COMO SE VESTEM OS SANTOS

2,414 views

Published on

Este livro é um tratado de ética sobre vestes e ornamentos para cristãos santos. Os santos de Deus, são pessoas separadas, a palavra santo significa isso mesmo: Separado. De forma que aqueles que querem servir a Deus devem ter um proceder diferente dos homens ímpios. A apresentação exterior de um santo se vislumbra nos seus trajes e ornamentos. A simplicidade, a modéstia são enaltecidas em cada detalhes. Por outro lado o santo de Deus repudia todo tipo de roupa, moda ou ornamento que desperte o apetite sexual. Cristã se veste não para passar na rua e ser considerada “gostosa”, mas inibir os maus caracteres pela pureza, santidade e sobriedade. Infelizmente não dá mais para diferenciar uma cristã de uma mulher mundana e desta de uma prostituta. Cada um viva como quiser e de acordo com sua consciência, se vista como quiser e também se não quiser vestir-se tudo bem, mas quem tem compromisso com Deus deve mudar seu guarda-roupa.

Published in: Lifestyle
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,414
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1,804
Actions
Shares
0
Downloads
18
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

COMO SE VESTEM OS SANTOS

  1. 1. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo FINALIDADE DESTA OBRA Os materiais literários do autor não têm fins lucrativos, nem lhe gera quaisquer tipo de receita. Os custos do livro são unicamente para cobrir despesas com produção, transporte, impostos e revendedores. Sua satisfação consiste em contribuir para o bem da educação, uma melhor qualidade de vida para todos os homens e seres vivos, e para glorificar o único Deus Todo-Poderoso. AUTORIZAÇÃO O livro pode ser reproduzido e distribuído por quaisquer meios, usado e traduzido por qualquer entidade religiosa, educacional ou cultural sem prévia autorização do autor. [ 2 ]
  2. 2. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo AUTOR: Escriba de Cristo é licenciado em Ciências Biológicas e História pela Universidade Metropolitana de Santos; possui curso superior em Gestão de Empresas pela UNIMONTE de Santos; é Bacharel em Teologia pela Faculdade das Assembleias de Deus de Santos; tem formação Técnica em Polícia Judiciária pela USP e dois diplomas de Harvard University dos EUA sobre Epístolas Paulinas e Manuscritos da Idade Média. Radialista profissional pelo Senac de Santos, reconhecido pelo Ministério do Trabalho. Nasceu em Itabaiana/SE, em 1969. Em 1990 fundou o Centro de Evangelismo Universal; hoje se dedica a escrever livros e ao ministério de intercessão. Não tendo interesse em dar palestras ou participar de eventos, evitando convívio social. [ 3 ]
  3. 3. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo CONTATO: https://www.facebook.com/centrodeevangelismouniversal/ Dados Internacionais da Catalogação na Publicação (CIP) [ 4 ] M543 Escriba de Cristo, 1969 Como se vestem os santos /Escriba de Cristo, Itabaiana/SE, Amazon.com Clubedesautores.com.br, 2016 156 p. ; 21 cm ISBN-13: 978-1534819092 ISBN-10: 1534819096 1.Ética 2. Bíblia 3. Teologia 4. Vestes 5. Indumentárias I - Titulo CDD 170 CDU 17/47 SOLICITAÇÃO AOS LEITORES: Se você encontrar erros gramaticais ou se você fala outro idioma e puder colaborar traduzindo esta obra, em qualquer dos casos entre em contato com o autor pelo facebook.
  4. 4. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo CENTRO DE EVANGELISMO UNIVERSAL -CGC 66.504.093/0001-08 LIVROS PUBLICADOS PELO AUTOR: CIÊNCIAS Biologia, O mito da Evolução Sexologia cristã - Botânica Bíblica TEOLOGIA Juízo Final - Parapsicologia Bíblica O Fim do Mundo Compêndio teológico sobre o véu Guia de Estudo Bíblico Dogmatologia - Apocalipse comentado Entenda a CCB – Volume I Entenda a CCB – Volume II Javé, o Deus da Bíblia - Como fundar uma Igreja [ 5 ]
  5. 5. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo O Diabo está ao seu lado Os quatro livros biográficos de Jesus HISTÓRIA Introdução a Arqueologia – História do Universo comentada O que é Igreja Católica Romana? O anjo de quatro patas HAGIOGRAFIA Vida de Antão com comentários - Clemente de Roma POLÍTICA Memorial criminoso do PT – Volume I Memorial criminoso do PT – Volume II PT X Cristianismo Todos os telefones do presidente Lula DIREITO Escrivão de Polícia é cargo técnico científico Código Hamurabi e a Lei de Moisés [ 6 ]
  6. 6. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo ÉTICA Bebida alcoólica não é pecado - Como se vestem os santos EM OUTROS IDIOMAS Archéologie Biblique (Francês) Juicio Final (Espanhol) Biology, the myth of Evolution (Inglês) The Four-legged Angel (Inglês) Indossare il velo (Italiano) 生物学 – 進化の神話 (Japonês) SUMÁRIO INTRODUÇÃO I AS ROUPAS DE ADÃO E EVA II LEIS DA INDUMENTARIA 1 – UTILIDADE 2 – O SIMBOLO SOCIAL 3 – A PROTEÇÃO [ 7 ]
  7. 7. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 4 – HIGIENE 5 – SAUDAVEL 6 – PUDOR A- EXPOSIÇÃO DAS PERNAS B- EXPOSIÇÃO DOS BRRAÇOS C- EXPOSIÇÃO DO ROSTO D- EXPOSIÇÃO DA BARRIGA 7 – MODESTIA III – OS TIPOS DE TRAJE 1 – TRAJE DE GUERRA 2 - TRAJE DE SACERDOTE 3 - TRAJE DE TRABALHO 4 - TRAJE DE RELIGIOSO 5 - TRAJE DE FESTA 6 - TRAJE DE DORMIR 7 - TRAJE DE BANHO 8 - TRAJE DE CASAMENTO [ 8 ]
  8. 8. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 9 - TRAJE DE PALHAÇO 10 - TRAJE DE REALEZA IV – A PSICOLOGIA DAS ROUPAS 1 – DEMOSNTRA RIQUEZA 2 – DEMOSNTRA REBELDIA 3 – DEMOSNTRA LIBERDADE 4 – DEMOSNTRA SERENIDADE V – A MODA 1 – ROUPAS COLADAS 2 – ROUPAS CURTAS 3 – ROUPAS TRANSPARENTES 4 – ROUPAS DECOTADAS 5 – ROUPAS EXTRAVAGANTES 6 – ROUPAS RACHADAS VI – AS PEÇAS DE VESTUARIO 1 – TÚNICA 2 – SAIA [ 9 ]
  9. 9. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 3 – SAIA-CALÇA 4 – CALÇA 5 – BERMUDA 6 – SHORT 7 – PIJAMA 8 – CASACO 9 – JAQUETA 10 – FRALDAS 11 - CAMISA 12 - BLUSA 13 – TERNO 14 – AVENTAL 15 – QUIMONO VII – ACESSÓRIOS DE ROUPA 1 – BOTÃO 2 – ENCHIMENTO 3 – MEIA [ 10 ]
  10. 10. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 4 – GOLA 5 - COLETE 6 – LENÇO 7 – CINTO 8 – GRAVATA 9 – BOLSO 10 – BROCHE 11 – LUVA VIII – ROUPAS INTIMAS 1 – CUECA 2 – LINGERI 3 – SUTIÃ 4 – ABSOVERNTE 5 – SAIOTE 6 – BABY-DOLL IX – O CABELO 1 – CABELO DE MULHER [ 11 ]
  11. 11. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 2 – PENTEADO 3 – CARECA 4 – BARBA X – ORNAMENTO NA CABEÇA 1 – CHAPÉU 2 - BONÉ 3 – TOCA 4 – MITRA 5 – ELMO 6 – CAPACETE 7 – COROA 8 – DIADEMA 9 – VÉU XI – CALÇADO 1 – SALTO ALTO 2 – BICO FINO 3 – LUMINOSO [ 12 ]
  12. 12. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo XII – TIPOS DE CALÇADO 1 – SANDALIA 2 – TÊNIS 3 – SAPATO 4 – BOTA 5 – BOTINA 6 – PATINS 7 – NADADEIRA XIII - AS CORES DOS ORNAMENTOS XIV – AS PEÇAS DE ORNAMENTO 1 – BRINCO 2 – RELOGIO 3 – ÓCULOS 4 – GUARDA-CHUVA 5 – LEQUE XV – ENFEITES CIRCULARES 1 – BRACELETE [ 13 ]
  13. 13. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 2 – GARGANTILHA 3 – CADEIA 4 – ANEL 5 – COLAR XVI – ENFEITES COM PINTURAS 1 – BATOM 2 – PÓ DE ARROZ 3 – PINTURA DAS UNHAS 4 – TATUAGEM 5 – TINGIR O CABELO 6 – OINTAR OS OLHOS XVII – ENFEITES COM MUTILAÇÃO 1 – CIRURGIA PLÁSTICA 2 – BRINCO 3 – ARGOLA DE NARIZ 4 – CORTANTE FALANGE DO DEDO 5 – ARRANCANDO DENTE [ 14 ]
  14. 14. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo XVIII – ENFEITE POR DEFORMAÇÃO 1 – DIMINUIR O TAMANHO DOS PÉS 2 – AUMENTAR O TAMANHO DOS PÉS 3 – AUMENTAR O TAMANHO DO PESCOÇO 4 – AFINAR A CINTURA 5 – ACHATANDO O CRÂNIO XIX – O ODOR 1 – PERFUME 2 – DESODORANTE XX – A PELE XXI – VESTE DE HOMEM E DE MULHER XXII – TECIDO XXIII – ESTAMPARIA [ 15 ]
  15. 15. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo INTRODUÇÃO Cornélia, a mãe dos Gracos recebeu um dia uma visita. –Tu não tens joias, Cornélia??? – perguntou a certa altura a visitante, olhando as mãos nuas da outra, de longos dedos aliados, as orelhas delicadas sem um enfeite, a túnica longa caindo em pregas sem um bordado, os cabelos presos austeramente numa coifa, sem uma pérola. Cornélia olhou para a amiga, com um ar ao mesmo tempo solene e tranquilo. - Tenho - Respondeu - Vou busca-las. [ 16 ]
  16. 16. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Voltou trazendo pela mão os dois filhos Tibério e Caio, que seriam mais tarde os famosos tribunos da plebe, lutadores, hábeis políticos, campeãs das reivindicações populares. E apresentando-se à confundida matrona, disse apenas, com serena altivez: - Estão aqui, amiga, as minhas joias.” Como seria bom que as mães tivessem essa concepção de beleza, mas infelizmente não é assim, Deus deve ficar muito triste com as pessoas que gastam horas se embelezando em salões de beleza e muitas vezes essas mesmas mães não gastam tempo para conversar com seus filhos. Por outro lado que ato bonito este da mãe daquele que seria o respeitável TIBÉRIO, enquanto as mulheres da sociedade romana se preocupavam com a vaidade, ela na verdade estava preocupada era com os seus filhos. As roupas e os ornamentos que as pessoas carregam no seu corpo constitui-se uma parte integrante do individuo por isso mesmo a roupa que você veste ela fala por você, comunicando aos outros quem é você. Na verdade o psicólogo Flugel no seu livro “The Psychology of Clothes” disse sabiamente: “É através das roupas que formamos a primeira impressão de nosso semelhante. A delicada discriminação dos traços faciais necessita de certa aproximação íntima. Mas as roupas, apresenta uma superfície muito maior para inspeção... No caso de um [ 17 ]
  17. 17. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo individuo desconhecido, as roupas que usa nos dizem imediatamente algo se seu sexo, ocupação, e posição social.” (10) As nossas vestes também dizem muito a respeito do nosso estilo de vida, todo mundo sabe diferenciar um mendigo de um milionário, e isso sem ter a necessidade de conversar com eles ou calcular o seu patrimônio financeiro, o que na maioria das vezes precisamos é somente prestar atenção no tipo de roupa que eles estão vestindo e dessa observação nós podemos extrair uma quantidade enorme de informação daquela pessoa, as pessoas distingue o rico do pobre, o nobre do camponês, o militar do civil, o executivo do operário, até mesmo que time determinada pessoa torce, como também em um analise mais profunda diferenciamos o povo de Deus, do homem profano. As roupas que vestimos fazem parte de nós, portanto, na podemos tratar esta questão vulgarmente. Alguém certa vez disse: MOSTRE-ME O TEU GURDA-ROUPA E EU TE DIREI QUEM TU ÉS.” I - AS ROUPAS DE ADÃO E EVA Podemos falar da queda da humanidade sobre dois aspectos no vestuário: A – do simples ao complicado. B – do coberto ao nu. [ 18 ]
  18. 18. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Adão e Eva segundo podemos inferir do texto de Gênesis 2 e 3 estavam fisicamente nus, mas uma espécie de luz os cobria, de maneira que quando mantinha relações sexuais eles não precisavam tirar nenhuma roupa, pois fisicamente já estavam nus (Gênesis 2.25). Mas uma áurea de luz os cobriam constantemente, de maneira que quando estivesse enchido a terra ninguém veria a nudez de outro, a não ser o esposo com sua esposa, esta luz seria algo como o fenômeno do fotogênese que irradia luz do corpo como ocorreu com Moisés (Êxodo 34.29-30) e Jesus (Mateus 17.2). A obra SchoolMaster na pagina 59 considera a falta de modéstia a decadência dos romanos. (2) O fato Adão “descobrir” que estava nu não indica que esta era a situação que ele se encontrava anteriormente, mas era como ele estava dentro da veste de luz, dai que, quando ele e Eva pecaram a luz foi apagando e então ele se viram a si mesmos nus, e o primeiro sentimento foi de vergonha, pois o temor de Deus os deixaram encabulados, por isso que até hoje o cristão quando se veste de forma impropria publicamente, a sua consciência acusa, como acusou a de Adão. [ 19 ]
  19. 19. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo II - AS LEIS DA INDUMENTÁRIA Baseado em que os grupos religiosos proíbem ou aprovam certas indumentárias? A grande maioria das igrejas em nome da “aculturação” tem negado vários conceitos bíblicos taxando-os de costumes orientais. Mas a Palavra de Deus repete continuamente sobre a abominação que é para Deus as vestes homogenia para homem e para mulher (Deuteronômio 22.5). a fúria divina também se levanta contra as indumentárias e ornamentos [ 20 ]
  20. 20. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo sensuais que em geral as mulheres usam (Isaías 3.16- 23). Deus ameaça com deformação e com fogo atormentador para castigar as pessoas que querem se mostrar mais bela do que o seu próprio parece natural (Isaías 3.24). Muitas coisas que foram criadas em tempos recentes não estão proibidas nas Escrituras de forma direta porque naqueles dias não existiam, um exemplo disto é a gravata. Devemos analisar certas leis filosófico- teológicas, que são baseadas nas Escrituras e ver se é certo ou não usar gravata. É porém, sumamente importante que tais decisões do certo e errado dependam de exposição bíblica e fundamentadas em leis claras. Paulo nos exorta a andar segundo “as mesmas regras”. 16 Mas, naquilo a que já chegamos, andemos segundo a mesma regra, e sintamos o mesmo. (Filipenses 3.16) Já o profeta Isaías diz que a religião de Javé é pautada em “regra sobre regra”. 10 Porque é mandamento sobre mandamento, mandamento sobre mandamento, regra sobre regra, regra sobre regra, um pouco aqui, um pouco ali. (Isaías 28.10) . As leis de indumentárias serão expostas de acordo com a lei de Cristo (Gálatas 6.2). Oramos e meditamos bastante na Palavra de Deus para que fossemos “iluminados no conhecimento da glória de Deus” (II Cor 4.6) e assim procuramos “discernir bem tudo” sobre vestes e ornamentos (I Cor 2.15). Na época [ 21 ]
  21. 21. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo do rei francês Luís XIV foi promulgada 11 vezes leis para controlar a moda e a vaidade. Mostrando que há necessidade de regulamentar as indumentárias em padrões cristãos. - UTILIDADE O cristão deve fazer (ou vestir) o que é útil (Hebreus 13.17) e tudo o que é útil devemos anunciar (ou vestir) (Atos 20.20): “Sabeis que nada, que útil seja, deixei de vos anunciar.” Os cintos eram usados nos tempos bíblicos, não somente para segurar a roupa, mas também para pendurar objetos valiosos ou dinheiro, como podemos extrair do texto de Mateus 10.9: “Não leveis ouro, nem prata, nem cobre, em vossos CINTOS.” Por isso percebemos que a lei de utilidade da indumentária [ 22 ]
  22. 22. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo está expressa em toda a Escritura. Compete aos lideres da igreja, e a cada crente que quer fazer a vontade de Deus, que ele busque vestir-se de acordo com os padrões da lei de Deus. Por quê Jesus usava sandália? (Mateus 3.11) Porque sandália é um calçado e como tal tem uma função utilitária de proteger os pés contra cortes, contra o calor da areia, da pedra, ou como nos dias modernos do asfalto quente das ruas. O botão que tem verdadeira utilidade de fechar a camisa, ou o zíper que fecha a calça, são acessórios utilitários. Uma história interessante é a do bolso já que as roupas em tempos passados não possuíam este acessório extremamente útil nos dias modernos. Mas antigamente outra indumentária suprimia esta falta, tratava-se da bolsa que inclusive em certa ocasião Jesus recomendou que seus discípulos usassem: “Disse-lhes: Pois agora aquele que tiver bolsa, tome-a...” (Luc 22.36) J.C. Fiügel nos fala de um tipo de indumentária cuja finalidade é inútil. Mas que muitos indivíduos pensam que tais ornamentos possuem uma suposta utilidade: “Poucos de nós podemos nos gabar de ter inteiramente afastado a escravidão da superstição. Não poucas pessoas usaram num momento ou outro de suas vidas, um colar, um anel, uma joia ou outro trabalho ornamental que suspostamente tem propriedades defensivas, tais como a de evitar doença ou acidente, realmente existe uma ampla tradição mágica acerca de algumas pedras [ 23 ]
  23. 23. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo preciosas usadas como ornamento hoje em dia... tanto que na Idade Média se supunha ter a cruz o poder de espantar o Diabo e seus capetas.” Concordamos com Fiügel que tais ornamentos supracitados não possuem utilidade e portanto não devem ser usados. São superstições. - O SIMBOLO SOCIAL Uma veste ou ornamento pode ser aceito caso ele represente uma aliança entre pessoas da sociedade, nesta situação roupas que normalmente não se aceitaria, devem ser vistas com naturalidade. Como por exemplo, um boné usado por um policial que faz parte do seu uniforme e que nele tenha o emblema de sua corporação militar, já um boné ou camisa em cuja estampa apareça o emblema de um time de futebol ou basquete não é conveniente, pois isso associaria o cristão como um adepto de determinado clube. Anéis em geral, não devem ser usados por cristãos, porém se ele estiver investindo de um símbolo social, este deve admitido como um ornamento correto. Podemos assim citar como exemplo os anéis de aliança de casamento que em muitos povos são sinais externos de que aquela mulher e aquele homem são casados. As alianças são em geral de ouro, mas outros metais e pedras preciosas podem ser incorporados a medida que os anos vão se passando, [ 24 ]
  24. 24. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo pois estes acréscimos representam o quanto tempo de casado (a) ele (a) tem (assim é o costume de vários países). Um ornamento frequentemente usado pelas empresas e indústrias são os crachás de identificação que geralmente os funcionários devem usá-las no trabalho, ou em geral os visitantes devem ostenta-las no peito ao entrar na área de uma empresa. Nas forças Armadas as graduações de postos são facilmente demonstradas pelas divisas que o soldado traz no braço. Os caciques de tribos indígenas em geral usam penachos que representam a sua autoridade sobre a tribo. Algumas roupas tem símbolo social apenas por um momento, como no caso da roupa de casamento quando as noivas se vestem de branco. Outro ornamento usado nos dias atuais são as faixas [ 25 ]
  25. 25. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo presidências que os presidentes eleitos usam por ocasião de posse do poder executivo, aquele ato esta marcado pelo símbolo social onde fica fixado a investidura do presidente, alias, ali são tiradas fotos e penduradas em repartições públicas de todo o país. Em I Samuel 18.1-4 vemos Jônatas fazendo uma aliança com Davi e como símbolo de tal acordo, ele deu varias indumentárias a Davi. Anéis como símbolo da formação universitária ou como distinção dos reis da e nobres da antiguidade. - A PROTEÇÃO Uma das funções principais das vestes e ornamentos está relacionada com a proteção. Portanto, uma roupa para ser aceita como indumentária do cristão deve preencher este requisito. Em primeiro lugar em importância devemos considerar a questão do pudor, depois a de vestes peculiar de homem e a mulher e depois a questão de proteção. [ 26 ]
  26. 26. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo É racional usarmos um casaco ou uma jaqueta em um dia frio, mas seria completamente ridículo sairmos de casa com casaco com termômetro marcando 38° graus. J.C. Fiügel comenta o seguinte sobre o assunto: “A mais obvia forma de proteção causada pelas roupas é aquela contra o frio”. Mas ao contrario do que muita gente pensa, as vestes protegem ainda mais contra o calor, vejam que os povos que habitam nos desertos sempre estão bem mais vestidos do que muitos outros que vivem em clima mais temperado. A proteção contra o calor funciona mais ou menos quando a temperatura ambiente esta superior a temperatura do corpo, a roupa serve para conservar a temperatura do corpo. As roupas aumentam o volume a medida que a temperatura passa de fria para gelada como é o caso dos esquimós, cujas roupas são bastante [ 27 ]
  27. 27. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo grossas para proteger do frio mortífero do polo norte. Entretanto Fiügel nota que a função protetora da roupa vai além da questão de temperatura, ele também nota que muitas vestes no curso da história tinham a função de proteger contra os inimigos: “As roupas podem também proteger-nos contra inimigos tanto humanos, como animais. O desejo de proteção contra inimigos humanos levou-nos ao desenvolvimento de uma espécie particular de roupas, conhecida como armadura. A armadura nos países ocidentais, eram geralmente de metais; desta forma sofreu um imenso desenvolvimento na Idade Média, e com roupa profissional típica do cavaleiro chegou a simbolizar intimamente todo o espírito marcial da época. O desaparecimento gradual da armadura foi, sem dúvida devido ao aperfeiçoamento das armas de fogo.” Em toda a Escritura as vestes são representadas como algo que protege, e essa simbologia é muito usada pelos profetas como em Isaias 60.10 que diz: “...Ele me cobriu com vestes de salvação...” Nos dias modernos temos vistos algumas corporações policiais usando o colete balístico como parte do conjunto do uniforme policial, é desnecessário dizer que a razão é por proteção. HIGIENE Algumas indumentárias foram incorporadas ao vestuário afim de facilitar a vida no que tange a limpeza e [ 28 ]
  28. 28. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo higiene é o caso por exemplo do absorvente feminino e da luva, entre outros acessórios. A capa usada pelos hebreus era uma indumentária que poderia ser aqui classificada, pois quando precisavam descansar, eles cobriam a relva e depois se deitavam sobre ela, havendo ai a função higiênica da capa, pois protegia o corpo do contato direto com o chão, nas Escrituras há varias alusões a capa ou ao manto como em Isaias 59.17; Mateus 5.40. 17 Pois vestiu-se de justiça, como de uma couraça, e pôs o capacete da salvação na sua cabeça, e por vestidura pôs sobre si [ 29 ]
  29. 29. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo vestes de vingança, e cobriu-se de zelo, como de um manto. (Isaías 59.17) 40 E, ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; (Mateus 5.40) No livro de Êxodo Deus ditou uma lei para proteger o direito do devedor de ter sua capa caso ela fosse pega pelo penhor, já que ela servia como cama e coberta para os cidadãos mais pobres: “Se tomares em penhor a veste do teu próximo, lhe restituirás antes do pôr-do-sol, porque é a sua única cobertura; é a vestimenta de sua pele. Em que se deitar? Quando clamar a mim, eu o ouvirei, pois sou misericordioso.” (Êxodo 22.26-27) O chamado “trapo de imundícia” de Isaias 64.6 é uma referencia ao absorvente, quando as mulheres estão na fase do seu ciclo menstrual elas eliminam sangue através da vagina o que traz para elas um desconforto muito grande, pois elas não têm como controlar o momento do escorrimento, que em geral se estende por alguns dias. Então a única alternativa das mulheres nesta situação eram ficarem isoladas em casa como fez Raquel em Gênesis 31.35: “Disse Raquel a seu pai: Não se assenta a ira do meu senhor, por não poder eu levantar-me na tua presença, pois estou eu como o incomodo das mulheres...” 6 Mas todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia; e todos nós murchamos como a [ 30 ]
  30. 30. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo folha, e as nossas iniquidades como um vento nos arrebatam. (Isaías 64.6) Nos dias modernos os homens criaram varias luvas com função de proteger contra o calor, outras como a de goleiros que tem a função de proteger as mãos contra o impacto forte com a bola, mas, boa parte das luvas é indumentária de valor higiênico, como as usadas pelos funcionários de companhias de recolhimento de lixo, além não sujar as mãos, as luvas também impede a entrada de micróbios nas mãos. Sem falar dos médicos quando fazem cirurgia. - SAUDÁVEL Uma roupa deve ser saudável, não pode ser feito de material que irrite a pele, não deve ser curta em regiões geladas, pois seria prejudicial para a saúde, principalmente para o aparelho respiratório, também não devem ser excessivamente grossa caso se viva em um país tropical. Tais atitudes são irracionais e agir contrário a isso é agir contrario a natureza estabelecida por Deus. Um dos fundamentos das leis sobre as vestes é que esta seja saudável o que é compatível com a palavra de Deus que diz: “Porque nunca ninguém aborreceu a sua própria...” (Efésios 5.29). Esta passagem das Escrituras nos da o padrão de roupa que Deus se agrada, e uma das características da roupa eticamente correta é que não deve aborrecer o corpo. Em um livro traduzido por Antônio [ 31 ]
  31. 31. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Ennes Cardoso e publicado pela Editora Mestre Jou, em 1965, São Paulo dizia: “Mas as roupas podem proteger não somente contra uma temperatura inconfortavelmente baixa, mas também contra o calor... poucos europeus, de certo modo, poderiam viver em países tropicais sem proteger a cabeça com um chapéu.” (pag 62). Portanto deve-se também levar em consideração a estrutura física de um povo e deve-se adotar somente roupas que forem compatíveis com o povo e com o clima correspondente. Nesta circunstancia devemos desestimular a vestimenta do terno entre os povos de países tropicais e de regiões quentes e desérticas. Infelizmente durante o período em que os ingleses [ 32 ]
  32. 32. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo ditaram a moda masculina este traje entrou em países de temperatura completamente incompatível, e o pior, é que as denominações evangélicas ainda tomaram-na como uma roupa sacerdotal para se apresentarem no culto. Outra forma de roupa que vai contra esta lei são as calças compridas vestidas pelas mulheres no século XX onde são tão justas e apertadas que se tornam prejudiciais aos órgãos genitais. É totalmente antinatural o comportamento sensual e narcisista de muitas mulheres vaidosas que em noites geladas e frias usam uma minissaia e uma mini blusa, para ficarem se expondo aos meninos da rua ou para provocar inveja às outras mulheres. - PUDOR O pudor esta relacionado a questão moral, os homens devem vestir não somente para se protegerem, mas também cobrir a nudez. Pois Deus originalmente criou o homem, mas desde de que pecou, perdeu esta cobertura (Genesis 3.7). Daí em diante existe a necessidade que as pessoas quando nascem devem ser cobertas. A nudez é símbolo de condenação, e quando a pessoa esta vestida ela esta representando a obra redentora de Deus que em toda Escritura é simbolizada como sendo vestes. Este conceito sobre as roupas são os fundamentos que constitui o pudor, a razão número um pela qual as pessoas devem se vestir. Vejamos algumas [ 33 ]
  33. 33. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo passagens das Escrituras que representam a roupa como algo bom e divino: 1 BENDIZE, ó minha alma, a Javé! Javé Deus meu, tu és magnificentíssimo; estás vestido de glória e de majestade. 2 Ele se cobre de luz como de um vestido, estende os céus como uma cortina. (Salmos 104.1-2) 1 O SENHOR reina; está vestido de majestade. O SENHOR se revestiu e cingiu de poder; o mundo também está firmado, e não poderá vacilar. (Salmos 93.1) 16 Vestirei os seus sacerdotes de salvação, e os seus santos saltarão de prazer. (Salmos 132.16) 25 A força e a honra são seu vestido, e se alegrará com o dia futuro. (Provérbios 31.25) [ 34 ]
  34. 34. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 8 Em todo o tempo sejam alvas as tuas roupas, e nunca falte o óleo sobre a tua cabeça. (Eclesiastes 9.8) 9 Desperta, desperta, veste-te de força, ó braço do Javé; desperta como nos dias passados, como nas gerações antigas. Não és tu aquele que cortou em pedaços a Raabe, o que feriu ao chacal? (Isaías 51.9) 1 QUEM é este, que vem de Edom, de Bozra, com vestes tintas; este que é glorioso em sua vestidura, que marcha com a sua grande força? Eu, que falo em justiça, poderoso para salvar. 2 Por que está vermelha a tua vestidura, e as tuas roupas como as daquele que pisa no lagar? 3 Eu sozinho pisei no lagar, e dos povos ninguém houve comigo; e os pisei na minha ira, e os esmaguei no meu furor; e o seu sangue salpicou as minhas vestes, e manchei toda a minha vestidura. (Isaías 63.1-3) 3 Josué, vestido de vestes sujas, estava diante do anjo. 4 Então respondeu, aos que estavam diante dele, dizendo: Tirai-lhe estas vestes sujas. E a Josué disse: Eis que tenho feito com que passe de ti a tua iniquidade, e te vestirei de vestes finas. 5 E disse eu: Ponham-lhe uma mitra limpa sobre a sua cabeça. E puseram uma mitra limpa sobre a sua cabeça, e vestiram-no das roupas; e o anjo do Javé estava em pé. (Zacarias 3.3-5) 18 Aconselho-te que de mim compres ouro provado no fogo, para que te enriqueças; e roupas brancas, para que te vistas, e não apareça a vergonha da tua nudez; e que unjas os teus olhos com colírio, para que vejas. (Apocalipse 3.18) 4 E ao redor do trono havia vinte e quatro tronos; e vi assentados sobre os tronos vinte e quatro anciãos vestidos de vestes brancas; e tinham sobre suas cabeças coroas de ouro. (Apocalipse 4.4) [ 35 ]
  35. 35. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 11 E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram. (Apocalipse 6.11) 13 E um dos anciãos me falou, dizendo: Estes que estão vestidos de vestes brancas, quem são, e de onde vieram? (Apocalipse 7.13) Fiügel faz a seguinte diferença entre vestir-se para embelezar-se e vestir-se por pudor: “A finalidade do enfeite é embelezar a aparência física, de modo a aumentar a autoestima. A finalidade essencial do pudor é, se não exatamente o contrário, pelo menos diferente. O pudor tende a nos fazer ocultar as excelências físicas que possamos ter e geralmente nos impede de chamar a atenção de outros para nós mesmos.” Nisto deve consistir o hábito de se vestir dos cristãos, o pudor. Os que não seguem a Deus, mas querem realizar a sua vontade de fazer do hábito de vestir-se, uma maneira de liberar sua luxuria e vaidade como faziam as gregas nos tempos antigos como diz a revista Réveillez-Vous de 8 março de 1995 na página 21: “As mulheres em particular, recorriam a múltiplos artifícios engenhos para ficarem mais belas.” (3) Por não seguirem o pudor como norma o orador Lucio da antiguidade criticou a frivolidade das mulheres. O cristão deve em primeiro lugar se vestir com finalidade de cobrir sua [ 36 ]
  36. 36. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo nudez, quando os cristãos aprenderem que essa é a finalidade do vestuário, então teremos crentes fieis de verdade. Mas a luta dentro da pessoa que quer ser fiel é grande, pois como disse um psicólogo: “Por meio de nossas roupas tentamos satisfazer duas tendências contraditórias uma como meio de exibir nossos atrativos: de outro, como meio de ocultar nossa vergonha.” Lúcio Licínio Crasso • EXPOSIÇÃO DAS PERNAS [ 37 ]
  37. 37. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Uma das questões que gera atrito entre os que definem a ética cristã está relaciona com a exposição das pernas. Em quase todos os períodos de avivamento moralista nesta ou naquela religião, ou neste ou naquele período da igreja, uma coisa é certa, sempre houve a necessidade de cobrir as pernas, mas principalmente das mulheres no que tange as coxas, ou seja, do joelho para cima. Mas quase também se exigia que as roupas femininas cobrissem as canelas. A história do judaísmo, do islamismo e do cristianismo revela que em quase todos os períodos, as mulheres traziam as pernas até o tornozelo cobertos. Em duas épocas as mulheres cobriam só ate o joelho. A primeira foi no período onde as roupas eram costuradas quase que exclusivamente com pele de animais e por essa dificuldade, quase sempre as pernas do joelho pra baixo ficavam expostas. O segundo período em que claramente as canelas femininas foram expostas, iniciou-se em meados do século XX, com os movimentos de emancipação feminina. Portanto não devemos considerar como ideal, o atual hábito das mulheres expor as canelas, devemos no máximo tolerar, desde que rigorosamente as mulheres não usem roupas que exponham do joelho para cima, o máximo que se pode tolerar em questão de pudor é que as roupas das mulheres cubram no mínimo alguns centímetros abaixo do joelho, para que, quando sentar-se, não fiquem expostas as suas coxas (este conceito é adotado por [ 38 ]
  38. 38. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo varias denominações que se preocupam com a moralidade cristã). Por outro lado, aquelas organizações cristãs que dizem que Deus só quer o coração e que medidas de roupas não levam ninguém para o céu, essas mesmas não devem ser levadas a sério como religião cristã, são clubes religiosos, que estão mais preocupados em adaptar-se aos costumes pagãos, do que submeter-se a uma vida consagrada a Deus. Por isso que, os pastores que não pregam contra a exposição das coxas seja, por usarem saias curtas, minissaias, ou shorts, tais pastores poderão cair na condenação anunciada por Paulo: “Porque virá o tempo em que as pessoas não escutarão verdadeiro ensinamento, mas seguirão os seus próprios desejos. E juntarão para si muitos mestres, que vão dizer a elas o que querem ouvir.” (II Timóteo 2.3 BHL) B - A EXPOSIÇÃO DOS BRAÇOS A exposição dos braços era variável de acordo com o local e o tempo. Os povos primitivos e de civilizações inferiores não cobriam os braços (e muitas vezes nem o corpo). Quanto aos povos que adoram um só Deus como os judeus, muçulmanos e cristãos, estes sempre cobriam os braços e quase sempre até os punhos. Durante a idade antiga e média os cristãos no máximo deixava exposto o braço, mas só até o cotovelo. Vindo, porém, o período de decadência moral, os homens [ 39 ]
  39. 39. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo e as mulheres começaram a mostrar todo o braço e com a “camisa regata” chegaram ao ponto de mostrar até as costelas. Nós preferimos uma posição equilibrada, permitindo o máximo a exposição do cotovelo. C - A EXPOSIÇÃO DO ROSTO Cobrir o rosto por pudor é um tanto exagerado, mas se em algum país na qual servimos a Deus este padrão ético é normal nós também não iremos tentar revolucionar nenhuma cultura ultrarradical. Alguns povos islâmicos possuem este padrão e nós respeitamos, já que entendemos e somos co-partidário do moralismo. Entretanto devemos deixar bem claro que este é não e o nosso padrão, porque na verdade achamos conveniente [ 40 ]
  40. 40. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo que o rosto seja mantido descoberto, pois nele estão todos os sentidos do nosso corpo como a audição, visão, olfato, paladar e tato. Nos dias de Jesus era bem evidente que as mulheres de Israel não cobriam o rosto, nem os apóstolos fizeram qualquer exigência nesse sentido. As mulheres romanas também não eram obrigadas a cobrir rosto. Horácio nos informa em sua obra que “normalmente tudo o que se podia ver de uma mulher romana era o rosto”. O que sugere a normalidade no costume feminino de expor o rosto. Tudo bem que a mulher atrai a atenção masculina pela beleza dos traços do seu rosto, mas se isso fosse argumento suficiente, teríamos que também exigir o mesmo proceder por parte dos homens. Catulo nos informa que as damas romanas cobriam com um véu o rosto quando saia na rua, mas tal proceder não se justificava a moralidade frágil dos romanos. Nos povos islâmicos as mulheres cobriam o rosto afim de não mostrar a beleza do rosto e não seduzir os homens. Já os “cristãos” demonstravam menos habilidade para lidar com os problemas das vestes e ornamentos. Na Inglaterra do século XVI, as mulheres cobriam o rosto, mas como uma forma de se embelezarem. Shakespeare disse o seguinte sobre o habito das senhoras inglesas: “Essas máscaras escuras mais proclamam a beleza do que as escondem e que esses rostos, vistos a meio, muitíssimo sedutores pareciam”. D - A EXPOSIÇÃO DA BARRIGA [ 41 ]
  41. 41. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A exposição da barriga sempre foi visto como um modo altamente sensual de se apresentar. Dançarinas e prostitutas procuravam sempre atrair a atenção masculina expondo a barriga, já que essa área do corpo fica entre os seios e a região genital. Os europeus principalmente do norte por motivos climáticos não deixavam a mostra a barriga. Mesmo os cristãos da América e dos países de temperatura mais quente nunca foram imorais ao ponto de expor a barriga. Somente os povos de civilizações retroativas e de civilizações decadentes é que expõem a barriga. Quanto aos banhos públicos eles eram proibidos pelo catolicismo por razão morais e higiênicas. No século XX o costume de tomar banho público iniciou-se. No principio as mulheres iam a praia com touca, blusa até o punho, calça, e foram encurtando, a blusa do punho diminuiu até o cotovelo e depois até o ombro, a roupa íntima (calça) diminuiu do tornozelo até o joelho e depois até o meio da coxa. Na década de 50 veio a moda de mostrar a barriga para “pegar uma cor”, já no final do século XX a nudez era quase total, um retalho de pano cobrindo os bicos dos seios e outro cobrindo o órgão sexual. A exposição da barriga é improprio para os verdadeiros cristãos: “Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para não andar nu”. (Apoc 16.15) [ 42 ]
  42. 42. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo - MODÉSTIA A modéstia é uma das principais virtudes que o cristão pode apresentar através de suas roupas, por isso não se justifica alguém dizer que é modesto de coração, enquanto exteriormente se vê o contrario, a modéstia deve ser dentro e fora, no espírito e no corpo. As Escrituras são bem claras sobre esta lei: “Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em trajes honestos, com pudor e modéstia, não com tranças ou com ouro, ou pérolas, ou vestidos preciosos.” (I Timóteo 2.9) A modéstia segundo o Dicionário Escolar da Língua Portuguesa é: “Qualidade de modesto, [ 43 ]
  43. 43. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo desambição, simplicidade, ser modesto é moderado nos desejos, despretensioso, sem vaidade.” Esta é talvez a lei mais difícil de por em pratica, porque as pessoas se vestem mais para se enfeitarem do que por questão de pudor e muito menos por questão de modéstia, vemos na historia que muitas vezes a moda feminina dita que é belo usar saia até os pés, e então as mulheres vaidosas começam a seguir a moda, entretanto se a moda dita que as mulheres bem vestidas devem usar roupas curtas, lá vão elas usando as minissaias e ridicularizando as saias compridas, portanto é muito difícil encontrar alguém na igreja que já esta completamente dentro do padrão da modéstia cristã. As pessoas raramente compram roupas para ficarem bem vestidas, mas só olham em geral para a beleza e para a parte estética. Entretanto a modéstia evita a extravagancia, por isso devemos ser equilibrados, evitando comprar o que estiver na moda, mas também evitando comprar roupas que ficaram absolutamente ultrapassadas para sua época, assim seria ridículo um homem vestir calça boca de sino na década de 90, enquanto na década de 60 e 70 estaria na moda. Tácito, historiador romano censurou em termos ásperos a moleza dos costumes, a falta de modéstia, principalmente nos homens, pois que lhe parecia impróprio de varões que se prezassem usar tecido de seda. A primitiva singeleza de costumes de Roma cedeu lugar a um luxo desenfreado, a uma ostentação de poder e de riqueza que os levava a todas as extravagancia. [ 44 ]
  44. 44. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo III- OS TIPOS DE TRAJES Ninguém pode negar que é comum as pessoas se ataviarem de acordo com o local que frequenta, portanto é obvio que um é o traje de trabalho e o outro é traje de festa, e ninguém pode mudar essa verdade universal do mundo dos humanos, contudo uma característica da história dos trajes é que os homens sempre foram mais abnegados. Os trajes variam de acordo com a idade, o sexo, a época, o local e a ocasião. Uma criança de colo veste diferente de uma criança do primário, e esta diferente de um adulto. É evidente que ninguém vai de macacão de mecânico para uma cerimonia de casamento, nem uma moça vai se casar com um avental de babá. Deus sabendo e conhecendo o homem entendia como funciona a psicologia da roupa, pois através das roupas os homens expressam o estado de espirito e as suas emoções e a sua personalidade. Sendo assim é razoável que em uma festa as pessoas se vistam com trajes mais alegres. Em casa as roupas podem ser mais frouxas e à vontade, mas isso não justifica ficar sem camisa diante dos filhos, de camisola transparente ou de saia curta. O psicanalista Zulliger comenta o seguinte sobre o assunto: [ 45 ]
  45. 45. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo “Minha opinião sobre o assunto é provisória é que é melhor que as crianças não vejam seus pais nus. Os adultos devem ter em conta o quão difícil é ser imparcial neste assunto, e como estão sujeitos a satisfazer seu próprio exibicionismo sob o pretexto de ensinar a naturalidade a criança”. 1 – TRAJE DE GUERRA [ 46 ]
  46. 46. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo O traje de guerra não é somente usado pelos soldados das forças armadas, o traje de uma companhia de segurança também esta classificada aqui. O traje de guerra pode ser definido como todo tipo de indumentária, cujo efeito psicológico podia ser para aterrorizar o adversário e/ou proteger o guerreiro. Um exemplo é o caso das indumentárias dos feiticeiros indígenas e africanos. Vejamos por exemplo como nos afeta o uniforme da policia de choque? As armaduras da Idade Medieval estavam diretamente relacionadas com os guerreiros, os homens ficavam literalmente enlatados, as luvas, o elmo e tudo o que cobria o corpo era metálico. Algumas civilizações foram denominadas “militaristas” por causa da cor militante dos trajes e como exemplo o mundo teve os soviéticos com os uniformes vermelhos. Muitos líderes políticos mostravam seus espíritos belicosos com os trajes militares com os quais se apresentavam em público. Vimos na América Latina um período politico social chamado “Militarismo”. Os enchimentos no ombro, chamados de “ombreiras” tem uma origem em uma intimidação ao adversário conforme observa o psicólogo J.C. Flugel: “Os homens desejam parecer largos de ombro, pois isso é associado a força muscular... Muitos uniformes militares tem dragonas que definitivamente, aumentam a largura do peito”. Nos exércitos é muito importante estar com os trajes muito [ 47 ]
  47. 47. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo bem arrumados como diz o livro “Psychdanaltic Study of the Family” pag 125: “Um uniforme militar é um todo, e a remoção de qualquer parte dá ao usuário, uma, aparência de despido, isto é, impudica, de modo que o soldado sem o uniforme completo seria como uma mulher vestida inadequadamente”. (4) 2 – TRAJE DE SACERDOTE As religiões em geral possuem rituais nos quais os seus sacerdotes se apresentam nas cerimonias com trajes típicos para o evento. O cristianismo é diferente de todas as religiões, porque na igreja de Cristo todos são sacerdotes (I Pedro 2.5), e nenhum tipo de vestimenta sacerdotal é exigido para os cristãos. Jesus nunca usou roupas sacerdotais, os apóstolos nunca usaram roupas sacerdotais e nenhum líder da igreja primitiva usava roupas sacerdotais. Quando no século IV a igreja tornou- se religião obrigatória do império romano, os ímpios invadiram a igreja, corrompendo os costumes cristãos. Dentre os novos hábitos adotados pela igreja veio dos líderes serem destacados como sacerdotes e de vestirem trajes à característica. No catolicismo essa deformação religiosa surgiu na forma de batinas, faixas, mitras etc. Nas denominações protestantes também outras deformações são constatadas como batina, avental, terno e gravata. E os tais procuraram justificar-se baseando no judaísmo onde Deus havia instituído roupas para sacerdotes (Êx 39.1-32), entretanto a religião da A.A, é [ 48 ]
  48. 48. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo simbólica, temporária, sombra, espelho da N.A, cujos rituais são pouquíssimos. 3 – TRAJE DE TRABALHO Certos trabalhos exigem certas roupas que sejam adequadas a sua função. Alguns serviços exigem o uso de uma cobertura na cabeça como os soldados da policia de choque que precisam usar capacete para proteger-se contra pedras e paus. Imagine como seria a vida de um mecânico se ele trabalhasse com as roupas de um médico... O trabalho de um astronauta exige que ele se vista de modo a se adaptar ao espaço sideral e a gravidade do seu ambiente de pesquisa. Um salva-vidas não pode mergulhar no mar com as roupas de esquimó, o salva-vidas cristão pode usar uma bermuda para poder executar seu trabalho com mobilidade. Caso uma empresa estipule a ordem de seus funcionários usarem algum ornamento sobre a roupa para identifica-los isto é permitido para o cristão, tais como gravata, crachá ou estampa na roupa. Em Mateus 27.28 fala-se da capa de escarlate que fazia parte do uniforme dos soldados romanos. 4 – TRAJE DE RELIGIOSO [ 49 ]
  49. 49. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Em muitas religiões os adeptos do grupo religioso deve-se vestir a caráter, por exemplo, há grupos como a igreja Sinos de Belém-Missão das Primícias onde os membros devem se vestir de acordo com a sua casta religiosa, os casados usam determinadas vestimentas, os que têm voto de celibato usam outra. Os missionários Mórmons usam trajes uniformizados para que sejam identificados em publico, trata-se de uma camisa branca e uma calça preta, além disso em seus rituais secretos os casados devem vestir uma blusa como roupa de baixo dia e noite, podendo trocar só por outra limpa. Os mulçumanos em vez de vestirem algum traje, eles em seus cultos não devem entrar em hipótese alguma na Mesquita com os pés calçados. Os judeus também possuem um ornamento obrigatório para usa-lo no culto, trata-se do tallith, uma espécie de gorro que os homens [ 50 ]
  50. 50. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo devem trazer sobre a cabeça. No cristianismo só há uma instituição para o uso de ornamento no culto ou quando oram, e assim mesmo é para mulheres (I Coríntios 11.2- 16). O uso do véu pelas mulheres as torna dignas de estar diante dos anjos de Deus, além de ser um sinal de respeito a estas entidades celestiais que acompanham e protegem as irmãs (I Coríntios 11.10). 5 – TRAJE DE FESTA É natural que as pessoas procurem se apresentar bem em uma festa, ninguém vai a uma festa com uma cara de quem acordou agora, de fato Jesus nos ensinou a viver com cara de quem vive em festa mesmo quando não estiver em uma festa, mas estando em jejum: “Porém tu, quando jejuares, unge a tua cabeça e lava teu rosto”. (Mateus 6.17). Estar bem vestido com roupas bonitas foi invenção de Deus, pois assim ele vestiu fantasticamente as plantas: “E eu vos digo que nem mesmo Salomão em toda sua glória, se vestiu como qualquer deles” (Mat 6.29). Faz parte de um comportamento normal a pessoa ir para uma festa com a sua “melhor roupa”, “Mas o pai disse aos seus escravos: Trazei depressa o melhor vestido e vesti-lo...” (Lucas 15.22). As pessoas de menos posse não devem sentir inveja de quem tem melhores condições. Mas quem tem boa condição de vida procure se vestir com modéstia, sem querer chamar a atenção em uma festa, a Palavra de Deus adverte: “Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em trajes honestos, com [ 51 ]
  51. 51. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo pudor e modéstia, não com tranças, ou com ouro, ou pérolas ou vestidos preciosos”. É palavra de Deus que nos previne para não gastar mais do que o necessário para se vestir, evitando o luxo de grifes famosas. As vestes de festas induzem as pessoas a tratarem melhor os que trajam estes vestidos e isso pode ser um laço para o povo de Deus (Tiago 2.2-6). 6 – TRAJE DE DORMIR Se a pessoa mora sozinha em casa ela pode dormir como quiser, pois o homem não se veste para Deus, mas aos homens, afinal para Deus as pessoas estão todas nuas, mesmo que estejam vestindo 20 calças, 35 camisas, 8 meias e 18 chapéus como diz Hebreus [ 52 ]
  52. 52. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo 4.13: “E não há criatura alguma encoberta diante dele, antes todas as coisas estão nuas e patentes ao olhos daquele com quem temos de tratar”. Porém se dorme em cômodo com irmãos, filhos, parentes ou outras pessoas então deve se vestir apropriadamente. Marido e mulher sozinhos podem ficar nus. “E ambos estavam nus, o homem e a sua mulher, e não se envergonhavam”. (Gên 2.25). 7 – TRAJE DE BANHO No banheiro a pessoa pode tomar banho a vontade e nu (é obvio), não há justificativa tomar banho com roupa, como faz alguns cristãos extremistas. Mas também não é correto tomar banho nu em grupo. Veja o exemplo de Pedro que estava fraco na fé (João 21.3) após negar Jesus (João 18.15-27), e por isso estava nu no mar, enquanto os outros estavam vestidos. “Então aquele discípulo a quem Jesus amava disse a Pedro: É o Senhor. E quando Simão Pedro ouviu que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se ao mar”. (João 21.7). Para tomar banho ou pescar em grupo o homem deve vestir-se no mínimo bermuda e camisa. As mulheres devem vestir saia e blusa (com manga) e é aconselhável uma bermuda como roupa de baixo. [ 53 ]
  53. 53. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Copacabana, 1919, trajes de banho 8 – TRAJE DE CASAMENTO Quando as mulheres vão se casar, a maioria ainda tem o sonho de se casarem de branco, com véu e grinalda. A cerimonia de casamento não é uma obrigação cristã, pois o que importa é que estejam casando de acordo com a vontade de Deus, mais do que entrar em um prédio cheio de pompa, é mais importante se casarem virgens do que vestirem um tecido de cor branca, mas devemos ser equilibrados neste assunto, pois a Palavra de Deus não obriga, como também não proíbe que as pessoas se casem de acordo com a cerimonia de casamento (Amós 8.10: Mateus 22.10; João 2.1), mas [ 54 ]
  54. 54. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo também se vestiam com trajes apropriados para a cerimonia como “o linho fino, ouro e resplandecente” (Apoc 19.8). Devemos ter uma postura rígida contra as maquiagens, mesmo no dia do casamento, a noiva não deve se pintar, entretanto os adornos devem ser vistos com naturalidade no noivo e na noiva no dia do seu casamento e se quisermos ser fundamentalistas devemos encarar e aceitar tudo o que as Escrituras nos dizem sobre o assunto como esta escrito em Isaías 61.10: “Eu me regozijo muito em Javé, a minha alma se alegra em meu Deus. Pois ele me cobriu com vestes de salvação, e me envolveu com o manto da retidão, como o noivo se adorna com um turbante, e como a noiva se adorna com [ 55 ]
  55. 55. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo as suas jóias.” Como vemos os adornos eram tolerados em Israel, pelos menos no dia do casamento e desde de que fossem usados pelos noivos, por isso também deve- se tolerar nos dias de hoje que os noivos tenham alguns enfeites como frequentemente vemos alguns enfeites: Luvas, pérolas e outras pedras coladas ao vestido, grinalda, coroa sobre a cabeça, já no homem vemos a faixa na cintura, a gravata borboleta ou a outra mais tradicional, bem como detalhes no botão e outros acessórios. No livro Costumes e Cultura, pag 8 de Barbara, ela diz “Em todas as culturas os costumes perdem o sentido original” Prevendo esta tendência não devemos aceitar as vestes brancas em quem não é virgem. 9 – TRAJE DE PALHAÇO Vestir-se como palhaço para provocar risos e a própria profissão do palhaço teve seu período de dignidade na Idade Média, pois os reis contratavam palhaços, também chamados de “Bobos da corte”, mas que viviam como ministros. Cuja função principal era alegrar o rei e a corte da realeza. O palhaço desde aquela época devia se vestir de acordo coma sua função, por isso se vestem com roupas alegres e cheias de cores e com muitos desenhos geométricos, certas partes do corpo são enfatizados como acréscimo, como nariz postiço em forma de bola, sapatos de tamanhos exagerados e pintura no rosto. Nesses casos o que o palhaço faz não é [ 56 ]
  56. 56. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo pecado, podendo exerce-lo como profissão ou hobby. A pintura não seria por vaidade, ao contrario o exagero e a maquiagem é para provocar gozação. O trabalho como a roupa do palhaço é para alegrar e não para entristecer o que está de acordo com Prov 15.13,15. 10 – TRAJE DE REALEZA As famílias reais, principalmente o rei em ocasiões solenes sempre se apresentam com trajes de realeza e isso nada tem incomum, José do Egito vestiu-se de acordo com as tradições egípcias, vestindo-se como grão-vizir e cujos ornamentos que caracterizavam o grão- vizir eram: anel, vestido de linho fino e um colar de ouro (Gên 41.42-43). Alguns reis usavam diademas como símbolo de domínio, inclusive Jesus aparecerá no Armagedom com este enfeite (Apoc 19.12). O ornamento mais comum do rei é a coroa, e o cristão fiel que trabalha na evangelização aguarda ser coroado (Tiago 1.12; I Cor 9.25; Apoc 3.11), mas além do diadema, o manto de cor púrpura era símbolo da realeza (Jó 29.14; João 19.2). Os reis também se ornamentavam com um cetro que simbolizava poder e assim apareciam em publico com este objeto (Gênesis 49.10), além desses, vários outros objetos foram usados como trajes e ornamentos de governantes. [ 57 ]
  57. 57. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo IV - A PSICOLOGIA DAS ROUPAS As roupas que vestimos falam por nós e de nós, por isso ninguém arrisque-se a dizer que as roupas não significam nada, pois elas fazem parte de nós, e são elas tão importantes que foi a primeira providencia que Deus tomou para resgatar Adão e Eva após a queda. Anatole France sabendo da importância das roupas no campo da psicologia disse: “Se me fosse permitido escolher agora os livros publicados cem anos após a minha morte, sabe o que eu queria? Não um romance, absolutamente, nem um livro de historia. Tomaria um figurino para ver como se vestirão as mulheres daqui a cem anos, um século após a minha morte. E esses panos recortados me diriam mais [ 58 ]
  58. 58. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo sobre a humanidade futura do que os filósofos, os romantistas, os pregadores, os sábios.” Comentado sobre a queda de Roma em conjunção com o que disse Anatole, Marcos Rey e sua equipe de pesquisadores concluíram sobre o seguinte: “Pois se Anatole France tivesse tomado um figurino da Roma Imperial, teria sabido sem ler os filósofos, nem os sábios, que aquilo era mundo que estava se acabando. Sempre que o povo exagera suas modas, entrega-se a demasiado luxo e as mulheres fazem da elegância e dos vestidos o principal escopo de suas vidas, trata-se de uma época de decadência, e sua civilização vai-se acabar aconteceu assim nas grandes civilizações da antiguidade, e Roma apenas repetia o canto do cisne para morrer. 1 – DEMONSTRA RIQUEZA [ 59 ]
  59. 59. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Nobres e ricos da Idade Média. O ideal cristão para se vestir é passar uma imagem serena, modesta e descente como diz Paulo a Timóteo: “Se vistam em traje honesto, com pudor e modéstia...” (I Tim 2.9) no livro a “Psicologia das Roupas” lemos um comentário propicio para estas paginas: Ostentação de riqueza tem muito frequentemente, alguma conexão com riqueza. Os indivíduos mais ricos têm recursos para vestir com tecidos mais trabalhados e caros do que seus irmãos e irmãs mais pobres e numa sociedade em que riqueza é questão de orgulho e um meio de obter poder e respeito. É natural que os ricos procurem distinguir-se. Não somente pode a riqueza de um individuo ser indicada pela magnificência de sua vestimenta, mas pode a riqueza numa forma mais rapidamente mutável, ser carregada em forma de ornamento, nas sociedades civilizadas, a mais comum aproximação a isto é o uso de pedras preciosas como joias. As vestes luxuosas expressam vaidade, atrai inveja, chama a atenção de ladrões, humilha o pobre, incentiva a acepção de pessoas e por essas razões devemos evita- las como uma aparência do mal (I Tess 5.21), e um tropeço e escanda-lo (Rom 14.13). 2 – DEMONSTRA REBELDIA Em cada época existem roupas adequadas e roupas que identificam certos indivíduos com uma classe [ 60 ]
  60. 60. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo de libertinos, rebeldes, mundanos, valentões, galãs conquistadores, malandros e gente de classe baixa. O sapato é diferente do tênis, a calça de tergal é diferente de uma calça jeans, um par de óculos de grau é diferente de um par de óculos espelhados. Uma pessoa que se veste conforme o segundo modelo que apresentamos é um individuo cujo perfil não é tão formal e cristão. Fitas amarradas na cabeça ou um boné virado para trás ou brincos na orelha é um perfil de um rebelde e antissocial. As ideias destes é chocar os outros, eles querem revolucionar externamente quando estão em conflito interior. Os principais pivôs das “revoluções” são jovens de uma geração indefinida. “Não removas os limites antigos que fizeram teus pais” (Provérbios 22.28). 3 - DEMONSTRA LIBERDADE [ 61 ]
  61. 61. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A bermuda, o tênis, o boné, a camiseta sem mangas são peças de roupa que demonstram liberdade, este é um traje que pode ser visto no corpo de um executivo de férias ou em passeio de fim de semana. Mas não é o traje de um bancário ou dos que trabalham no Tribunal da Justiça. Este estilo de roupa é menos adequado que a roupa social, mas se permite como uso em casa onde a pessoa tem direito de ficar a vontade. 4 – DEMONSTRA SERENIDADE As roupas do cristão devem demonstrar serenidade e sobriedade principalmente quando estiver em publico e no convívio social. O estilo de roupa que mais se enquadra neste tipo são as chamadas “roupas sociais”, razão pelas quais as Testemunhas de Jeová, instituíram aos seus membros este estilo como o obrigatório para o trabalho de pregação de casa em casa. As denominações moralistas também exigem que os seus membros se vistam com roupas sociais e podemos afirmar que isto tem sentido, porque a roupa fala por você. A própria sabedoria popular testifica que a roupa social é o melhor padrão, geralmente o povo diz: “Fulano está bem vestido”. Ninguém pode alegar razões financeiras, pois as camisas sociais são geralmente mais baratas que as camisas de “marca”. [ 62 ]
  62. 62. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo V – MODA Quando um povo começa a se preocupar com coisas vulgares como a estética da roupa ou dos ornamentos, com certeza estamos diante de uma cultura decadente e afastada do verdadeiro culto a Deus. Por isso que os moralistas sempre denunciaram em sua cultura, em seu povo, em seu tempo e em sua região os desvios da moralidade cometidos pela sua gente, entre estes podemos citar o famoso historiador romano Tácito que censurou com extremo vigor a sociedade da sua época. Ele a incriminou por falta de modéstia, o crime de Roma era “ter deixado a singeleza de costumes e ter cedido lugar ao luxo desenfreado.” Muitos pesquisadores [ 63 ]
  63. 63. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo dos costumes e hábitos dos povos, chagaram a conclusão que o fim de uma civilização está sempre relacionado com a corrupção dos hábitos de vestimenta. A preocupação com a moda é a manifestação deste tipo de queda, as vestes de simples tornam-se complicadas e a finalidade de cobrir o corpo é substituída pela tendência de mostrar o nu. A Grande Enciclopédia do Conhecimento volume 8, pag 79 a 82 concorda plenamente com a doutrina bíblica sobre a moda e como a moda é um agente de destruição de uma sociedade: “Dentro da orgulhosa Roma dos Césares havia grande agitação social. Os escravos por toda parte se revoltavam. Os camponeses pobres apoiavam os exércitos bárbaros... iam, porém, as igrejas singelas, as mulheres, os bispos que deixavam muito a desejar quanto a moral e a pureza dos costumes... Na sociedade merovíngia reinava o paganismo, a fé cristã estava contaminada pelas crenças dos invasores, havia regressão na vida espiritual, e decadência nos costumes.” Nesta mesma obra citada também se diz que a moda vem como uma antevisão da destruição de uma civilização ou como diz a dita obra, literalmente: “Em Roma apenas se repetia o canto do cisne para morrer”. Vimos perplexos no século XX que tanto se orgulha de ser uma geração de racionalistas e que em questão de moda, mostram o mais ridículo comportamento. Meia dúzia de estilistas criava uma moda nas roupas e em volta de todo planeta as [ 64 ]
  64. 64. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo mulheres corriam as confecções e lojas a procura da roupa que está na moda, mulheres fracas de mente que para se sentirem bem vestidas se submetem a ditadura da moda. No livro “A Psicologia das Roupas” pag 97 se diz porque as mulheres são mais facilmente seduzidas pela moda: “Em vista disso, não é surpreendente que as mulheres sejam o sexo mais pudico e o mais exibicionista.” • - AS ROUPAS COLADAS O exibicionismo feminino é umas das causas constantes da igreja adulterar com o mundo, e essa fornicação espiritual começa pela corrupção nos trajes femininos, pois geralmente as mulheres que se acham bonitas sentem-se confortavelmente atraídas em “mostrar o que tem” e é por isso que os psicólogos sérios estão [ 65 ]
  65. 65. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo convictos de que as mulheres são em geral mais narcisistas que os homens. Como o próprio Freud afirmou no “Collected Papers”, no volume IV, pag 44, no livro “A Psicologia das Roupas” também diz o mesmo: “as mulheres são, talvez por natureza e certamente em virtude de nossas tradições sociais e sexuais, mais narcisistas do que os homens”. É por causa desta inclinação das mulheres que sempre devemos exortá-las para evitarem o sensualismo através das roupas como frequentemente vemos pelas roupas coladas que elas insistem em vesti-las para atraírem os homens mostrando o desenho do corpo. As roupas coladas são aquelas que modelam o corpo, são vestes justas e apertadas principalmente nas regiões sexuadas como os seios e as nádegas que os homens e as mulheres vaidosas gostam de se exporem. Usar saia não basta para que uma mulher diga: “Eu faço a vontade de Deus”. É preciso que ela também vista saia larga. Infelizmente as mentes mundanas não aceitam a sã doutrina e acusam a verdade de “exagero” e para inibir as irmãs ainda acrescentam: “Essas irmãs que usam saia larga e rodada parecem um saco, é coisa de velha!!!” As irmãs não devem dar ouvidos a essas vozes e devem tirar as medidas de suas roupas de acordo com a vontade de Deus e “não no desejo da lascívia” (I Tess 4.5). • – ROUPAS CURTAS [ 66 ]
  66. 66. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo À medida que a sociedade se deteriora ela vai manifestando a sua imoralidade ou a amoralidade por meio das roupas. Povos que não usavam roupas ou pouquíssimas roupas viviam em um tribalismo arcaico, povos de conceitos elevados de espiritualidade como os judeus, muçulmanos e cristãos sempre deram importância às roupas e as vestes compridas cobrindo decentemente o corpo. No século XX iniciou-se um processo de decadência moral, e culto ao corpo, na qual quem tinha corpo bonito se dedicavam a luxuria de ficar expondo sua nudez, verdadeira safadeza se escondendo debaixo dos mais estúpidos argumentos e desculpas. A bermuda e o short já foram a cueca de outro tempo... É incrível como o tempo muda as pessoas e muitas vezes não para melhor, mas para pior. Muitas organizações começaram no espirito, mas hoje, estão na carne, são trajetórias como a igreja dos gálatas (Gal 3.3), são denominações que pautam seus valores pelo mundo e não pela palavra de Deus. Mostrar as coxas é sensualismo, as pessoas não precisam expô-las ao publico para que tenham maior mobilidade ou se sintam a vontade. Talvez você seja alguém que use roupas curtas para acompanhar a moda, mas se quiser agradar a Deus mude os seus hábitos de vestuário, pois Deus quer que vistamos vestes longas. [ 67 ]
  67. 67. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo • – AS ROUPAS TRANSPARENTES As escravas das egípcias usavam frequentemente roupas transparentes. O povo de Israel apesar de ser advertido para não imitar os costumes pagãos, infelizmente as mulheres de Israel trouxeram esse modismo, o que provocou protesto dos profetas, como Isaías, pelo menos como aparece nas traduções (BLH) “saias transparentes” ou “camisas transparentes”. A verdade é que as roupas transparentes com o reflexo do sol, deixam a mostra o corpo ou as roupas intimas. Essas coisas são indecentes para as cristãs e cabe às irmãs vigiarem na hora de comprarem tecidos para suas roupas. As roupas transparentes é outra maneira de driblar a moral, a ética e a decência. Contudo, é inútil usar roupas compridas se essas são transparentes e deixam a [ 68 ]
  68. 68. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo mostra a roupa intima e as formas do corpo. Com certeza os profetas de cada período da historia do povo de Deus criticou este tipo de vestes feitas de tecidos finos, alias a BLH traduz assim Isaías 3.23: “As saias transparentes, os lenços de linho, os turbantes e as mantilhas”. Roupas de tecido fino como o linho era usado pelos homens da Bíblia, como os sumo sacerdotes (Êxodo cap 27, 28 e 29) Jesus, quando morto, foi envolvido com lenços de linho (João 19.40) e por ser transparente virou símbolo de pureza (Apoc 15.6). Vestir tecido fino desde que não seja sob luz forte e que torne visível as partes intimas, também não é errado se o tecido tiver forro por baixo. • – ROUPAS DECOTADAS • [ 69 ]
  69. 69. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Alguém disse certa vez que certas roupas são mais sensuais do que se a pessoa estivesse nua, e é verdade. Muitas pessoas percebe-se claramente, que não estão se vestindo por razões pudicas, mas para pecarem mais do que as pessoas de tribos selvagens que desconheciam a costura de pele e pano. A malícia que há nas indumentárias dos ditos “civilizados” são de escandalizar os anjos com milhões de horas dedicadas a serviço do mundo. Mário Donato chega a dizer que certas pessoas se vestem como “um elemento que é mais ou menos como um perfume para a flor: um meio para atrair a atenção do outro sexo.” O decote nas mangas que certas blusas possuem servem de atrativo para mostrar os seios, ou para despertar a cobiça e o interesse de vê- los, o decote na gola que é bastante aberta também é “um ataque aos seios” só que por outro flanco. Os decotes são detalhes nas roupas cujo objetivo é ainda mais enaltecer o corpo e a sensualidade. Os decotes são aberturas nas roupas que destacam um ponto sensual do corpo como as coxas e os seios. Os decotes são muito comuns no tórax aonde alguns chegam a exibir até partes dos seios excitando a curiosidade dos homens. O psicólogo Flugel comenta sobre esta tendência feminina de fazer as roupas com decotes: “Não é surpreendente que as mulheres sejam ao mesmo o sexo mais pudico e mais exibicionista.” • – ROUPAS EXTRAVAGANTES [ 70 ]
  70. 70. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Petronius Arbíter. A extravagância pode se esconder atrás de um nome mais sociável, como a elegância. Perucas ruivas, unhas pintadas de azul, corte de cabelo a moda funk, entre outras extravagâncias nos hábitos de vestir do ser humano devem ser repudiados, portanto é preciso entender o sentido da palavra “elegante” como gracioso e gentil tendo mais relação com os atos do individuo do que com a sua maneira de vestir-se. Um elegante nos conceitos pagãos foi Petronius Arbíter. Ele foi um ditador [ 71 ]
  71. 71. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo da moda na época de Nero, o César responsável por executar o grande missionário dos gentios, Paulo. Petronius era escritor e poeta, mas ele entrou na história pela sua “elegância” como atraia a atenção de todas as mulheres, dizia-se que ele era impecável com a sua roupagem, Eunice, sua escrava era responsável pelo seu guarda-roupa, ele se vestia com tamanha elegância que acabava chamando mais atenção das pessoas do que Nero vestido com trajes de imperador, mas a sua elegância acabou sendo o crime que o levaria a ser sentenciado a morte pelo imperador, que ficou enciumado dele por causa das intrigas de Ofônio Tigelino. A extravagância é ditada pela moda que muitas vezes alarga a boca da calça, o tamanho do colarinho, a quantidade de botões, os estilistas em geral são criadores de inutilidade e não é à toa que os moralistas estão sempre se opondo a eles. As extravagâncias também podem estar nas cores ou desenhos dos tecidos. Roupas em xadrez já provocaram escândalos, mas também já tiveram significado especial como diz uma obra literária sobre vestuário: “Em outros casos, as diferenças podem distinguir famílias ou clãs, como no caso do xadrez escocês apesar de que, em tais casos, estão usualmente também presentes em certas associações locais secundarias”. Portanto o discernimento é muito importante para distinguir o que é extravagante e o que não é. Uma coisa é certa, é que não devemos adotar nenhuma [ 72 ]
  72. 72. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo mudança ditada pela moda, porém, se a moda for incorporada a cultura e ela não for oposta as leis do vestuário, então o que era extravagante pode ser depois aceito como normal, mas não sem que antes haja considerações. • - ROUPAS RACHADAS Porque as mulheres fazem as roupas com rachadura? Se é para andar com mais facilidade, então porque em vez de rachar a saia, elas não usam a saia mais larga? Simples, a amostra de um pedaço da coxa excita o desejo pelo resto que se oculta na saia. A vaidade intriga os maiores pensadores, o editor da Enciclopédia Antônio Lopes se questiona em uma das suas obras: “Animal, anjo, ou besta, por que o homem se veste? Se é para proteger-se do frio, isso não justifica a variedade”. As rachaduras na saia são “invenções para fazer o mal” (Romanos 1.30). O padrão é não usar saia rachada, porém é tolerável se a rachadura não mostrar as pernas acima do joelho. [ 73 ]
  73. 73. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo VI – AS PEÇAS DE VESTUÁRIO As peças de vestuário são basicamente dois tipos: as vestes de uma peça (vestido, túnica) e as vestes de duas peças (camisa e calça, blusa e saia, camiseta e bermuda). Analisemos as peças de vestuário humano. 1 – TÚNICA A túnica consiste em uma roupa semelhante a um camisolão, e não tinha nenhuma divisória nas pernas, em geral se estendiam até os pés, ou até ao meio das canelas, no final da Idade Média a túnica começou a diminuir de tamanho e foi gradativamente desaparecendo dos guarda-roupas europeus. Na terra de Israel essa era a veste usada por todos, já que não existia calça comprida, mas assim mesmo havia a túnica de homem e [ 74 ]
  74. 74. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo a túnica de mulher uma composta por uma só peça e a outra de duas peças. 2 – SAIA As roupas sem bifurcação como a saia, o vestido e a túnica são as formas mais primitivas de vestes, a saia é roupa peculiar de mulher, principalmente na civilização ocidental. Os romanos já usaram saia quando praticavam esportes (as corridas de biga) e quando serviam o exercito, era na verdade uma saia curta que ficava acima do joelho. A ordem de Deus 22.5 equivale no mundo moderno a saia para mulher e a calça para homem. 3 – SAIA-CALÇA As saias calças podem ser usadas pelas mulheres desde que seja feita com duas pregas (uma na frente e outra atrás), exteriormente esta é igual a saia, a [ 75 ]
  75. 75. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo diferença é que ela é bifurcada, separando as pernas. A saia-calça tem a vantagem de evitar o atrito entre as pernas, principalmente das mulheres de pernas grossas ou que sejam gordas. A saia-calça é também útil porque para uma crente que não pode usar roupa de homem (calça) a saia-calça favorece as mulheres na atividade como andar a cavalo e de moto. A saia-calça não é pecado. Primeiro porque ela é veste de mulher e não de homem, desde quando foi criada. Em segundo lugar a saia-calça não é pecado porque tem como parte do nome “calça”. Se assim fosse deveríamos proibir também a meia-calça. Os radicais extremistas devem considerar se a veste é de homem ou de mulher e não qual nome que esta peça de vestuário recebeu. 4 – CALÇA A calça ou a veste bifurcada se entronizou no mundo na Idade Média pelos europeus e depois se tornou a veste mundial no séculos seguintes. A calça foi incorporada como roupa exclusiva dos homens, mas em meados do século XX com o movimento feminista, mulheres rebeldes passaram a usar para demonstrar rebeldia. Rebelando-se contra a ordenança divina de soberania masculina (I Cor 11.3; Efes 5.23; I Tim 2.10-14; I Pedro 3.6-7). As mulheres começaram a usar calça como símbolo de quem manda em casa, pois se ouvia: “Quem usa calça aqui sou eu”. Isso significando “Eu tenho a autoridade sobre esta casa”. A grande Enciclopédia do [ 76 ]
  76. 76. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Conhecimento na pag 244 concorda que o habito das mulheres usarem calça originou-se de um processo feminino de se tornarem “homens” e que por isso contraria a Deuteronômio 22.5: “A moda masculinizada entre as mulheres se implantou em 1953”. Contudo em regiões geladas uma roupa bifurcada se faz necessário nos dois gêneros, mas devendo permanecer as diferenças em outros pontos da veste. Filme de 1956 “E Deus criou a mulher.” sobre a rebeldia feminina. 5 - BERMUDA [ 77 ]
  77. 77. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A bermuda que muitos vestem em publico foi em meados do século XX a cueca samba-canção. A bermuda como roupa para se vestir em publico é impróprio, mas se admite como roupa de banho, para cavalgar em zona rural, como roupa para ficar a vontade em casa. Na mulher a bermuda pode ser usada como roupa intima. A bermuda deve medir até o joelho, acima daí não pode ser classificada de bermuda, mas de short (palavra que em inglês quer dizer curto). 6 – SHORT O short esta mais para roupa intima do que roupa para ser usada em público. O short não é conveniente para o cristão porque é uma roupa muito curta, jamais em Israel de Moisés ou em Israel de Jesus essa roupa seria aceita porque o tamanho do short não cobre as coxas. Durante séculos nem os países cristãos, nem as igrejas cristãs aceitaram qualquer vestuário deste tamanho. Quem está vivendo depois de meados do século XX possui uma mente sem o tino moral básico para ser um cristão fiel. 7 – PIJAMA O pijama trata-se de uma roupa leve, de tecido fino e/ou confortável. O povo pobre pouco usou este vestuário, mas também muitas pessoas não vestem por cansaço do dia-a-dia e depois de enfrentar tantas [ 78 ]
  78. 78. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo etiquetas e burocracia da vida moderna, quando chega quer mesmo é ficar a vontade. A camisola é a roupa feminina de dormir. Muitas pessoas escolhem roupas velhas e laceadas para serem roupas de dormir, já que ficaram desgastadas para sair. Os menos favorecidos usam a criatividade para vencer as adversidades. 8 – CASACO O casaco não foi feito para vestir, mas para revestir, este serve para agasalhar contra o frio e, portanto, sempre existiu, sendo confeccionado com muitos materiais diferentes como: lã, pele e algodão. A capa muitas vezes citada nas Escrituras era o casaco primitivo que já servia para revestir. 9 - JAQUETA [ 79 ]
  79. 79. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A jaqueta é diferente do casaco em poucos detalhes, um dicionário de FAE diz que é o tamanho: “Casaco curto que chega só ate a cintura”. Não há nada demais na jaqueta, mas deve-se evitar as que tenham excesso de botões ou estampas de rock, marca de produtos ou figuras como Che Guevara e outros lixos. 10 - FRALDAS Panos na qual se agasalha as crianças, em outros tempos eram trapos muito simples. Em tempos recentes uma serie de inovações foram incorporadas no auxilio das mães. As fraldas descartáveis e as fraldas com gel para manter o bebê seco são alguns auxílios dos tempos modernos. Tudo o que for para o conforto do bebê é licito (Isaías 49.15). 11 – CAMISA [ 80 ]
  80. 80. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A camisa é uma veste muito comum, geralmente é roupa de homem, enquanto a mulher usa blusa, a diferença consiste no detalhe do bolso que há no peito da camisa masculina, o que na blusa feminina não seria conveniente porque ficaria um peso nos seios da mulher. 12 – BLUSA Peça do vestuário que cobre a parte superior do corpo: O tórax e a barriga. A blusa com rendas com detalhe diferente no colarinho indica que é blusa feminina. Quanto a camiseta ela é assexuada podendo ser vestida tanto por homem como por mulher, é como o chinelo. 13 – TERNO O terno é uma roupa tipicamente europeia e completamente incompatível para os países do hemisfério sul como os países tropicais da América e África, não bastasse o calor natural, por ignorância e agressão cultural os europeus, no período de colonização, impôs seu poder politico, econômico e cultural aos países colonizados entre outras formas de ditadura veio o costume inglês de vestir terno. O terno não existia nos dias de Jesus, mas algumas denominações cristãs descaradamente inventam ideias absurdas como impor como doutrina o habito dos homens assistirem o culto trajando terno, como é o caso da Congregação Cristã, que chega a ser obrigatório para os músicos. Outras denominações tornaram o terno roupa sacerdotal, ou seja, [ 81 ]
  81. 81. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo ninguém pode pregar no culto se não estiver com terno. O terno é apreciado mais pelo seu valor estético do que pela sua utilidade. É comum ouvir alguns crentes que defendem o terno dizerem: “Não vejo nada de mais no terno, é tão bonito!” Esta imposição de pregar com terno como fazem muitas igrejas, em especial no Brasil (no século XX), tem servido aos propósitos diabólicos de escandalizar o nome de Cristo, pois muitos dos não-salvos ficam espantados ao verem em pleno meio dia de domingo crentes engravatados no pescoço e com terno no lombo, e muitos vezes criticam: “Estes crentes estão loucos”. Todo ano vemos centenas de crentes passarem mal nos cultos por causa do terno. O terno pode ser “legal” no empresário ou industrial que tem ar condicionado no carro e no escritório, mas para quem mora em uma casa de telhas de fibra, trabalha de vendedor de rua e tem como veiculo uma bicicleta ou carro velho e além do mais frequenta os cultos em prédios mal ventilados, chega mesmo a ser ridículo. Quem prega que o terno agrada a Deus quando o homem vai ao culto vestido com ele e que o obreiro de verdade deve pregar no culto com o terno deve ler I Cor 4.6 “Em nós, aprendais a não ir além do que está escrito”. As diretorias dessas denominações em vez de gastarem tempo inventando besteira, ou acompanhando o lançamento de novas modas deveriam estudas as [ 82 ]
  82. 82. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Escrituras e aprenderem qual é a vontade de Deus, mas estes mesmos são aqueles que combatem teologia e a obrigatoriedade do ensino bíblico aprofundado. 14 – AVENTAL Veste simples, mas de criação recente (Idade Moderna). O avental surgiu até como uma necessidade higiênica, tanto é que são os profissionais da área médica, limpeza ou de alimentos que mais utilizam aventais como uniforme. 15 – QUIMONO O quimono é um traje tipicamente japonês, ele é bem justo nos quadris, e depois vai abrindo em roda, ele geralmente é colorido e enfeitado com estampas. A maga larga vai descendo até os pés. A faixa brilhante na cintura dá um efeito de contraste. Hoje tem caído em desuso e só é usado em outras culturas em apresentações. VII – ACESSÓRIOS DE ROUPA Os acessórios são peças secundarias de um equipamento. O terno é um equipamento, mas a gravata é um acessório. O chassi é um equipamento do carro, mas o ar condicionado é um acessório, portanto temos no [ 83 ]
  83. 83. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo acessório em geral um material útil, mas nem sempre imprescindível. Algumas peças são invariavelmente equipamentos de vestuário obrigatório como as roupas que cobre o corpo do tórax as pernas. Os calçados são acessórios das roupas, mas são acessórios de primeira necessidade, da mesma forma que um carro não pode circular sem rodas. 1 – BOTÃO O botão é um acessório que está presente na calça, na camisa, na blusa, no casaco, no terno e outros mais. É confeccionado dos mais diversos materiais, como osso, plástico, metal, madeira, possui tamanhos diferentes, as mais diversas formas, tanto é que há colecionadores excêntricos que colecionam botões. Os botões nem sempre estão sendo usados com fins utilitários, os botões devem ser incorporados nas roupas para fechar a camisa, e outras partes das roupas que se [ 84 ]
  84. 84. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo fazem necessárias. Os botões que estão nas roupas só por enfeite são desaconselháveis para o cristão espiritual e modesto, devemos reagir contra as modas dos estilistas que não tendo mais o que inventar criam inutilidades. Os enfeites nas roupas não são combatidos como os enfeites que vão no corpo, mas de qualquer maneira desaconselhamos como os ternos com excessos de botões na barriga e no pulso. 2 – ENCHIMENTO O enchimento é artificio usado pelos modistas para dar novas formas ao corpo o tornando mais sensual. O enchimento na roupa deve ser combatido porque não tem outro fim senão atrair a atenção para os membros do corpo, é narcisismo puro. O enchimento faz parte do culto ao corpo (narcisismo) tão enfatizado no fim dos tempos. Os enchimentos são colocados em partes altamente sensuais das mulheres, são os “bumbuns artificiais”, principalmente em povos cujas mulheres não têm nádegas grandes, elas gostam deste artificio para chamarem a atenção dos homens. Outro tipo de enchimento é colocado na cueca a fim de parecer que o órgão sexual é bastante volumoso, esse acessório é usado por homens em jogos eróticos para atrair a atenção feminina. No jogo da sedução o acessório do enchimento também é usado nos seios, na verdade o enchimento vai por trás do sutiã para dar uma aparência de “seios grandes” o que atrai muitíssimo a atenção do homem. [ 85 ]
  85. 85. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Com as novas tecnologias e ciências a serviço da estética, se faz implante de silicone por baixo da pele. Outro ponto que dá forma exuberante ao corpo são as ombreiras, apesar de não serem sensuais como os seios, os ombros também são sexys, decotes que deixam amostra um dos ombros é a forma de atrair o sexo oposto, com a mesma intenção foi criado também o enchimento de ombros tanto na roupa masculina como na feminina, aquelas pessoas simplórias e sem discernimento que dizem que os enchimentos não tem nada a ver, não sabem com quais intenções os modistas os criaram, se o enchimento de ombro não é sensual, então porque inventaram? Qual a utilidade do enchimento de ombro? 3 – MEIA [ 86 ]
  86. 86. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo A meia é um acessório que se usa nos pés, as meias servem para aquecer os pés nas noites frias quando se vai dormir, além de proteger os pés, deixando- os mais confortáveis quando se calça um sapato. Dificilmente se usa meias com calçados abertos. A meia pode ser de várias cores, mas deve-se evitar a extravagancia e a moda. Algumas denominações radicais proíbem meia-calça porque tem o nome de “calça” como se o nome “calça” fosse proibido a mulher, se assim fosse a “calcinha” também deveria ser proibida, pois é um diminutivo de calça. A meia-calça pode ser usada pelas mulheres pois ela ajuda a preservar a pele e a temperatura do corpo. A meia-calça é um acessório útil porque protege as pernas contra o frio, por isso não tem nada de errado, todavia, não se deve usar cores aberrantes ou que torne as pernas sensuais. 4 – GOLA Segundo o dicionário da FAE “parte do vestuário junto ao pescoço ou em volta dele; colarinho”. Em cada época um detalhe da roupa ou um acessório acaba se tornando alvo central da moda, podemos dizer que no século XX como em boa parte da historia o colarinho ou a gola sempre estiveram livres do assedio da moda. Hoje os historiadores, mesmos os profanos, concordam que as golas do século XV e XVI foram extremamente escandalosas, havia golas que chagavam até o umbigo. Não raro havia golas que chagavam até a cintura, eram [ 87 ]
  87. 87. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo tão cheia de enfeites que chagavam ao ridículo, eram tantos os detalhes que nem os palhaços dos séculos posteriores usariam. 5 – COLETE O colete é uma peça de roupa usada para cobrir o tórax e o abdômen. O colete pode ser usado por baixo da camisa ou por cima da camisa. O colete usado por soldados medievais eram feitos para resistir a golpes de espada ou a perfuração de flechas, os cavalheiros que usavam armaduras começaram a abandonar as armaduras quando as armas de fogo surgiram no cenário social, já que os coletes não seguravam o impacto dos projeteis. Nas Escrituras o colete era chamado de couraça, nos tempos bíblicos eram feitos de malha, couro, algodão, linho e dos metais de bronze e ouro. Golias [ 88 ]
  88. 88. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo usava um colete de bronze: “E vestia uma couraça escama de bronze” (I Samuel 17.5). O colete sempre foi usado para proteger contra os inimigos naturais (frio) ou inimigos sociais, como os coletes a prova de bala, usado pela polícia e grandes personalidades quando há perigo de atentado. 6 – LENÇO O lenço é um acessório higiênico e que por essa razão encaixa-se naquelas leis sobre indumentárias, todavia, lenços que não tiverem a finalidade de assoar o nariz, ou seja para limpar o muco, deve-se proibir. Lenço não é para exibir no braço (como uma pulseira) nem no pescoço (como um colar), nem no bolso (como uma caneta). O lenço deve ficar dentro do bolso, na bolsa se realmente quiser usá-lo como utilitário. 7 – CINTO O cinto é um acessório da roupa que varia de espessura, o que leva também a vários nomes designados como cinto, cinta, cinturão etc. como já temos estudado, muitas vezes uma peça de roupa possui uma utilidade prática e outras vezes são utilizadas por uma vaidade. No cinto existe esses dois lados. Na verdade na maioria das sociedades o uso do cinto tem sido usado por pura estética e, portanto, deve ser combatido, ou não se deve exigi-lo. O cinto adquiriu tamanho status na igreja que nenhuma igreja a proibiu, aliás, as denominações que [ 89 ]
  89. 89. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo chegam ao cúmulo de proibir que os crentes andem sem cinto, outras em atitudes mais coerentes e querendo combater as extravagâncias até limitando o tamanho do cinto, pois realmente alguns crentes por vaidade ou por moda usam cintos com imensas fivelas. Ruth Guimarães no seu texto sobre o vestuário ainda nos diz outra razão abusiva que leva as pessoas a usarem cintas: “As mulheres inauguraram o uso de espartilhos e cintas, para adelgar e manter a linha jovem e ousada de busto.” 8 – GRAVATA A gravata é um colar cujas diferenças dos colares tradicionais são: A – LARGURA: O colar de pedras e metais é estreito enquanto a gravata por ser de pano é mais larga. [ 90 ]
  90. 90. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo B – MATERIAL: Os colares tradicionais são de metais, pedras, paus e ossos enquanto as gravatas são feitas de pano. C – POSIÇÃO: Os colares tradicionais são enfeites que estão em contato direto no pescoço, enquanto a gravata não é colocada diretamente no corpo, mas acima da camisa, ainda que, como o colar, também é posicionada no pescoço. A gravata não tem utilidade, a gravata não protege, a gravata não é saudável (aperta a garganta). A gravata não tem nada de pudico, ao contrario, a sua origem é de um francês cujas preferencias sexuais, segundo dizem, eram homossexuais. A gravata só é permitida como um sinal para identificar um funcionário de uma empresa, caso seja este o sistema adotado pela companhia que o cristão trabalha. Como os colares estão na lista negra das Escrituras (Isaias 3.18), o colar de pano (gravata) também deve ser reprovado. Uns 600 milhões de homens em todo o mundo a usam. Na Alemanha, cada homem tem umas 20 gravatas. Muitos já se perguntaram com certa irritação, ao colocá-la: Quem foi que inventou isso? Onde ela se originou? Steenkerke, uma cidade na Bélgica, reivindica a honra de ter "inventado" a gravata. Em 1692, [ 91 ]
  91. 91. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo forças inglesas fizeram um ataque-surpresa contra as tropas francesas aquarteladas ali. De acordo com o jornal alemão Frankfurter Allgemeine Sonntagszeitung, "os oficiais (franceses) não tiveram tempo de se vestir adequadamente. Mas, num piscar de olhos, eles ataram os lenços do uniforme ao redor do pescoço num nó solto e enfiaram as pontas nas casas dos botões da jaqueta. Voilà, nasceu a gravata!" No entanto, a novidade da moda lançada pelos soldados não era exatamente nova. Os peritos na história das gravatas explicam que, séculos antes disso, os guerreiros do imperador chinês Cheng (Shih Huang Ti) usavam um tipo de lenço dobrado ao redor do pescoço, para indicar a sua posição. Talvez os mais famosos, no entanto, fossem os lenços usados pelos croatas que lutavam pelo Rei Luís XIV, da França. Durante um desfile de vitória em Paris, os franceses ficaram tão encantados com os lenços usados pelos croatas que os chamaram de cravates, alusão a Cravate, que significa croata, e também passaram a usá-lo. "Dali em diante", escreve o jornal, "não havia como parar a moda das gravatas, embora os soldados em Steenkerke tenham sido os primeiros a atar o lenço com um nó". Durante a Revolução Francesa (1789-99), o homem indicava a sua inclinação politica pela cor de seu "croata", ou lenço, em torno do pescoço. No século 19, a elegante sociedade europeia "descobriu" esta peça do vestuário. [ 92 ]
  92. 92. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Foi então que a cravat foi elevada do cenário militar e político, passando a fazer parte do guarda-roupa masculino. Hoje, a gravata não só é aceita no mundo todo; em certos ambientes e eventos, é obrigatória. (9) 9 – BOLSO O bolso é um detalhe colocado a mais na calça, na camisa, na jaqueta, no paletó, na saia, no vestido etc. Raso ou fundo, por fora ou embutido por dentro, a verdade é que o bolso é muito útil, principalmente para a vida urbana onde o bolso serve para guardar temporariamente alguns objetos pequenos, moedas, papeis etc. 10 – BROCHES [ 93 ]
  93. 93. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Os broches são também enfeites que vão presos a roupa, em geral os broches identificam o usuário com uma ideologia, associada a partidos políticos usam com as iniciais da associação a que pertencem. Os sionistas usam broche para pregarem suas ideias, os torcedores também usam broches com o símbolo do seu time. Adeptos de religiões trazem as palavras chaves da sua crença, devemos entender que a tecnologia e as inovações culturais não são todas malignas, o carro que atropela pode ser a condução que leva o operário a porta da fábrica onde trabalha, o calibre do revólver do ladrão pode ser o mesmo do revólver do policial, portanto um broche que leva uma mensagem vã pode ser do mesmo tipo que traz uma mensagem cristã. 11 – LUVA Uma enciclopédia brasileira define assim luva: “A luva, roupa de mão, no mesmo sentido em que o calçado é roupa de pé.” É originária da Pérsia. As primeiras de que se tem notícia eram inteiriças, destacando-se de todo apenas o polegar. Em Roma eram usadas para serviços mais grosseiros e somente mais tarde serviu para aquecer as mãos. No sétimo século tornou-se objeto de luxo. A luva de dedos separados apareceu no século XII. Tornou-se comum, como o gesto de desafio, atirar as luvas à cara do adversário. VIII – ROUPAS ÍNTIMAS [ 94 ]
  94. 94. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo Segundo as previsões dos psicólogos o rumo da humanidade materialista, irreligiosa e amoral chagará ao cúmulo de andarem nus em público. Somente com roupas intimas, até que estas também desaparecerão. Dois deles foram Gerald Heard e Knight Dunlap. Heard disse que acreditava que a nudez será o alvo dos dois sexos e que em poucos anos as mulheres exporão todo o corpo em publico. Enquanto Knight escrevendo ao jornal de Psicologia Geral no artigo intitulado “O desenvolvimento e função das roupas” declarou que segundo os resultados da sua pesquisa filosófica e histórica, considera que a roupa esta destinada a sumir da terra. 1 – CUECA A cueca é atualmente um pequeno calção ou ceroula que se usa como roupa intima masculina. A mulher não deve vesti-la porque é traje de homem (Deut 22.5). Além do mais, se a cueca estiver suja com esperma e a mulher vesti-la, existe uma possibilidade ainda que rêmota da moça engravidar. Pois se houver espermatozoides vivos e eles tiverem acesso a vagina, estando a mulher nos dias férteis, caso, chegue ao ovulo é uma gravidez na certa. Deve-se evitar cuecas apertadas, pois apertam a cintura e as virilhas prejudicando a circulação sanguínea, ainda que o sensualismo entre o casal é permitido. Razão porque alguns homens vestem estas cuecas. O melhor tipo são as folgadas e compridas, elas são mais saudáveis e [ 95 ]
  95. 95. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo confortáveis, e afinal, o zelo ao corpo deve preceder a beleza. Roupa intima 1900. 2 – LINGERIE A palavra de origem francesa que significa literalmente “comércio de roupas brancas, rouparia de hospital e colégio”. O lingerie tem sido usado como sinônimo de calcinha, isto é, a roupa íntima feminina. A calcinha é uma proteção ao órgão genital, principalmente [ 96 ]
  96. 96. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo quando a mulher está menstruada, pois é a calcinha que sustenta o absorvente. 3 – SUTIÃ O sutiã como a cueca é uma roupa intima, ambas tem uma utilidade moral e descente, afinal o órgão masculino quando está excitado (muitas vezes sem intenção) é seguro pela cueca, impedindo que fique a mostra o grande volume na calça. O sutiã também tem a mesma finalidade, muitas vezes involuntariamente o bico dos seios cresce deixando a mulher em uma situação constrangedora. Portanto há utilidade pudica no sutiã. O que chama mais a atenção do sexo masculino, é uma mulher com os seios devidamente acomodados ou arrebitados e pontiagudos? A solução para este dilema é as mulheres usarem sutiãs menos sensuais possíveis, e o mais modesto que puderem. 4 – ABSORVENTE O absorvente é um acessório de grande utilidade para as mulheres, pois sem ele a mulher não pode nem sair de casa. Nos tempos antigos as mulheres usavam retalhos de pano, ou algodão. Ainda hoje em famílias pobres o absorvente industrializado é substituído por papel higiênico colocado em dobras entra a vagina e a calcinha. Nas Escrituras Sagradas, tais artifícios eram chamados de trapos de imundícia (Isaias 64.6), muitas mulheres ficavam em uma situação tão desconfortável [ 97 ]
  97. 97. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo que nem saiam de casa e nem se levantavam para atender as visitas como ocorreu com Raquel (Gênesis 31.35). 5 – SAIOTE O saiote é uma saia curta usada por debaixo da saia. O saiote também é um revestimento interno que ajuda a neutralizar a visibilidade interior quando o tecido da saia é fino ou transparente, recomenda-se usa-lo por baixo de saias transparentes. 6 – BABY-DOLL O baby-doll é uma roupa extremamente sexy, tanto é que só é usada na intimidade, muitas mulheres usam-na quando vão dormir, mas o baby-doll chega a ser uniforme (devido aos apelos sexuais) de muitas [ 98 ]
  98. 98. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo prostitutas, pois é considerado uma arma fatal para atrair sexualmente os homens, não há razões para uma moça usa-lo, mas só entre o casal. Se eles concordarem sobre o assunto, não há nada a condenar, pelo contrário, as mulheres devem procurar ser sexys para seus próprios maridos. O baby-doll ajuda a atrair sexualmente o seu esposo e este é um mandamento para as mulheres, como é para os homens um mandamento ficarem seduzidos perpetuamente por suas esposas. IX – CABELO Deus criou os humanos com uma característica muito peculiar da nossa espécie que difere dos demais seres vivos criados, trata-se do cabelo que cobre a cabeça tanto do homem como da mulher, É da vontade de Deus que haja clara distinção dos sexos masculino e feminino. Podemos ver estas distinções dos dois sexos em diversas partes do nosso corpo como no rosto do homem que os hormônios produzem a barba que é peculiar ao sexo masculino, já na mulher os hormônios trabalham de maneira a ondular e dar formas mais graciosas como o afinamento da cintura e o crescimento dos seios, os seios dos homens por outro lado são atrofiados e não crescem. Os ossos dos homens são mais compactos e por isso mais resistentes do que os ossos [ 99 ]
  99. 99. Como se vestem os santos, por: Escriba de Cristo das mulheres, aliás, esta é a razão porque os recordes de atletismo são sempre maiores os obtidos pelos homens do que os obtidos pelas mulheres. A carne do homem também difere da carne da mulher, a do homem é mais dura do que a da mulher. 1 – CABELO DE MULHER Essas diferenças se estendem por varias partes do corpo, e é desnecessário dizer do próprio órgão genital. A diferença entre o cabelo da mulher não é a cor, nem a localização nem o tipo, e sim o tamanho. Nas Escrituras fala-se sobre isso, bem como o que podemos observar da historia da humanidade. [ 100 ]

×