra "declaro" ou "declaramos", como a afirmação oral em público ou diante de testemunhas. Devido ao assunto, à situação ou ao registro, encontramos declarações muito diversas como aquelas que: •Dão uma informação ou um testemunho; • Asseveram ou afirmam claramente; • Confessam um ato ou o explicam; •Participam, comunicam ou denunciam; • Manifestam ou revelam o amor; • Proclamam um ato ou o decretam... AULA 04
  14. 14. Tipos de Carta Comercial •Memorando O memorando representa um gênero textual que se constitui de características específicas. Trata-se de uma comunicação interna que veicula entre as unidades administrativas de empresas e órgãos públicos. AULA 04
  15. 15. Tipos de Carta Comercial •Memorando O memorando representa um gênero textual que se constitui de características específicas. Trata-se de uma comunicação interna que veicula entre as unidades administrativas de empresas e órgãos públicos. •Ofício comercial Um ofício é uma correspondência oficial, enviada normalmente a funcionários ou autoridades públicas. O ofício é o tipo mais comum de correspondência oficial expedido por órgãos públicos, em objeto de serviço. Seu destinatário, no entanto, além de outro órgão público, pode ser também um particular. O conteúdo do ofício é matéria administrativa, mas pode vincular também matéria de caráter social, oriunda do relacionamento da autoridade em virtude de seu cargo ou função. AULA 04
  16. 16. Tipos de Carta Comercial •Memorando O memorando representa um gênero textual que se constitui de características específicas. Trata-se de uma comunicação interna que veicula entre as unidades administrativas de empresas e órgãos públicos. •Ofício comercial Um ofício é uma correspondência oficial, enviada normalmente a funcionários ou autoridades públicas. O ofício é o tipo mais comum de correspondência oficial expedido por órgãos públicos, em objeto de serviço. Seu destinatário, no entanto, além de outro órgão público, pode ser também um particular. O conteúdo do ofício é matéria administrativa, mas pode vincular também matéria de caráter social, oriunda do relacionamento da autoridade em virtude de seu cargo ou função. •Procuração A procuração é um documento legal que transfere a alguém (outorgado) poderes para agir no nome de outra pessoa (outorgante). AULA 04
  17. 17. Tipos de Carta Comercial Logo, quem concede o direito é o outorgante e quem recebe, o outorgado. Quanto à forma, há dois tipos procuração: a pública e a particular. A primeira é lavrada em cartório por um tabelião, em livro próprio, o qual será arquivado. Já a segunda, é lavrada pelo outorgante ou pessoa autorizada, datilografada ou de próprio punho. AULA 04
  18. 18. Tipos de Carta Comercial Logo, quem concede o direito é o outorgante e quem recebe, o outorgado. Quanto à forma, há dois tipos procuração: a pública e a particular. A primeira é lavrada em cartório por um tabelião, em livro próprio, o qual será arquivado. Já a segunda, é lavrada pelo outorgante ou pessoa autorizada, datilografada ou de próprio punho. O outorgado também é chamado Procurador (aquele que representa) e o outorgante de Constituinte (aquele que delega). A procuração precisa ter identificação, profissão das partes, os poderes delegados, a finalidade e o prazo de validade. Abaixo, após o corpo do texto, devem vir expressos local, data e assinatura do outorgante ou constituinte. AULA 04
  19. 19. Tipos de Carta Comercial Logo, quem concede o direito é o outorgante e quem recebe, o outorgado. Quanto à forma, há dois tipos procuração: a pública e a particular. A primeira é lavrada em cartório por um tabelião, em livro próprio, o qual será arquivado. Já a segunda, é lavrada pelo outorgante ou pessoa autorizada, datilografada ou de próprio punho. O outorgado também é chamado Procurador (aquele que representa) e o outorgante de Constituinte (aquele que delega). A procuração precisa ter identificação, profissão das partes, os poderes delegados, a finalidade e o prazo de validade. Abaixo, após o corpo do texto, devem vir expressos local, data e assinatura do outorgante ou constituinte. A procuração é um instrumento formal e legal através do qual uma pessoa autoriza outra a agir em seu nome, ou seja, é uma formalidade jurídica que possibilita a outorga de poderes de uma pessoa (outorgante) à outra (outorgado). Por exemplo, a outorga de poderes para o uso de conta bancária, para a realização de matrícula universitária, para a realização de contratos, para se casar, para participação em assembleias condominiais, etc. É a formalidade mais usada para a realização de mandato (negócio celebrado exatamente quando alguém recebe poderes de outro para realizar atos no interesse deste). AULA 04
  20. 20. Tipos de Carta Comercial •Requerimento Requerimentos são instrumentos utilizados para os mais diferentes tipos de solicitações às autoridades ou órgãos públicos. A seguir, apresentamos um modelo, que pode ser adaptado para os diferentes casos. Nele, podemos observar as seguintes partes: AULA 04
  21. 21. Tipos de Carta Comercial •Requerimento Requerimentos são instrumentos utilizados para os mais diferentes tipos de solicitações às autoridades ou órgãos públicos. A seguir, apresentamos um modelo, que pode ser adaptado para os diferentes casos. Nele, podemos observar as seguintes partes: A AUTORIDADE DESTINATÁRIA (usa-se Excelentíssimo (Exmo.) para Juiz, Promotor, Senadores, Deputados, Vereadores, Presidente da República, Governador, Prefeito e Ministros de Estado; usa-se Ilustríssimo (Ilmo.) para as demais autoridades); NOME E QUALIFICAÇÃO DO REQUERENTE EXPOSIÇÃO E SOLICITAÇÃO PEDIDO DE DEFERIMENTO LOCALIDADE E DATA ASSINATURA AULA 04
  22. 22. Tipos de Carta Comercial Outros modelos de Carta Comercial AULA 04
  23. 23. Tipos de Carta Comercial Outros modelos de Carta Comercial •Declinando de um convite para jantar Declinar de um convite para jantar é um tópico para carta comercial que,s e não for feito com diplomacia, pode resultar numa desvantagem social. Manifeste seu agradecimento pelo convite e mencione que já tem um compromisso para aquela data. Não entre em detalhes sobre o que é esse compromisso. AULA 04
  24. 24. Tipos de Carta Comercial Outros modelos de Carta Comercial •Declinando de um convite para jantar Declinar de um convite para jantar é um tópico para carta comercial que,s e não for feito com diplomacia, pode resultar numa desvantagem social. Manifeste seu agradecimento pelo convite e mencione que já tem um compromisso para aquela data. Não entre em detalhes sobre o que é esse compromisso. •Ao receber um presente É muito educado enviar uma resposta formal para informar a alguém que você recebeu seu presente. Dê um agradecimento personalizado para que a pessoa saiba que você exatamente qual o conteúdo do presente. Se possível, é uma boa ideia fazer um comentário que dê a entender que você já está usando o presente. AULA 04
  25. 25. Tipos de Carta Comercial Outros modelos de Carta Comercial •Declinando de um convite para jantar Declinar de um convite para jantar é um tópico para carta comercial que,s e não for feito com diplomacia, pode resultar numa desvantagem social. Manifeste seu agradecimento pelo convite e mencione que já tem um compromisso para aquela data. Não entre em detalhes sobre o que é esse compromisso. •Ao receber um presente É muito educado enviar uma resposta formal para informar a alguém que você recebeu seu presente. Dê um agradecimento personalizado para que a pessoa saiba que você exatamente qual o conteúdo do presente. Se possível, é uma boa ideia fazer um comentário que dê a entender que você já está usando o presente. •Comunicando um erro Quando enviar uma carta comercial comunicando ao destinatário que um erro foi corrigido, é de bom senso nos negócios incluir uma cópia do erro em questão caso exista documentação disso. Ofereça-se para enviar cópias adicionais de material envolvido no erro caso seja necessário. AULA 04
  26. 26. Tipos de Carta Comercial •Agradecimento pela recomendação para um emprego Uma carta de agradecimento para uma pessoa que o ajudou a conseguir um emprego deve ser profissional e educada. Acima de tudo, evite a tentação de exagerar em seus agradecimentos. Esteja ciente de que suas habilidades também o ajudaram a conseguir o emprego e que ele não foi dado a você por causa de terceiros. AULA 04
  27. 27. Tipos de Carta Comercial •Agradecimento pela recomendação para um emprego Uma carta de agradecimento para uma pessoa que o ajudou a conseguir um emprego deve ser profissional e educada. Acima de tudo, evite a tentação de exagerar em seus agradecimentos. Esteja ciente de que suas habilidades também o ajudaram a conseguir o emprego e que ele não foi dado a você por causa de terceiros. •Pedido de informação Uma carta comercial requisitando informações deve pedir de forma específica e perfeitamente compreensível. Também é uma boa ideia declarar o motivo do pedido de informação. Dê agradecimentos adicionais pela cooperação do destinatário. AULA 04
  28. 28. Tipos de Carta Comercial FIM da Aula AULA 04

×