Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Jornal CJ

628 views

Published on

Published in: Education
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Jornal CJ

  1. 1. Ano de votação Dicas para os jovens que irã o votar pela pr imeira vez. O s p rin ci pai s p on tos para u m voto c ons ci en te sã o: Pe sq u is a r o pas s ad o d o c a ndida to p ara s ab er , po r exe m plo , s e e le alg u m a v ez r enu nc io u a o m anda to p ara ev itar u m pro c es s o de c as s aç ão ( anu la ç ão );de sc o b ri r o de se m pen h o do c and id ato pa ra v er s e ele cu m pr e pr o m es s as ; s ab er s e o c an didato c u m pre as r eg ras CJ elei to r ais , po r ex em plo , de ar r ec ada çã o de rec u r s o s e pr op aga nda; c o nh ec er a o r ienta çã o po lí ti ca do c andi dato e s ab e r s e s u a s p ro po s tas s ão fa ctív eis ; v er se o ca ndidato tr oc o u m u itas v ezes d e par tido , e nã o v ende r o vo to . Encontro Anual dos Veja que nossos Ainda bem que as Donos do Mundo sócios enviaram pessoas só querem da Tailândia, Peter proteger baleias, Ted Atividades que o CJ oferece para a comunidade: Informática, Pintura em tela, Pintura em camisetas Tec. de desenho, Violão, artesanato, Teatro, Web designer, Dança, futebol, futsal (masculino e feminino). Atividades que o Núcleo de Convivência para idosos oferece para a comunidade: Informática, Pintura em tela, Artesanato, alfabetização, Ginástica, Dança. N as m ãos dos Jov ens Em um pa ís onde um jove m com a pena s 16 anos pode da r sua op inião sobre quem vai le van tar ou afundar mais o Brasil, não podem os Anderson Gomes da Silva pe rde r a oportuni dade nem a espe ra nça e confia r o voto a que m pa recer mel hor cand idato, jove ns estão sempre atentos a tudo, bom Voluntário, organizou um projeto no Ceu Guarapiranga, sobre arte, buscou pe lo menos aquele s que pe rde m tem po com ativid ade s que aume ntam jovens com interesse e divulgou seus traços (desenhos, pinturas) seu n íve l de percepção. através de um telão em forma de video.também se apresentaram grupos de Esta nas mãos de stes joven s brasile iros o talve z futuro m elhor desse dança e musica. pa ís. O CJ participou do evento, e o Ciloelson Gomes trouxe para casa uma T emos que ap roveitar com in teligê ncia a d emocracia ma lhada do meda lha junto a um certificado pelo seu trabalho no Instituto Social Santa Bra sil. Lucia. E m a il: c j@ s a n t a lu c ia s p .o r g w w w .f a m ili a c j .b lo g s p o t .c o m Agradecemos ao Nildo, pelo trabalho que vem fazendo em nosso R e d a t o r e s :Y a g o , Je a n C a r lo s , M a r ia n a . bairro, cuidando da nossa área verde. D e s ig n e r : A r l e y C u n h a R e s p : C i lo e l s o n G o m e s d a S i l v a Es sa fo i a 1° edição do no sso jo rnal, esper o que gostem, sugestões, c rític as, opiniões ligue 5834-5889.falar com Cilo .
  2. 2. O trabalho realiza do na região sul da cidade, abriu portas para a cidadania Entrevista - sobre o instituto tão sonha da e aquele grupo de pessoas com sede de mudança pa ssou a dividir com o Estado o c onhecimento até ali adquirido, buscando qualificar-se na execução de políticas sociais, deixando de ser apenas uma Associação, abraçando novos desafios no enfrentamento à vulnerabilidade Itama r Moreira do Carmo social da tão complexa São Paulo. Assim cresceu o Instituto Social Santa Lucia, que hoje mantém 22 serviços por meio de convênios com o poder Nascido em Poções – Bahia, em 07/08/1972, paulistano de público e parcerias com a iniciativa priva da. São mais de 42.000 coração. É Pedagogo formado pela Universidade Paulista. Desde atendimentos/mês nas 31 subprefeituras da cidade de São Paulo 1994 vem atuando em organizações da sociedade civil, em especial Vale lembrar que dos novos desafios, assumimos talvez o maior da área no distrito do jardim Ângela onde praticamente nasceu, cresceu e social: a execução de serviços assistência social no âmbito da proteção reside atualmente. social especial, atendendo a demanda de população em situação de rua e abandono, acolhimento, abrigo, crianças e adolescentes em situação de Em 18 de março de 2000, nasce a Associação de Moradores do Jd trabalho infantil, abuso e violência sexual e adolescentes em medidas Santa Lucia I e Adjacências, que por iniciativa de um grupo de sócio-educativas e proteção jurídico-social. Uma área que exige grandes pessoa s com sede de mudança, de justiça social e acima de tudo, de esforços dos 405 colaboradores que hoje atuam no Instituto, mas que vem equidade. O objetivo naquele momento era articular esforços e colaborando com o papel do terceiro setor na implementação do Sistema colocar em prática a s pautas de luta e reivindicações para melhoria Único de Assistência Social – SUAS na cidade de São Paulo. das condições de habitabilidade do bairro. Fo i assim que uma Esse é o caminho percorrido até aqui, com imensos desafios, mas que nos atitude alavancou uma série de mudanças, garantindo acima de impõe a cada dia a responsabilida de de fazer a diferença de forma tudo o “direito” das comunidades Santa Lucia e Kagohara em integrada com as demais área s e parceiros e com sinergia , fazendo do habitar digna mente uma á rea u rbanizada, mudando o cotidiano de amanhã uma mudança que ainda está por vir: uma sociedade com justiça mais de 27 mil famílias. A primeira conquista da Associação foi a social e equidade. urbanização da então favela junto a Secretaria Municipal de Habitação, através de um programa co-financiado pelo Banco “A Arte é a única ferramenta capaz de coreografar a auto estima” Interamericano de Desenvolvimento (BID) . Depois vieram Presidida pelo Sr. Genario Nascimento da Cruz, o Instituto Social Santa parcerias junto à Eletropaulo na iluminação dos bairros e junto à Lúcia vem crescendo a cada dia. Sabesp na regulamentação e canalização da água . Pensando que a É preciso fazer algo a mais para uma sociedade mais justa. comunidade necessitava de acesso aos serviços públicos não disponíveis naquele território, em 2003 a Associação divide com o poder público municipal a co-responsabilidade na execução de serviço s públicos por meio de convênios, implementando o Movimento de Alfabetização de Jovens e Adultos – MOVA e 2 Telecentros, também em parceria com a iniciativa privada. Hoje são 22 serviços de atenção à crianças, adolescentes, família s e idosos, preconizando o desenvolvimento local e a sustentabilidade da comunidade e fazendo a diferença na vida das famílias atendidas.

×