COIED2_E-portfolio na formaçao de professores

787 views

Published on

Apresentação de artigo de investigação - Susana Gonçalves

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
787
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
17
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

COIED2_E-portfolio na formaçao de professores

  1. 1. Susana Margarida Oliveira Gonçalves, Estela Pinto Ribeiro Lamas, Lourdes Montero MesaUniversidade de Santiago de Compostela, Santiago de Compostela, Espanhasusana_goncalves_@sapo.pt, estela.lamas@mac.com , lourdes. montero@usc.es E-Portfolio na Formação de Professores Avaliar para aprender Desenvolvimento da competência digital
  2. 2. E-Portfolio Construtivista Passado Futuro E-Portfolio como processo E-Portfolio como produto (Barrett, 2009; 2011) (Barrett, 2009; 2011) Avaliação formativa – seleção negociada e Avaliação formativa – reguladora ( Perrenoud, 1999; Trillo, 2005) orientadora (Perrenoud, 1999) Avaliar para aprender Figura 1 - E -Portfolio Construtivista
  3. 3. E-PortfolioCompetência digital (1)(1) Comisión Mixta Crue-Tic y Rebiun (2009)(2) Gewerc, Montero, Pernas & Alonso (2011)
  4. 4. Metodologia  Participantes  Estudantes (professores em formação).  Hipóteses de trabalho:  O E-Portfolio potencia o uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TICs);  O E-Portfolio potencia a reflexão.
  5. 5. Metodologia  Instrumento  Grelha Tema Dimensões Domínios Texto Vídeo Formato Fotografia Esquema Propósitos E-Portfolio Abordagem conceptual Processos Conceptualização Retrospetiva Reflexão Na ação Prospetiva Quadro 1 – Dimensões e domínios utilizados na análise de conteúdo do E-Portfolio
  6. 6. ResultadosDimensão “Abordagem conceptual” Dimensão Domínio Particularidades registadas -Registar/partilhar (1) (2) Abordagem Propósitos -Avaliar (2) conceptual -Refletir (3) Quadro 2 – Dimensão “abordagem conceptual” e domínio utilizado na análise de conteúdo do E- Portfolio Unidades de contexto (1) “O meu objectivo é partilhar a construção do meu processo de desenvolvimento profissional e ensino‐aprendizagem[…].” (João em http://e-carlospinto.weebly.com/) (2) “Portefólio Digital, é um local de multimédia onde podemos colocar, mostrar e organizar todo o tipo de trabalhos, permitindo desta forma ao avaliador, uma avaliação mais activa e com uma visão de todo o processo ensino-aprendizagem do aluno ao longo de um período […]”(Bruno em http://jorgelousado.webnode.pt/) (3) “O portefólio tem como objectivos: estimular o pensamento reflexivo, incentivar a reflexão na e sobre a acção e permitir fazer conexões entre teoria e prática.” (Carlos em http://percursosmusicais.webnode.com/)
  7. 7. ResultadosDimensão “Abordagem conceptual” Dimensão Domínio Particularidades registadas -Processo inacabado (1) Abordagem -Ferramenta para a reflexão (2) Conceptualização conceptual -Espaço para organizar os trabalhos (3) Quadro 3 – Dimensão “abordagem conceptual” e domínios utilizados na análise de conteúdo do E-Portfolio Unidades de contexto (1) ”[…] é um processo inacabado e em constante construção.” (Hugo em http://vivenciasexistenciais.yolasite.com/) (2) ” Para mim o portfólio é […]uma visão[…]sobre o processo de aprendizagem.[…]é o espaço para reflectir sobre a sua viagem.[…] Esta ferramenta possibilita a cada indivíduo escolher e procurar novas formas de saber de uma forma autónoma,[…]”(José em http://musicapaulosousa.webnode.pt/) (3) “[…]Vejo como um trabalho reflexivo sobre tudo o que eu for elaborando. Ao longo do tempo em que vou elaborando trabalhos, estes trabalhos ficam anexados[…]” (Pedro em http://heonsantos.webnode.pt/)
  8. 8. ResultadosDimensão “Formato” Dimensão Domínios Particularidades registadas Reflexões, grelhas, revisões teóricas, planificações, Texto glossários, fichas de observação e de autoavaliação Formato Vídeo Vídeo-clips Reportagens fotográficas e Fotografia fotografias Esquema Mapas conceptuais Quadro 4 - Dimensão “formato” e domínios utilizados na análise de conteúdo do E-Portfolio
  9. 9. ResultadosDimensão “Reflexão” Dimensão Domínios Particularidades registadas Retrospetiva Sobre as competências construídas (1) Sobre as dificuldades sentidas durante o processo de ensino e Reflexão Na ação aprendizagem (2) Prospetiva Sobre as expectativas relativamente às Unidades Curriculares (3) Quadro 5 - Dimensão “reflexão” e domínios utilizados na análise de conteúdo do E-Portfolio Unidades de contexto (1)“[...]"resolvi algumas lacunas" na minha Pedagogia. Ou seja, em cerca de 20 anos de serviço a leccionar e com um curso especializado num instrumento[…]” (Nuno em http://carlossousa.yolasite.com/tdc.php) (2) “Confesso que agora já me sinto um pouco mais à vontade quanto à realização dos trabalhos na página do moodle[…].” (Raquel em l em http://www.wix.com/drumscinderela/111#!__daeem) (3) “[…], considero que esta disciplina me irá orientar em diversas perspetivas, […] Considero esta disciplina muito pertinente para dar continuidade ao meu percurso como discente, e como docente para pôr em prática conhecimentos mais aprofundados e relacioná-los […]” (Raquel em http://www.wix.com/drumscinderela/111#!__daeem)
  10. 10. Conclusões  As duas hipóteses de trabalho foram confirmadas:  O E-Portfolio potencia o uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação;  O E-Portfolio potencia a reflexão.
  11. 11. Outras conclusões  O E-Portfolio é assumido pelos estudantes:  como processo, porque é apontado como instrumento para a reflexão e propiciador à interação entre a teoria e a prática;  como produto, porque é apontado como propósito para a sua construção a avaliação por parte do professor formador.  Os estudantes definem o E-Portfolio como instrumento direcionado para a dimensão profissional. Na prática utilizam-no para refletir, quer sobre a dimensão profissional/académica, quer sobre a dimensão pessoal.
  12. 12. Questões por responder….  O E-Portfolio:  desenvolve a competência digital?  favorece a construção de redes profissionais?  potencia a reflexão?  promove a avaliação formativa?  é um instrumento revelador das competências construídas?
  13. 13. Referência bibliográficas Barrett, H. (2009). Balancing the two faces of E-Portfolios. Obtido em 14 de janeiro de 2012, de http://electronicportfolios.org/balance/Balancing2.htm Barrett, H. (2011). Balancing the Two Faces of E-Portfolios. British Columbia Ministry of Education, Innovations in Education, 2nd Edition. Obtido em 4 de janeiro de 2010, de http://electronicportfolios.org/balance/balancingarticle2.pdf Comisión Mixta Crue-Tic y Rebiun . (2009). Competencias informáticas e informacionales en los estudios de grado. (CREU REBIUM) . Obtido em 3 de janeiro de 2011, de http://www.rebiun.org/opencms/opencms/handle404?exporturi=/export/docReb/documento_competencia Gewerc, A., Montero, L., Pernas, E., & Alonso, A. (2011). Competencia digital y planes de estudio universitarios. En busca del eslabón perdido. Revista de Universidad Sociedad del Conocimiento (RUSC), Vol. 8, n.º 2, págs. 14-30. UOC. Obtido em 4 de janeiro de 2012, de http://rusc.uoc.edu/ojs/index.php/rusc/article/view/v8n2-gewerc-montero-pernas-alonso/v8n2- gewerc-montero-pernas-alonso
  14. 14. Referências BibliográficasPerrenoud, P. (1999). Não mexam na minha avaliação! Para uma abordagem sistémica da mudança pedagógica. In A. Estrela, & A. Nóvoa, Avaliações em educação: Novas perspectivas (pp. 171-191). Porto: Porto Editora.Trillo, F. (2005). Competencias docentes y evaluación auténtica: Falla el protagonista? Obtido em 8 de janeiro de 2012, de http://www.unrc.edu.ar/unrc/academica/pdf/cuadernillo03.pdf

×