Parte 2 adriana bispo

995 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
995
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
377
Actions
Shares
0
Downloads
14
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Parte 2 adriana bispo

  1. 1. Bom dia! Sejam bem-vindos(as) a mais uma oportunidade de reflexão...
  2. 2. O que é o passe...
  3. 3. „O fluido magnético ou vital é patrimônio de todos os seres. Transmitido no passe ou durante cirurgia espiritual, pode ser fator de bem-estar e de cura de afecções e doenças diversas.‟ ‘O passista que serve aos semelhantes de forma ética, dando de graça o que de graça recebeu, é auxiliado por Mensageiros da Luz, que mesclam sua energias às dele, aplicando utilmente suas forças radiantes.’
  4. 4. „Estudar o passe é descobrir que ele é também cura magnética – uma terapêutica simples, sem contraindicação, que tem beneficiado milhares de criaturas humanas.‟ - Marlene Nobre, 2011 -
  5. 5. „Assim como a transfusão de sangue representa uma renovação das forças físicas, o passe é uma transfusão de energias psíquicas, com a diferença de que os recursos orgânicos são retirados de um reservatório limitado, e os elementos psíquicos o são do reservatório ilimitado das forças espirituais.‟ - Emmanuel -
  6. 6. Das origens... „Um quadro do antigo Egito mostra um dos Grandes Chefes Divinos projetando na nuca do Faraó o fluido que lhe confere vida, saúde, força. Um papiro descoberto nas ruínas de Tebas já ensinava a fórmula básica da cura magnética: “Pousa tua mão sobre o doente para acalmar a dor e dize que a dor cesse”
  7. 7. O exemplo do mestre... „Se o fenômeno da imposição das mãos sempre existiu, foi com Jesus que se mostrou em toda a sua magnitude, inspirando aos seus discípulos a continuidade da terapêutica consoladora.‟
  8. 8. O passe é a transferência de fluidos de uma pessoa a outra, através da prece e imposição de mãos, procedimento largamente usado nos centros espíritas. As energias são oriundas dos fluidos humanos (do passista) e fluidos espirituais (dos Espíritos que trabalham com a equipe de médiuns).
  9. 9. O passe na visão espírita: O passe é sempre, segundo a visão espírita, um procedimento fluídico magnético, que tem como principal objetivo auxiliar a restauração do equilíbrio orgânico do paciente. Entende-se, por orgânico a estrutura completa do indivíduo: quando encarnado, corpo físico, perispírito e Espírito; quando desencarnado, perispírito e Espírito.
  10. 10. Posso ser PASSISTA? ‘A capacidade de doação fluídica não depende de conhecimento algum, por ser uma força inerente ao ser humano, assim como o são os outros dons mediúnicos.’
  11. 11. ‘Lições e instruções básicas contribuem para a melhoria do desempenho do passista, conferindo-lhe maior segurança e confiança’
  12. 12. ‘(...) O Passista deve ter noções elementares do corpo humano e dos corpos sutis para ter maior segurança na transmissão das próprias energias.’ - André Luiz -
  13. 13. Tipos de Fluidos...
  14. 14. Fluido Universal O fluido universal é a matéria básica fundamental de todo o Universo material e espiritual, a matéria elementar primitiva. É altamente influenciável pelo pensamento (que é uma forma de energia), podendo se modificar, assumir formas e propriedades particulares.
  15. 15. Fluido Vital Os Espíritos afirmam que uma das modificações mais importantes do fluido universal é o fluido vital. Ele é o responsável pela força motora que movimenta os corpos vivos. Sem ele, a matéria é inerte. É ele que dá vida a todos os seres que o absorvem e assimilam. A matéria sem ele não tem vida assim como ele sem a matéria não é vida.
  16. 16. Fluidos Espirituais São aqueles que procedem da fonte “mundo espiritual”; os fluidos humanos, mais conhecidos como anímicos ou magnéticos, são elaborados na fonte “organismo humano”; e os mistos são os decorrentes da conjugação dessas duas fontes. São os veículos do pensamento, como o ar o é do som.
  17. 17. FLUIDOTERAPIA... ‘Dentro de 50 ou 60 anos, após todo o sofrimento previsto para a atual fase de transição do globo, é possível, então, que a fluidoterapia – terapia com passes e água energizada – seja considerada como complementar e integrada às demais formas de cura (...)’
  18. 18. „A água é o melhor e o mais poderoso condutor de fluidos de qualquer natureza‟ Nosso Lar, André Luiz
  19. 19. Água magnetizada + passes = Fluidoterapia Durante o tratamento espiritual devemos sempre lembrar ao beneficiário o valor da água fluidificada, estimulando o seu uso.
  20. 20. Passe à distância... É possível? Sim, desde que haja sintonia entre aquele que o administra e aquele que o recebe. Nesse caso, diversos companheiros espirituais se ajustam no trabalho de auxílio, favorecendo a sua realização. A prece silenciosa será o melhor veículo da força curadora. - Nos Domínios da Mediunidade – Cap. 17
  21. 21. O poder da prece... Pode-se orar utilmente pelos outros? O Espírito daquele que ora está agindo pela vontade de fazer o bem. Pela prece, atrai a ele os bons Espíritos que se associam ao bem que deseja fazer. - O Livro dos Espíritos (662) -
  22. 22. Auto-Passe Processo de limpeza do perispirito e recarregamento de energias dos plexos e centros de força do aplicador de passes. Permite ao próprio doente e aos médiuns trabalharem em sua própria cura, desde que aplicado com o máximo de concentração do indivíduo.
  23. 23. A prece é uma forma de auto-passe, pois fluirá magnetização sempre que feita em boa fé e fervorosamente, em forma de meditação (recolhimento). Se existe algum órgão corporal que precise ser auto magnetizado, intencionalmente ou por intuição, direcionar a carga fluídica para o chakra que influencia a zona doente.
  24. 24. Entrevista concedida por Divaldo Franco ao Jornal de Espiritismo (ADEP), em Portugal, 05/10/2009. • ADEP - Como é que se deve dar o auto-passe, por exemplo, se eu estou necessitado, estou obsedado, ou perturbado, se eu vou dar o auto-passe eu não me vou auto-perturbar? Divaldo – Não, porque vai criar a condição necessária mediante a oração. Para você poder aplicar-se o auto-passe, irá concentrar-se, orar, e enquanto realiza esse mister desvincula-se do psiquismo negativo e, nesse momento revigora-se. As suas energias, como numa auto-hemoterapia, irão auxiliá-lo no refazimento. No meu caso, porque estou sempre junto a muitas pessoas, quando me sinto indisposto, recorro a esse maravilhoso expediente autoterapêutico.
  25. 25. Outra modalidade – *Passe de Insuflação, também conhecido como sopro. Divide-se em insuflações frias e quentes. (*Não é utilizado no Grupo Espírita „João Cabete‟)
  26. 26. As insuflações frias são muito usadas como dispersivos, especialmente em sua modalidade calmante. São aplicadas soprando-se, normalmente a uma relativa distância (maior que 40 cm) da região que se deseja dispersar. São usadas para debelar febres em crianças, para acalmar histerias e crises epilépticas.
  27. 27. As insuflações quentes, ao contrário das frias, são extremamente concentradoras de fluidos. São aplicadas soprando-se a região que se deseja fluidificar, o mais próximo possível, como se ali tivesse uma lâmina a ser embaçada. O sopro é dado com os pulmões cheios de ar, liberando-os lentamente, até esgotar toda a provisão de ar. Finda a provisão, afasta-se a boca do local, respira-se normalmente umas quatro ou mais vezes e depois, com os pulmões novamente cheios, repete-se a insuflação. Evita-se aplicar diretamente sobre os centros vitais principais. Cabe às insuflações quentes o maior grau de eficiência em tratamento de inflamações e infecções em pequenas regiões (tumores localizados, feridas com dificuldade de cicatrização).
  28. 28. „Nos círculos carnais, para que o sopro se afirme suficientemente, é imprescindível que o homem tenha o estômago sadio, a boca habituada a falar o bem, com abstenção do mal, e a mente reta, interessada em auxiliar. Obedecendo a esses requisitos, teremos o sopro calmante e revigorador, estimulante e curativo. Através dele, poder- se-á transmitir, também na Crosta a saúde, o conforto e a vida‟. - Os mensageiros, Cap. 19, André Luiz -
  29. 29. Material baseado no livro „O Passe como cura magnética‟ Marlene Nobre, 2011
  30. 30. Obrigada!

×