Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Marketing no Desporto

10,425 views

Published on

Marketing no Desporto

  1. 1. Beatriz nº3Cátia nº4Catarina nº20
  2. 2. Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Prática de ActividadesFísicas e Desportivas, para a execução do módulo 7 de Marketing doDesporto.Guiamo-nos pelo Elenco Modelar, que nos deu bases e ajudou na realizaçãodo trabalho.Pretendemos falar sobre:Fundamentos do marketing do desporto;O mercado do desporto;A segmentação do mercado de desporto e o posicionamento;Marketing-mix do desporto.
  3. 3. O conceito de marketing desportivo não é linear nem pacifico entre todos osacadémicos e profissionais do serviço.De qualquer forma, a visão que para nós que mais se enquadra é a deencontrar diversas ferramentas de marketing que com um grau decustomização e adaptação ao fenómeno desportivo podem servir este últimocom grande utilidade.
  4. 4. Características principais do marketing desportivo:Tipo de marketing promocional;Media alternativa, que atinge de forma rápida e directa o consumidor;Media participativa, porque visa directamente ou indirectamente oconsumidor;Elemento de fixação e divulgação de marcas e conceitos;Estratégia de marketing e comunicação que envolve menores riscos ecustos e apresenta diferentes alternativas de investimento, em face dasinúmeras possibilidades de criação de eventos desportivos e das diversasmodalidades desportivas existentes;Elemento de reforço de imagem para seus investidores.
  5. 5. O marketing desportivo tem por função a própria promoçãoda marca, dos atletas, do clube das actividades, domerchandising e outros.
  6. 6. No fundo, o marketing operacional é o “fazer”, enquanto o estratégico é o “pensar”.Desta forma, o marketing estratégico, como a própria palavra diz, trata-se da delineaçãodas estratégias, são todas as funções que antecedem a produção e venda de umproduto. Desse modo, essas estratégias delimitam a forma como a empresa vai actuar ecompetir no mercado.É na fase do marketing estratégico que se faz uma análise interna e externa.A interna servirá para perceber/identificar os pontos fortes e fracos da empresa e/ou doproduto.A externa permite detetar ameaças e oportunidades no contexto/sector em que aempresa atua, ajudando a delinear estratégias mais assertivas, que diminuam o grau derisco e incertezas.
  7. 7. O marketing estratégico inclui:Estudo do mercado;Escolha do target (público-alvo);Concepção do produto;Fixação do preço;Escolha dos canais de distribuição;Elaboração da estratégia decomunicação.O marketing operacional inclui:Campanhas de promoção e publicidade;Acção dos vendedores;Marketing directo (quando aplicável);Distribuição dos produtos;Merchandising;Serviço pós-venda;Avaliação dos resultados de todas asacções de marketing efectuadas.
  8. 8. Mercado é o “local” onde se encontra quem quer comprar e quem quer vender.Assim, através de um processo de negociação, determinam o preço e a quantidadedo bem a ser transaccionado/trocado entre ambos.Em qualquer mercado uma das variáveis chave é o preço, o qual mede o valor dobem em termos monetários.Este funciona como indicador quer para os compradores, quer para os vendedores.Os preços coordenam as decisões tanto para vendedores e consumidores.Uma subida dos preços contribui para a redução da procura dirigida ao produto emquestão.Por outro lado constitui um incentivo para que os vendedores desejem vendermais.
  9. 9. Lançar com êxito um produto ou um serviço depende do corretodimensionamento do mercado potencial sendo o local, nacional,internacional ou mundial e se planeia uma oferta genérica ou umaproposta especializada.
  10. 10. Os consumidores são directamente responsáveis pelas vendas e,consequentemente, pelos lucros das empresas.A sua motivação e as acções que daí resultam determinam a suaviabilidade económica.Cada vez mais os gestores se vêem apercebendo da necessidade deconhecer os consumidores para que as suas estratégias de marketingatinjam os níveis de sucesso pretendidos.
  11. 11. A decisão de compraOs planos de marketing devem ser baseados nas forças psicológicas e sociais queinfluenciam o comportamento do consumidor. Assim, na base do processo dedecisão dos consumidores estão duas forças fundamentais:Factores individuais (necessidades, percepções, atitudes, personalidade,características demográficas e estilo de vida);O meio ambienteCultura (normas de sociedade e influências de subculturas éticas ouregionais)Subculturas e classes sociais (grupo social a que o consumidor pertence)Pequenos grupos (amigos, família, grupos de referência)
  12. 12. A Segmentação consiste em dividir o mercado global numnúmero reduzido de subconjuntos, a que chamamos desegmentos.Cada segmento deverá ser semelhante, no que dizrespeito a comportamentos, necessidades e motivações.Visa combinar grupos de consumidores com os mesmospadrões de necessidades e comportamentos.No entanto, os segmentos devem ser diferentes entre si,de forma a serem aplicadas diferentes políticas demarketing.
  13. 13. A figura seguinte ilustra oconceito de segmentação,num conjunto de produtos ecaracterísticas heterogéneas.
  14. 14. Os critérios de Segmentação mais frequentemente utilizados podem serclassificados em quatro categorias principais:a) Critérios demográficos, geográficos, sociais e económicos:São critérios facilmente utilizados, e apresentam resultados quantificáveis.b) Critérios de personalidade e de “Estilo de vida”:Referentes às características estáveis e gerais dos indivíduos, a um nível maisprofundo, portanto, mais difíceis de observar e quantificar.
  15. 15. c) Critérios de comportamento face ao produto:Ao contrário dos critérios anteriores, este está ligado ao produto; tem em contafatores como a fidelidade do consumidor face ao produto, o processo dedecisão, os hábitos de utilização e as quantidades consumidas.d) Critérios de atitudes psicológicas face ao produto:Não é, por vezes, o comportamento mas as atitudes psicológicas relativamentea um produto que servem de base à Segmentação.Por exemplo, o mercado automóvel é segmentado consoante a funcionalidade,o comportamento desportivo, a segurança, o luxo, etc..
  16. 16. Sempre que se segmenta o mercado é-se confrontado com anecessidade de avaliar os diferentes segmentos identificados.São 3 os factores de avaliação principais:1. Dimensão e crescimento do segmento:A dimensão do segmento tem de estar de acordo com a dimensão daempresa.Assim, uma grande empresa pode atuar à escala nacional einternacional, enquanto uma pequena ou média empresa tem de selimitar à dimensão da sua escala de valores.
  17. 17. 2. Grau de atractividade dos segmentos:É necessário analisar o grau de atratividade dos segmentos. Como por exemplo:Segmentos onde existia uma concorrência muito forte podem ser de poucointeresse, visto que exigiriam, certamente, um investimento muito grande;Segmentos onde as barreiras à entrada sejam pouco relevantes, perdem muitodo seu interesse, pois a curto ou médio prazo a empresa ver-se-á confrontadacom concorrência directa;Segmentos de mercado onde existam produtos substitutos em abundância sãotambém pouco interessantes, ainda que possam ter uma dimensão ecrescimentos razoáveis. O segmento dos jovens para produtos de lazer é umsegmento difícil, dado que os jovens têm muitos centros de interesse, todos elesa funcionar como produtos substitutos uns dos outros;Entre outros.
  18. 18. 3. Objectivos e recursos da empresaMesmo que um segmento seja atrativo pela sua dimensão, éainda necessário avaliar os objetivos e os recursos que aempresa possui.Pode acontecer que certos segmentos tenham de serabandonados, não porque sejam interiormente maus, masporque não correspondem aos objectivos da empresa.Também pode acontecer que, embora correspondam aosobjectivos, não estejam de acordo com os recursos ecompetências da empresa.
  19. 19. a) Produto / Serviços /Atividadeb) Preçosc) DistribuiçãoLocalizaçãod) Comunicação
  20. 20. ProdutoValorização das qualidades do produto geral depende do que o consumidorespera no momento em que:Sente o desejo de possuir;O adquire;O experimentaCompra
  21. 21. ServiçosA distinção e fidelização dos clientes dependem da gestão de serviçosassociados.Serviços AssociadosComercial (prazo de entrega, entrega ao domicilio, stocks para reposição,plano de vendas)Financeiro (crédito e descontos)Suporte ao produtoAnte venda (serviço de fornecedores)Pós-venda (informação, assistência técnica, peças, apoio)
  22. 22. Actividade
  23. 23. O preço é uma variável particular no Marketing mix.Para além de contribuir para a imagem/posicionamento do produto;Permite transformar esse valor em lucro para a empresa;É uma variável abstracta;Por oposição aos outros elementos do Marketing mix tem repercussões imediatas;Não é possível proteger a política de preço dos concorrentes - importância da estrutura decustos.O preço é uma variável estratégicaPosicionamento;Imagem do produto;Futuro económico;
  24. 24. A escolha de uma boa localização, pode se revelar de extrema importância numaperspectiva se sucesso de vendas;Estudos das zonas de atracção, referente ao potencial e intensidade comercial, sãofundamentais na escolha do potencial local de distribuição;Quanto à marca dos produtos, ou optam pela distribuição de produtos mono marca (umasó marca), ou multimarca (vendendo diversas marcas de produtos ou mesmo marcaspróprias);Os distribuidores devem evitar a concorrência com os produtores, para isso pode venderos produtos sob a sua marca;Política de serviços, uma vez que permite diferenciar a concorrência, podendo resultarnuma oportunidade de atrair mais clientes.
  25. 25. A comunicação global ao nível do marketing.Marketing mix: combinação das acções nos media e das acçõesbelow de line.Comunicação rápida e direta, facilita a segmentação de mercadoe regionalização da media.

×