Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Mulher mundo

5,446 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

Mulher mundo

  1. 1. A MULHER NO MUNDO  Em numerosas regiões do mundo, as mulheres estão presentese agem concretamente em todos os setores da vida – social,económico, cultural, religioso e político.  Enriquecem a compreensão do mundo e ajudam a fazer comque as relações entre as pessoas e os povos se tornem maishonestas e genuínas.  Igualdade autêntica em todos os setores: pagamento equitativopara um trabalho equitativo, proteção às mães que trabalham,justiça nas evoluções profissionais, igual tratamento aos cônjugesem relação aos direitos familiares e o reconhecimento de tudoaquilo que faz parte dos direitos e dos deveres de todos no seio deuma sociedade democrática.
  2. 2. A MULHER OCIDENTAL Revolução Francesa: melhoria das condições de vida e trabalho, participação política, fim da prostituição, acesso à instrução e igualdade de direitos entre os sexos. Revolução Industrial:absorção do trabalho feminino,mas condições insalubres esubmetidas a espancamentos ehumilhações, além de recebersalários até 60% menores que osdos homens. Manifestações operárias:classe feminina conquista mais espaço, provandocompetência e força de trabalho. A cada geração as mulheres ficam mais independentes e estão representadas junto às causas sociais, emitindo opiniões ereivindicando mudanças nos problemas das minorias.
  3. 3. A MULHER AFRICANA Lutou contra a opressão colonial, contra a fome, a miséria, teve que se deslocar de uma terra para outra à procura de sobrevivência e por causa das guerras civis. Luta por direitos iguais e uma sociedade mais justa. Grande número de mulheres évítima de excisão – mutilaçãogenital feminina – violação,apedrejamento, tráfico de mulheres,lapidação, exclusão social,violência familiar e cultural,Direitos Humanos fundamentaisnegados (acesso à instrução,interdição ao direito de voto e depropriedade)... Esperança de caminhar rumo a um futuro de mais Dignidade, Justiça e Paz.
  4. 4. A MULHER MUÇULMANA Ocupa uma posição de inferioridade na sociedade muçulmana. Marcas jurídicas da inferioridade da mulher:  Só pode ter um marido, o homem pode ter quatro mulheres ao mesmo tempo;  Só pode casar com um muçulmano, o homem pode casar com uma mulher de outra religião; Apenas pode pedir o divórcio em casos extremos, ficando a custódia dos filhos para o pai e o testemunho do homem tem o dobro do valor do da mulher; A sua herança é duas vezes inferior à do homem; A maioria vive na reclusão, poucas participam emquestões públicas. Actualmente: crescente liberalização do papel das mulheres fora de casa por influência ocidental.
  5. 5. A MULHER ORIENTAL Apresentada numa condição de subserviência e inferioridade ou como um ser divinal e necessário à existência da humanidade.  Enfrentam o casamento arranjado;  Ao marido era permitido uma poligamia relativa (primeira esposa é a principal e as outras são concubinas);  Ao passar de uma família para outra, viram filhas dos sogros e a eles devem servir;  Infanticídio, praticado por famílias pobres e envolvendo, muitas vezes, meninas indesejáveis. Estética do enfaixamento dos pés, resultado da inevitável busca pela beleza. Inserção da mulher no mundo do trabalho: legislação sobre o número de filhos por casal, evitando a super população; aborto e uso de contraceptivos liberados; proibição de exames indicando o sexo da criança – aborto de meninas, preferência por filhos homens.

×