Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Experiências NE – Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba

551 views

Published on

Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba
Experiência de 2012 a 2017

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Experiências NE – Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba

  1. 1. Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba Experiência de 2012 a 2017
  2. 2. Paraíba:Características sociodemográficas Região Nordeste Estados limítrofes PE, RN e CE Capital João Pessoa População estimada 2016 3.999.415 hab. (13º) Densidade demográfica 2010 (hab/km²) 66,70 hab/Km2 Área 56.468,427 Km2 (21º) Rendimento nominal mensal domiciliar per capita da população residente 2016 R$ 790,00 Número de Municípios 223 Fonte: IBGE, Diretoria de Pesquisas, Coordenação de Trabalho e Rendimento, Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua 2016.
  3. 3. Regiões de Saúde/Paraíba
  4. 4. Panorama da Atenção Básica na Paraíba Categoria Num/Cobertura ACS 8.338 Municipios com ACS 221 Cobertura ACS 97,74 ESF 1.335 Municípios com eSF 222 Cobertura eSF 94,3% ESB Mod 1 1.208 ESB Mod 2 17 Municípios com eSB 218 NASF 1 129 NASF 2 53 NASF 3 66 Municípios com NASF 202 EMAD Tipo 1 / EMAD Tipo 2 10 / 5 EMAP 10 CnaR 5 Fonte: DAB/MS Fevereiro 2017
  5. 5. Atenção Hospitalar Estadual  33 Hospitais Estaduais;  Perfis heterogêneos;  Serviços de referência;  36,36% de Hospitais de Pequeno Porte (entre 30 e 50 leitos);  12,12% abaixo de 20 leitos.
  6. 6. Antecedentes • As cardiopatias congênitas ocorrem em nove (09)de cada 1.000 nascidos vivos.1 • Em torno de 25% dos casos são cardiopatias graves que necessitam de intervenção no primeiro ano de vida.2
  7. 7. Definição da Rede de Perinatologia • Convênio com o Círculo do Coração de Pernambuco (CirCor) – ONG de responsabilidade social criada em 1994.
  8. 8. Modelo da Rede de Perinatologia • Utiliza a telemedicina para estabelecer uma linha de cuidado integral desde o rastreio à cirurgia cardíaca e acompanhamento pós- operatório de crianças com doença cardíaca no Estado.
  9. 9. Objetivos Organizar Rede de triagem e assistência e triagem em cardiologia pediátricas; Realizar cirurgias cardíacas em hospital do Estado;
  10. 10. Objetivos Transferir tecnologia; Disseminar conhecimento científico.
  11. 11. LEGOS União de blocos de tecnologia com ações básicas para Liderar e Empoderar Grupos para Otimizar Soluções Metodologia do Trabalho
  12. 12. Estrutura da Rede LEGOS Complexo Pediátrico Arlinda Marques
  13. 13. Nível Nº de Serviços Estrutura Equipe I 18 Computadores, tablet e oxímetros de pulso 1 médico, 1 enfermeiro e 1 técnico de informática II 3 Unidade de ecocardiografia portátil 1 médico, 1 enfermeiro e 1 técnico de informática III 1 Centro de cardiologia 7 cardiologistas, 3 residentes, 13 neonatologistas e 4 profissionais de outras áreas Estrutura da Rede LEGOS Software de teleconferência e um sistema de banco de dados e site foram desenvolvidos (https://www.circulodocoracao.com.br/sites/circor)
  14. 14. Estrutura da Rede LEGOS LEGOS • Eco Taxi • Caravanas do Coração • Rede Perinatologia • Microcefalia • Programa de Ensino de Música
  15. 15. Estrutura da Rede LEGOS  A Rede PERINATOLOGIA: um spin-off da rede de cardiologia, com foco na formação de profissionais de saúde para cuidar de mães e bebês;  O ECO TAXI: um itinerário entrega de três conjuntos de equipamentos cardíacos, incluindo máquinas de ecocardiograma, fornecendo 12 locais de atendimento a cada mês;
  16. 16. Estrutura da Rede LEGOS  CARAVANAS DO CORAÇÃO: uma busca ativa de crianças mais velhas que ocorrem uma vez por ano em 13 municípios de diferentes Regiões de Saúde;  As forças-tarefa da MICROCEFALIA: a utilização de recursos da Rede para identificar e cuidar de crianças com microcefalia no Estado;  O PROGRAMA DE ENSINO DE MÚSICA: uma forma inovadora de ensinar hábitos de saúde, com foco na prevenção, para crianças e adultos.
  17. 17. Eco Taxi METODOLOGIA Salas do Coração Ambulatórios Computador Internet (2Mb) Equipamentos Ecocardiógrafo portátil Jogo de tensiômetro Tele-estetoscópio Oxímetro Holter ECG
  18. 18. Eco Taxi METODOLOGIA Salas do Coração Ambulatórios Computador Internet (2Mb) Equipamentos Ecocardiógrafo portátil Jogo de tensiômetro Tele-estetoscópio Oxímetro Holter ECG
  19. 19. Eco Taxi METODOLOGIA Salas do Coração Ambulatórios Computador Internet (2Mb) Equipamentos Ecocardiógrafo portátil Jogo de tensiômetro Tele-estetoscópio Oxímetro Holter ECG
  20. 20. Eco Taxi METODOLOGIA Salas do Coração Ambulatórios Computador Internet (2Mb) Equipamentos Ecocardiógrafo portátil Jogo de tensiômetro Tele-estetoscópio Oxímetro Holter ECG
  21. 21. RESULTADOS ALCANÇADOS
  22. 22. Implantação da Rede de Perinatologia nas 16 Regiões de Saúde; Implementado protocolo de triagem para cardiopatias congênitas em neonatos; Resultados alcançados
  23. 23. Formação de mais de 1.500 profissionais na triagem de doenças coronarianas e outras áreas médicas e de gestão; Desenvolvimento de um banco de dados para armazenar todos os dados (incluindo imagens médicas) para cardiologia pediátrica; Resultados alcançados
  24. 24. 159.222 Consultas realizadas:  146.422 recém-nascidos (51% do total de nascidos vivos)  10.786 crianças  2.014 fetos 3.739 ecocardiograma de triagem; 532 cirurgias cardíacas pediátricas Resultados alcançados
  25. 25. 1.951 cardiopatias congênitas diagnosticadas em neonatos (13,32 por 1000 RN examinados); 8.378 ecocardiogramas de monitoramento; 289 cursos / simpósios com mais de 5.500 participantes Resultados alcançados
  26. 26. Estimativa e diagnóstico das Cardiopatias Congênitas. Paraíba, 2012 a 2016 2.727 1.951 682 532 Estimativa Diagnóstico Total de casos Casos cirúrgicos (graves) % Casos diagnosticados  71,5 % Cirurgias em relação a estimativa de casos graves 78,0
  27. 27. Taxa de Mortalidade Infantil. Paraíba, 2006 a 2016 18.1 18.6 16.6 15.2 14.9 14.4 14.5 14.6 13.6 11.6 12.7 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 Fonte: Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) e Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (Sinasc).
  28. 28. Finalista do Prêmio do Serviço Público das Nações Unidas 2017 (UNPSA), na categoria “Inovação e excelência na prestação de serviços de saúde”. Os vencedores serão conhecidos durante o Fórum do Serviço Público da ONU, que será realizado de 22 a 23 de junho, em Haia, na Holanda. Prêmio do Serviço Público das Nações Unidas 2017
  29. 29.  102 Matérias produzidas  168 mil resultados na busca do Google para: Caravana do Coração Paraíba Relevância na mídia
  30. 30. Relevância na mídia
  31. 31. Financiamento • Ação realizada com recursos próprios do Tesouro Estadual • Envolvem a aquisição de equipamentos, serviços clínicos e cirúrgicos, sistema de banco de dados e desenvolvimento de sites, treinamento e todos os outros aspectos da Rede. • Investimento anual: R$6.000.000,00
  32. 32. Referências • 1. BOTTO, L. D.; CORREA, A.; ERICKSON, J. D. Racial and temporal variations in the prevalence of heart defects. Pediatrics., [S.l.], v. 107, n. 3, p. 32-40, 2001. • 2. TALNER, C. N. Report of the New England Regional Infant Cardiac Program, Pediatrics, v. 65, p. 375–461, 1980. Supplement.
  33. 33. Claudia Luciana de Sousa Mascena Veras Secretária de Estado da Saúde claudia.veras@gmail.com (83) 9 8846 1294

×