Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Diabetes tipo 2 doença silenciosa, grave e pode estar associada a obesidade hipertensão arterial

Não está claro por que as pessoas que estão com sobrepeso são mais propensas a desenvolver esta doença. Pode ser que o excesso de peso faça com que as células, tornam-se resistentes ao hormônio insulina. A insulina transporta o açúcar do sangue para as células, em que é utilizado para produzir energia.

  • Be the first to comment

Diabetes tipo 2 doença silenciosa, grave e pode estar associada a obesidade hipertensão arterial

  1. 1. APROXIMADAMENTE 46% DOS DIABÉTICOS TIPO 2 NÃO TÊM CONHECIMENTO QUE CARREGAM ESSE “ICEBERG” EM SEU CORPO, POIS QUANDO SENTIMOS OS SINTOMAS DESSA DOENÇA, AS COMPLICAÇÕES JÁ COMEÇARAM APARECER, JUNTAMENTE COM A OBESIDADE INTRA- ABDOMINAL, HIPERTENSÃO ARTERIAL E À HIPERCOLESTEROLEMIA ENTRE OUTRAS DESCOMPENSAÇÕES. A diabetes mellitus tipo II, é uma das principais causas de morte prematura, doença cardíaca coronariana (DCC), acidente vascular cerebral, doença renal e cegueira. A maioria das pessoas que têm diabetes tipo II estão acima do peso. A diabetes Tipo II é o tipo mais comum de diabetes. A história familiar e os genes desempenham um grande papel na diabetes tipo II. Outros fatores de risco incluem um baixo nível de atividade física, a má alimentação e o excesso de peso principalmente em torno da cintura, mas a gordura pode estar presente
  2. 2. em outras áreas do organismo humano. Cerca de 80% das pessoas com diabetes tipo II estão acima do peso ou obesas. Não está claro por que as pessoas que estão com sobrepeso são mais propensas a desenvolver esta doença. Pode ser que o excesso de peso faça com que as células, tornam-se resistentes ao hormônio insulina. A insulina transporta o açúcar do sangue para as células, em que é utilizado para produzir energia. Quando uma pessoa é resistente à insulina, o açúcar no sangue não é absorvido pelas células, resultando em açúcar elevado no sangue. Além disso, as células que produzem insulina podem ser comprometidas pelo excesso funcional, levando à exaustão. Como o Diabetes mellitus tipo II está intimamente ligado à obesidade, a perda de peso pode ajudar a prevenir ou retardar o aparecimento da diabetes. Se você tem diabetes tipo II e perder peso, se tornar mais fisicamente ativo pode ajudar a controlar seus níveis de açúcar no sangue e prevenir ou retardar problemas de saúde tipo diabetes tipo II. Doenças que acompanham o diabetes mellitus tipo II devem ser prevenidas nos seus primeiros sintomas.
  3. 3. O que é pressão alta? Cada vez que seu coração bate, ele bombeia o sangue através de suas artérias para o resto do seu corpo. A pressão arterial é quão difícil seu sangue empurra contra as paredes de suas artérias. A pressão arterial elevada (hipertensão) normalmente não tem sintomas, mas pode causar problemas graves, como doença cardíaca, acidente vascular cerebral e insuficiência renal. A pressão sanguínea de 120/80 mm Hg (muitas vezes referida como "120 por 80") é considerada normal. Se o número de topo (pressão arterial sistólica) é sempre 140 ou superior e o número inferior (pressão arterial diastólica) é 90 ou superior você é considerado como tendo pressão arterial elevada.
  4. 4. Como é a pressão arterial elevada associada ao excesso de peso? A pressão arterial elevada está associada ao excesso de peso e à obesidade de várias maneiras. Ter um índice corporal elevado pode aumentar a pressão arterial porque o seu coração precisa bombear mais para fornecer sangue para toda a economia orgânica. O excesso de gordura pode também danificar os rins, que ajudam a regular a pressão arterial. Com a perda de peso você vai chegar perto da faixa de IMC normal e promove uma menor pressão arterial. Outras mudanças como, parar de fumar, reduzir o sal e fazer atividade física regular. No entanto, se as mudanças de estilo de vida não são suficientes, o médico pode prescrever medicamentos para baixar a pressão arterial, até que os
  5. 5. outros parâmetros tratados concomitantemente se regulem. A doença cardíaca é um termo usado para descrever vários problemas que podem afetar o seu coração. O tipo mais comum de problema acontece quando um vaso sanguíneo que leva sangue para o coração torna-se estreito. Isto pode comprometer o coração de obter todo o sangue que ele precisa. Outros problemas podem afetar a forma como o coração bombeia o sangue. Se você tiver uma doença cardíaca, você pode sofrer de um ataque cardíaco, insuficiência cardíaca, morte súbita cardíaca, angina (dor no peito) ou ritmo cardíaco anormal. A doença cardíaca é a causa principal de morte por doenças. Todas essas complicações estão interligadas ao diabetes mellitus, principalmente ao diabetes tipo II.
  6. 6. Dr. João Santos Caio Jr. Endocrinologia – Neurocientista-Endócrino CRM 20611 Dra. Henriqueta V. Caio Endocrinologista – Medicina Interna CRM 28930 COMO SABER MAIS: 1. Proteínas da matriz são grandes moléculas fortemente ligadas para formar extensas redes de fibras insolúveis. Estas fibras podem mesmo exceder o tamanho das próprias células. As proteínas são de dois tipos gerais, estrutural e adesiva... http://tireoidecontrolada.blogspot.com
  7. 7. 2. As proteínas estruturais, colágeno e elastina, proteínas de matriz são os dominantes. Pelo menos 10 diferentes tipos de colágeno estão presentes em vários tecidos... http://hipotireoidismosubclinico2.blogspot.com 3. A mais comum, o colágeno do tipo I, é a proteína mais abundante em animais vertebrados, representando cerca de 25% da proteína total do corpo. Os vários tipos de colágeno partilham características estruturais, todos sendo compostos por três cadeias de polipeptídios entrelaçados... http://hipotireoidismosubclinico2.blogspot.com AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA. Referências Bibliográficas: Caio Jr., Dr. João Santos. Endocrinologista – Neuroendocrinologista e Dra. Caio, Henriqueta V. Endocrinologista – Medicina Interna, Van Der Häägen Brasil – São Paulo – Brasil; Ronald B. Goldberg, MD, Instituto de Pesquisa de Diabetes; Trevor J. Orchard, MD, M. Med. Sci, Graduate School of Public Health.; e do Escritório de Prevenção, Educação e Controle, National Heart, Lung, and Blood Institute, National Institutes of Health. Site Van Der Häägen Brazil www.vanderhaagenbrazil.com.br www.clinicavanderhaagen.com.br www.crescimentoinfoco.com www.obesidadeinfoco.com.br http://drcaiojr.site.med.br http://dracaio.site.med.br
  8. 8. Joao Santos Caio Jr http://google.com/+JoaoSantosCaioJr google.com/+JoãoSantosCaioJrvdh google.com/+VANDERHAAGENBRAZILvdh Video http://youtu.be/woonaiFJQwY VAN DER HAAGEN BRAZI Instagram https://instagram.com/clinicascaio/ Wordpress http://crescimentoinfantojuvenil.wordpress.com/ Google Maps: http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt&sll=- 23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie =UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17

×