Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Como elaborar um projeto de pesquisa

7,129 views

Published on

Published in: Education

Como elaborar um projeto de pesquisa

  1. 1. Como elaborar umProjeto de pesquisa
  2. 2. O que é o projeto?• É o roteiro da pesquisa;• É o que estipula a arquitetura de informação do trabalho;• É no projeto que se define a estrutura da pesquisa e como essa será costurada no TCC;• O projeto é importante, pois ele é o primeiro passo do investigador dentro do campo a ser pesquisado.
  3. 3. Por onde começar?• O primeiro passo é escolher um tema, um assunto, que seja do agrado do pesquisador e de fácil acesso.• O tema deve ter importância científica. Como saber isso? Simples, buscas em sites de revistas científicas, no Google (acadêmico) e na própria mídia podem resolver isso.• Dê preferências para temas atuaisou que possam ser abordados comrelação a atualidade.
  4. 4. Questões de um projeto:o Escolha de um tema;o Coleta de informações preliminares;o Delimitação do problema;o Justificativa;o Objetivos;o Levantamento das hipóteses;o Referencial teórico;o Coleta dos dados/análise/interpretação; (AMOSTRA)o Cronograma.
  5. 5. Antes de ver item por item o O quê? o Por quê? o Para quem? o Onde? o Como? o Com quê? o Quanto tempo? o O que será pesquisado? Por que a pesquisa é necessária? o Como será pesquisado? o Que recursos humanos, intelectuais, bibliográficos, o Técnicos, instrumentais e financeiros serão mobilizados? o Em que período?
  6. 6. TemaProvém dos estudos preliminares, das leiturasbibliográficas, das visitas aos locais específicos, dasdiscussões com especialistas e colegas e da possívelrevisão bibliográfica.O tema não é ainda um problema. O problema é aquestão fundamental de toda a pesquisa. O tema precisaser recortado, delimitado e formulado.
  7. 7. A Definição do ProblemaA definição do problema acontece, num primeiro momento, de forma intuitiva. Ele dependedos conhecimentos e da percepção do pesquisador.Por exemplo:Vamos supor que a nossa pesquisa seja sobre o ocorrido na Boate Kiss em Santa Maria.Dizer isso, é vago demais, não sabemos exatamente qual o nosso foco. Daí podemos pensaras questões referentes ao ocorrido dentro da nossa área, consultando jornais, sites,reportagens...Mas o que queremos saber com relação a cobertura jornalística de Santa Maria? Podemospartir do pressuposto de que essa mesma cobertura foi amplamente criticada. Então,podemos decidir por investigar se essa cobertura foi ética ou não. Já temos aí a transição deum tema para um problema: A cobertura jornalística do caso Boate Kiss feita pela empresa Xfoi ética?Todo problema implica uma indagação central,uma dificuldade que se quer resolver. Ele é uma interrogação!Não podemos resolver o problema pela intuição, pelo senso-comum.
  8. 8. “O problema que o pesquisador circunscreveu, isto é, conseguiu recortar de um fundo temático muito amplo,tema forma de uma indagação, uma interrogação, uma pergunta para a qual, no seu percurso, a pesquisa buscará respostas. Ora, a hipótese é uma resposta antecipada, suposta, provável e provisória que o pesquisador lança e que funcionará como guia para os passos subseqüentes do projeto e do percurso da pesquisa”. (SANTAELLA, 2001, p. 176).
  9. 9. Formulação das hipótesesSão suposições de respostas para o problema proposto.As hipóteses direcionam a pesquisa. É o que a pesquisacomprovará ou não. (não é obrigatório) Definição dos objetivosQue fins a pesquisa visa atingir? Quais são os aspectosque o problema envolve e que sua solução resultará notocante a cada um desses aspectos?
  10. 10. JustificativaA justificativa deve discorrer sobre a importância da pesquisa.A contribuição, ou seja, a justificativa da pesquisa pode embasada emum conhecimento teórico, ou em preencher as lacunas detectadas noconhecimento da área, ou em ajudar na compreensão de conceitosteóricos complexos.A justificativa pode ser ainda de ordem social  um conhecimentoprático pode intervir numa realidade social.o Por que a pesquisa é relevante?o De onde vem sua pertinência?o Qual é o âmbito ou quais são os âmbitos da contribuição.o Que ela trará?
  11. 11. métodoSão os procedimentos de raciocínio e analíticos mais amplos. Éaqui que surge a necessidade de responder se a pesquisa seráteórica ou aplicada, histórica ou tipológica, crítica ou sistêmica,empírica com trabalho de campo ou de laboratório etc.É basicamente a descrição de como serárealizada a análise e com quaistécnicas. A metodologia pode partir doaluno, mas é mais seguro utilizar uma queexista e tenha fundamentação.
  12. 12. Revisão bibliográficaSão os trabalhos já publicados em relação ao problemaque a pesquisa propõe. É nesse momento que aargumentação sobre a relevância do trabalho se constitui.Verificar se já não existe outro pesquisador realizando amesma pesquisa.É nesse estágio que se escolhe as obras que se utilizaráno trabalho e que formarão o fichamento.
  13. 13. CronogramaNada mais é do que a indicação das etapas a seremcumpridas em cada período (por mês, durante osemestre). Bibliografia preliminarEnvolve duas partes, uma já consultada e outra a serconsultada no decorrer da pesquisa. Pode incluir artigos,livros, sites, filmes...
  14. 14. ReferênciasSANTAELLA, Lúcia. Comunicação e pesquisa: projetos para mestrado e doutorado.São Paulo: Hacker editoras, 2001.AMARAL, Adriana; FRAGOSO, Suely; RECUERO, Raquel. Métodos de pesquisa parainternet. Porto Alegre: Sulina, 2012.BENETTI, Marcia; LAGO, Cláudia (Orgs.). Metodologia de pesquisa em jornalismo.Petrópolis: Vozes, 2010.MACHADO DA SILVA, Juremir. O que pesquisar quer dizer? Como fazer textosacadêmicos sem medo da ABNT e da CAPES. Porto Alegre: Sulina, 2011.

×