<ul><li>CRESCIMENTO E RENOVAÇÃO CELULAR </li></ul>Biologia: Unidade 5
<ul><ul><li>Como explicar a enorme </li></ul></ul><ul><ul><li>diversidade de seres vivos na natureza (biodiversidade)? </l...
<ul><ul><li>Como é transmitida a informação genética à descendência? </li></ul></ul>Algumas questões prévias…
<ul><ul><li>De que depende o crescimento celular, o desenvolvimento e a regeneração de tecidos? </li></ul></ul><ul><ul><li...
<ul><ul><li>Onde está toda a informação genética? </li></ul></ul><ul><ul><li>Qual o constituinte celular responsável pelo ...
Possível explicação: as bactérias mortas do tipo S transmitiam algumas informações às bactérias do tipo R, que as transfor...
Em 1944, Avery e MacLeod isolaram diferentes compostos químicos das bactérias S e separadamente testaram-nos nas bactérias...
Em 1952, Hershey e Chase estudaram o bacteriófago T2.   <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Alfred...
Estes vírus têm DNA dentro de uma cápsula proteica e dependem de bactérias para se reproduzirem. As bactérias após a ligaç...
As proteínas presentes na cápsula do vírus, não penetram na bactéria .  <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></u...
O DNA do vírus penetra na bactéria. Portanto, é esta a molécula viral que contém a informação para a produção de novos vír...
DNA - função <ul><li>As experiências de Hershey e Chase demonstraram que o DNA  contém a informação genética que é transmi...
<ul><li>Um pouco da história de Biologia… </li></ul><ul><li>A determinação da composição química do DNA contribuiu para o ...
DNA - estrutura <ul><li>Qual a estrutura do DNA? </li></ul><ul><li>Várias investigações contribuíram para estabelecer a es...
<ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Entre 1944 e 1952, Chargaff  e colaboradores analisaram amostr...
A=T e C=G,  pelo que: (A+C)/(T+G)≈ 1  <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Estabeleceram a Regra de...
Em 1950, Franklin analisou o DNA com a técnica de difracção de raios-X, permitindo concluir que  o DNA tem uma estrutura e...
<ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Em 1953 James Watson e Francis Crick propuseram um modelo trid...
Estrutura do  DNA
A estrutura da molécula do DNA <ul><li>É formada por 2 cadeias polinucleotídicas enroladas em hélice; </li></ul><ul><li>As...
<ul><li>O DNA está associado a proteínas – as histonas formando fibras de cromatina. </li></ul><ul><li>A cromatina pode es...
Número de cromossomas por espécie O número de cromossomas é característico da espécie
Matias , Osório e outros – Biologia 11, 1ª Edição, Areal Editores, 2004 Reis, Jorge e outros - Preparação para o Exame Fin...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Crescimento e renovacao_celular_-_historia_e_estrutura_do_dna

4,797 views

Published on

Crescimento e renovacao_celular

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,797
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
5
Actions
Shares
0
Downloads
109
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Crescimento e renovacao_celular_-_historia_e_estrutura_do_dna

  1. 1. <ul><li>CRESCIMENTO E RENOVAÇÃO CELULAR </li></ul>Biologia: Unidade 5
  2. 2. <ul><ul><li>Como explicar a enorme </li></ul></ul><ul><ul><li>diversidade de seres vivos na natureza (biodiversidade)? </li></ul></ul>Algumas questões prévias…
  3. 3. <ul><ul><li>Como é transmitida a informação genética à descendência? </li></ul></ul>Algumas questões prévias…
  4. 4. <ul><ul><li>De que depende o crescimento celular, o desenvolvimento e a regeneração de tecidos? </li></ul></ul><ul><ul><li>Como explicar o facto das células de um indivíduo não serem todas iguais? </li></ul></ul>Algumas questões prévias…
  5. 5. <ul><ul><li>Onde está toda a informação genética? </li></ul></ul><ul><ul><li>Qual o constituinte celular responsável pelo armazenamento e transmissão da informação genética? </li></ul></ul><ul><ul><li>PROTEÍNAS ????? </li></ul></ul><ul><ul><li>DNA ????? </li></ul></ul>Algumas questões prévias…
  6. 6. Possível explicação: as bactérias mortas do tipo S transmitiam algumas informações às bactérias do tipo R, que as transformam, tornando-as virulentas. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Em 1928, Griffith estudou as linhagens S (smooth) e R (rough) das bactérias Diplococcus pneumoniae em ratos de laboratório. </li></ul>
  7. 7. Em 1944, Avery e MacLeod isolaram diferentes compostos químicos das bactérias S e separadamente testaram-nos nas bactérias R para identificarem qual é que tornava virulentas estas bactérias. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul>Concluíram que o DNA era o único composto que transformava as bactérias R em S. No entanto, continuavam as dúvidas na comunidade científica
  8. 8. Em 1952, Hershey e Chase estudaram o bacteriófago T2. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Alfred Hershey (1908-1997) e Marth Chase (1927- 2003) </li></ul>
  9. 9. Estes vírus têm DNA dentro de uma cápsula proteica e dependem de bactérias para se reproduzirem. As bactérias após a ligação dos vírus, passam a produzir DNA viral e proteínas, produzindo-se novos vírus. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Hershey (1908-1997) e Chase (1927- 2003) – trabalhos com com bacteriófagos </li></ul>
  10. 10. As proteínas presentes na cápsula do vírus, não penetram na bactéria . <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Hershey e Chase criaram duas estirpes de vírus T2. </li></ul><ul><li>Uns possuíam os isótopos radioactivos 32 P (nos nucleótidos do DNA) e outros os 35 S (nas proteínas). </li></ul>
  11. 11. O DNA do vírus penetra na bactéria. Portanto, é esta a molécula viral que contém a informação para a produção de novos vírus pela bactéria. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Estas experiências vieram contrariar a hipótese de serem as proteínas as moléculas responsáveis pela transmissão das características genéticas. </li></ul>Bactérias com DNA viral radioactivo
  12. 12. DNA - função <ul><li>As experiências de Hershey e Chase demonstraram que o DNA contém a informação genética que é transmitida de geração em geração. </li></ul><ul><li>Com estas experiências foi definitivamente aceite pela comunidade científica a importância do DNA . </li></ul>
  13. 13. <ul><li>Um pouco da história de Biologia… </li></ul><ul><li>A determinação da composição química do DNA contribuiu para o conhecimento da sua estrutura. </li></ul>Os nucleótidos - as unidades base do DNA
  14. 14. DNA - estrutura <ul><li>Qual a estrutura do DNA? </li></ul><ul><li>Várias investigações contribuíram para estabelecer a estrutura do DNA </li></ul>
  15. 15. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Entre 1944 e 1952, Chargaff e colaboradores analisaram amostras de DNA de diferentes espécies. </li></ul>Verificaram que em cada espécie há uma grande semelhança entre as quantidades de timina e de adenina, por um lado, e de citosina e guanina, por outro
  16. 16. A=T e C=G, pelo que: (A+C)/(T+G)≈ 1 <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Estabeleceram a Regra de Chargaff </li></ul>
  17. 17. Em 1950, Franklin analisou o DNA com a técnica de difracção de raios-X, permitindo concluir que o DNA tem uma estrutura em hélice . <ul><li>Um pouco de História da Biologia … </li></ul><ul><li>Rosalind Franklin (1920-1958). </li></ul><ul><li>Wilkins preparou amostras de DNA para a difracção </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Um pouco de História da Biologia… </li></ul><ul><li>Em 1953 James Watson e Francis Crick propuseram um modelo tridimensional para a estrutura da molécula de DNA. </li></ul><ul><li>Em 1962, foi atribuído a Watson, Crick e Wilkins o Prémio Nobel da Medicina pelos seus trabalhos. </li></ul><ul><li>FranKlin não foi incluída no prémio pois já tinha falecido </li></ul>
  19. 19. Estrutura do DNA
  20. 20. A estrutura da molécula do DNA <ul><li>É formada por 2 cadeias polinucleotídicas enroladas em hélice; </li></ul><ul><li>As 2 cadeias estão unidas por pontes de hidrogénio que se estabelecem entre as bases azotas; </li></ul><ul><li>A base adenina liga-se à timina por duas pontes de hidrogénio; </li></ul><ul><li>A citosina liga-se à guanina por três pontes de hidrogénio; </li></ul><ul><li>Os nucleótidos estabelecem ligações do tipo fosfodiéster entre o grupo fosfato de um nucleótido e a desoxirribose do nucleótido seguinte; </li></ul><ul><li>As cadeias polinucleótidicas possuem uma extremidade com um grupo fosfato livre (5’) e na outra com um grupo hidroxilo livre (3’); </li></ul><ul><li>As cadeias desenvolvem-se em sentidos opostos –antiparalelas. </li></ul>
  21. 21. <ul><li>O DNA está associado a proteínas – as histonas formando fibras de cromatina. </li></ul><ul><li>A cromatina pode estar mais ou menos condensada . </li></ul><ul><li>Quando as fibras são curtas e espessas designam-se por cromossomas </li></ul>
  22. 22. Número de cromossomas por espécie O número de cromossomas é característico da espécie
  23. 23. Matias , Osório e outros – Biologia 11, 1ª Edição, Areal Editores, 2004 Reis, Jorge e outros - Preparação para o Exame Final, 2ª Edição, Porto Editora, 2008 http://www.dnaftb.org/dnaftb/ http://www.nature.com/scitable/content/DNA-is-a-double-helix-24263 www.cientic.com Fontes

×