Método The bridge

4,347 views

Published on

Conteúdo do workshop que ministrei no #wordcampbh, dia 13 de junho de 2015. Obs: maiores detalhes e informações encontram-se nos notes do ppt, é necessário fazer o download da apresentação para visualizar as anotações.

Published in: Technology
0 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
4,347
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3,024
Actions
Shares
0
Downloads
22
Comments
0
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide
  • Sobre o método

    A metodologia The Bridge é um importante método participativo para projetos de sistemas interativos. Através deste, requisitos funcionais são desenvolvidos a partir da perspectiva dos usuários e tratados como requisitos dos usuários, ele deve ser aplicado em sessões para grupos mistos e pequenos de usuários e desenvolvedores.

    Qual sua importância?

    Ele é primordial para expressar os requerimentos dos usuários em fluxos de navegação, mapear a fluidez destes em objetos de tarefas e, por fim, criar a interface visual interativa.
  • Os estágios do método


    Expressar os requerimentos dos usuários em fluxos de tarefas

    Objetivo: Transformar as necessidades dos usuários relacionadas às tarefas em requisitos que reflitam o fluxo de navegação, e que possam servir de insumo para a próxima etapa.
    Atividades: Analisar, documentar, redefinir e testar a usabilidade dos fluxos de tarefas.

    Mapear os fluxos de tarefas em objetos de tarefas

    Objetivo: Mapear os requisitos dos usuários definidos na parte 1, em objetos de tarefa (unidades discretas de informação que podem ser manipuladas pelos usuários na execução da tarefa), com comportamentos específicos e relações de agregação.
    Atividades: Descobrir, projetar, documentar e testar a usabilidade dos objetos de tarefas.

    Criar objetos de tarefas em objetos de interface gráfica

    Objetivo: Projetar uma interface gráfica amigável para a execução das tarefas.
    Atividades: Projetar, documentar, criar protótipos em papel e testar a usabilidade da interface gráfica.
  • Material utilizado: papel, caneta, post-its, canetões, quadro, parede.

    Obs: como este método é participativo e envolve muito brainstorming, ele poderá durar várias horas, ou até mesmo passar de um dia para o outro. Portanto, prepare um bom lanche, e faça com que todos participem, dando a sua contribuição.
  • Obs: Esta imagem está fora de foco, pois, trata-se de um projeto sigiloso.
  • Obs: Esta imagem está fora de foco, pois, trata-se de um projeto sigiloso.
  • Obs: Esta imagem está fora de foco, pois, trata-se de um projeto sigiloso.
  • Ótimo programa para criar mapas mentais, e fluxogramas.
  • Contatos:

    Site: www.danielcoscarelli.com.br
    Email: webcoscarelli@gmail.com
    Linkedin: br.linkedin.com/in/danielcoscarelli

    Grupo UX BH no Facebook: https://www.facebook.com/groups/1566133880310211/

    Obrigado!
  • Método The bridge

    1. 1. Método The Bridge
    2. 2. User experience designer com + de 10 anos de atuação como designer web, e 5 anos como designer mobile. Experiência profissional Daniel Coscarelli
    3. 3. • Sobre o método • Os estágios do método • Atividades em grupo • Entregáveis gerados com o uso do método • Programa para criar fluxos e mapas mentais Índice
    4. 4. Sobre o método • É um método participativo. • Requisitos funcionais são desenvolvidos (perspectiva dos usuários).
    5. 5. Os estágios do método • Expressar os requerimentos dos usuários em fluxos de tarefas. • Mapear os fluxos. • Criar a interface visual.
    6. 6. Atividades em grupo • Expressar os requerimentos dos usuários em fluxos de tarefas. Faça uma lista com pelo menos 5 informações que você considera ser importante ter em uma página inicial pública de uma empresa de turismo. Realize esta mesma tarefa de listagem, porém, desta vez pensando na página inicial logada. Duração: 10 minutos. • Mapear os fluxos. Discuta entre os outros participantes, quais informações dentre todas as que foram listadas, será realmente importante e de valor para o cliente final. Passe para os post-its cada uma destas tarefas, de forma individual. Duração: 15 minutos. • Criar a interface visual. Fluxogramas, sketches, mapas de conteúdo, protótipos, etc. Estes são alguns dos entregáveis possíveis que você irá fazer antes de criar a interface visual. Sugestão para esta atividade: crie sketches das telas, e aproveite para testar a usabilidade e experiência que os usuários terão com as interações escolhidas. Duração: 10 minutos.
    7. 7. Entregáveis gerados com o uso do método Fluxogramas
    8. 8. Entregáveis gerados com o uso do método Mapas de Conteúdo
    9. 9. Entregáveis gerados com o uso do método Protótipos
    10. 10. Programa para criar fluxos e mapas mentais
    11. 11. Obrigado! Dúvidas? Fique à vontade. UX Designer Consultant www.danielcoscarelli.com.br

    ×