Successfully reported this slideshow.

Sistema digestorio monitoria jordão 2013

1,697 views

Published on

  • Be the first to comment

Sistema digestorio monitoria jordão 2013

  1. 1. Sistema Digestório JORDÃO DIAS – MONITOR DE ANATOMIA
  2. 2. Composição química dos alimentos H2O Sais minerais absorvidos diretamente Vitaminas Proteínas Polissacarídeos Lipídios devem ser quebrados em suas unidades estruturais Ácidos Nucléicos Celulose – não digerida, nem absorvida pelo organismo humano
  3. 3. Unidades estruturais dos nutrientes Proteínas aminoácidos Polissacarídeos Lipídios monossacarídeos ácidos graxos e glicerol Ácidos Nucléicos nucleotídeos
  4. 4. O sistema digestório humano é dividido em duas partes:  Tubo digestório.  Órgãos anexos
  5. 5.  Boca ou cavidade bucal  Faringe  Esôfago  Estômago  Intestino delgado  Intestino grosso  Ânus - duodeno - jejuno-íleo - ceco - cólon - reto
  6. 6. • Glândulas salivares: parótidas, sublinguais e submandibulares. • Dentes • Língua • Fígado – vesícula biliar • Pâncreas
  7. 7. SISTEMA DIGESTIVO  São 7 as funções básicas do Sistema Digestório:  - Ingestão ou Preensão  - Mastigação  - Secreção ( 7 a 8 litros de líquidos)  - Mistura e Propulsão  - Digestão (química e mecânica)  - Absorção  - Defecação
  8. 8. CAMADAS DO SISTEMA DIGESTIVO  Varia conforme cada segmento  MUCOSA (epitélio + muscular da mucosa)  SUBMUCOSA ( contém plexos nervosos)  MUSCULAR EXTERNA  SEROSA OU ADVENTÍCIA  Onde não tem serosa??????????????????
  9. 9. Secreções do Sistema Digestório Saliva Umedificação dos alimentos Contém a enzima amilase salivar ou ptialina ptialina amido maltose pH 7,0
  10. 10. DENTIÇÃO DE LEITE
  11. 11. DENTIÇÃO PERMANENTE
  12. 12. ANATOMIA DO DENTE
  13. 13. MÚSCULOS DA LÍNGUA  Intrínsecos: mudam o formato e o tamanho da língua (o Longitudinal Superior, o Longitudinal Inferior, o Transverso e o Vertical)  Extrínsecos: movimentam a língua (o Genioglosso, o Hioglosso, o Estiloglosso e o Palatoglosso)  O Frênulo Lingual é uma prega de túnica mucosa na face inferior da língua que se prende ao assoalho da boca (anquiloglossia = língua presa)
  14. 14. ESÔFAGO  TUBO MUSCULAR QUE SE CONTINUA À FARINGE  É CONTINUADO PELO ESTÔMAGO  TEM 2 ESFÍNCTERES: um superior que é muscular e um inferior que é fisiológico  TRÊS PORÇÕES: CERVICAL TORÁCICA ABDOMINAL
  15. 15. MOVIMENTOS PERISTÁLTICOS
  16. 16. Movimentos Peristálticos
  17. 17. Suco gástrico Contém HCl (ação antimicrobiana e ativação de enzimas) e enzimas digestivas. pepsinogênio HCl pepsina proteínas peptídeos pH 2,0
  18. 18. O nervo vago faz toda a inervação parassimpática das vísceras abdominais. O vago esquerdo é também chamado de vago anterior, e o vago direito é o vago posterior, são dois troncos vagais. A importância do nervo vago é, através da acetilcolina, aumentar a secreção de ácido.
  19. 19. RAIO X DO ESTÔMAGO
  20. 20. E N D O S C O P I A
  21. 21. FUNÇÕES DO ESTÔMAGO  Reservatório de alimento  Misturar o alimento com a saliva, suco gástrico e formar o Quimo  Secretar o Suco Gástrico que contém HCl, Pepsina, Fator Intrínseco e Lipase gástrica  Secreção de Gastrina no sangue - o HCl mata bactérias e desnatura proteínas - a Pepsina começa a digestão das proteínas - o Fator Intrínseco permite a absorção da Vitamina B12 - a Lipase Gástrica começa a digestão das gorduras
  22. 22. HISTOLOGIA DO ESTÔMAGO  A parede do estômago contém as 4 camadas  A mucosa gástrica é composta por células epiteliais e células glandulares  As células glandulares são de 3 tipos:  - células mucosas que secretam muco  - células principais secretam pepsinogênio e lipase gástrica  - células parietais que secretam HCl e FI
  23. 23. INTESTINO DELGADO • É CONSTITUÍDO PELAS PARTES: - DUODENO - JEJUNO-ÍLEO
  24. 24. INTESTINO  INTESTINO DELGADO SUBDIVIDE-SE EM: DUODENO, JEJUNO, ÍLEO É o local onde ocorrem os principais eventos da digestão e da absorção dos alimentos Mede, em média, 2,5 metros no vivente e cerca de 6,5 metros no cadáver, em virtude da perda do tônus da musculatura lisa
  25. 25. INTESTINO  DUODENO:  INICIA-SE NO ÓSTIO PILÓRICO E TERMINA EM UMA BRUSCA ANGULAÇÃO, A FLEXURA DUODENO-JEJUNAL  DUODENO SIGNIFICA 12, ou seja, do comprimento = a largura de 12 dedos (25 cm)  É ÓRGÃO FIXO, RETROPERITONIAL  APRESENTA FORMA DE U E ABRAÇA A CABEÇA DO PÂNCREAS  NO DUODENO DESEMBOCAM:  DUCTO COLÉDOCO  DUCTO PANCREÁTICO (Wirsung) e Santorini?
  26. 26. Intestino delgado Dividido em duodeno, jejuno e íleo Recebe o suco pancreático e a bile (duodeno), e produz o suco entérico Digestão de amido, proteínas, lipídios, ácidos nucléicos, peptídeos, dissacarídeos Formação do quilo (quilificação) Absorção dos nutrientes (vilosidades)
  27. 27. Suco entérico Contém enzimas digestivas peptidases peptídeos maltose sacarose lactose aminoácidos maltase sacarase lactase gli + gli gli + fru gli + gal
  28. 28. INTESTINO GROSSO • É CONSTITUÍDO POR: - CECO CÓLON – RETO ÂNUS ASCENDENTE, TRANSVERSO, DESCENDENTE
  29. 29. INTESTINO GROSSO  INTESTINO GROSSO:  CONSTITUI A PORÇÃO TERMINAL DO CANAL ALIMENTAR E É MAIS CALIBROSO E MAIS CURTO QUE O DELGADO  APRESENTA, AO EXAME EXTERNO, BOSSELADURAS (DILATAÇÕES LIMITADAS POR SULCOS TRANSVERSAIS) DENOMINADAS HAUSTROS OU HAUSTRAÇÕES  MEDE APROXIMADAMENTE 1,5 mt e tem 6,5 cm de diâmetro  APRESENTAM TRÊS TÊNIAS, QUE SÃO CONDENSAÇÕES DA MUSCULATURA LISA NO SENTIDO LONGITUDINAL  OS ACÚMULOS DE GORDURA NA SEROSA DA VÍSCERA=APÊNDICES EPIPLÓICOS  O ALIMENTO PERMANECE NO IG POR 3 a 10 HORAS
  30. 30. I N T. G R O S S O I N T E R N O
  31. 31. Intestino grosso Absorção de H2O e formação das fezes Produção de vitamina K e B12 (bactérias) Reto Reflexo da defecação Ânus “cagadinha cultural”
  32. 32. APÊNDICE CECAL
  33. 33. APENDICECTOMIA
  34. 34. GLÂNDULAS ANEXAS SÃO ELAS: • GLÂNDULAS SALIVARES • FÍGADO • PÂNCREAS
  35. 35. GLÂNDULAS SALIVARES
  36. 36. FÍGADO
  37. 37. ANEXOS DO CANAL ALIMENTAR: FÍGADO E PÂNCREAS  FÍGADO  É O ÓRGÃO MAIS VOLUMOSO DO CORPO E A GLÂNDULA MAIS PESADA – EM TORNO DE 1,4 KG NO ADULTO  LOCALIZA-SE IMEDIATAMENTE ABAIXO DO DIAFRAGMA  FICA À DIREITA, PORÉM PEQUENA PARTE SE LOCALIZA À ESQUERDA  DESEMPENHA IMPORTANTE PAPEL NAS ATIVIDADES VITAIS DO ORGANISMO  INTERFERE NO METABOLISMO DOS:  CARBOIDRATOS  GORDURA  PROTEINAS  SECRETA A BILE  PARTICIPA NOS MECANISMOS DE DEFESA
  38. 38. Fígado Produção da bile, armazenamento de glicogênio, produção de uréia, destruição de hemáceas mortas, desintoxicação do organismo, etc..
  39. 39. FÍGADO
  40. 40. Triângulo de Calot
  41. 41. ANEXOS DO CANAL ALIMENTAR: FÍGADO E PÂNCREAS  FÍGADO  APRESENTA DUAS FACES:  DIAFRAGMÁTICA  EM RELAÇÃO COM O DIAFRAGMA  VISCERAL  EM CONTATO COM VÁRIAS VÍSCERAS ABDOMINAIS  NESTA FACE DISTINGUE-SE QUATRO LOBOS  DIREITO SEPARADOS PELO LIGAMENTO FALCIFORME  ESQUERDO  QUADRADO  CAUDADO
  42. 42. Vesícula biliar
  43. 43. A BILE  Os hepatócitos produzem 800 a 1.000 ml de bile por dia  A bile é composta por sais biliares e os ácidos biliares que têm importante papel na decomposição de lipídios  Entre as refeições a bile é armazenada na VB porque o esfíncter fecha a entrada no duodeno  Após as refeições estímulos neurais e hormonais estimulam a excreção de bile
  44. 44. Cálculos biliares
  45. 45. PÂNCREAS
  46. 46. Pâncreas Glândula anfícrina ou mista Função endócrina – produção de hormônios Função exócrina – produção do suco pancreático
  47. 47. FUNÇÕES DO PÂNCREAS  O Pâncreas produz 1.200 a 1.500 de suco pancreático por dia que é um líquido incolor composto por por água, sais e bicarbonato que confere um PH ligeiramente básico  O SP tampona a acidez do quimo e proporciona um PH adequado para ação de enzimas digestivas no ID
  48. 48. Pâncreas
  49. 49. Suco pancreático Contém íons bicarbonato (neutralização do pH) e diversas enzimas digestivas (atuam em pH 8,0) tripsina proteínas amido lipídios amilase pancreática lipase ác. nucléicos peptídeos maltose ác. graxo e glicerol nucleases nucleotídeos
  50. 50. Controle hormonal da digestão Gastrina: produzida pelo estômago, estimula a secreção do suco gástrico Secretina: produzida no intestino delgado, estimula a secreção de bicarbonato Colecistocinina: produzida pelo intestino delgado, estimula a liberação da bile e enzimas digestivas do pâncreas Enterogastrona: produzida pelo intestino delgado, inibe peristaltismo estomacal
  51. 51. PERITÔNIO  VÍSCERAS RETROPERITONIAIS  SITUAM-SE JUNTO À PAREDE POSTERIOR DO ABDOME, atrás do peritônio parietal  SÃO FIXAS RINS PÂNCREAS  MESO  É A LÂMINA DO PERITÔNIO QUE ACOMPANHA E REVESTE OS ÓRGÃOS QUE SE DESPRENDERAM DA PAREDE POSTERIOR DO ABDOME (“ficaram soltos”)  Quando estas lâminas de peritônio se estendem ao longo da cavidade são chamadas de OMENTO
  52. 52. Diego Jordão Lino Dias Medicina - Fundação Universidade Federal de Rondônia (2009/2015) cell: (69) - 99133391/81069126 "Dans la médécine como dans l’amour, ni jamais, ni toujours" - Médicos Franceses http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?i d=K4444895J6 Medicina Interna e Clínica Cirúrgica http://diegojordaomed.blogspot.com.br

×