Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
 
SISTEMA DE AVALIAÇÃO  <ul><ul><li>Trabalhos individuais e em grupo (2,0) e trabalho final (7,0). </li></ul></ul><ul><ul><l...
PROGRAMA  AULA CONTEÚDO 01 26/05 5ª 27/05 6ª <ul><li>   Abertura -  levantamento de expectativas, sistema de avaliação, o...
BIBLIOGRAFIA
TRABALHO FINAL
Novas regras para Call Center  Principais mudanças do decreto  <ul><li>O SAC deve garantir ao consumidor, no primeiro menu...
Principais desafios Lei 6523 Publicado 21/11/08 – Portal Call Center <ul><li>Nível de excelência (eficaz na solução, tempo...
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Call Center Ações ativas e receptivas, através do telefone, fax e carta, com o objetivo de apoiar o processo de vendas, ma...
Contact Center É uma evolução do call center tradicional. É Web Center + Call Center, a integração de diversas mídias, e-m...
Telemarketing Ativo e Receptivo SAC, Ouvidoria  Ombudsman Call center Retenção Pós-venda Suporte técnico, assistência técn...
Conceitos Telemarketing  = Tele - Marketing  não apenas vendas por telefone, mas incluindo a satisfação do cliente; SAC  =...
Conceitos “ Call” Center  = a central (lugar) Ativo e Receptivo (idéia de atitude passiva), apoio das vendas e pós-venda; ...
Call Center - Objetivos Desenvolvimento de estratégias para criar, manter e acentuar sólidos relacionamentos com os client...
 
<ul><li>Linhas Ocupadas </li></ul><ul><li>Processos desestruturados </li></ul><ul><li>Baixa Produtividade </li></ul><ul><l...
Erros freqüentes Discutir mentalmente , a tonalidade da voz do teleoperador acaba deixando transparecer seus sentimentos L...
Erros freqüentes Recomendar produtos ou serviços que  não satisfaçam  as necessidades e os desejos do cliente Repetir  inf...
Erros freqüentes Usar  palavras técnicas Usar o  &quot; OK &quot; , no final das sentenças, &quot; introduz uma nota irrit...
Erros freqüentes Deixar  espaços sonoros vazios  durante uma conversa, mas preencha-os com mensagens de apoio positivas: &...
Atendimento Ideal <ul><li>Coloca em jogo a imagem institucional e a satisfação do cliente. </li></ul><ul><li>Tem como obje...
Organização Nome e sobrenome À sua disposição <ul><li>Não diga alô </li></ul><ul><li>Fale com naturalidade (use gestos), t...
Sondagem Sondagem das necessidades <ul><li>Qual o seu nome  por gentileza* ? </li></ul><ul><li>2. Sr(a)_______, em que pos...
Ocorrência Ouvir e fazer as perguntas necessárias Então o que ocorreu com o Sr(a) foi... <ul><li>Mostre-se presente </li><...
Acalme o cliente <ul><li>O Sr. pode ficar tranqüilo, nós iremos... </li></ul><ul><li>Não diga: calma! Acalme-se! O Sr. est...
Solução/Prazo e Providências A melhor técnica é prever todas as possíveis reclamações, soluções,  prazos e providências. <...
Encerramento Registro e confirmação de dados importantes <ul><li>Opcional: agendar pesquisa de satisfação </li></ul><ul><l...
<ul><li>33%  não souberam definir o que é CRM!  </li></ul><ul><li>Apenas  14%  da base entrevistada associou CRM a questõe...
CRM - DESAFIOS : <ul><li>VISÃO HOLÍSTICA: </li></ul><ul><li>Disseminação do conceito por toda a organização  </li></ul><ul...
 
 
 
 
 
 
FIDELIDADE “ Um compromisso forte em recomprar ou repatrocinar um produto ou serviço preferido consistentemente no futuro,...
MITOS SOBRE FIDELIDADE           REVISTA EXAME | 04.08.2005  Mito 1  Clientes antigos compram mais Fato:   A renda dos cli...
 
 
 
 
 
 
 
Uso da voz A  voz : As   palavras  que o emissor usa correspondem a 7% da mensagem;  a maneira como diz , o tom da voz, a ...
Uso da voz Alguns tons de voz: plano (cansado), indiferente (sem interesse), entusiasmado, atencioso ou frio (hostil).  O ...
Recrutamento e Seleção Entrevista Levar em conta:  Articulação, fluência, entonação, vocabulário, verbalização Objetividad...
Recrutamento e Seleção <ul><li>Indústria Farmacêutica </li></ul><ul><li>A tendentes cursando ou formadas na área de biomed...
Organograma - Sugestão Gerente de Call Center   Coordenador do Call Center Monitoria / Qualidade   Pequenas e médias empre...
Recrutamento e Seleção Também pode ser utilizado:  Dinâmica de grupo:  comunicação verbal e não verbal, relacionamento int...
Recrutamento e Seleção Treinamento Muitas vezes é nesse momento que conhecemos realmente o candidato, pode ser eliminatóri...
Recrutamento e Seleção  Exemplo:  Processo Seletivo: Operação 1200 =>currículos; 600 => Triagem 60 => Entrevista telefônic...
Conseguir Comprometimento  da Equipe Motivação constante e diferenciada por campanha Supervisão atuante no local da operaç...
Conseguir Comprometimento  da Equipe Planos de  incentivo  e metas Estimular  trabalho em equipe Mapear as necessidades de...
Call Center ATIVO <ul><li>Chamadas Realizadas   </li></ul><ul><li>C h amadas Efetivas   </li></ul><ul><li>Sem aproveitamen...
Call Center RECEPTIVO <ul><li>Chamadas Recebidas   </li></ul><ul><li>C h amadas Atendidas;   </li></ul><ul><li>Abandono   ...
Ban d o de dados  ou Ban c o de dados Papel da Tecnologia
Sustenta a infra-estrutura  do CRM, sistematizando processos e capturando dados estratégicos por todos  os pontos de conta...
“ Eu estou no seu site, você pode me ajudar agora? <ul><li>“ Estou ligando sobre o e-mail que enviei  ontem referente a co...
Estamos cada vez mais solitários… Esquecemos de sorrir … É falando que agente se entende…
<ul><li>Frustração do Cliente </li></ul><ul><li>Perda de Clientes </li></ul><ul><li>Mais chamadas para o call center </li>...
Cliente Empresa Base de dados Uma Visão Única do Cliente O Contato Eletrônico Consistência com Multi-canais Personalização...
 
Obrigada! E-mail: danielacamarinha@uol.com.br
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

PUC MBA MARKETING - atendimento como diferencial

2,226 views

Published on

Conteúdo de aulas.

Published in: Education, Business, Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

PUC MBA MARKETING - atendimento como diferencial

  1. 2. SISTEMA DE AVALIAÇÃO <ul><ul><li>Trabalhos individuais e em grupo (2,0) e trabalho final (7,0). </li></ul></ul><ul><ul><li>Participação efetiva durante as aulas; disciplina e atitude construtiva perante o professor e os colegas; freqüência mínima nas aulas (1,0). </li></ul></ul>
  2. 3. PROGRAMA AULA CONTEÚDO 01 26/05 5ª 27/05 6ª <ul><li> Abertura - levantamento de expectativas, sistema de avaliação, orientação </li></ul><ul><li>sobre trabalhos e formação de grupos. </li></ul><ul><li>As organizações e o mercado </li></ul><ul><li>A dinâmica do ambiente de negócios. </li></ul><ul><li>Tripé: Criar, explorar e oferecer valor. </li></ul><ul><li> A fraqueza das empresas prestadoras de serviços: </li></ul><ul><li>Cultura voltada para o cliente </li></ul><ul><li>O poder da internet </li></ul>02 02/06 5ª 03/06 6ª <ul><li>Trabalho em grupo: “Flor de serviços” </li></ul><ul><li>Do SAC a visão estratégica do Call Center </li></ul><ul><li>Principais conceitos ligados a Call Center </li></ul>03 09/06 5ª 10/06 6ª <ul><li>Devolução de trabalho </li></ul><ul><li>Principais Funções do Call Center </li></ul><ul><li>Qualidade no atendimento, personalização e fidelização de cliente. </li></ul>04 16/06 5ª 17/06 6ª <ul><li>Perfil ideal para a competitividade (equipe de alto desempenho) </li></ul><ul><li>Palestrantes Convidados/Case Prestação de serviço com excelência (avaliação, relatórios e análise resultados). </li></ul>05 30/06 5ª 18/06 6ª <ul><li>A ula de reposição – trabalho individual </li></ul><ul><li>Filme: Redes Sociais: ameças e oportunidades no atendimento ao cliente </li></ul>06 07/07 5ª 01/07 6ª <ul><li>Apresentação de trabalhos e encerramento da disciplina </li></ul><ul><li>4 grupos </li></ul>
  3. 4. BIBLIOGRAFIA
  4. 5. TRABALHO FINAL
  5. 6. Novas regras para Call Center Principais mudanças do decreto <ul><li>O SAC deve garantir ao consumidor, no primeiro menu eletrônico e em todas as suas subdivisões, o contato direto com o atendente. </li></ul><ul><li>Sempre que oferecer menu eletrônico, o SAC deverá assegurar que as opções de reclamações e de cancelamento de serviços figurem entre as primeiras alternativas. </li></ul><ul><li>O SAC deve estar disponível, ininterruptamente, durante vinte e quatro horas por dia e sete dias por semana. </li></ul><ul><li>O número do SAC deverá constar em todos os documentos e material impresso entregues ao consumidor no momento da contratação do serviço e durante o seu fornecimento. </li></ul><ul><li>Deverá ser oferecido ao consumidor um único número de telefone como via de acesso ao atendimento, mesmo que a empresa ou grupo empresarial preste diversos É vedado, durante o atendimento, exigir a repetição verbal ou digital dos dados pessoais do consumidor. </li></ul><ul><li>O sistema informatizado responsável pela operacionalização das demandas deverá garantir ao atendente o acesso ao histórico das demandas do consumidor. </li></ul><ul><li>É vedado, durante o atendimento, exigir a repetição verbal ou digital dos dados pessoais do consumidor. </li></ul><ul><li>É vedada a veiculação de mensagens publicitárias durante o tempo de espera para o atendimento, salvo se houver prévio consentimento do consumidor. </li></ul><ul><li>O acesso para alteração do contrato de prestação de serviços deve ser oferecido ao consumidor pelos mesmos meios em que a contratação estiver disponível. </li></ul><ul><li>O registro de reclamação, pedido de cancelamento e solicitação de suspensão ou cancelamento de serviço será mantido à disposição do consumidor por um período mínimo de dois anos após a solução da demanda, ficando disponível para acesso do órgão fiscalizador ou do consumidor, sempre que solicitado. </li></ul><ul><li>O consumidor terá direito de acesso ao conteúdo do histórico de suas demandas, que lhe será enviado, quando solicitado, no prazo máximo de setenta e duas horas. </li></ul><ul><li>As informações solicitadas pelo consumidor devem ser prestadas imediatamente e suas reclamações devem ser resolvidas no prazo máximo de cinco dias úteis. </li></ul><ul><li>O consumidor deverá ser informado sobre a resolução de sua demanda e, sempre que solicitar, deverá ser-lhe enviada a comprovação pertinente, pelo meio por ele indicado, inclusive mensagem eletrônica ou correspondência. </li></ul><ul><li>O SAC deve receber e processar imediatamente o pedido de cancelamento de serviço feito pelo consumidor. </li></ul>
  6. 7. Principais desafios Lei 6523 Publicado 21/11/08 – Portal Call Center <ul><li>Nível de excelência (eficaz na solução, tempo reduzido, “humanização” das chamadas) - RESOLVEDOR </li></ul><ul><li>Disponibilidade exigida (24x7 e atendimento em até 60 seg) – organização, pessoas, negócio, processos, tecnologia </li></ul><ul><li>Generalista – ótica do cliente </li></ul><ul><li>Custos não podem ser transferidos para o cliente </li></ul><ul><li>Participação efetiva das áreas de comunicação e marketing – IMPOSITORES </li></ul><ul><li>Otimização processos Gestão conhecimento </li></ul><ul><li>Capacitação dos colaboradores </li></ul><ul><li>Papel da TI </li></ul><ul><li>Cultura do CRM (oportunidades novos produtos e serviços) </li></ul>
  7. 26. Call Center Ações ativas e receptivas, através do telefone, fax e carta, com o objetivo de apoiar o processo de vendas, marketing, suporte técnico ou outra segmentação específica. O foco é no negócio e o monitoramento através de relatórios.
  8. 27. Contact Center É uma evolução do call center tradicional. É Web Center + Call Center, a integração de diversas mídias, e-mail, web-chat, web-cam, voz/IP + telefone, fax e carta. O foco é no cliente ou do cliente, o atendimento é personalizado, o monitoramento é personalizado e com base de dados. O objetivo não é apenas receber reclamações ou fazer vendas, mas manter um relacionamento com o cliente.
  9. 28. Telemarketing Ativo e Receptivo SAC, Ouvidoria Ombudsman Call center Retenção Pós-venda Suporte técnico, assistência técnica ou helpdesk Serviço de atendimento a emergências – SAE Vendas Ativo e Receptivo Promoção Cobrança Pesquisa Atualização de Cadastro Serviços
  10. 29. Conceitos Telemarketing = Tele - Marketing não apenas vendas por telefone, mas incluindo a satisfação do cliente; SAC = Soluções de Problemas; Ouvidoria/Ombudsman = Soluciona situações que não foram resolvidas no SAC / Call Center, previne instâncias jurídicas;
  11. 30. Conceitos “ Call” Center = a central (lugar) Ativo e Receptivo (idéia de atitude passiva), apoio das vendas e pós-venda; Contact centers = incorporaram outras operações de telemarketing como o ativo, os chats, as respostas a e-mails, operações estas que não faziam parte dos call centers.
  12. 31. Call Center - Objetivos Desenvolvimento de estratégias para criar, manter e acentuar sólidos relacionamentos com os clientes e outros públicos. (Kotler, 2000) Ganhar Novos Clientes X Manter Clientes Os clientes antigos são capazes de aumentar os lucros de uma empresa em 25% a 85%. Manter um cliente custa 6x menos do que ganhar um novo cliente.
  13. 33. <ul><li>Linhas Ocupadas </li></ul><ul><li>Processos desestruturados </li></ul><ul><li>Baixa Produtividade </li></ul><ul><li>Informações desencontradas </li></ul>Call Center Problemas mais comuns
  14. 34. Erros freqüentes Discutir mentalmente , a tonalidade da voz do teleoperador acaba deixando transparecer seus sentimentos Levar as agressões do cliente para o lado pessoal Interromper o cliente (é necessário escutar a mensagem completa) Ser preconceituoso e julgar o cliente Fonte: Cristina Carvalho Alves. “Técnicas de Comunicação Organizacional no Telemarketing” USP/ ECA, 2002.
  15. 35. Erros freqüentes Recomendar produtos ou serviços que não satisfaçam as necessidades e os desejos do cliente Repetir informações em demasia Ficar indiferente ao assunto Deixar o cliente esperando Demorar para atender, para enviar e-mail, fax Fonte: Cristina Carvalho Alves. “Técnicas de Comunicação Organizacional no Telemarketing” USP/ ECA, 2002.
  16. 36. Erros freqüentes Usar palavras técnicas Usar o &quot; OK &quot; , no final das sentenças, &quot; introduz uma nota irritante ou incorreta “ Utilizar linguagem doméstica : &quot; Olha só&quot;, &quot;Vem cá&quot;, &quot;Que nem&quot;,&quot; Não, é o seguinte&quot;,&quot;OK&quot;,&quot;Meu, não dá&quot;,&quot;Viu&quot;,&quot;Alô&quot;,&quot;Cara&quot;,&quot;Oi&quot;,&quot;Ô meu&quot;,&quot;Né&quot;, &quot;Tá&quot;, &quot;Tá bom” Mascar chiclete durante o atendimento Fonte: Cristina Carvalho Alves. “Técnicas de Comunicação Organizacional no Telemarketing” USP/ ECA, 2002.
  17. 37. Erros freqüentes Deixar espaços sonoros vazios durante uma conversa, mas preencha-os com mensagens de apoio positivas: &quot; sim&quot;, &quot;compreendemos“ Vícios de Linguagem : vou estar enviando, han-ran, etc Fonte: Cristina Carvalho Alves. “Técnicas de Comunicação Organizacional no Telemarketing” USP/ ECA, 2002.
  18. 38. Atendimento Ideal <ul><li>Coloca em jogo a imagem institucional e a satisfação do cliente. </li></ul><ul><li>Tem como objetivo mediar a organização, seus públicos e gerenciar conflitos. </li></ul><ul><li>Abrange 80% do mercado, é uma forma de pesquisa espontânea que poderá levar a organização a fazer mudanças e melhoramentos. </li></ul>Reclamações, sugestões, informações, elogios e agradecimentos:
  19. 39. Organização Nome e sobrenome À sua disposição <ul><li>Não diga alô </li></ul><ul><li>Fale com naturalidade (use gestos), tenha sorriso na voz, transmita segurança, respeito e verdade. </li></ul><ul><li>Acredite na organização </li></ul><ul><li>Encare como desafio e não como humilhação ou favor (o cliente não depende de nós, nós é que dependemos dele) </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento Apresentação
  20. 40. Sondagem Sondagem das necessidades <ul><li>Qual o seu nome por gentileza* ? </li></ul><ul><li>2. Sr(a)_______, em que posso ajudar? </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento
  21. 41. Ocorrência Ouvir e fazer as perguntas necessárias Então o que ocorreu com o Sr(a) foi... <ul><li>Mostre-se presente </li></ul><ul><li>Não submeta o cliente a interrogatório </li></ul><ul><li>Se necessário justifique a necessidade das informações </li></ul><ul><li>Como “cortar” o cliente sutilmente </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento
  22. 42. Acalme o cliente <ul><li>O Sr. pode ficar tranqüilo, nós iremos... </li></ul><ul><li>Não diga: calma! Acalme-se! O Sr. está muito nervoso! </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento
  23. 43. Solução/Prazo e Providências A melhor técnica é prever todas as possíveis reclamações, soluções, prazos e providências. <ul><li>As orientações devem estar registradas no sistema, tabela ou manual. </li></ul><ul><li>Não prometa o que não pode cumprir, não julgue , apenas dê atenção e seja neutro, evitando justificativas, parta para soluções. </li></ul><ul><li>Agradecer quando fizer o cliente esperar </li></ul><ul><li>Troca, brinde, desculpas => providências / encontro de objeto estranho </li></ul><ul><li>Aja com naturalidade; não duvide; não seja irônico </li></ul><ul><li>Todas as informações sobre o fato e o cliente devem ser registradas </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento
  24. 44. Encerramento Registro e confirmação de dados importantes <ul><li>Opcional: agendar pesquisa de satisfação </li></ul><ul><li>Agradecimento e cumprimento final </li></ul>Apresentação Sondagem Ocorrência Acalme o cliente Solução Prazo Encerramento
  25. 45. <ul><li>33% não souberam definir o que é CRM! </li></ul><ul><li>Apenas 14% da base entrevistada associou CRM a questões como lucratividade e rentabilidade </li></ul><ul><li>A grande maioria das empresas ainda não vê CRM como estratégia de aumento de rentabilidade e valor de base para clientes </li></ul><ul><li>52% das empresas não têm uma estratégia de relacionamento com clientes </li></ul><ul><li>58% das empresas dizem estar desenvolvendo CRM há 3 anos ou mais!!!!! </li></ul><ul><li>34% têm as informações sobre os clientes integradas e disponíveis para as áreas de contato com o cliente. </li></ul><ul><li>96% das empresas de médio e grande porte que ainda não têm CRM pretendem implantá-lo nos próximos 5 anos. </li></ul>HSM Management- Estudo Brasil Peppers & Rogers A maioria dos executivos/empresários ainda não sabe o que é realmente CRM!
  26. 46. CRM - DESAFIOS : <ul><li>VISÃO HOLÍSTICA: </li></ul><ul><li>Disseminação do conceito por toda a organização </li></ul><ul><li>VISÃO ESTRATÉGICA: </li></ul><ul><li>Ser instrumento efetivo de fidelização / redução de custos/ aumento de lucratividade ( cliente leal é mais lucrativo!) </li></ul><ul><li>Possibilitar que as informações obtidas sejam transformadas em uma base de conhecimento sobre o cliente e este conhecimento em ações concretas que visem sua retenção e aumentem seu valor de contribuição. </li></ul>
  27. 53. FIDELIDADE “ Um compromisso forte em recomprar ou repatrocinar um produto ou serviço preferido consistentemente no futuro, apesar das influências circunstanciais e tentativas de marketing, que podem acarretar em um comportamento de troca.” Richard L. Oliver
  28. 54. MITOS SOBRE FIDELIDADE          REVISTA EXAME | 04.08.2005 Mito 1 Clientes antigos compram mais Fato: A renda dos clientes pode aumentar com o tempo, mas suas compras se diversificam em produtos de várias empresas. Mito 2 Empregados leais levam a clientes leais Fato: O que conta não é a satisfação dos funcionários com a empresa, mas a qualidade do produto e do serviço. Mito 3 A freqüência de contato aumenta a relação de lealdade Fato: Os consumidores só se tornam fiéis quando consideram que a empresa realmente faz por merecer. Mito 4 Programas de lealdade atraem clientes dos concorrentes Fato: A proliferação e a semelhança entre esses programas tornaram quase impossível seu uso como fórmula de atração.
  29. 62. Uso da voz A voz : As palavras que o emissor usa correspondem a 7% da mensagem; a maneira como diz , o tom da voz, a ênfase das palavras, o volume e o ritmo correspondem a 38% da mensagem e a mensagem corporal corresponde a 55%. (FRANCES e ROLAND BEE) Entonação: Ë a música da linguagem, dá ênfase nas palavras estratégicas. Falar no tom certo facilita a compreensão das palavras, transmite emoção e dá vida e brilho ao discurso. É um indicador do humor , por isso o teleoperador poderá utilizar variedades de entonações ou tons ao falar, naturalmente
  30. 63. Uso da voz Alguns tons de voz: plano (cansado), indiferente (sem interesse), entusiasmado, atencioso ou frio (hostil). O modo mais rápido de melhorar o tom de voz, é sorrir enquanto fala . Deve ser agradável Deve transmitir credibilidade e firmeza , sem ser rude Deve transmitir entusiasmo , sem parecer artificial Deve ser bem modulada , para melhor entendimento da mensagem Deve ser usada na intensidade adequada às circunstâncias
  31. 64. Recrutamento e Seleção Entrevista Levar em conta: Articulação, fluência, entonação, vocabulário, verbalização Objetividade Agilidade de argumentação Entusiasmo, bom humor Apresentação pessoal diz muito sobre o profissional Planos para o futuro, Pontualidade
  32. 65. Recrutamento e Seleção <ul><li>Indústria Farmacêutica </li></ul><ul><li>A tendentes cursando ou formadas na área de biomedicia, fisioterapia . </li></ul><ul><li>Que gost em de trabalhar nessa área, de falar com pessoas, sa ibam interpretar o que o cliente deseja, ter boa dicção, bom vocabulário e bom português, paciência, comprometimento, empatia, responsabilidade . </li></ul>A tendimento s com conteúdo = qualifica ção Contribuição: A. Genevese (Santander); S. Marques ( Nycomed); W. Aruk (Proxis)
  33. 66. Organograma - Sugestão Gerente de Call Center Coordenador do Call Center Monitoria / Qualidade Pequenas e médias empresas: reporta ao marketing Grandes empresas: área de atendimento dedicada Treinamento Supervisão Atendente Assistente 25 operadores para cada supervisor Contribuição: A. Genevese (Santander); S. Marques ( Nycomed); W. Aruk (Proxis)
  34. 67. Recrutamento e Seleção Também pode ser utilizado: Dinâmica de grupo: comunicação verbal e não verbal, relacionamento interpessoal, equilíbrio emocional, flexibilidade Redação: gramática, raciocínio lógico, gramática, valores Simulações: criatividade, persuasão, equilíbrio emocional, relacionamento interpessoal, conhecimento profissional Teste situacional: equilíbrio emocional, personalidade, raciocínio lógico, conhecimento profissional. Teste psicológico: equilíbrio emocional, personalidade, raciocínio lógico, valores, Treinamento: muitas vezes é nesse momento que conhecemos realmente o candidato.
  35. 68. Recrutamento e Seleção Treinamento Muitas vezes é nesse momento que conhecemos realmente o candidato, pode ser eliminatório Treinamento das técnicas de atendimento Treinamento sobre o produto ou serviço Treinamento sobre a empresa Treinamento sobre equipamentos Escuta e observação Motivação
  36. 69. Recrutamento e Seleção Exemplo: Processo Seletivo: Operação 1200 =>currículos; 600 => Triagem 60 => Entrevista telefônica 30 => aprovados na dinâmica de grupo 16 => selecionados; 8 => vagas Supervisão 14 candidatos da própria empresa para 1 vaga
  37. 70. Conseguir Comprometimento da Equipe Motivação constante e diferenciada por campanha Supervisão atuante no local da operação Plano de bonificação por tempo de empresa e resultados da equipe Avaliação diária do operador Auto avaliação, participação da equipe em grupos de qualidade, participação da equipe na supervisão
  38. 71. Conseguir Comprometimento da Equipe Planos de incentivo e metas Estimular trabalho em equipe Mapear as necessidades de treinamento Identificar aspectos de precisam ser trabalhados na equipe Estabelecer metas desafiadoras , mas possíveis de serem alcançadas que atuará como agente motivador, de reconhecimento e comprometimento Avaliar estado emocional dos colaboradores (se está em condições de atender o cliente no momento e se está bem consigo mesmo) e caso seja necessário, encaminhá-lo para orientação e apoio psicológico.
  39. 72. Call Center ATIVO <ul><li>Chamadas Realizadas </li></ul><ul><li>C h amadas Efetivas </li></ul><ul><li>Sem aproveitamento </li></ul><ul><li>TMA (Tempo médio de atendimento – quanto tempo o cliente falou a linha) </li></ul><ul><li>Produtividade </li></ul><ul><li>Conversão </li></ul>Indicadores Contribuição: A. Genevese (Santander); S. Marques ( Nycomed); W. Aruk (Proxis)
  40. 73. Call Center RECEPTIVO <ul><li>Chamadas Recebidas </li></ul><ul><li>C h amadas Atendidas; </li></ul><ul><li>Abandono </li></ul><ul><li>% do Abandono </li></ul><ul><li>TME (Tempo m é dio de espera = quanto o cliente esperou para ser atendido) </li></ul><ul><li>TMA (Tempo m é dio de atendimento = quanto tempo o cliente falou a linha) </li></ul><ul><li>Maximo de Espera (Tempo maximo que um cliente ficou para ser atendimento na espera); </li></ul><ul><li>N í vel de Servi ç o (% de liga ç ões atendidas em ate xx segundos = padrão Iso 9000 de 80% das liga ç ões atendidas em ate 20 segundos); </li></ul>Indicadores Contribuição: A. Genevese (Santander); S. Marques ( Nycomed); W. Aruk (Proxis)
  41. 74. Ban d o de dados ou Ban c o de dados Papel da Tecnologia
  42. 75. Sustenta a infra-estrutura do CRM, sistematizando processos e capturando dados estratégicos por todos os pontos de contato com o cliente. PAPEL DA TECNOLOGIA
  43. 76. “ Eu estou no seu site, você pode me ajudar agora? <ul><li>“ Estou ligando sobre o e-mail que enviei ontem referente a compra via web feita semana passada, você pode me ajudar?” </li></ul><ul><li>“ Eu enviei um e-mail , porque até agora não recebi resposta?” </li></ul>Soa Familiar? O Contato Eletrônico
  44. 77. Estamos cada vez mais solitários… Esquecemos de sorrir … É falando que agente se entende…
  45. 78. <ul><li>Frustração do Cliente </li></ul><ul><li>Perda de Clientes </li></ul><ul><li>Mais chamadas para o call center </li></ul><ul><li>Aumento dos Custos </li></ul><ul><li>Frustração do Agente e turnover </li></ul><ul><li>Ineficiente uso dos recursos </li></ul><ul><li>Perda de oportunidades </li></ul><ul><li>de cross-selling </li></ul>Quantos clientes ou vendas você perdeu hoje? O Contato Eletrônico
  46. 79. Cliente Empresa Base de dados Uma Visão Única do Cliente O Contato Eletrônico Consistência com Multi-canais Personalização Fluxos de Trabalho, Responsáveis Histórico do Cliente Visibilidade Cross-sell, Up-sell
  47. 81. Obrigada! E-mail: danielacamarinha@uol.com.br

×