O Mapa Cor De Rosa

2,264 views

Published on

Published in: Business, Travel
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
2,264
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
22
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

O Mapa Cor De Rosa

  1. 1. O Mapa cor-de-rosa
  2. 2. A proposta <ul><li>No decorrer da Conferência de Berlim (1884-1885) a Sociedade Portuguesa de Geografia apresentou uma proposta para a partilha de África. A proposta consistiu na apresentação de um mapa, que ficou conhecido por mapa cor-de-rosa. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Nesse mapa propunha-se que Portugal ficasse com Angola, Moçambique e os territórios entre eles, o Chire. </li></ul><ul><li>O objectivo desta proposta era facilitar a comunicação entre as duas colónias (Angola e Moçambique), o comércio e o transporte de mercadorias. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Ora, os interesses de Portugal chocavam com os de Inglaterra que queria transitar livremente do Cairo ao Cabo. A Inglaterra não queria ser condicionada de qualquer forma ao atravessar de uma colónia para outra. </li></ul><ul><li>Assim ameaça Portugal com um ultimato. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>O ultimato consistia em Portugal retirar de imediato as suas pretensões sobre o Chire ou Inglaterra procedia ao corte das relações diplomáticas e declarava guerra a Portugal. </li></ul>
  6. 6. A desistência <ul><li>Portugal viu-se obrigado a desistir da sua proposta e ceder ao Ultimato Inglês. </li></ul><ul><li>Mais tarde, Portugal e Inglaterra assinam um acordo importante no processo da definição de fronteiras entre Angola e Moçambique, mas o rude golpe causará em Portugal tão grande descontentamento, que levará, inclusivamente, ao fim da Monarquia. </li></ul>
  7. 7. As caricaturas <ul><li>O descontentamento português causado pela cedência ao ultimato, levou os cronistas a caricaturarem o acontecimento. </li></ul><ul><li>Entre os vários nomes destacou-se Rafael Bordalo Pinheiro cujas caricaturas foram adoptadas por vários jornais. </li></ul>
  8. 11. Trabalho elaborado pelas alunas do 9ºano: Daniela Peixoto nº4; Inês Peixoto nº8. TIC | Professora: Sónia Cruz, 2008/2009

×