Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

workshop hacker corporativo

112 views

Published on

Quem são os hackers corporativos e como eles atuam para melhorar as empresas.

Published in: Leadership & Management
  • Be the first to comment

workshop hacker corporativo

  1. 1. ...e como ele pode melhorar a sua empresa
  2. 2.  Basicamente um hacker é uma pessoa que estuda a fundo um sistema e passa a compreendê-lo tão bem que se torna capaz de faceá-lo (modificá-lo). Normalmente o hacker é visto como uma figura do mal, o que é uma visão equivocada, os hackers inclusive possuem um código de ética e são figuras que auxiliam várias empresas a melhorar seus sistemas, não só os de informática! Os hackers usam o seu conhecimento para demonstrar vulnerabilidades e melhorar os sistemas.  A proposta é levar os participantes a refletir sobre esse tema e repensar a forma como as empresas tradicionais têm conduzido as suas atividades em um novo ambiente em que a cultura que demanda cada vez mais compartilhamento, a inteligência coletiva, a agilidade, prototipagem, experiência do usuário e modelos de negócios disruptivos têm sido cada vez mais necessários para a sustentabilidade empresarial.
  3. 3. Tenho alguma outra informação importante (profissional ou pessoal) para compartilhar? Por que esses resultados são importantes para mim? Que resultado pretendo obter ao final? O que faz deste encontro relevante?
  4. 4. É assim... Ou assim?
  5. 5. 工作 仕事
  6. 6. Líder libertador Hacker corporativo
  7. 7. “A mudança nunca é dolorida, somente a resistência para a mudança é dolorida.” Buda Mudar a realidade na verdade muda você. Viver é mudar, mudança é estabilidade.
  8. 8. margens de lucro menores, mercados-alvo menores e produtos e serviços mais simples, que não parecem tão atrativos quanto as soluções existentes quando comparados com métricas de performance tradicionais.
  9. 9. 1.Quem sou eu? 2.O que eu posso compartilhar; 3.O que eu gostaria de aprender; 4.Qual problema eu estou tentando resolver?
  10. 10. Fast FrugalFad Fit
  11. 11. • A cultura popular rejeita imitações; • Devorar a tecnologia e desenvolver algo nosso.
  12. 12. Mix Pessoa x Indivíduo (Brasil x Inglaterra) (Afetividade x Impessoalidade) O jeitinho é um dos jeitos O brasileiro tem uma resistência ao modo dividido de perceber a realidade Competência para perceber a circunstância (contexto) Os pensadores estão tentando trazer o pensamento humano para a percepção da circunstância Abre exceção à regra quando a circunstância merece
  13. 13. espectador Evitar o conflito flexibilidade Lealdade às pessoas impunidadeformalismo personalismo paternalismo Concentração de poder
  14. 14. OS LÍDERES DO AMANHÃ SÃO OS HACKERS DE HOJE!
  15. 15. 1. Neutralize as reuniões! 2. Hackeando as reuniões, 1º Passo 3. hackeando as reuniões, 2º passo 4. Hackeando o seu colega de escritório
  16. 16. Hackeando o conhecimento Fale de forma simples Defendendo o “Rápido e sujo” Trabalhe com alguém – jogue Trabalhe com uma “peruca”
  17. 17. 1. Entender por si só 2. Liberdade é melhor que autoridade 3. Ação é melhor que um plano de ação 4. Privilegiar o resultado à regra 5. Um curioso que trabalha com prazer 6. Funciona em rede e compartilha os resultados 7. A união faz a força 8. Desobedecer para fazer melhor 9. Quem faz o que é melhor do que Quem é que 10. Conhecimento é melhor que pedigree
  18. 18. Qual é a minha reflexão final sobre a oficina? Houve alguma questão importante para mim que não foi abordada?
  19. 19. Carlos Alberto de Sousa macaubeiro@gmail.com LinkedIn – Casal Sousa WhatsApp – 31 99618044

×