Educação na UE - Ricardo e Naiola

1,274 views

Published on

Published in: Education, Technology, Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,274
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
13
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Educação na UE - Ricardo e Naiola

  1. 1. Cidadão em Acção Dimensão Europeia da Educação (Portugal, França, Finlândia, Espanha, Grécia e Bulgária)
  2. 2. Introdução <ul><li>Neste trabalho vamos dar-vos a conhecer os vários sistemas educativos de seis países (Portugal, França, Finlândia, Espanha, Grécia e Bulgária). </li></ul>
  3. 3. Portugal <ul><li>Língua oficial – Português </li></ul><ul><li>Capital – Lisboa </li></ul><ul><li>Alfabetização - 94,9% </li></ul><ul><li>Moeda – Euro </li></ul><ul><li>Entrada na UE - 1 de Janeiro de 1986 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Portugal </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Educação pré – escolar </li></ul><ul><li>A educação pré – escolar destina-se a </li></ul><ul><li>crianças com idades entre os 3 anos e a sua entrada no 1º ciclo </li></ul><ul><li>Ensino Básico </li></ul><ul><li>O 1º ciclo funciona em regime de monodocência. </li></ul><ul><li>Os 2º e 3º ciclo são dados em regime de pluridocência com professores especializados nas diferentes disciplinas. </li></ul><ul><li>Ensino Superior </li></ul><ul><li>Em Portugal organiza-se num sistema binário: o ensino universitário e o ensino politécnico, administrados por instituições do ensino superior públicas, privadas ou cooperativas. </li></ul>
  5. 5. França <ul><li>Língua oficial – Francês </li></ul><ul><li>Capital – Paris </li></ul><ul><li>Alfabetização - 99,0% </li></ul><ul><li>Moeda – Euro </li></ul><ul><li>Entrada na UE - 25 de Março de 1957 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Fran%C3%A7a   </li></ul>
  6. 6. <ul><li>As crianças começam o ensino obrigatório aos seis até aos dezasseis anos </li></ul><ul><li>Educação pré-escolar </li></ul><ul><li>O seu programa l ´ecole maternelle (3 aos 6 anos) está dividido em 5 matérias. </li></ul><ul><li>Ensino Básico </li></ul><ul><li>A l ´ecole élémentaire (6 aos 11 anos) está dividida em duas áreas, o cycle 2 e cycle 3. </li></ul><ul><li>Ensino Secundário </li></ul><ul><li>Passa-se ao collége através de um exame e este está dividido em 4 anos. A sua progressão é diferente da do Ensino Português sendo a sua progressão do 6º ao 3º ano. No fim do collège obtém-se um diploma ( Diplôme National du Brevet) que lhes permite estudar no Lycée d´enseignement Général et Technologique ou no  Lycée Professionnel . </li></ul>
  7. 7. <ul><li>O Lycée Professionnel prepara aos jovens estudantes para adquirir as primeiras lições profissionais. </li></ul><ul><li>O Lycée d'enseignement Général et Technologique  encontra-se dividido em três campos: economia e ciências sociais (E.S.), literatura (L) e ciências (S).  </li></ul><ul><li>Está dividido em 3 anos: o seconde , o première e o terminale . Após terminado o terminale realiza-se um exame de baccalauréat (primeiro diploma de ensino superior). </li></ul>
  8. 8. Finlândia <ul><li>Língua oficial – Finlandês e Sueco </li></ul><ul><li>Capital – Helsinque/Helsínquia </li></ul><ul><li>Alfabetização - 99,0% </li></ul><ul><li>Moeda – Euro </li></ul><ul><li>Entrada na UE - 1 de Janeiro de 1995 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Finl%C3%A2ndia </li></ul>
  9. 9. <ul><li>A Finlândia é líder mundial em matéria de ensino. </li></ul><ul><li>A educação básica obrigatória é gratuita para todos. </li></ul><ul><li>As crianças finlandesas entram na escola abrangente(=obrigatória) aos sete anos de idade. Tem a duração de 9 anos. </li></ul><ul><li>A Finlândia é um país bilingue, e o ensino é fornecido igualmente em finlandês e em sueco. </li></ul><ul><li>Cabe às autoridades locais fornecer instrução para jovens e crianças que não possam participar no ensino da escola abrangente normal por motivos de doença ou incapacidade. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Escolas secundárias </li></ul><ul><li>Aproximadamente 50 % de cada faixa etária prosseguem para as escolas secundárias. </li></ul><ul><li>O ensino secundário fornecido pela cidade também é gratuito e inclui uma refeição quente diariamente durante o ano lectivo. </li></ul><ul><li>O currículo baseado em cursos que abrangem muitas matérias opcionais leva, em média, três anos e termina com um exame nacional de &quot;matrícula&quot;. </li></ul><ul><li>Além das escolas de ensino secundário, existe uma alternativa de ensino profissionalizante básico de três anos que abrange tanto matérias de educação geral, como de ensino de instrução profissionalizante. </li></ul><ul><li>Os que obtêm uma qualificação profissionalizante adicional podem continuar os estudos em escolas politécnicas, ou outras instituições de ensino superior. </li></ul>
  11. 11. Instituições de ensino superior <ul><li>O ensino superior é dividido entre escolas politécnicas e universidades. </li></ul><ul><li>As politécnicas fornecem ensino e treino visando um nível de qualificação profissional para satisfazer as exigências do mercado de trabalho, enquanto as universidades realizam pesquisa científica e fornecem a instrução académica tradicional. </li></ul><ul><li>A maioria das pessoas não se qualifica para as suas profissões antes dos 20 anos. </li></ul>
  12. 12. Espanha <ul><li>Língua oficial – Castelhano (ou Espanhol) </li></ul><ul><li>Capital – Madrid </li></ul><ul><li>Alfabetização - 99,0% </li></ul><ul><li>Moeda – Euro </li></ul><ul><li>Entrada na UE - 1 de Janeiro de 1986 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Espanha </li></ul>
  13. 13. <ul><li>Ensino Básico </li></ul><ul><li>A educação primária é obrigatória e gratuita. </li></ul><ul><li>Três ciclos de dois anos cada, num total de seis anos lectivos, o que é geralmente entre os seis e doze anos de idade. </li></ul><ul><li>Ensino Secundário </li></ul><ul><li>É constituído por quatro cursos, é normalmente realizado entre os 12 e 16 anos de idade. </li></ul><ul><li>Ele é organizado de acordo com os princípios da educação comum e com atenção à diversidade dos alunos. </li></ul><ul><li>Um estudante e os pais podem decidir, a partir do momento em que se chega aos 16 anos de idade, terminar a sua escolaridade obrigatória. </li></ul>
  14. 14. <ul><li>Bacharelato </li></ul><ul><li>Faz parte da escola secundária (depois dos 16 anos) e é, portanto, voluntário. </li></ul><ul><li>Desenvolve-se em diferentes modalidades, é organizado de forma flexível e, se for caso disso, de maneiras diferentes dentro de cada modalidade. </li></ul><ul><li>Tem dois anos lectivos, o que será normalmente entre os 16 e 18 anos. </li></ul>
  15. 15. Grécia <ul><li>Língua oficial – Grego </li></ul><ul><li>Capital – Atenas </li></ul><ul><li>Alfabetização - 97,1% </li></ul><ul><li>Moeda – Euro </li></ul><ul><li>Entrada na UE – 1981 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Gr%C3%A9cia </li></ul>
  16. 16. <ul><li>Jardim de infância </li></ul><ul><li>É facultativo, tem a duração de um ano e as crianças matriculam-se aos 4 anos de idade. </li></ul><ul><li>Escola primária </li></ul><ul><li>É obrigatória, tem uma duração de 6 anos e as crianças matriculam-se aos 5 anos de idade. </li></ul><ul><li>O 2º. Ciclo, existente em Portugal, não existe na Grécia. </li></ul>
  17. 17. <ul><li>Ginásio </li></ul><ul><li>É obrigatório, tem uma duração de 3 anos e os alunos matriculam-se aos 11 anos de idade. </li></ul><ul><li>No Ginásio cada disciplina é leccionada pelo professor indicado. </li></ul><ul><li>Os alunos realizam exames anuais a todas as disciplinas, a nota mínima para transitar de ano é 10(numa escala de 0 a 20) </li></ul><ul><li>Com o Ginásio termina a escolaridade obrigatória que tem uma duração total de 9 anos. </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Liceu </li></ul><ul><li>É facultativo, tem uma duração de 3 anos e os alunos matriculam-se aos 14 anos de idade. </li></ul><ul><li>Existem 3 tipos de liceus (L.), que são: </li></ul><ul><li>1) LICEUS TECNOLÓGICOS E PROFISSIONAIS (L.T.P.) </li></ul><ul><li>2) LICEU MULTI-RAMOS (L.M.) </li></ul><ul><li>3) LICEU GERAL (L.G) </li></ul><ul><li>O último é o mais popular, pois da acesso a todas as Escolas, Institutos, Faculdades e Universidades. </li></ul><ul><li>Os alunos do L.G. dispõem de um conjunto de disciplinas obrigatórias e facultativas. À semelhança do que acontece no Ginásio, os alunos dos Liceus têm de realizar exames globais para poderem transitar de ano. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Ensino superior </li></ul><ul><li>INSTITUTOS DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA (I.E.T.): </li></ul><ul><li>Oferecem cursos tecnológicos com uma duração de 3 anos (o equivalente ao bacharelato em Portugal). O grau académico dado por estes Institutos é inferior ao dos Institutos de Educação Superior (I.E.S.). </li></ul><ul><li>INSTITUTOS DE EDUCAÇÃO SUPERIOR (I.E.S.): </li></ul><ul><li>É a ambição de uma grande parte dos alunos dos liceus. </li></ul><ul><li>A formação obtida nestes estabelecimentos é encarada na Grécia como um excelente meio de ascender socialmente. </li></ul><ul><li>Para reforçar a autonomia dos I.E.T. e dos I.E.S., o governo grego criou a figura da imunidade universitária, que garante uma investigação científica livre, a circulação de ideias e uma gestão universitária independente. </li></ul>
  20. 20. Bulgária <ul><li>Língua oficial – Búlgaro </li></ul><ul><li>Capital – Sófia </li></ul><ul><li>Alfabetização – 98,3% </li></ul><ul><li>Moeda – Lev </li></ul><ul><li>Entrada na UE – 1 e Janeiro de 2007 </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Bulg%C3%A1ria </li></ul>
  21. 21. <ul><li>Educação Infantil </li></ul><ul><li>Inclui crianças de 3 a 6 anos. Não é obrigatória. </li></ul><ul><li>Educação Básica </li></ul><ul><li>Tem duas fases: Primário e Secundário. É obrigatória. </li></ul><ul><li>Até ao terceiro grau não recebem notas. As notas são de 2 a 6. </li></ul><ul><li>No final de cada nível é dado um certificado aos alunos. </li></ul><ul><li>Secundário </li></ul><ul><li>Consiste em quatro cursos. Inclui crianças dos 11 aos 14 anos. Cada tema é dado por um professor diferente. Após a conclusão deste nível as crianças podem trabalhar, mas quase ninguém o faz. </li></ul>
  22. 22. <ul><li>Ensino Secundário </li></ul><ul><li>É dividido em Secundário e Orientação Profissional. No final, para obter o certificado de alunos, devem ser examinados em Línguas, Literatura, Matemática e Ciências da Humanidade. Excepto para aqueles com uma pontuação de 5 ou 6, que estão isentos de exames. </li></ul><ul><li>Orientação Profissional: Escolas especializadas. No final do ano, os alunos devem ser examinados em disciplinas obrigatórias, excepto aqueles com uma pontuação de 5 ou 6 que estão livres de exames. </li></ul>
  23. 23. <ul><li>Ensino Superior Existem três possibilidades: Especialista, Bacharel e Mestrado. </li></ul><ul><li>Para se obter o grau de especialista são precisos 2 anos de estudo. Com mais três anos de estudo podem fazer o Mestre, O grau de Bacharel é de quatro anos de estudo e, eventualmente, a obtenção do certificado é necessária para passar alguns testes. O Mestrado dura 5 anos. </li></ul><ul><li>Doutorado Demora três anos após a conclusão do Mestrado. No final há um teste. A tese de doutoramento. </li></ul>
  24. 24. Conclusão <ul><li>Com este trabalho esperamos que tenham compreendido os vários sistemas escolares que vos mostrámos e que tenham visto as diferenças entre os mesmos e o nosso próprio sistema escolar. </li></ul>
  25. 25. Bibliografia <ul><li>http://www.gepe.min-edu.pt/np3/9.html ; </li></ul><ul><li>http://contenidos.universia.es/html_trad/traducirSeccionEspecial/params/especial/bfj/apartado/gdcb/seccion/18/titulo/PRINCIPIO-FIN.html ; </li></ul><ul><li>http://www.finlandia.org.pt/public/default.aspx?nodeid=39510&contentlan=17&culture=pt-PT ; </li></ul><ul><li>http://www.educacion.es/educacion/que-estudiar.html ; </li></ul><ul><li>http://www.ipv.pt/millenium/esf9_ap.htm ; </li></ul><ul><li>http://centros3.pntic.mec.es/cra.de.aguilafuente/INMIGRANTES/sistemaeducativoBulgaria.pdf ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Portugal ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Fran%C3%A7a ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Finl%C3%A2ndia ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Gr%C3%A9cia ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Espanha ; </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Bulg%C3%A1ria . </li></ul>
  26. 26. Trabalho realizado por: <ul><li>Naiola António nº14 </li></ul><ul><li>Ricardo Lopes nº16 </li></ul>

×