Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES
PUBLICIDADE E PROPAGANDA
AMANDA DAMARIS – RA: 6360
DIEGO MACIEL – RA: 6288
LARISSA GIOVANA – ...
FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES
PUBLICIDADE E PROPAGANDA
AMANDA DAMARIS – RA: 6360
DIEGO MACIEL – RA: 6288
LARISSA GIOVANA – ...
3
SUMÁRIO
1 INTRODUÇÃO..................................................................................................7
...
4
3.16.1 Twitter- MSC Cruzeiros Brasil.........................................................................24
3.16.2 Y...
5
7.1 Quais os preços do produto e sua relação com a concorrência. ....................55
7.2 Existem restrições legais pa...
6
13 TATICAS DE COMUNICAÇÃO ......................................................................70
13.1 Mês de novembro/...
7
1 INTRODUÇÃO
As sociedades em seus dias atuais são marcadas por constantes e diversas
alterações e evoluções nos mais va...
8
cinema teatro, show, música, área de internet e áreas exclusivas para crianças
permitem a realização de um sonho, pois v...
9
2 EMPRESA
2.1 Nome fantasia e razão social
MSC CRUZEIROS MSC CRUZEIROS DO BRASIL LTDA.
2.2 Seguimentos e mercados que at...
10
ela espera com essa empreitada alcançar a marca de 1,4 milhões de passageiros
por ano.
Em 2013 um órgão de certificação...
11
2.4.1 Catálogo virtual
Figura 1: (Fonte:www.msccruzeiros.com.br)
A Figura 1 apresenta o catálogo virtual da MSC Cruzeir...
12
2.4.2 Tour virtual
Figura 2:(Fonte: www.msccruzeiros.com.br)
A Figura 2 apresenta informações sobreas frotas de navios ...
13
2.4.3 Web tv
Figura 3:(Fonte: www.mscwebtv.com.)
A Figura 3 apresenta um canal, onde podemos ter acesso aos vídeos
publ...
14
2.4.4 Álbum interativo
Figura 4:(Fonte:http://www.mymoments.msccruises.com)
A Figura 4 apresenta um canal interativo na...
15
2.4.5 FanPage (facebook)
Figura 5: (Fonte: www.facebook.com/MSC.Cruzeiros.Brasil)
A Figura 5 apresenta a Fan Page da MS...
16
2.4.6 Blog.
Figura 6: (Fonte: http://diariodebordomsc.com.br/)
A Figura 6 apresenta o diário de bordo da MSC Cruzeiros,...
17
2.5 Produtos ou serviços que presta
Serviços de turismo, gastronomia, hospedagem e lazer.
2.6 A imagem da empresa no me...
18
3 PRODUTO/SERVIÇO
3.1 Nome
MSC Cruzeiros.
3.2 Descrição
A MSC trabalha com a maior frota de navios, junto a grandiosos ...
19
frente para o mar, camas de solteiro que convertem em camas de casal, recepção
com escadas em mármore italiano, piso co...
20
3.8 Diferencial
MSC Cruzeiros tem como diferencial, a sua frota mais moderna do mundo com
a decoração elegante, design ...
21
3.10 Como o produto é vendido (unidade, pacotes, grandes quantidades).
Conforme consulta no site da MSC entendemos que ...
22
médio, e são voltados para entretenimento de toda a família. Possui uma vasta frota
de navios com diversas atrações, ca...
23
3.15 Comentário das principais campanhas de propaganda quanto ao
tema verbas, sucesso/insucesso, mídia e época, etc.
Fi...
24
3.16 Comentário sobre atuação nas mídias sociais, especificando canais
e ações realizadas em cada um deles.
Conforme a ...
25
3.16.2 Youtube - MSC Cruzeiros
Figura 10 (Fonte:http://www.youtube.com/user/MSCCruisesOfficial/featured)
A Figura 10 ap...
26
3.16.3 Flicker - MSC cruzeiros
Figura 11 (Fonte:https://www.flickr.com/search/?q=MSC%20Cruzeiros)
Na Figura 11 apresent...
27
3.16.4 Linkedin
.
Figura 12 (Fonte:https://www.linkedin.com/company/msc-cruzeiros-do-brasil-ltda)
Na Figura 12 apresent...
28
3.16.5 Orkut – MSC Cruzeiros
Figura 13 (Fonte:http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=26436536)
A Figura 13 apresent...
29
3.16.6 Facebook – MSC Cruzeiros
Figura 14 (Fonte:https://www.facebook.com/MSC.Cruzeiros.Brasil?fref=ts)
A Figura 14 apr...
30
3.16.7 Instagram – MSC Cruzeiros
Figura 15 (Fonte:http://instagram.com/msccruisesofficial)
Na Figura 15 apresentamos a ...
31
3.17 Outras influências ambientais, culturais, religiosas, geográficas, etc.
A MSC tem o comprometimento com a salvagua...
32
4 MERCADO
4.1 Qual o tamanho do mercado.
Figura 16 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br)
A Figura 16 apresenta o merca...
33
4.2 Viagem por estado e país
Figura 17 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br)
A Figura 17 apresenta informações sobre o...
34
4.3 Qual a participação do produto no mercado
O mercado de turismo é um dos diversos setores mais dinâmicos do mundo
qu...
35
termos de crescimento a estimativa é de R$ 374, 9 bilhões até 2015, porém há uma
demanda de crescimento no setor de via...
36
4.4 Qual a evolução do mercado.
O turismo no Brasil vem acontecendo desde meados dos anos 90, tem como
estratégias a ex...
37
também os turistas estrangeiros, pois nosso clima tropical é favorável para eles,
nosso inverno ainda é pequeno em comp...
38
5 CONSUMIDOR
Definição de quem usa o serviço por sexo, classe social e faixa etária.
5.1 Quem consome os serviços de Cr...
39
5.2 Sexo
Figura 18 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br)
A Figura 18 apresenta a pesquisa sobre o sexo predominante no...
40
5.3 Classe Social
Esse trabalho procurou adaptar o estudo de caso da autora Ana Raquel Rocha
que analisou o comportamen...
41
5.4 Renda mensal do consumidor de cruzeiros
Figura 19: (Fonte adaptada www.anpad.org.br)
A Figura 19 apresenta a faixa ...
42
5.5 Faixa Etária
Figura 20:(Fonte adaptadawww.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf)
A Figura 20 apresenta a faixa etária de ...
43
5.6 Escolaridade
Figura 21: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf)
Podemos notar por meio da Figura 21 qu...
44
5.7 Estado Civil
Figura 22: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf)
A Figura 22 apresenta o estado civil d...
45
5.8 Ocupação Profissional
Figura 23: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf)
A Figura 23 apresenta a ocupa...
46
5.10 Área Geográfica de Residência
Conforme citado acima a área geográfica de destaque é São Paulo com
61,1%.
5.11 Desc...
47
infraestrutura e serviços de qualidade, conservação do meio ambiente, segurança
própria e da família se for o caso, ati...
48
5.14 Descrição de hábitos e atitudes dos consumidores em relação aos
serviços, tais como período de compra, quantidade ...
49
5.16 Atitude do consumidor em relação ao período de compra
Em relação ao período de compra, existem cinco fases que exp...
50
ficamos totalmente dependentes do consumidor, pois ele pode viajar com cônjuge,
namorado, familiares e amigos e desta f...
51
5.22 Razões de compra do serviço
São muitos os casos da razão de compra em relação ao cruzeiro e aos
serviços disponíve...
52
5.22.3 Os benefícios que os consumidores esperam desse serviço.
Os principais benefícios que os consumidores esperam co...
53
6 DISTRIBUIÇÃO
6.1 Quais as regiões que o Cliente Atua
A empresa tem como percurso o Mediterrâneo, ao longo do ano, mas...
54
6.2 Como o produto é distribuído (varejo, auto-serviço, distribuidores
exclusivos, revendas).
A empresa vende pacotes p...
55
7 PREÇOS.
7.1 Quais os preços do produto e sua relação com a concorrência.
Figura 23: Comparativo de preço da MSC com s...
56
7.2 Existem restrições legais para estabelecer o preço.
Na pesquisa levantada não foi encontrado nenhum dado referente ...
57
8 CONCORRÊNCIA
8.1 Os principais concorrentes do cliente.
A empresa MSC Cruzeiros tem vários concorrentes fortes, onde ...
58
8.3 Pontos positivos e negativos dos concorrentes.
8.3.1 Pontospositivos - Royal Caribbean
Royal Caribbean procura atua...
59
8.3.4 Pontos negativos - PULLMANTUR
Nas redes sociais em que o site se apresenta não está tendo acesso quando
você clic...
60
8.3.8 Pontos negativos – IBERO CRUZEIRO
Por meio de sua rede social, o facebook a maior reclamação é de um jovem
que al...
61
9 OBJETIVO DE MARKETING.
O nosso objetivo de marketing é aumentar o números de acessos nas redes
sociais da MSC Cruzeir...
62
9.4 Quais os pontos positivos do produto devem ser ressaltados
Acredito que vale a pena ressaltar a possibilidade que o...
63
10 ESTRUTURA DO PLANEJAMENTO
10.1.1 Análise do cenário atual do mercado de produtos estudada.
10.1.2 Qual o pano de fun...
64
nas redes sociais, pois nenhum deles possui uma rede social completa com
informações coerentes e eficazes e dessa forma...
65
10.4 Posicionamento desenvolvido pela marca
10.4.1 O que a marca/produto promete, a justificativa para essa promessa e ...
66
11 PÚBLICO ALVO
Conforme o Ministério do Turismo, em seu documento apresentado pela
Secretaria Nacional de Politicas de...
67
12 EXTRATEGIA DE COMUNICAÇÃO
12.1 Qual é o insight principal sobre o público-alvo que pode servir de
plataforma para a ...
68
12.4 Quais atributos – tangíveis (racionais) e intangíveis (emocionais) –
servem de suporte para essa promessa.
Como em...
69
12.7 Conceito proposto
O conceito proposto será, vamos utilizar as redes sociais com o objetivo de
melhorar a comunicaç...
70
13 TATICAS DE COMUNICAÇÃO
Para elaboração das táticas de comunicação tomamos como objetivo o
problema de comunicação da...
71
13.1 Mês de novembro/dezembro
Figura 25 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 25 apresenta a campanha d...
72
13.2 Mês de janeiro
Figura 26 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 26 apresenta a campanha do mês de j...
73
13.3 Mês de fevereiro/março
Figura 27 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 27 apresenta a campanha do ...
74
13.4 Mês de abril
Figura 28 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 28 apresenta a campanha do mês de abr...
75
13.5 Mês de maio
Figura 29 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 29apresenta a campanha do mês de janei...
76
14 POSTAGENS
Para realização desse projeto conforme descrito acima, escolhemos apenas
três messes, o mês de Fevereiro/M...
77
14.1.2 O que levar em um cruzeiro marítimo
Figura 31 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 31 apresenta...
78
14.1.3 Que acessórios levar para um cruzeiro marítimo.
Figura 32 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura ...
79
14.1.1 Atrações mês da noivas
Figura 33 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 33 apresenta as atrações ...
80
14.1.2 Atrações do mês das noivas com a MSC
Figura 34 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 34 apresent...
81
14.1.3 Atrações mês das noivas
Figura 35 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 35 apresenta as atrações...
82
14.2 Facebook
14.2.1 O que levar para o carnaval da MSC.
Figura 36 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figur...
83
14.2.2 Atrações - Balada MSC
Figura 37 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 37 apresenta o que o consu...
84
14.3 Instagram
14.3.1 O que levar para o Cruzeiro no mês de carnaval
Figura 38 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicaç...
85
14.3.2 Atrações do mês das noivas
Figura 39 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 39 apresenta as atraç...
86
14.3.3 Palestra da semana da noiva.
Figura 40 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 40 apresenta as atr...
87
14.4 Twitter
14.4.1 Carnaval 2015 é com a MSC
Figura 41 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 41 repres...
88
14.4.2 Atrações como balada MSC
Figura 42 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 42 representa o carnava...
89
14.4.3 Baile de mascara MSC
Figura 43 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 43 representa o carnaval da...
90
14.5 Instagram
14.5.1 Mês das noivas MSC
Figura 44: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 44 representa...
91
14.5.2 Nesse carnaval use camisinha a MSC te apoia
Figura 45: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 45 ...
92
14.6 Flickr
14.6.1 Faça sexo seguro, use camisinha.
Figura 46: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 46...
93
14.6.2 Carnaval geral MSC 2015
Figura 47: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Figura 47 representa o carnava...
94
14.6.3 Deixa que a MSC realize a sua lua de mel em auto mar.
Figura 48(Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações)
A Fi...
95
15 MÍDIA
A Nossa campanha terá ao total de gastos com aluguel de estúdio, modelo,
maquiador e gestor de mídia um total ...
96
15.2 Tabela do investimento realizado na campanha.
Figura 49: (Investimento para campanha)
A Figura 49 apresenta o inve...
97
16 CRONOGRAMA
Figura 50: (Fonte adaptada conforme a tabela passada pelo Profº Ricardo Freitas)
A Figura 50 Apresenta o ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

PLANO DE COMUNICAÇÃO COM FOCO EM REDES SOCIAIS DE IMAGENS/MY SELFIE: MSC CRUZEIROS - AGÊNCIA BLAH! COMUNICAÇÕES

269 views

Published on

As sociedades em seus dias atuais são marcadas por constantes e diversas alterações e evoluções nos mais variados setores, isso se da através da enorme evolução tecnológica mundial na qual estamos vivendo intensamente, ao olharmos com cuidado e atenção aos diversos setores existentes percebemos que todos, sem exceção estão em constante transformação. Podemos citar, dentre eles, o setor econômico, social, jurídico, tecnológico e consequentemente o próprio turismo. As redes sociais, as crises econômicas e as próprias alterações climáticas alteram mesmo que de forma inconsciente a maneira como as pessoas vivem, se relacionam e consomem.

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

PLANO DE COMUNICAÇÃO COM FOCO EM REDES SOCIAIS DE IMAGENS/MY SELFIE: MSC CRUZEIROS - AGÊNCIA BLAH! COMUNICAÇÕES

  1. 1. FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES PUBLICIDADE E PROPAGANDA AMANDA DAMARIS – RA: 6360 DIEGO MACIEL – RA: 6288 LARISSA GIOVANA – RA: 6197 THAINARA ANDRÉ – RA: 5979 JONATHAS RODRIGO – RA: 6420 KAUANY DOS SANTOS – RA: 6202 PLANO DE COMUNICAÇÃO COM FOCO EM REDES SOCIAIS DE IMAGENS SÃO PAULO 2014
  2. 2. FACULDADE ZUMBI DOS PALMARES PUBLICIDADE E PROPAGANDA AMANDA DAMARIS – RA: 6360 DIEGO MACIEL – RA: 6288 LARISSA GIOVANA – RA: 6197 THAINARA ANDRÉ – RA: 5979 JONATHAS RODRIGO – RA: 6420 KAUANY DOS SANTOS – RA: 6202 PLANO DE COMUNICAÇÃO COM FOCO EM REDES SOCIAIS DE IMAGENS Trabalho de Conclusão de Semestre apresentado a Banca Examinadora da Faculdade Zumbi dos Palmares, para obtenção do 2°semestre de Publicidade e Propaganda, sob a Orientação do Profº Ricardo Freitas. SÃO PAULO 2014
  3. 3. 3 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO..................................................................................................7 2 EMPRESA ........................................................................................................9 2.1 Nome fantasia e razão social............................................................................9 2.2 Seguimentos e mercados que atua ..................................................................9 2.3 História da Empresa .........................................................................................9 2.4 Histórico de comunicação da Empresa...........................................................10 2.4.1 Catálogo virtual...............................................................................................11 Figura 1: Página da MSC Cruzeiros (Fonte:..............................................................11 A Figura 1 apresenta o catálogo virtual da MSC Cruzeiros onde podem ser encontradas informações pertinentes à comunicação da empresa, tais como ofertas, reservas e valores..............................................................................11 2.4.2 Tour virtual......................................................................................................12 A Figura 2 apresenta informações sobre as frotas de navios que a MSC possui. Neste “Tour Virtual” podemos encontrar os atrativos que cada frota pode oferecer...........................................................................................................12 2.4.3 Web tv.............................................................................................................13 A Figura 3 apresenta um canal, onde podemos ter acesso aos vídeos publicitários da empresa.....................................................................................................13 2.4.4 Álbum interativo ..............................................................................................14 2.4.5 Fan Page (facebook) ......................................................................................15 2.4.6 Blog.................................................................................................................16 2.5 Produtos ou serviços que presta ....................................................................17 2.6 A imagem da empresa no mercado................................................................17 3 PRODUTO/SERVIÇO.....................................................................................18 3.1 Nome ..............................................................................................................18 3.2 Descrição........................................................................................................18 3.3 Categoria ........................................................................................................18 3.4 Aparência........................................................................................................18 3.5 Local de uso ...................................................................................................19 3.6 Formas e Frequências de uso/consumo, por escala de importância e sazonalidade...................................................................................................19 3.7 Vantagens e desvantagens ............................................................................19 3.8 Diferencial.......................................................................................................20 3.9 Preços ao Consumidor ...................................................................................20 3.10 Como o produto é vendido (unidade, pacotes, grandes quantidades)............21 3.11 A imagem da marca do produto do mercado..................................................21 3.12 As principais características diferenciadoras em relação á concorrência.......21 3.13 Os principais pontos positivos do produto ......................................................22 3.14 Os principais pontos negativos do produto.....................................................22 3.15 Comentário das principais campanhas de propaganda quanto ao tema verbas, sucesso/insucesso, mídia e época, etc...........................................................23 3.16 Comentário sobre atuação nas mídias sociais, especificando canais e ações realizadas em cada um deles. ........................................................................24
  4. 4. 4 3.16.1 Twitter- MSC Cruzeiros Brasil.........................................................................24 3.16.2 Youtube - MSC Cruzeiros...............................................................................25 3.16.3 Flicker - MSC cruzeiros...................................................................................26 3.16.4 Linkedin ..........................................................................................................27 3.16.5 Orkut – MSC Cruzeiros...................................................................................28 3.16.6 Facebook – MSC Cruzeiros............................................................................29 3.16.7 Instagram – MSC Cruzeiros............................................................................30 3.17 Outras influências ambientais, culturais, religiosas, geográficas, etc. ............31 4 MERCADO .....................................................................................................32 4.1 Qual o tamanho do mercado. .........................................................................32 4.2 Viagem por estado e país...............................................................................33 4.3 Qual a participação do produto no mercado...................................................34 4.4 Qual a evolução do mercado..........................................................................36 4.5 Qual a sazonalidade .......................................................................................36 5 CONSUMIDOR...............................................................................................38 Definição de quem usa o serviço por sexo, classe social e faixa etária. ...................38 5.1 Quem consome os serviços de Cruzeiros ......................................................38 5.2 Sexo................................................................................................................39 5.3 Classe Social..................................................................................................40 5.4 Renda mensal do consumidor de cruzeiros....................................................41 5.5 Faixa Etária.....................................................................................................42 5.6 Escolaridade...................................................................................................43 5.7 Estado Civil.....................................................................................................44 5.8 Ocupação Profissional....................................................................................45 5.9 Área Geográfica..............................................................................................45 5.10 Área Geográfica de Residência......................................................................46 5.11 Descrição do modo de vida e os valores dos consumidores. .........................46 5.12 Influências ambientais ....................................................................................47 5.13 Influências Econômicas ..................................................................................47 5.14 Descrição de hábitos e atitudes dos consumidores em relação aos serviços, tais como período de compra, quantidade de compras, preferências e etc....48 5.15 Atitude do consumidor em relação ao serviço ................................................48 5.16 Atitude do consumidor em relação ao período de compra..............................49 5.17 Atitude do consumidor em relação ao consumo .............................................49 5.18 Atitude do consumidor em relação a quantidade comprada...........................49 5.19 Atitude do consumidor em relação as suas preferências................................50 5.20 Quem compra e onde compra. .......................................................................50 5.21 Quem decide a compra do serviço e normalmente como ela é feita. .............50 5.22 Razões de compra do serviço ........................................................................51 5.22.1 As razões de compra são racionais ou emocionais........................................51 5.22.2 O porquê o consumidor compra. ....................................................................51 5.22.3 Os benefícios que os consumidores esperam desse serviço. ........................52 6 DISTRIBUIÇÃO ..............................................................................................53 6.1 Quais as regiões que o Cliente Atua ..............................................................53 6.2 Como o produto é distribuído (varejo, auto-serviço, distribuidores exclusivos, revendas)........................................................................................................54 7 PREÇOS.........................................................................................................55
  5. 5. 5 7.1 Quais os preços do produto e sua relação com a concorrência. ....................55 7.2 Existem restrições legais para estabelecer o preço........................................56 8 CONCORRÊNCIA ..........................................................................................57 8.1 Os principais concorrentes do cliente. ............................................................57 8.2 Preços praticados pelos concorrentes............................................................57 8.3 Pontos positivos e negativos dos concorrentes. .............................................58 8.3.1 Pontos positivos - Royal Caribbean...............................................................58 8.3.2 Pontos negativos - Royal Caribbean ..............................................................58 8.3.3 Pontos positivos - PULLMANTUR ..................................................................58 8.3.4 Pontos negativos - PULLMANTUR.................................................................59 8.3.5 Ponto positivo - COSTA CRUZEIROS............................................................59 8.3.6 Pontos negativos – COSTA CRUZEIROS......................................................59 8.3.7 Pontos positivos - IBERO CRUZEIROS .........................................................59 8.3.8 Pontos negativos – IBERO CRUZEIRO..........................................................60 9 OBJETIVO DE MARKETING..........................................................................61 9.1 Objetivo de Comunicação...............................................................................61 9.2 Qual o conteúdo básico que a comunicação deve transmitir..........................61 9.3 Approach Criativo (Sugestões) .......................................................................61 9.4 Quais os pontos positivos do produto devem ser ressaltados........................62 9.5 Quais os pontos negativos devem ser evitados..............................................62 9.6 Quais os canais serão usados (Facebook, Twitter, Flickr, Pinterest e o Instagram).......................................................................................................62 10 ESTRUTURA DO PLANEJAMENTO..............................................................63 10.1.1 Análise do cenário atual do mercado de produtos estudada. .........................63 10.1.2 Qual o pano de fundo para o problema de comunicação. ..............................63 10.2 Que fatos são relevantes sobre o produto, concorrência e mercado..............63 10.3 Diagnostico de problemas e oportunidades....................................................64 10.3.1 Qual o problema que se espera que a comunicação resolva. ........................64 10.4 Posicionamento desenvolvido pela marca......................................................65 10.4.1 O que a marca/produto promete, a justificativa para essa promessa e a imagem da marca desejada na percepção do consumidor.............................65 11 PÚBLICO ALVO .............................................................................................66 12 EXTRATEGIA DE COMUNICAÇÃO...............................................................67 12.1 Qual é o insight principal sobre o público-alvo que pode servir de plataforma para a criação.................................................................................................67 12.2 Qual é a promessa básica (Ideia central que devemos comunicar). ..............67 12.3 Quais são os possíveis caminhos de como a promessa básica do serviço pode se concretizar na criação.......................................................................67 12.4 Quais atributos – tangíveis (racionais) e intangíveis (emocionais) – servem de suporte para essa promessa. .........................................................................68 12.5 Qual o tom do discurso...................................................................................68 12.6 Qual devera ser o residual da mensagem em termos de atitude ou comportamento, ou sensação (diretamente ligado com a razão para fazer propaganda) ...................................................................................................68 12.7 Conceito proposto...........................................................................................69
  6. 6. 6 13 TATICAS DE COMUNICAÇÃO ......................................................................70 13.1 Mês de novembro/dezembro ..........................................................................71 13.2 Mês de janeiro ................................................................................................72 13.3 Mês de fevereiro/março ..................................................................................73 13.4 Mês de abril ....................................................................................................74 13.5 Mês de maio ...................................................................................................75 14 POSTAGENS .................................................................................................76 14.1 Pinterest..........................................................................................................76 14.1.1 Atrações..........................................................................................................76 14.1.2 O que levar em um cruzeiro marítimo.............................................................77 14.1.3 Que acessórios levar para um cruzeiro marítimo. ..........................................78 14.1.1 Atrações mês da noivas..................................................................................79 14.1.2 Atrações do mês das noivas com a MSC .......................................................80 14.1.3 Atrações mês das noivas................................................................................81 14.2 Facebook........................................................................................................82 14.2.1 O que levar para o carnaval da MSC..............................................................82 14.2.2 Atrações - Balada MSC ..................................................................................83 14.3 Instagram........................................................................................................84 14.3.1 O que levar para o Cruzeiro no mês de carnaval ...........................................84 14.3.2 Atrações do mês das noivas...........................................................................85 14.3.3 Palestra da semana da noiva. ........................................................................86 14.4 Twitter.............................................................................................................87 14.4.1 Carnaval 2015 é com a MSC..........................................................................87 14.4.2 Atrações como balada MSC ...........................................................................88 14.4.3 Baile de mascara MSC ...................................................................................89 14.5 Instagram........................................................................................................90 14.5.1 Mês das noivas MSC......................................................................................90 14.5.2 Nesse carnaval use camisinha a MSC te apoia..............................................91 14.6 Flickr ...............................................................................................................92 14.6.1 Faça sexo seguro, use camisinha. .................................................................92 14.6.2 Carnaval geral MSC 2015...............................................................................93 93 14.6.3 Deixa que a MSC realize a sua lua de mel em auto mar................................94 15 MÍDIA..............................................................................................................95 15.1 Gastos ............................................................................................................95 15.2 Tabela do investimento realizado na campanha.............................................96 16 CRONOGRAMA .............................................................................................97
  7. 7. 7 1 INTRODUÇÃO As sociedades em seus dias atuais são marcadas por constantes e diversas alterações e evoluções nos mais variados setores, isso se da através da enorme evolução tecnológica mundial na qual estamos vivendo intensamente, ao olharmos com cuidado e atenção aos diversos setores existentes percebemos que todos, sem exceção estão em constante transformação. Podemos citar, dentre eles, o setor econômico, social, jurídico, tecnológico e consequentemente o próprio turismo. As redes sociais, as crises econômicas e as próprias alterações climáticas alteram mesmo que de forma inconsciente a maneira como as pessoas vivem, se relacionam e consomem. Nesse sentido, queremos por meio de uma vertente chamada “Rede Social” fundamentar o nosso estudo com base no seguimento de turismo com o foco principal nos cruzeiros marítimos, pois sabemos através de estudos e pesquisas que esse setor tem se destacado nos últimos anos como um dos setores com maiores níveis de crescimento de toda indústria, não somente a nível nacional, mas também mundial. Afirmações como “viajar em um transatlântico é conquistar a realização de um sonho” GOMES (2001), nos permite entender que a evolução dos cruzeiros marítimos nos dias atuais mudou o conceito de viagem a bordo de um navio, criada nos Estados Unidos em meados das décadas de setenta e inicio das décadas de oitenta nos deixa claro que o crescimento se deve principalmente pelas próprias características dos cruzeiros. Os navios de cruzeiros marítimos são de porte grande, complexos de lazer que proporciona ao consumidor um alto grau de satisfação, pois dentre as várias opções de lazer, podemos citar a prática esportiva ao ar livre, como: quadra poliesportiva, mini campo de golfe, piscinas, parede de escalada, academia, ou atividades como: piscinas internas, compras nas diversas lojas existentes a bordo,
  8. 8. 8 cinema teatro, show, música, área de internet e áreas exclusivas para crianças permitem a realização de um sonho, pois viajar em um cruzeiro além de ser um sonho é uma experiência fantástica que permite ter “tudo” em um mesmo lugar. A verificação destes fatos nos moveu a elaboração desse projeto, que engloba ambos os aspectos referidos, isto é, o estudo de algumas empresas, dos seus respectivos concorrentes, o estudo dos produtos e serviços existentes dentro desse seguimento, o preço oferecido ao consumidor, o estudo do consumidor, a avaliação do perfil desse consumidor, as suas características básicas, a distribuição desse produto/serviço, o mercado no qual atua, o tamanho desse mercado, a sua evolução dentro do mercado, a sua sazonalidade e afins. O estudo apresentado a seguir teve seu início com a determinação de uma frase de partida criada com objetivo de ajudar na elaboração e construção desse projeto, tendo como base o tema “Plano de comunicação com foco em redes sociais de imagens”,colaborou com esse estudo não somente a pesquisa de mercado de cruzeiros marítimos, mas principalmente as suas ações nas redes sociais, a sua forma de comunicação, seus meios de comunicação e o que isso agrega na vida do consumidor. Para que se possa obter uma melhor compressão sobre o estudo em evidência, utilizamos como dito acima o seguimento de turismo, a empresa escolhida como nosso respectivo cliente foi a MSC Cruzeiros. Optamos pelo seguimento de cruzeiros devido a sua grande ascensão e a partir dessa premissa o estudo em si teve seu foco nas “redes sociais” que com cuidado e atenção foram avaliadas para que pudéssemos identificar algumas necessidades e fazer dessas uma oportunidade. Para esse fim,foram utilizadas as redes sociais a seguir: Twitter, Youtube, Flickr, Linkedin, Orkut, Facebook, Pinterest, e o Instagram, com o objetivo de criar uma campanha publicitária para solucionar o problema do cliente e satisfazer o consumidor.
  9. 9. 9 2 EMPRESA 2.1 Nome fantasia e razão social MSC CRUZEIROS MSC CRUZEIROS DO BRASIL LTDA. 2.2 Seguimentos e mercados que atua Atua no ramo de Cruzeiros e Turismo, atualmente é líder do mercado de cruzeiros marítimos no Mediterrâneo, na África do Sul e no Brasil. Além de navegar durante o ano todo pelo Mediterrâneo e Caribe, a MSC Cruzeiros oferece também uma ampla variedade de itinerários sazonais no Norte da Europa, no Oceano Atlântico, nas Antilhas Francesas, na América do Sul, na África do Sul, nas Ilhas Canárias e nos Emirados Árabes Unidos. A nossa meta para o ano de 2014 é que mais de 1,7 milhões de cruzeiristas viajem nos 12 navios de nossa frota ultramoderna. A MSC Cruzeiros é uma empresa européia que emprega 15.500 pessoas no mundo todo e está presente em 45 países. 2.3 História da Empresa A MSC foi fundada por Gianloigi Aponte (capitão do navio) em 1970, onde seu nome inicial era MSC Shipping, na cidade Sorento região de Nápoles- Itália. O seu transporte inicial de mercadorias foi entre o continente africano e a Europa. Com um único navio, a companhia conquistou o mercado mundial com containers, e dessa forma tornou-se a maior operadora do mundo. Depois de longos anos de crescimento e com investimentos de 5,5 bilhões de euros iniciou-se em 2003 a MSC Cruzeiros. Atualmente a MSC embarca por ano 1,2 milhões de hóspedes dos mais diversos lugares do mundo, com seu último lançamento em 2012 à companhia lançou seu novo modelo de navio MSC Divina e
  10. 10. 10 ela espera com essa empreitada alcançar a marca de 1,4 milhões de passageiros por ano. Em 2013 um órgão de certificação internacional, o “Bureau Veritas” conferiu a MSC a honra de ser a primeira empresa do ramo a receber o premio “7° Golden Pearls”, recebeu também prêmio “Cleanship2Class”. Em sua certificação, pode-se contar com o ISO 14001 pela gestão ambiental, como também o certificado ISO 22000 pela sua segurança alimentar, tendo em vista a qualidade dos seus serviços recebeu em sua lista de certificações o ISO 9001.A MSC Cruzeiros é uma empresa que acredita na liderança global e exige dessa forma mais responsabilidade com as pessoas e o meio ambiente. 2.4 Histórico de comunicação da Empresa Com base nas informações do catálogo abaixo, a MSC Cruzeiros possui canais de entretenimento no próprio site, uma página no facebook,onde é possível deixar críticas, comentários e até problemas que ocorreram durante o cruzeiro.
  11. 11. 11 2.4.1 Catálogo virtual Figura 1: (Fonte:www.msccruzeiros.com.br) A Figura 1 apresenta o catálogo virtual da MSC Cruzeiros onde podem ser encontradas informações pertinentes à comunicação da empresa, tais como ofertas, reservas e valores.
  12. 12. 12 2.4.2 Tour virtual Figura 2:(Fonte: www.msccruzeiros.com.br) A Figura 2 apresenta informações sobreas frotas de navios que a MSC possui. Neste “Tour Virtual”podemos encontrar os atrativos que cada frota pode oferecer.
  13. 13. 13 2.4.3 Web tv Figura 3:(Fonte: www.mscwebtv.com.) A Figura 3 apresenta um canal, onde podemos ter acesso aos vídeos publicitários da empresa.
  14. 14. 14 2.4.4 Álbum interativo Figura 4:(Fonte:http://www.mymoments.msccruises.com) A Figura 4 apresenta um canal interativo na qual o cliente pode criar o seu álbum de fotos, basta escolher um título e criar o seu álbum.
  15. 15. 15 2.4.5 FanPage (facebook) Figura 5: (Fonte: www.facebook.com/MSC.Cruzeiros.Brasil) A Figura 5 apresenta a Fan Page da MSC Cruzeiros, com base na análise feita, verificou-se que o seu facebook tornou-se um canal ativo de comunicação com seus clientes, uma vez que a empresa utiliza desse canal para fazer postagens diárias sobre ofertas, informações, promoções, vídeos, fotos e afins.
  16. 16. 16 2.4.6 Blog. Figura 6: (Fonte: http://diariodebordomsc.com.br/) A Figura 6 apresenta o diário de bordo da MSC Cruzeiros, um blog que fornece informações sobre cruzeiros, mundo MSC, roteiros de viagem e depoimentos de diversos clientes.
  17. 17. 17 2.5 Produtos ou serviços que presta Serviços de turismo, gastronomia, hospedagem e lazer. 2.6 A imagem da empresa no mercado Segundo o próprio site, a empresa está entre uma das mais conceituadas no mercado. Abaixo um trecho de uma reportagem apresentada na página infocruzeiros. “Desde que abrimos o escritório em 2010, que a nossa equipe em Portugal tem trabalhado de forma incrível para alcançar este objetivo. Hoje podemos afirmar que somos líderes de mercado, num país que conta atualmente com mais de 35.000 cruzeiristas/ano e que tem ainda grande potencial para crescer. Penso que conseguimos despertar os portugueses para as vantagens de realizar um cruzeiro e colocar este tipo de viagem e a nossa companhia nas primeiras opções de quem realiza férias no nosso país, atingindo neste momento 12.620 passageiros em Portugal. Até ao final do ano esperamos alcançar os 12.800 passageiros” afirma Eduardo Cabrita1 . 1 Fonte: www.infocruzeiros.com/home-mainmenu-1/789-msc-cruzeiros-liderança-com-36-de- quota-de-mercado-
  18. 18. 18 3 PRODUTO/SERVIÇO 3.1 Nome MSC Cruzeiros. 3.2 Descrição A MSC trabalha com a maior frota de navios, junto a grandiosos cruzeiros magníficos, pois esse é o prazer de cruzar os mares com a melhor e mais moderna frota de navio do mundo. 3.3 Categoria A categoria em que o nosso cliente (MSC Cruzeiros) trabalha é o Turismo. 3.4 Aparência. A MSC Cruzeiros é uma empresa líder de mercado que atua com diversos navios que possuem grandes estruturas tais como o Navio MSC Preciosa que apresenta uma estrutura invejável com suítes de janelas panorâmicas com vista para o céu, escadaria em cristais Swarovski, praça de pedra e o famoso GalaxyLounge, que é um restaurante com teto panorâmico com vista para o mar. Entre os seus navios de grande aparência podemos citar o famoso MSC Fantasia que é o maior navio de cruzeiros construído por um europeu com estilo italiano, entre suas atrações encontramos a escada de cristais Swarovski, teto transparente, piscina coberta com teto panorâmico e suítes ultramodernas com vista para o mar. Para finalizar não poderíamos deixar de falar do famosíssimo MSC Magnifica que é um navio projetado com design pioneiro e tecnologia de ultima geração, nele a MSC pode comportar até 2500 hóspedes que podem desfrutar de cabines que possui
  19. 19. 19 frente para o mar, camas de solteiro que convertem em camas de casal, recepção com escadas em mármore italiano, piso com carpete trabalhado, bar com estofados em couro personalizado com detalhes em madeira, restaurante com cristais, cassino todo trabalhado em ouro com luminárias de cristais magníficas. Enfim, todo o conforto e o luxo possível para agradar e atrair o cliente através da estética2 . 3.5 Local de uso MSC Cruzeiros tem como seu local de uso o Mar Mediterrâneo, litorais, portos, com a escala de navios. 3.6 Formas e Frequências de uso/consumo, por escala de importância e sazonalidade. A MSC cruzeiros tem como foco o lazer, descanso, férias e também a lua de mel. Com ampla gama de itinerários sazonais no Norte da Europa, nas Ilhas Canárias,MSC Grand voyages, Caribe e Antilhas, América do sul, Sul da África, e Emirados Árabes Unidos. 3.7 Vantagens e desvantagens MSC Cruzeiros fornece vários benefícios, como cartões de descontos para essas que desejam continuar a explorar o mundo com conforto e estilo. São 4 cartões como Classic, Silver, Gold e Black, cada um apresenta um beneficio nas atividades do cruzeiro, os shows e festas que a MSC Cruzeiros oferecem são mais agitados. As desvantagens são que as pessoas demoram horas para conseguirem embarcar no navio, muitas bagagens aparecem danificadas, mau atendimento, etc. 2 Fonte: http://www.msccruzeiros.com.br/br_pt/Navios/Overview.aspx
  20. 20. 20 3.8 Diferencial MSC Cruzeiros tem como diferencial, a sua frota mais moderna do mundo com a decoração elegante, design contemporâneo e materiais nobres; destinos incríveis como, por exemplo: mediterrâneo, norte da Europa, África do Sul, Caribe, etc. Oferece a melhor mordomia e conforto aos hóspedes. A respeito do lazer, eles possuem apresentações de shows da Broadway, cassino, entre outros; tratamento de beleza, terapias medicinais, cabeleireiros, etc. 3.9 Preços ao Consumidor Figura 7: (Fonte: http://www.msccruzeiros.com.br) A Figura 7 apresenta a tabela de preço do consumidor por local e quantidade de noites.
  21. 21. 21 3.10 Como o produto é vendido (unidade, pacotes, grandes quantidades). Conforme consulta no site da MSC entendemos que o produto é vendido em pacotes. Cada pacote possui um valor que está associado ao local e a quantidade de noites que o cliente deseja se hospedar, como exemplo:Estados Unidos, Jamaica, Ilhas Cayman, México e Bahamas3 . 7 Noites Saindo de: Miami, Estados Unidos Embarque: Sábado 22/11/2014 Desembarque: 30/11/2014 Preço: R$ 856,08 3.11 A imagem da marca do produto do mercado A MSC Cruzeiros fornece uma grande rota turística, com navios temáticos de grande porte e uma vasta área de lazer, tem nome forte no mercado, com melhores preços e tarifas disponíveis4 . 3.12 As principais características diferenciadoras em relação á concorrência Uma viagem com a MSC Cruzeiros constitui uma experiência incomparável, pois cada um dos seus inumeráveis momentos foi pensado de forma a superar as suas expectativas. Cada despertar é sinônimo de novas surpresas, cada noite acaricia uma imagem inesquecível: do Caribe ao Mediterrâneo, do Norte de Europa à Ásia, de África à América do Sul. Todos os cruzeiros MSC possuem um preço 3 Fonte: www.msccruzeiros.com.br 4 Fonte: http://www.decolar.com/blog/dicas-de-viagem/qual-cruzeiro-escolher
  22. 22. 22 médio, e são voltados para entretenimento de toda a família. Possui uma vasta frota de navios com diversas atrações, cardápios variados, baladas agitadas5 . 3.13 Os principais pontos positivos do produto Com o comentário da Isabel Cariolato sobre o navio preciosa, podemos afirmar que o navio é deslumbrante:“As pessoas tem a visão da vida marinha existente no lugar e possui ótimas atrações, como teatros e shows6 ”. 3.14 Os principais pontos negativos do produto Alguns pontos negativos da MSC Cruzeiros são que eles levam muito tempo para deixar as pessoas embarcarem, não entregam os devidos pacotes que os passageiros compram, a cozinha do navio fecha bem mais cedo do que eles dizem, muitas bagagens vêm danificadas, as paradas do navio são bem rápidas, etc7,8 . 5 Fonte: www.fontanella.com.br/Cruzeiros%20Maritimos.html 6 Fonte: www.diariodebordomsc.com.br/isabel-cariolato-no-deslumbrante-msc-preziosa/ 7 Fonte:http://www.reclameaqui.com.br/7443518/msc-cruzeiros/pessimo-servico-e-all- exclusive/ 8 Fonte: http://www.reclameaqui.com.br/7545736/msc-cruzeiros/ferias-frustradas/
  23. 23. 23 3.15 Comentário das principais campanhas de propaganda quanto ao tema verbas, sucesso/insucesso, mídia e época, etc. Figura 8 (Fonte:http://www.youtube.com/watch?v=0U7iYSUiU2E) A Figura 8 apresenta um vídeo que induz o público com imagens de diversão e lazer, mostrando todo o conforto que a empresa oferece dominando assim a visão de quem assiste o comercial, pois relata um navio de alto padrão com preço acessível.
  24. 24. 24 3.16 Comentário sobre atuação nas mídias sociais, especificando canais e ações realizadas em cada um deles. Conforme a análise feita verificou-se que a MSC cruzeiros possui um blog e cinco redes sociais. 3.16.1 Twitter- MSC Cruzeiros Brasil Figura 9 (Fonte:https://twitter.com/msccruzeiros) A Figura 9 apresenta uma das redes sociais que a MSC possui que é a sua conta no Twitter, ao analisar essa conta, verificou-se que as postagens são publicadas todos os dias, porém o máximo de postagens feitas por dia são de 5 postagens e no final de semana esse número aumenta para 10 ou mais tweets.A página possui 21mil seguidores, e nesse momento dispõe de 8.468 mil tweets e está seguindo 4.283 pessoas.
  25. 25. 25 3.16.2 Youtube - MSC Cruzeiros Figura 10 (Fonte:http://www.youtube.com/user/MSCCruisesOfficial/featured) A Figura 10 apresenta a página oficial de canal do Youtube da empresa MSC Cruzeiros onde podemos verificar que a mesma faz postagens semanais, ou seja um vídeo por semana. Nesse canal a MSC está ativa desde 08/01/2013 e possui 3.350 pessoas cadastradas. Em suas postagens, somam-se 5.633.817 visualizações.
  26. 26. 26 3.16.3 Flicker - MSC cruzeiros Figura 11 (Fonte:https://www.flickr.com/search/?q=MSC%20Cruzeiros) Na Figura 11 apresentamos a rede social Flickr da MSC Cruzeiros, porém com a análise feita podemos observar que a mesma não monta nenhum painel, somente publica fotos dos seus navios com o objetivo de mostrar através da estética, o luxo e a qualidade de seus serviços.
  27. 27. 27 3.16.4 Linkedin . Figura 12 (Fonte:https://www.linkedin.com/company/msc-cruzeiros-do-brasil-ltda) Na Figura 12 apresentamos o Perfil da MSC Cruzeiros na rede social Linkedin. A mesma possui o perfil, porém não encontramos nenhuma atividade, nenhuma postagem, somente seu cadastro, conforme a consulta feita verificou-se que em sua página existem 1.816 pessoas que estão cadastradas como seus seguidores.
  28. 28. 28 3.16.5 Orkut – MSC Cruzeiros Figura 13 (Fonte:http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=26436536) A Figura 13 apresenta a página da rede social Orkut e por mais que a mesma esteja defasada, ainda possui uma postagem do dia 11/01/2014 e está ativa com 4.262 membros.
  29. 29. 29 3.16.6 Facebook – MSC Cruzeiros Figura 14 (Fonte:https://www.facebook.com/MSC.Cruzeiros.Brasil?fref=ts) A Figura 14 apresenta a página oficial da MSC Cruzeiros no facebook, ao analisar a sua fanpage percebemos que essa é uma das redes sociais mais utilizadas pela empresa MSC, pois possui 56.502 seguidores e 2.523,833 curtidas, nessa rede social. A MSC faz postagens diárias de fotos e vídeos dos seus mais variados navios e fica fácil perceber a interação dos clientes nas suas diversas postagens.
  30. 30. 30 3.16.7 Instagram – MSC Cruzeiros Figura 15 (Fonte:http://instagram.com/msccruisesofficial) Na Figura 15 apresentamos a página oficial da MSC Cruzeiros na rede social Instagram. A empresa é ativa, porém não se utiliza muito dessa ferramenta para fazer postagens, aqui nessa rede às postagens são mais restritas, com 158 post no seu total, as postagens são feitas semanalmente ou a cada duas semanas.
  31. 31. 31 3.17 Outras influências ambientais, culturais, religiosas, geográficas, etc. A MSC tem o comprometimento com a salvaguarda do ecossistema marinho, bem como com a preservação da saúde e da segurança da tripulação e dos hóspedes de sua frota. Possui sistemas avançados de tratamento de água e de resíduos, altos padrões de economia de energia, segurança alimentar. A MSC Cruzeiros foi uma das primeiras linhas marítimas a reduzir, espontaneamente, as emissões de resíduos nos portos para níveis muito abaixo do mínimo legalmente exigido.Ela te influencia a conhecer lugares religiosos. Como Buenos Aires, onde o papa Francisco nasceu e viveu. A MSC Cruzeiros navega pelo mediterrâneo durante o ano inteiro, oferecendo uma ampla variedade de itinerários sazonais pelo Norte da Europa, Oceano Atlântico, Caribe, pela América do Sul, Emirados Árabes Unidos, Oceano Índico, Sul e Oeste da África9 . 9 Fonte: www.msccruzeiros.com.br/br_pt/Sobre-A-MSC-Cruzeiros/A-MSC-Cruzeiros.aspx
  32. 32. 32 4 MERCADO 4.1 Qual o tamanho do mercado. Figura 16 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br) A Figura 16 apresenta o mercado de turismo em fase de crescimento por região. A região Norte é a preferência entre os turistas com 49% em seguida a procura é pela região do Sudeste com 23,3% e por fim a região Sul com 18%. Dessa forma, entendemos que o turismo no Brasil nos últimos anos tem crescido substancialmente, através de um fenômeno econômico e social, uma das maiores razões desse crescimento são as tradições, tais como as raízes indígenas; raízes africanas; culinárias; músicas; arte; literatura. Atualmente a procura pela diversidade de culturas brasileiras tem se tornado um aspecto importante, baseando-se sobre tudo nos objetivos sócio culturais dos visitantes.
  33. 33. 33 4.2 Viagem por estado e país Figura 17 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br) A Figura 17 apresenta informações sobre o número de brasileiros, que estão interessados em viajar pelos estados do Brasil, e aqueles que optaram por viajar para outros países. Lembrando que essas informações são dados aproximados e não dados exatos. Com isso, identificamos que os interessados em viajar para os estados brasileiros somam-se 68%em contrapartida a uma minoria que deseja viajar para outros países somando-se 23% conforme a pesquisa levantada. Atualmente os destinos nacionais estão superando os internacionais, isso no que diz respeito aos brasileiros, que no ano de 2003 pretendiam viajar até julho, fato esse relatado pelo próprio consumidor com relação a viagens e seus interesses conforme a pesquisa levantada pelo Ministério do Turismo que se realizou em janeiro do mesmo ano com aproximadamente duas mil residências em sete capitais10 . 10 Fonte: www.dadosefatos.turismo.gov.br/dadosefatosgeral_interna/noticias/detalhe/20130206.html
  34. 34. 34 4.3 Qual a participação do produto no mercado O mercado de turismo é um dos diversos setores mais dinâmicos do mundo que se encontra em fase de crescimento, e nos últimos anos tem representado 10,7% do PIB global, contando com a ajuda de mais de 260 milhões de empregados e investimentos anuais por volta de US$ 800 bilhões. Sendo assim, esse mercado se encontra em competição com alguns setores da economia mundial como a construção civil, a petroquímica entre outras. Em 2003 esse mercado movimentou cerca de US$ 4 trilhões contando gastos e investimentos e vale ressaltar que a pesquisa levantada concluiu uma estimativa de crescimento em torno de US$ 9,2 trilhões até 2011. Segundo os dados da Organização Mundial do Turismo esse mercado na América do Norte cresceu 4%; no Caribe 5%; na África 10%; na Ásia; Pacifico 7% e por fim na Europa 4,3%, para 2020 a entidade aposta que 1,5 bilhão de pessoas gastarão cerca de US$ 2 trilhões por ano não incluído porem nesse total os investimentos que são feitos em equipamentos turísticos, hotéis, resorts etc. O turismo conforme apreciamos na pesquisa em referencia é um mercado importante e muitas vezes o principal motor da economia de alguns estados como nas ilhas do Caribe e na Oceania, sendo assim vale ressaltar que ele representa um quarto de toda a economia do Caribe11 . Em resumo, no ranking das maiores economias do setor de turismo, o Brasil se encontra em 18º na posição em tamanho absoluto, porém vale ressaltar que o Brasil ocupa a modesta 26º posição entre os países mais visitados no ranking da Organização Mundial do Turismo, sendo assim o setor brasileiro de turismo foi estimado em R$ 158,5 bilhões de atividade econômica referente ao ano de 2005, em 11 Fonte: http://www.turismo.gov.br/export/sites/default/turismo/o_ministerio/publicacoes/downloads_p ublicacoes/O_MERCADO_DE_TRABALHO_NA_xREA_DE_TURISMO.pdf
  35. 35. 35 termos de crescimento a estimativa é de R$ 374, 9 bilhões até 2015, porém há uma demanda de crescimento no setor de viajem e cruzeiros que espera um crescimento de 5,1% em 2005 e 3,9% de crescimento por ano, em termos reais a estimativa é que esse crescimento aconteça entre os anos de 2006 e 2015, porém vale lembrar que o crescimento brasileiro representa, conforme a estimativa, 0,9% do marketshare global no mercado de turismo12 . 12 Fonte: http://www.turismo.gov.br/export/sites/default/turismo/o_ministerio/publicacoes/downloads_p ublicacoes/O_MERCADO_DE_TRABALHO_NA_xREA_DE_TURISMO.pdf
  36. 36. 36 4.4 Qual a evolução do mercado. O turismo no Brasil vem acontecendo desde meados dos anos 90, tem como estratégias a expansão, consorciada a implantação de inúmeros resorts. Essa estratégia baseia-se num pressuposto bastante discutido, que permite um desenvolvimento rápido e fácil do setor. O turismo está sendo uma vocação natural no Brasil, e seu segmento está cada vez mais otimista. As indústrias de cruzeiros marítimos tem apresentado um dos maiores índices de evolução na procura dos turistas. Este panorama cria um novo mercado de trabalho e de estudos para agentes de viagens, une também a evolução enorme na procura de estudos e pós- graduações na área de turismo, hotelarias e gastronomia, isso é afirmado com base em pesquisas no site do IBGE, Ministérios de Turismo1314 . 4.5 Qual a sazonalidade A sazonalidade é uma concentração dos fluxos turísticos em períodos curtos do ano, esta sobrecarga muitas vezes exaure os recursos físicos e sociais nas áreas de destino, e por outro lado há situações de grande procura que geram ineficiência na atividade turística. No Brasil considerando o turismo como turismo doméstico, há vários fatores que causam a sazonalidade, tais como: férias escolares, formaturas de escola, lua de mel, férias de trabalho, natal, ano novo entre outras. Geralmente,essa procura é maior em datas com o clima quente, pois os consumidores preferem aproveitar esses momentos com o máximo de conforto em atividadesde lazer que o próprio cruzeiro oferece, pois este período é uma época propicia onde os preços de pacotes ficam ainda mais baixos facilitando assim a sua compra, isso tudo para atrair os consumidores de forma geral. Segundo os dados da Embratur, 2,5% da população viaja para fora do Brasil, uma porcentagem bem baixa para o tamanho do nosso país, sendo assim, as possibilidades dos turistas frequentarem outras cidades é muito maior, em contrapartida, é possível atrair 13 Fonte: http://www.ibge.gov.br/home/ 14 Fonte: http://www.turismo.gov.br/turismo/home.html
  37. 37. 37 também os turistas estrangeiros, pois nosso clima tropical é favorável para eles, nosso inverno ainda é pequeno em comparação com os rigorosos invernos europeus. Em resumo sobre a sazonalidade do mercado de turismo vale a pena ressaltar que a temporada de cruzeiros no Brasil se dá entre os meses de novembro a maio devido às festas respectivas nesses meses. O mês de novembro já antecede o natal e há uma grande procura de cruzeiros marítimos, pois os viajantes em alguns casos tem preferência em passar o mês de natal em lugares diferentes, nos meses de janeiro e fevereiro para muitos já é considerado o mês das “férias”, pelo menos para aqueles que estudam, porém em muitos casos há pessoas que reservam as suas férias para esse período, para que possam aproveitar mais com a família, os filhos e os amigos, no mês de março é considerado o mês do carnaval, e a procura por cruzeiros nesse mês também é grande, em abril temos a páscoa e a procura nesse mês é mais restrita, porém ela ganha ascensão no mês de maio que é o último mês da sazonalidade, considerado o mês das noivas onde há certa procura, pois há casos em que a noiva tem o “sonho” de passar a lua de mel no cruzeiro, mas esse mês não possui um grande crescimento somente por isso, mas ganha grande relevância com a data do dia das mães e a consideração do mês da mulher15 . 15 Fonte adaptada de: www.viagem.br.msn.com/cruzando-o-brasil
  38. 38. 38 5 CONSUMIDOR Definição de quem usa o serviço por sexo, classe social e faixa etária. 5.1 Quem consome os serviços de Cruzeiros Conforme o Ministério do Turismo, em seu documento apresentado pela Secretaria Nacional de Políticas de Turismo (2008), o perfil dos turistas variam de acordo com o tipo de viagem e embarcação utilizada. Na pesquisa levantada verificamos que a faixa etária de turistas está entre 25 e 34 anos, considerando que de modo geral os turistas a partir de 40 anos possuem um poder aquisitivo elevado, porém esse quadro vem sofrendo alterações no mercado de cruzeiros devido à facilidade em sua forma de pagamento o que facilita o acesso de pessoas com poder aquisitivo mais restrito. O perfil dessa demanda é caracterizado por profissionais ou empresários com objetivos de aprendizado sobre cultura, esportes, gastronomia e lazer tendo em vista não somente o aprendizado em si, mas o próprio lazer, ressaltando que o público feminino é o predominante, mas encontra-se casais com crianças e homens solteiros também, graças aos avanços tecnológicos e as diversas formas de pagamentos existentes, todos podem ter a experiência de viajar em um cruzeiro nos dias atuais16,17 . 16 Fonte adaptada: www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf 17 Fonte adaptada: www.turismo.gov.br/turismo/home.html
  39. 39. 39 5.2 Sexo Figura 18 (Fonte:www.dadosefatos.turismo.gov.br) A Figura 18 apresenta a pesquisa sobre o sexo predominante no mercado de cruzeiros marítimos, essa pesquisa concluiu que o sexo predominante neste segmento é o feminino, com 55,8% de mulheres que utiliza cruzeiros para diversas finalidades e homens em sua minoria somam-se 44,2 %, ambos os sexos utilizam estes serviços para realizar tarefas de aprendizado, cultura, lazer e afins.
  40. 40. 40 5.3 Classe Social Esse trabalho procurou adaptar o estudo de caso da autora Ana Raquel Rocha que analisou o comportamento do consumidor em suas diversas classes sociais, porém vale ressaltar que a pesquisa foi levantada dentro de um cruzeiro partindo da premissa de que as atividades de lazer são o foco principal dos consumidores. Depois do período pós-crise mundial, com o crescimento da economia e o advento da tecnologia a ascensão à classe média de consumidores elevou o crescimento de cruzeiros marítimos que outrora eram oferecidos a consumidores de renda elevada que compõe as classes A e B, porém atualmente a classe média C foi beneficiada com a facilidade de pagamento e o financiamento desse produto de lazer. Segundo o relatório da ABREMAR – Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos, que teve como base “Cruzeiros Marítimos: Estudo de perfil e Impactos Econômicos no Brasil”, foi levantada na pesquisa que uma boa parte dos viajantes está experimentando este serviço pela primeira vez e a sua grande maioria pretende repetir a experiência, no relatório vale a pena ressaltar que os consumidores deste serviço preferem viajar em grupo tais como (cônjuge, namorados, familiares e amigos) e na sua grande maioria são funcionários de empresas públicas e privadas que dispõem de uma renda mensal diversificada chegando há um pouco mais de 6 salários mínimos, cuja faixa é de R$ 5.000. Essa faixa de renda mensal confirma que uma determinada parte dos “viajantes” são pessoas que pertence à classe média C. Para fins de pesquisa entendemos que a Classe A são pessoas que possuem a renda fixa acima de R$ 10.000, a classe B pessoas que possuem a renda fixa de R$ 5.001 até R$ 10.000 e classe C entre R$ 2.500 a R$ 5.000 conforme o gráfico abaixo18 . 18 Fonte adaptada: http://www.anpad.org.br/diversos/trabalhos/EnANPAD/enanpad_2013/11%20- %20MKT/PDF%20MKT%20-%20Tema%203/2013_EnANPAD_MKT1814.pdf
  41. 41. 41 5.4 Renda mensal do consumidor de cruzeiros Figura 19: (Fonte adaptada www.anpad.org.br) A Figura 19 apresenta a faixa de renda mensal familiar do consumidor de cruzeiros marítimos.
  42. 42. 42 5.5 Faixa Etária Figura 20:(Fonte adaptadawww.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf) A Figura 20 apresenta a faixa etária de pessoas que utilizam esses serviços, a média da faixa etária dos clientes é de 25 a 34 anos somando um total de 26,3% neste mercado. Avaliando outras idades temos jovens que possivelmente viajaram com suas famílias totalizando a faixa de 0,3% entre idades de 15 e 17 anos, temos adultos de 18 a 24 anos que juntos somam-se 12,2%, adultos na faixa de 35 a 44 anos somando um total de 22,4% de 45 a 54 anos somam-se 19,4%, de 55 a 64 somam-se 12,4%, enfim pessoas com 65 anos ou mais somando 7% do total, ressaltando que o público predominante nesse segmento no que diz respeito à idade encontra-se entre 25 e 34 anos.
  43. 43. 43 5.6 Escolaridade Figura 21: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf) Podemos notar por meio da Figura 21 que há seis níveis de escolaridade, sendo eles Ensino Superior, Ensino Médio, Pós-graduação, Ensino fundamental, Mestrado e Doutorado. Somando 58,1% temos o público que já possui ensino superior, o ensino médio ficou com 25,3%, os pós-graduados somam-se 11%, os que ainda estão ou pararam no fundamental 3,4%, os mestres receberam a porcentagem de 1,7% e por fim os doutores com 0,5% de participação de escolaridade.
  44. 44. 44 5.7 Estado Civil Figura 22: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf) A Figura 22 apresenta o estado civil dos consumidores na qual o 1º lugar se dá pelo público casado que ganhou o ranking com 54,4%, em 2º o público solteiro com 35,3% em 3º os divorciados com 6,6% e por fim os viúvos com 3,7%. Entendemos que o perfil do estado civil dos viajantes em sua maioria é o de casados como pode ser observado no gráfico.
  45. 45. 45 5.8 Ocupação Profissional Figura 23: (Fonte adaptada www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf) A Figura 23 apresenta a ocupação profissional dos consumidores de cruzeiros, na pesquisa levantada os consumidores por sua vez trabalham em empresas públicas e privadas sendo a grande maioria empregados com 45,2%, pessoas que possui conta própria com 17,5%, empregador com 13,6%, aposentados com 9,6%, estudantes com 7,2%, público não identificado com 5,5% e por fim pensionistas com 1,4%. 5.9 Área Geográfica Conforme pesquisa levantada por área geográfica, temos o estado de São Paulo em 1º lugar com sua maior concentração de viajantes totalizando assim 61,1%, em 2º lugar temos o Rio de Janeiro com 12% e em 3º lugar temos o Paraná com 5,9%.
  46. 46. 46 5.10 Área Geográfica de Residência Conforme citado acima a área geográfica de destaque é São Paulo com 61,1%. 5.11 Descrição do modo de vida e os valores dos consumidores. Conforme visto nas citações anteriores pode-se entender que o modo de vida dos consumidores de cruzeiros marítimos varia de uma idade para a outra, porém todos possuem o mesmo foco o “lazer”, alguns viajam de cruzeiros a negócios, outros igualmente para conhecer novas culturas para agilizar os seus negócios, um terceiro grupo viaja para aprender sobre comida, bebida e esporte, mas todos igualmente até mesmo quem está viajando a negócios ou em busca de negócios novos, todos sem exceção possui o mesmo “instinto” podemos dizer assim, o lazer. Todos viajam, mas sem dúvida acabam desfrutando de um lazer que em sua consciência já estava pré-definido como “férias”, descanso ou afins. Destacando o modo de vida dos viajantes, podemos observar que a sua grande maioria está na faixa etária de 25 a 34 anos e, portanto possuem um poder de aquisição maior do que os demais e as suas principais características são: pessoas que já atuam no mercado de trabalho como empregados ou já tem o seu próprio negócio e nessa vertente já atuam como patrões que exercem as suas diversas profissões em empresas públicas e privadas e na sua grande maioria se interessam muito pelo estudo sendo a sua maior parte graduados e pós-graduados, alguns com o título de mestre e poucos com o título de doutor, porém em sua grande maioria destacam-se homens e mulheres já casados que constituíram família e juntos desfrutam do “prazer” da viagem. Conforme Page (2008) “presenciamos atualmente, um consumidor cada vez mais maduro, com idade avançada e que possui mais experiência de viagem, emoldurando a demanda turística”. Ou seja, os consumidores estão cada vez mais exigentes preservando assim os seus valores pessoais, familiares, religiosos tais como viagens em lugares históricos, passeios em lugares que se faz identificação com sua crença, e etc. Atualmente o consumidor está exigente e acaba se preocupando mais com aspectos como oferta de
  47. 47. 47 infraestrutura e serviços de qualidade, conservação do meio ambiente, segurança própria e da família se for o caso, atividades de lazer, diversão para as crianças, possibilidades de descanso, atividades esportivas e preços mostrando assim o seu desejo de ser respeitado neste mercado em seus valores pessoais e familiares19 . 5.12 Influências ambientais Diversos resíduos de lixos e materiais poluentes lançados nos mares, congestionamento nos principais portos, possibilidade de vazamento de óleo, agressão aos corais e a outros organismos marinhos são características de influências ambientais20 . 5.13 Influências Econômicas Os cruzeiros marítimos é um dos serviços de turismo que mais cresce não somente a nível nacional, mas também internacional apresentando assim uma grande influência econômica. Entre essas influências, destacam-se os mais variados gastos dos cruzeiristas, tripulantes e armadores. Os gastos dos cruzeiristas e dos tripulantes englobam compra de passeios turísticos, alimentos, bebidas, transporte, presentes e afins, já os gastos dos armadores são de compras de suprimentos, combustível, água, tarifas portuárias, impostos entre outros21 . 19 Fonte adaptada: www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf 20 Fonte adaptada: http://www.brasilcruise.com.br/_arquivos/PESQUISA%20CRUZEIROS%20RGN.pdf 21 Fonte adaptada: www.abremar.com.br/down/fgv2011.pdf
  48. 48. 48 5.14 Descrição de hábitos e atitudes dos consumidores em relação aos serviços, tais como período de compra, quantidade de compras, preferências e etc. Segundo Solomon (2002) o estudo do comportamento do consumidor é “o estudo dos processos envolvidos quando indivíduos ou grupos selecionam, compram, usam, dispõem de produtos, serviços, ideias ou expectativas para satisfazer necessidades e desejos”. Para que possamos entender o consumidor desse mercado se faz necessário antes de tudo fazer uma análise e compreender quais são as suas reais motivações e o que leva o consumidor a viajar e quais são os seus reais objetivos em relação à viagem22 . 5.15 Atitude do consumidor em relação ao serviço Atualmente o consumidor está mais exigente tendo em vista os serviços utilizados dentro dos cruzeiros. O consumidor procura sempre algo que possa favorecê-lo seja sozinho ou em família, e dessa forma o mesmo exige serviços de qualidade como jogos, danças, bailes, esportes, shows, academias, cassinos e afins. Ao analisar a atitude do consumidor referente ao serviço entendeu-se que isso depende também do pacote que o mesmo escolheu, pois existem atualmente diversas classes que são ativas neste serviço, tais como a classe A, B, e C e desta forma vale a pena ressaltar que quanto mais se paga por um serviço, mais se exige dele, ou seja, o cliente da classe A que fechou um pacote 5 estrelas para navegar por 8 noites em um navio de luxo como o MSC Magnífica sem dúvida exigirá mais do que qualquer outro cliente que esteja viajando em uma classe mais restrita com pacotes mais limitados, sendo assim, de qualquer forma tanto o cliente da classe A, como o cliente da classe C são exigentes e procuram por serviços que lhes proporcione bem estar e lazer23,24 . 22 Fonte adaptada: www.comum.rcaap.pt/bitstream/123456789/4437/1/2012.04.007.pdf 23 Fonte adaptada: http://comum.rcaap.pt/bitstream/123456789/4437/1/2012.04.007_.pdf
  49. 49. 49 5.16 Atitude do consumidor em relação ao período de compra Em relação ao período de compra, existem cinco fases que explicam as compras mais abrangentes, porém iremos trabalhar somente com três fases nesse estado inicial, tendo em vista a compra na sua forma mais simples e eficaz. As três fases na qual mencionamos são: A pré compra, decisão e avaliação e por último, pós compra. Neste cenário de três opções são levantadas diversas informações para se chegar os resultados pretendidos, as três fases têm como base a seguir. Na pré-compra são levantadas todas as informações referente ao cliente, na decisão e avaliação é feita a escolha do local e do cruzeiro mais apropriado para aquela situação, na pós-compra é avaliado a experiência que o consumidor teve com base em sua viagem25 . 5.17 Atitude do consumidor em relação ao consumo Depois que o consumidor realiza a compra e efetivamente consome o produto (Cruzeiro) e os serviços por ele utilizados chega-se a um alto grau de satisfação em relação ao consumo de forma geral, uma vez que a satisfação do consumidor de cruzeiros não esta somente atrelada aos serviços disponíveis, mas a demanda de variedade de lugares que se pode visitar através desse intercâmbio. 5.18 Atitude do consumidor em relação a quantidade comprada Ao analisar os documentos de pesquisa deste mercado de cruzeiros entendeu- se que os consumidores são pessoas exigentes que procuram serviços de qualidade, porém vale a pena ressaltar que a atitude do consumidor em relação a quantidade comprada é algo relativo, pois parte-se da premissa que depende do consumidor a “quantidade comprada” uma vez que em termos de quantidade 24 Fonte adaptada: http://arquivo.rosana.unesp.br/docentes/fernando/TT/O%20potencial%20e%20o%20impacto %20dos%20cruzeiros%20maritimos%20no%20Brasil.pdf 25 Fonte: http://comum.rcaap.pt/bitstream/123456789/4437/1/2012.04.007_.pdf
  50. 50. 50 ficamos totalmente dependentes do consumidor, pois ele pode viajar com cônjuge, namorado, familiares e amigos e desta forma a quantidade comprada irá depender do plano de viagem do consumidor e do pacote por ele escolhido. 5.19 Atitude do consumidor em relação as suas preferências A preferência do consumidor irá depender dele mesmo, se for um consumidor que tenha um alto poder aquisitivo, sem dúvida suas preferências serão maiores do que aquele que tem um poder aquisitivo mais restrito, porém em todos os casos as preferências dos consumidores é utilizar serviços de qualidade a um custo acessível, a velha jogada do custo X benefício. 5.20 Quem compra e onde compra. Homens, mulheres, casais e solteiros. A compra é realizada de preferência nas Agências de Turismo, porém há casos em que o próprio consumidor prefere comprar pela internet devido a sua alta comodidade. 5.21 Quem decide a compra do serviço e normalmente como ela é feita. Normalmente quem decide a compra é a mulher no caso de um casal, embora o homem mencione os seus anseios e vontades a decisão final cabe a mulher. No caso de “solteiros” se for o caso “homem” ele mesmo toma as suas decisões sobre a compra, se for a mulher solteira, ela mesma decide sobre sua compra. O ato de comprar se dá através de uma Agência de Turismo, ou por um site confiável da própria companhia de turismo.
  51. 51. 51 5.22 Razões de compra do serviço São muitos os casos da razão de compra em relação ao cruzeiro e aos serviços disponíveis, porém uma das razões dessa empreitada é o estado emocional do cliente que na maioria das vezes quer sair da rotina do dia a dia e conhecer novos lugares e pessoas procurando assim uma forma de relaxamento emocional provocado pelo trabalho excessivo e pelo estresse do dia a dia. Há casos em que o cruzeiro é procurado somente como opção de lazer e divertimento. 5.22.1 As razões de compra são racionais ou emocionais. As razões de compra podem ser tanto emocionais como racionais, vai depender do objetivo de viagem do consumidor, porém na sua grande maioria as razões são sempre emocionais tendo em vista que o próprio consumidor quer utilizar do produto-serviço para o seu descanso e seu bem estar. 5.22.2 O porquê o consumidor compra. O consumidor compra para realizar ou satisfazer um objetivo pessoal que pode ser tanto uma viagem de lua de mel como opção para os recém-casados como uma viagem para conhecer pessoas, lugares e novas culturas, na realidade para sair do seu até então “mundo” e mergulhar em um horizonte diferente com muitas possibilidades.
  52. 52. 52 5.22.3 Os benefícios que os consumidores esperam desse serviço. Os principais benefícios que os consumidores esperam com a aquisição desse produto-serviço em primeiro lugar é sem duvida a qualidade de satisfazer uma vontade emocional que por sua vez esta ligada a um objetivo, ou seja, ele quer e deseja em primeiro lugar um serviço de qualidade que lhe proporcione alegria, prazer e lazer em estar ali, pois hoje os consumidores estão mais atenciosos e espertos e procuram por produtos e serviços que possam satisfazer as suas necessidades emocionais e racionais. Entres os benefícios almejados por eles estão qualidade, preço, localidade, conforto, tempo, luxo e exclusividade.
  53. 53. 53 6 DISTRIBUIÇÃO 6.1 Quais as regiões que o Cliente Atua A empresa tem como percurso o Mediterrâneo, ao longo do ano, mas também oferece uma ampla gama de itinerários sazonais, como no norte da Europa, nas Ilhas Canárias, MSC GRAND VOYAGES, Caribe e Antilhas, América do Sul, Sul da África e Emirados Árabes. No Brasil e países próximos em que a empresa faz percursos transatlântico realiza rotas de três e quatro noites pelas praias do Sudeste e de sete noites pelo Nordeste para então partir para o Rio de Janeiro e iniciar seus roteiros de três noites pelas praias tropicais, de seis a sete noites pelo Nordeste e de sete a oito pela região do Prata, sendo que os roteiros mais longos contam com pernoite em Buenos Aires. Também realiza percursos pelo Nordeste, o transatlântico atraca nos portos de Búzios, Ilhéus e Salvador, enquanto durante as rotas pela América do Sul faz paradas em Buenos Aires ePunta Del Este, com direito a pernoite na capital Argentina, ou visita a Montevidéu, nos roteiros de oito noites. Contanto os minicruzeiros tem como rotas pelas belas praias da região sudeste, o navio atracará sempre no porto de Búzios, podendo também parar em Ilhabela, Ubatuba ou ainda Ilha Grande / Angra dos Reis, de acordo com a data da excursão26,27,28 . 26 www.msccruzeiros.com.br/br_pt/Sobre-A-MSC-Cruzeiros/Overview.aspx. 27 Fonte: www.msccruzeiros.com.br/br_pt/Sobre-A-MSCCruzeiros/ 28 Fonte: www.Noticias/Msc_orchestra_volta_ao_brasil.aspx.
  54. 54. 54 6.2 Como o produto é distribuído (varejo, auto-serviço, distribuidores exclusivos, revendas). A empresa vende pacotes para todos os tipos de perfis,famílias , casais e solteiros. A maioria é em varejo , com distintos valores para cada pacote .Os pacotes da MSC são revendidos por agências de viagens promocionais29 . 29 Fonte: http://www.msccruzeiros.com.br/br_pt/homepage.aspx
  55. 55. 55 7 PREÇOS. 7.1 Quais os preços do produto e sua relação com a concorrência. Figura 23: Comparativo de preço da MSC com seus concorrentes) A Figura 13 apresenta um comparativo de preços entre a MSC Cruzeiros e os seus concorrentes são eles, ROYAL, COSTA, PULLMANTUR e IBERO, conforme a informação do gráfico acima, a empresa IBERO não disponibiliza pacotes de viagens, segundo seu próprio site e os demais sites visitados30,31,32,33 . 30 Fonte www.msccruzeiros.com.br 31 Fonte www.royalcaribbean.com.br 32 Fonte www.costacruzeiros.com.br 33 Fonte www.pullmantur.com.br
  56. 56. 56 7.2 Existem restrições legais para estabelecer o preço. Na pesquisa levantada não foi encontrado nenhum dado referente a restrições legais dos preços acima.
  57. 57. 57 8 CONCORRÊNCIA 8.1 Os principais concorrentes do cliente. A empresa MSC Cruzeiros tem vários concorrentes fortes, onde os principais estão entre ROYAL CARIBBEAN INTERNACIONAL; PULLMANTUR; COSTA CRUZEIROS e IBERO CRUZEIRO. 8.2 Preços praticados pelos concorrentes. Figura 24: O preço dos concorrentes30 A Figura 24 apresenta os preços dos concorrentes que estão bem diferentes, esses dados são considerados entre 3 e 8 noites34,35,36,37 . 34 Fonte: www.msccruzeiros.com.br 35 Fonte: www.royalcaribbean.com.br 36 Fonte: www.costacruzeiros.com.br 37 Fonte: www.pullmantur.com.br
  58. 58. 58 8.3 Pontos positivos e negativos dos concorrentes. 8.3.1 Pontospositivos - Royal Caribbean Royal Caribbean procura atuar sempre commuita responsabilidade. Importa- se e sabe que temo dever de proteger o meio ambiente e o bem estar das pessoas. Para proteger o meio ambiente a Royal Caribbean procura se esforçar para alcançar os mais altos padrões de proteção ambiental e comunitária, utiliza as tecnologias inovadoras para conduzir os seus negócios acima e alémda conformidade com as leis eos regulamentos exigidos. Royal Caribbean oferece também as melhores oportunidades de empregos segundo o site, oportunidadespara profissionais qualificados nas áreas de turismo, hotelarias, gastronomias e entretenimentos. 8.3.2 Pontos negativos - Royal Caribbean Através de redes sociais um homem reclamava que sua filha havia ido viajar nessa companhia e suas malas foram extraviadas e estava por três dias com a mesma roupa e sem auxilio nenhum da organização da companhia. Há muitas reclamações nesse mesmo sentido. Pode se notar também que as pessoasque já participaram de alguma viagem dessa mesma companhia não estão conseguindo fazer reservas pelo site alegam que não está atualizado para atender as novas regras do governo sobre transações bancárias internacionais. 8.3.3 Pontos positivos- PULLMANTUR Nos serviços Pullmantur os passageiros encontrão um ambiente relaxante e tranquilo, com estilo e personalidade próprios, e uma ampla oferta de alojamentos espaçosos e confortáveis para satisfazer todas as necessidades de seus passageiros, a Pullmantur também conta com SPA e ginásio. Um dos seus melhores destaques são: idiomas à bordo; diversão, tibuclub ecopiclub.
  59. 59. 59 8.3.4 Pontos negativos - PULLMANTUR Nas redes sociais em que o site se apresenta não está tendo acesso quando você clica no link não aparece nada. Isso é considerado por muitos uma informação enganosa, em seu site não é citado nada sobre o meio ambiente, as informações são básicas demais. 8.3.5 Ponto positivo - COSTA CRUZEIROS Costa Cruzeiros acredita que pode transformar todos os seus dias conforme os seus desejos, oferencendo vários pacotes de sua preferência. Em sua rede social, o facebook há vários comentários gratificantes para a empresa e as pessoas interessadas, como por exemplo, que ama os navios, e que jamais esquecerá das refeições. 8.3.6 Pontos negativos – COSTA CRUZEIROS Com dados encontrados na sua rede social fecebook uma das maiores reclamações referente ao atendimento que é péssimo, alegam também que não cumprem com o que foi vendido. Há reclamações também de falta de educação da parte de alguns funcionários. 8.3.7 Pontos positivos - IBERO CRUZEIROS A ibero cruzeiro se preocupa muito com o bem estar de seus hóspedes e com devido a este fator, conta com as melhores gastronomias, procura sempre estar atento as novidades para que possa oferecer o melhor aos seus clientes.
  60. 60. 60 8.3.8 Pontos negativos – IBERO CRUZEIRO Por meio de sua rede social, o facebook a maior reclamação é de um jovem que alega em seu comentário que os emails enviados para a empresa nunca são respondidos, algumas coisas não são incluídas no pacotes e não é avisado no site e nem por email, atendimento péssimo, a piscina fechada entre outros aspectos ruins, do ponto de vista do cliente.
  61. 61. 61 9 OBJETIVO DE MARKETING. O nosso objetivo de marketing é aumentar o números de acessos nas redes sociais da MSC Cruzeiros em 30% no próximo ano, almejamos tal empreitada através de diversas campanhas que serão criadas nas redes sociais a cada dois meses, sendo que a duração completa dessa campanha será de sete meses, começando no mês de novembro e terminando no mês de maio. 9.1 Objetivo de Comunicação. Com a campanha realizada temos o objetivo de tornar os canais de redes sociais, referência para a orientação de nossos clientes, com o objetivo de estreitar a relação com o nosso cliente através dessas ferramentas de comunicação, dessa forma será abordada em nossas campanhas desde sugestões de, como escolher a melhor opção de navio, até sugestões de vestimenta nas mais variadas atrações que o navio oferece. 9.2 Qual o conteúdo básico que a comunicação deve transmitir A comunicação deve ser clara, objetiva e deve ter um conteúdo persuasivo para captar novos clientes e mantersatisfeitos os atuais. 9.3 Approach Criativo (Sugestões) A ideia central seria montar painéis de imagens com o foco nas redes sociais, dessa forma utilizaríamos cinco redes sociais, sendo elas o Facebook, Twitter, Flickr,Pintereste o Instagram com o objetivo de melhorar a comunicação com os clientes e possíveis clientes da MSC Cruzeiros.
  62. 62. 62 9.4 Quais os pontos positivos do produto devem ser ressaltados Acredito que vale a pena ressaltar a possibilidade que o consumidor tem de viajar para diversos lugares sem a necessidade de troca de hospedagem, uma vez que os cruzeiros marítimos funcionam como “hotéis flutuantes” e é bom lembrar também que atualmente as pessoas de renda mais restrita podem ter acesso a esse tipo de produto, pois a facilidade de pagamento é muito grande com agências de viagens parcelando em até 10 vezes sem juros e com variadas formas de pagamentos e pacotes que cabe no bolso de cada um. Outro ponto positivo a se trabalhar é a infinidade de serviços que o cruzeiro pode oferecer desde pequenos restaurantes a grandes salas de jogos, piscinas, baladas, cabelereiros, academias e até sistema de crédito a bordo, ou seja, uma infinita possibilidade de entretenimento, lazer e cultura que se pode viver e, uma única experiência basta navegar. 9.5 Quais os pontos negativos devem ser evitados Alguns cruzeiros têm perfis específicos, por exemplo, “universitários” e se você escolher errado vai de dar mal, esse é um ponto negativo, outro que acho relevante é a quantidade de gastos extras que podem ser caríssimos tais como cassinos, compras a bordo, bebida alcóolica e afins, porém vale a pena ressaltar a importância da leitura antes de consumir um produto ou serviço, acredito que pode ter mais pontos negativos a serem explorados. 9.6 Quais os canais serão usados (Facebook, Twitter, Flickr, Pinterest e o Instagram). Todas as redes sociais funcionam para compartilhamento de fotos, porém acredito que teríamos mais chances de sucesso no Instagram devido a sua versatilidade e a sua ascensão, poderíamos utilizar somente o Instagram se for possível.
  63. 63. 63 10 ESTRUTURA DO PLANEJAMENTO 10.1.1 Análise do cenário atual do mercado de produtos estudada. 10.1.2 Qual o pano de fundo para o problema de comunicação. Atualmente o mercado de cruzeiros esta em alta devido à facilidade de pagamento e dessa forma muitas pessoas se interessam pelos serviços de cruzeiros marítimos, porém um grande problema esta afetando esse mercado nos dias de hoje, problema esse causado pela falha na comunicação das empresas de cruzeiros. Ao analisar a empresa MSC cruzeiros e seus mais variados concorrentes percebemos que todas tem algo em comum, o seu grande problema de comunicação que afeta os seus respectivos clientes que acabam por ficar sem informação efetiva sobre o cruzeiro e seus serviços, o que levar, o que pode ser usado, o que não pode, existe alguma taxa adicional, são essas e outras perguntas que norteiam a cabeça de diversos clientes. Entendida essa situação, queremos como plano de fundo para o problema de comunicação implantar um sistema de atualização em suas redes sociais, visando dessa forma à melhoria continua da falha de comunicação com o cliente e através desse meio solucionar o problema da melhor forma possível. 10.2 Que fatos são relevantes sobre o produto, concorrência e mercado. A capacidade de existir diversos produtos e serviços em um mesmo ambiente é um fato relevante no quesito produto, uma vez que navegar em auto mar é a experiência que somente o cruzeiro pode oferecer, porque por mais que o consumidor fique hospedado em um hotel de luxo, não tem comparação com uma viagem em alto mar, na qual o hotel e seus serviços viajam com você, é uma experiência única e diferente. Analisando o nosso Brienfing, foi selecionado como fato relevante em todos os nossos concorrentes a falta de comunicação com seus clientes, tendo em vista que os clientes em sua grande maioria reclamam da falta de informações no site e
  64. 64. 64 nas redes sociais, pois nenhum deles possui uma rede social completa com informações coerentes e eficazes e dessa forma o cliente se sente insatisfeito e inseguro de fechar o negócio, ponto este negativo, uma vez que a comunicação é tudo, e dessa forma ela compromete o negocio como um todo, pois uma informação errada no facebook ou um e-mail não respondido pode determinar o sim ou o não do cliente na hora da compra e dessa forma o mesmo pode acabar com a sua própria imagem no mercado que esta tão competitivo, porém é ai que entra a estratégia da MSC. O fato relevante em relação ao mercado é que o mesmo encontra-se em grande expansão devido à facilidade de pagamento de um pacote, caso esse exceção dos dias atuais, pois no passado não era assim, anteriormente em meados de 1999/2000 só poderia fazer um cruzeiro o funcionário publico, o advogado, o medico, o engenheiro e o empresário que tivesse um poder aquisitivo elevado, já nos dias atuais esse cenário esta sendo aos poucos modificado, pois um jovem estudante da classe C já pode viajar de cruzeiro, graças à versatilidade no pagamento do mesmo, por meio de cartão de créditos e afins. 10.3 Diagnostico de problemas e oportunidades 10.3.1 Qual o problema que se espera que a comunicação resolva. Ao analisar o Briefing, foi encontrado tanto na MSC como em seus concorrentes o mesmo problema a “Falta de informações coerentes e precisas em seus diversos canais informativos” tais como home page, redes sociais, e ausência de respostas nos e-mails corporativos, ou seja, a falta de comunicação com o consumidor, na realidade a comunicação com o consumidor existe, porem ela não funciona como deveria.
  65. 65. 65 10.4 Posicionamento desenvolvido pela marca 10.4.1 O que a marca/produto promete, a justificativa para essa promessa e a imagem da marca desejada na percepção do consumidor. Ao analisar a empresa MSC Cruzeiros e seus respectivos concorrentesverificamos que há uma grande falha na comunicação deixando dessa forma o cliente insatisfeito e inseguro, porem queremos aproveitar essa difícil situação para aprimorar os nossos serviços, tendo em vista as questões levantadas, vamos analisar todos os nossos canais de comunicação e implantar projetos de melhoria continua nesses canais, visando à realização, satisfação e felicidade de garantir ao nosso cliente um serviço de qualidade por meio de uma comunicação estratégica e inovadora.
  66. 66. 66 11 PÚBLICO ALVO Conforme o Ministério do Turismo, em seu documento apresentado pela Secretaria Nacional de Politicas de Turismo (2008), o perfil dos turistas variam de acordo com o tipo de viagem e embarcação utilizada. Na pesquisa levantada verificamos que a faixa etária de turistas está entre 25 e 44 anos, considerando que de modo geral os turistas de 40 anos pra cima já possuem um poder aquisitivo elevado, porem esse quadro vem sofrendo alterações no mercado de cruzeiros devido à facilidade em sua forma de pagamento o que facilita o acesso de pessoas com poder aquisitivo mais restrito. O perfil dessa demanda é caracterizado por profissionais ou empresários com objetivos de aprendizado sobre cultura, esportes, gastronomia e lazer tendo em vista não somente o aprendizado em si, mas o próprio lazer, ressaltando que o publico feminino é o predominante, mas encontrasse casais com crianças e homens solteiros também, graças aos avanços tecnológicas e as diversas formas de pagamentos existentes, todos podem ter a experiência de viajar em um cruzeiro nos dias atuais. Em resumo o publico alvo nos dias de hoje são toda a população em geral, haja visto a facilidade na forma de pagamento e a versatilidade de empresas que trabalham com o serviço de cruzeiros, isso tem facilitado e muito a vida daqueles que desejam fazer a experiência de cruzeiros, sendo assim através dessa pesquisa o nosso publico alvo, será toda a população em geral de forma que temos como objetivo da nossa campanha não somente o consumidor de 25 a 44 anos como dito acima, mas os consumidores mais jovens também.
  67. 67. 67 12 EXTRATEGIA DE COMUNICAÇÃO 12.1 Qual é o insight principal sobre o público-alvo que pode servir de plataforma para a criação A ideia principal é atender as necessidades dos nossos clientes por meio das redes sociais através de uma comunicação efetiva na qual utilizaremos como plataforma as redes sociais de imagem como Pinteres, Flickr e Instagram com o objetivo de satisfazer e atender as necessidades desse público alvo. 12.2 Qual é a promessa básica (Ideia central que devemos comunicar). Ao analisar a empresa MSC Cruzeiros e seus respectivos concorrentes verificamos que há uma grande falha na comunicação deixando dessa forma o cliente insatisfeito e inseguro, porem queremos aproveitar essa difícil situação para aprimorar os nossos serviços, tendo em vista as questões levantadas, vamos analisar todos os nossos canais de comunicação e implantar projetos de melhoria continua nas redes sociais, essa será a ideia central que vamos comunicar, visando à satisfação do nosso cliente por meio de um atendimento eletrônico eficiente que possa ser útil ao nosso publico com o objetivo de atender as suas necessidades com mais agilidade, compromisso e eficiência. 12.3 Quais são os possíveis caminhos de como a promessa básica do serviço pode se concretizar na criação. O caminho mais ideal e seguro para realização desse serviço terá o seu norte em um estúdio de fotografia, na qual utilizaremos as técnicas principais desenvolvidas em sala para criação do nosso material de campanha, através desse material vamos conseguir concretizar nosso serviço nas redes sociais.
  68. 68. 68 12.4 Quais atributos – tangíveis (racionais) e intangíveis (emocionais) – servem de suporte para essa promessa. Como em nosso caso vamos trabalhar com a campanha de um produto, o atributo mais usado para esse feito é o atributo intangível, uma vez que vamos oferecer aos nossos clientes um serviço e este por sua vez não pode ser apalpado, sentido, visto, não é um produto que vamos oferecer ao nosso cliente, mas sim um serviço e isso não é algo tangível e sim intangível. A pegada intangível que vamos utilizar para agregar valor ao nosso produto (Cruzeiro/Tangível) é a satisfação, alegria e o bem estar que um cruzeiro pode oferecer o consumidor que se hospeda em um hotel não tem a mesma versatilidade de um consumidor que se hospeda em um cruzeiro, uma vez que o hotel é algo mais restrito um lugar físico, imóvel, o cruzeiro por sua vez é um produto-serviço imóvel, através dele o consumidor pode chegar a qualquer lugar, basta escolher o seu destino e embarcar. 12.5 Qual o tom do discurso. Usaremos para esse fim três tipos são eles: O moderno, romântico e o emocional. 12.6 Qual devera ser o residual da mensagem em termos de atitude ou comportamento, ou sensação (diretamente ligado com a razãopara fazer propaganda) O nosso objetivo nesse caso é oferecer ao nosso consumidor a experiência que o serviço pode agregar na vida dele, se este por sua vez decidir-se pelo nosso produto nesse caso o cruzeiro.
  69. 69. 69 12.7 Conceito proposto O conceito proposto será, vamos utilizar as redes sociais com o objetivo de melhorar a comunicação com o nosso cliente como dito acima.
  70. 70. 70 13 TATICAS DE COMUNICAÇÃO Para elaboração das táticas de comunicação tomamos como objetivo o problema de comunicação da MSC Cruzeiros e seus respectivos concorrentes, nesse sentindo entendemos que tanto a MSC como seus concorrentes deixavam os consumidores a desejar, caso esse ocorrido, devido à falta de comunicação efetiva em seus canais eletrônicos, com isso criamos uma campanha publicitaria que teve o seu norte na temporada de cruzeiros, que tem inicio no mês de novembro para anteceder as festas de final de ano, e o seu fim no mês de maio, mês das noivas e considerado também o mês da mulher, é justo exemplificar que para realização dessa campanha utilizamos como exemplo sete messes dentro do período de sazonalidade, porem dentre os sete messes aplicamos a campanha somente em dois que são eles mês do carnaval e o mês das noivas, ou seja novembro e maio com intuito de aprimorar os meios de comunicação, dessa forma queremos facilitar o seu entendimento separando a campanha por fases conforme a descrição abaixo.
  71. 71. 71 13.1 Mês de novembro/dezembro Figura 25 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 25 apresenta a campanha do mês de novembro/dezembro, no mês de novembro utilizamos o tema “família e amigos” e no mês de dezembro o tema “bem amigos”, para exemplificar explicamos as atrações do mês e o que o consumidor precisa levar.
  72. 72. 72 13.2 Mês de janeiro Figura 26 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 26 apresenta a campanha do mês de janeiro, pois nesse mês utilizamos os seguintes temas “férias verão 2015”e “use verão”, para exemplificar explicamos as atrações do mês e o que o consumidor precisa levar.
  73. 73. 73 13.3 Mês de fevereiro/março Figura 27 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 27 apresenta a campanha do mês de fevereiro/março, no mês de fevereiro utilizamos o tema “solteirões” e no mês de março o tema “carnaval geral 2015”, para exemplificar explicamos as atrações do mês e o que o consumidor precisa levar.
  74. 74. 74 13.4 Mês de abril Figura 28 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 28 apresenta a campanha do mês de abril, pois nesse mês utilizamos os seguintes temas, “choco mania” e “MSC Ecology”,para exemplificar explicamos as atrações do mês e o que o consumidor precisa levar.
  75. 75. 75 13.5 Mês de maio Figura 29 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 29apresenta a campanha do mês de janeiro, pois nesse mês utilizamos os seguintes temas “mês da mulher 2015”, “casei e agora”, e “sonho meu”, para exemplificar explicamos as atrações do mês e o que o consumidor precisa levar.
  76. 76. 76 14 POSTAGENS Para realização desse projeto conforme descrito acima, escolhemos apenas três messes, o mês de Fevereiro/Março que corresponde ao carnaval e o mês de Maio considerado o mês da mulher, sendo assim abaixo se encontra todas as postagens que foram feitas nas redes sociais pela equipe da agência BLAH Comunicações. 14.1 Pinterest 14.1.1 Atrações Figura 30 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 30 apresenta a postagem das atrações que terá no cruzeiro, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  77. 77. 77 14.1.2 O que levar em um cruzeiro marítimo Figura 31 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 31 apresenta o que o consumidor deve levar em um cruzeiro marítimo, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  78. 78. 78 14.1.3 Que acessórios levar para um cruzeiro marítimo. Figura 32 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 32 apresenta o que o consumidor deve levar como acessórios em um cruzeiro marítimo, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  79. 79. 79 14.1.1 Atrações mês da noivas Figura 33 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 33 apresenta as atrações do mês das noivas que o cruzeiro pode oferecer ao consumidor, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  80. 80. 80 14.1.2 Atrações do mês das noivas com a MSC Figura 34 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 34 apresenta as atrações que o cruzeiro pode oferecer ao consumidor, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  81. 81. 81 14.1.3 Atrações mês das noivas Figura 35 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 35 apresenta as atrações que o cruzeiro pode oferecer ao consumidor, essa postagem foi realizada na rede social Pinterest.
  82. 82. 82 14.2 Facebook 14.2.1 O que levar para o carnaval da MSC. Figura 36 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 36 apresenta o que o consumidor precisa levar para participar do baile de carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Facebook.
  83. 83. 83 14.2.2 Atrações - Balada MSC Figura 37 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 37 apresenta o que o consumidora balada que terá dentro do cruzeiro MSC, essa postagem foi realizada na rede social Facebook.
  84. 84. 84 14.3 Instagram 14.3.1 O que levar para o Cruzeiro no mês de carnaval Figura 38 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 38 apresenta o que o consumidor precisa levar para participar do baile de carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Instagram.
  85. 85. 85 14.3.2 Atrações do mês das noivas Figura 39 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 39 apresenta as atrações que o cruzeiro oferece para aquela que é noiva, essa postagem foi realizada na rede social Instagram.
  86. 86. 86 14.3.3 Palestra da semana da noiva. Figura 40 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 40 apresenta as atrações que o cruzeiro oferece para aquela que é noiva, nesse caso, uma palestra sobre sexualidade e família, essa postagem foi realizada na rede social Instagram.
  87. 87. 87 14.4 Twitter 14.4.1 Carnaval 2015 é com a MSC Figura 41 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 41 representa o carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Twitter.
  88. 88. 88 14.4.2 Atrações como balada MSC Figura 42 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 42 representa o carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Twitter.
  89. 89. 89 14.4.3 Baile de mascara MSC Figura 43 (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 43 representa o carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Twitter.
  90. 90. 90 14.5 Instagram 14.5.1 Mês das noivas MSC Figura 44: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 44 representa o mês das noivas, pois na MSC o seu sonho pode se tornar realidade, essa postagem foi realizada na rede social Instagram.
  91. 91. 91 14.5.2 Nesse carnaval use camisinha a MSC te apoia Figura 45: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 45 representa que no carnaval, podemos curtir, mas com segurança por isso não esqueça a camisinha, essa postagem foi realizada na rede social Instagram.
  92. 92. 92 14.6 Flickr 14.6.1 Faça sexo seguro, use camisinha. Figura 46: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 46 representa que no carnaval, podemos curtir, mas com segurança por isso não esqueça a camisinha, essa postagem foi realizada na rede social Flickr.
  93. 93. 93 14.6.2 Carnaval geral MSC 2015 Figura 47: (Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 47 representa o carnaval da MSC, essa postagem foi realizada na rede social Flickr.
  94. 94. 94 14.6.3 Deixa que a MSC realize a sua lua de mel em auto mar. Figura 48(Fonte: Desenvolvido pela BLAH-Comunicações) A Figura 48 representa a lua de mel que a MSC oferece ao seu consumidor, uma lua de mel diferente, em alto mar, essa postagem foi realizada na rede social Flickr.
  95. 95. 95 15 MÍDIA A Nossa campanha terá ao total de gastos com aluguel de estúdio, modelo, maquiador e gestor de mídia um total de R$ 6, 900,00. 15.1 Gastos A tabela á seguir relatará nossos gastos no decorrer de nossas campanhas, lembrando que será realizada entre o mês de novembro de 2014 á maio de 2015, com isso teremos o gasto ao total de R$6.900,00 procuramos uma locação de ótima qualidade para que possamos obter um excelente resultado, com isso conseguiremos atrair nossos clientes e satisfaze- lós.Em nossa campanha será necessário um estúdio com produção que custará R$ 1.000,00 há hora, cada ensaio terá a duração de três horas, com isso o aluguel de nosso estúdio sairá por R$ 3.000,00, nesse estúdio terá tudo o necessário para o nosso trabalho, não precisaremos nos preocupar com nada, optamos por somente duas modelos, e o trabalho de cada uma sairá por R$ 350,00, em sma o valor total que vamos gastar com as modelos serão em torno de R$ 700,00, o serviço de nosso maquiador sairá R$ 100,00 por modelo, como vamos trabalhar com duas modelos, ao total o serviço sairá por R$200,00, para gerir todo o período da campanha, contaremos com um gestor de mídias sociais, com um salário de 3.000,00 e assim como o gestor de mídias sociais recebera sua bonificação por mês, da mesma forma sera com os outros colaboradores.
  96. 96. 96 15.2 Tabela do investimento realizado na campanha. Figura 49: (Investimento para campanha) A Figura 49 apresenta o investimento feito para realização dessa campanha, tomamos como base informações sobre estúdio, fotografia, modelo, maquiador e um gestor de mídia responsável pela administração da mesma.
  97. 97. 97 16 CRONOGRAMA Figura 50: (Fonte adaptada conforme a tabela passada pelo Profº Ricardo Freitas) A Figura 50 Apresenta o Cronograma do mês de Novembro/Dezembro e Maio, o objetivo desse cronograma é controlar e acompanhar as campanhas em suas redes sociais para obtenção de resultados.

×