Slides Denyse

547 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
547
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Slides Denyse

  1. 1. FACULDADE SUL BRASIL - FASUL <ul><li>MISSÃO DA FASUL </li></ul><ul><li>“ Construir, difundir e socializar conhecimento por meio de atividades de ensino, pesquisa e extensão, tendo as demandas da sociedade como bases para as ações acadêmicas”. </li></ul>
  2. 2. FACULDADE SUL BRASIL - FASUL <ul><li>VISÃO DE FUTURO </li></ul><ul><li>“ Até 2012 a Faculdade Sul Brasil ser reconhecida pela sociedade como centro de excelência na atividade de ensino, pesquisa e extensão”.   </li></ul>
  3. 3. ESTRUTURA EDUCACIONAL BRASILEIRA <ul><li>Ordem Hierárquica </li></ul>Constituição Federal LDB Nº 9394/96 Lei de Diretrizes e Bases da Educação CFE Conselho Federal da Educação CNE Conselho Nacional da Educação I.E.S. Instituição de Ensino Superior P.D.I. Plano de Desenvolvimento Institucional P.P.I. Plano Pedagógico Institucional P.E. Plano de Ensino P.A. - Plano de Aula
  4. 4. ESTRUTURA EDUCACIONAL BRASILEIRA <ul><li>Ordem Hierárquica </li></ul>Constituição Federal Lei de Diretrizes e Bases Educação Conselho Federal da Educação L.D.B. nº 9394/96 <ul><li>C.F.E. </li></ul><ul><li>FIXA: </li></ul><ul><li>Currículo </li></ul><ul><li>Carga Horária dos Cursos </li></ul><ul><li>Critérios de Autorização de I.E.S. e de Cursos </li></ul><ul><li>Reconhecimento de Cursos </li></ul>
  5. 5. ESTRUTURA EDUCACIONAL BRASILEIRA <ul><li>Ordem Hierárquica </li></ul>Conselho Nacional da Educação I.E.S. Instituição de Ensino Superior <ul><li>C.N.E. </li></ul><ul><li>Define as diretrizes curriculares </li></ul><ul><li>-Indicam tópicos ou campos de estudos e demais experiências de ensino-aprendizagem que compõe os currículos dos cursos </li></ul><ul><li>-Asseguram flexibilidade </li></ul><ul><li>-Exige mais criatividade e mais responsabilidade </li></ul>
  6. 6. ESTRUTURA EDUCACIONAL BRASILEIRA <ul><li>Ordem Hierárquica </li></ul>P.D.I. Plano de Desenvolvimento Institucional <ul><li>  É um instrumento de gestão acadêmica, com prazo de validade de cinco anos, que leva em consideração a totalidade da Instituição, aborda questões relativas:  </li></ul><ul><li>- À filosofia de trabalho </li></ul><ul><li>À missão </li></ul><ul><li>Propõe uma visão de futuro </li></ul><ul><li>Estabelece políticas de atuação acadêmica, para as atividades de ensino, de pesquisa e de extensão </li></ul><ul><li>- Discute e rediscute as políticas de gestão acadêmica e a estrutura organizacional em funcionamento.   </li></ul>P.P.I. Plano Pedagógico Institucional
  7. 7. ESTRUTURA EDUCACIONAL BRASILEIRA <ul><li>Ordem Hierárquica </li></ul>P.P.I. Plano de Desenvolvimento Institucional P.E. PLANO DE ENSINO
  8. 8. PLANO DE ENSINO É o planejamento. Deve ter: Procedimentos: 1º - Diagnóstico do contexto da disciplina: - Importância da disciplina no curso - Recursos disponíveis para seu desenvolvimento - Define os objetivos - Determina os conteúdos - Seleciona recursos estratégicos de ensino e também de avaliação.
  9. 9. PLANO DE ENSINO <ul><li>2º - Feedback </li></ul><ul><li>- Flexibilidade </li></ul><ul><li>- Alterações necessárias </li></ul><ul><li>- Contato com outros docentes, novas leituras (atualização) </li></ul><ul><li>- Novas alterações. </li></ul>
  10. 10. PLANO DE ENSINO <ul><li>Quesitos: </li></ul><ul><li>- Ter relação íntima com o plano curricular (coerência) </li></ul><ul><li>- Ser elaborado a partir de objetivos realistas,considerando os meios disponíveis para atingi-los </li></ul><ul><li>- Ter conteúdos que constituam MEIOS para atingir os objetivos </li></ul><ul><li>- Ser flexível para possíveis ajustes </li></ul><ul><li>- Possibilitar a avaliação objetiva de sua eficácia . </li></ul>
  11. 11. PLANO DE ENSINO <ul><li>Etapas: </li></ul><ul><li>1ª - Decidir os objetivos </li></ul><ul><li>2ª - Definir conteúdos para atingir os objetivos </li></ul><ul><li>3ª - Verificar e definir estratégias e recursos para facilitar a aprendizagem </li></ul><ul><li>4ª - Definir e explicitar os critérios de avaliação. </li></ul>
  12. 12. PLANO DE ENSINO <ul><li>Conseqüências: </li></ul><ul><li>- Evita-se a improvisação </li></ul><ul><li>- Maior possibilidade de atingir os objetivos </li></ul><ul><li>- Mais segurança para atuação do docente </li></ul><ul><li>- Economia de tempo e energia. </li></ul>

×