Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
OS MENINOS TANTO CRIANÇAS, INFANTO-JUVENIS E
ADOLESCENTES, SÃO OS PRINCIPAIS ALVO DA RCCP-RETARDO
CONSTITUCIONAL DO CRESCI...
BEF–baixa estatura familial ou parental, a idade óssea está atrasada dois
anos ou mais fazendo com que a previsão de altur...
Frequentemente, em muitas vezes a Baixa Estatura Familial ou Parental
pode estar associada ao RCCP-retardo constitucional ...
humanos pós-morte...
http://hormoniocrescimentoadultos.blogspot.com.
2. Esse estado mudou notavelmente em meados da década...
www.obesidadeinfoco.com.br
http://drcaiojr.site.med.br
http://dracaio.site.med.br
Joao Santos Caio Jr
http://google.com/+J...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Baixa Estatura RCCP: Retardo Constitucional do Crescimento e da Puberdade

979 views

Published on

Significativamente diferente da BEF–baixa estatura familial ou parental, a idade óssea está atrasada dois anos ou mais fazendo com que a previsão de altura adulta fique adequada para o padrão familiar, entretanto, esta situação não exime da responsabilidade dos pais de procurar ajuda profissional de um endocrinologista ou neuroendocrinologista para fins de otimização do crescimento da criança, infanto–juvenil ou adolescente

Published in: Health & Medicine
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Baixa Estatura RCCP: Retardo Constitucional do Crescimento e da Puberdade

  1. 1. OS MENINOS TANTO CRIANÇAS, INFANTO-JUVENIS E ADOLESCENTES, SÃO OS PRINCIPAIS ALVO DA RCCP-RETARDO CONSTITUCIONAL DO CRESCIMENTO E DA PUBERDADE. CARACTERIZA–SE POR ESTATURA ABAIXO DO ALVO FAMILIAR, ÀS VEZES COM DIMINUIÇÃO DA VELOCIDADE DE CRESCIMENTO-VC DESDE OS DOIS OU TRÊS ANOS DE IDADE; DR.JOÃO SANTOS CAIO JR. ET DRA. HENRIQUETA V. CAIO; ENDOCRINOLOGIA–NEUROENDOCRINOLOGIA–FISIOLOGIA. Caso o crescimento apresente uma defasagem desde a face escolar, onde seu filho já é o menor da turma de coleguinhas, já é um sinal de alerta que algo não vai bem. Este fato tem um significado especial, pois o crescimento costuma ser estável na fase escolar, podendo ocorrer um novo período de desaceleração do crescimento de crianças, infanto– juvenis ou adolescentes durante os anos que precedem o início da puberdade. Este é tardio, razão pela qual a velocidade de crescimento-VC se tornará progressivamente menor quanto mais tarde for o início da puberdade. Além da ausência de doenças sistêmicas, é comum a história familiar de atraso no início dessa fase. Significativamente diferente da
  2. 2. BEF–baixa estatura familial ou parental, a idade óssea está atrasada dois anos ou mais fazendo com que a previsão de altura adulta fique adequada para o padrão familiar, entretanto, esta situação não exime da responsabilidade dos pais de procurar ajuda profissional de um endocrinologista ou Neuroendocrinologista para fins de otimização do crescimento da criança, infanto–juvenil ou adolescente, evitando a possibilidade de não se alcançar o crescimento ósseo alvo genético através de terapêuticas auxiliares ou de tratamento com reposição do GH–hormônio de crescimento, pois por se tratar de diagnóstico complexo, não se pode correr riscos de equívocos que eventualmente podem ser desastrosos para a criança e um estado vitalício. Alguns autores têm sugerido que crianças, infanto-juvenis e adolescentes com RCCP-retardo constitucional do crescimento e da puberdade, apresentam estatura alguns centímetros abaixo da estatura familiar e da prevista no início do acompanhamento, quando não submetido ao tratamento com GH– hormônio de crescimento se indicado e outros métodos auxiliares. A altura adulta menor que a prevista ao ser feito o diagnóstico pode ser explicada pelos métodos utilizados para fazer a previsão de altura que superestimam a altura final prevista quando a idade óssea é atrasada. Outra explicação comum e frequente é a deficiência transitória do GH– hormônio de crescimento secundário ao atraso da puberdade.
  3. 3. Frequentemente, em muitas vezes a Baixa Estatura Familial ou Parental pode estar associada ao RCCP-retardo constitucional do crescimento e da puberdade, situação em que uma baixa estatura de crianças, infanto – juvenis e adolescentes é importante ser observada. Incluir o RCCP-retardo constitucional do crescimento e da puberdade, na subcategoria da BEI– baixa estatura idiopática esbarra em algumas dificuldades. O início da puberdade é considerado atrasado quando as mudanças hormonais e físicas dessa fase não estão presentes até os 14 anos de idade nos meninos e 13 anos nas meninas. Antes dessas idades, o atraso fisiológico da puberdade é presumido, sendo o diagnóstico de RCCP-retardo constitucional do crescimento e da puberdade apenas confirmado quando a puberdade começar espontaneamente e a velocidade de crescimento- VC aumentar. Enquanto isso não acontece, não é possível confirmar o diagnóstico e considerar a situação clínica como idiopática. O hipogonadismo, em especial, continuará uma entidade clínica a ser considerada. Dr. João Santos Caio Jr. Endocrinologia – Neuroendocrinologista CRM 20611 Dra. Henriqueta V. Caio Endocrinologista – Medicina Interna CRM 28930 Como saber mais: 1. O uso para outras condições que flertavam com a baixa estatura infanto-juvenil era um componente que não se podia levar de forma seriamente considerada, isto porque, devido à pequena oferta de hormônio derivado de pituitária humana que naquela época era efetuada em todos os centros de pesquisas, isto é, um mix de hipófise extraída de
  4. 4. humanos pós-morte... http://hormoniocrescimentoadultos.blogspot.com. 2. Esse estado mudou notavelmente em meados da década de 1980 por causa da doença de Creutzfeldt-Jakob associada à pituitária humana derivada de tecido HGH e a mais importante evolução foi o desenvolvimento de um (quase) suprimento ilimitado de Hormônio de crescimento-GH por DNA-recombinante, 22 kDa (r) hGH... http://longevidadefutura.blogspot.com 3. Crianças, infanto-juvenis e adolescentes com causas de baixa estatura que não a deficiência de Hormônio de crescimento-GH, bem como ensaios em homens com deficiência de Hormônio de crescimento-DGH do adulto e mulheres na mesma situação... http://imcobesidade.blogspot.com AUTORIZADO O USO DOS DIREITOS AUTORAIS COM CITAÇÃO DOS AUTORES PROSPECTIVOS ET REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA. Referências Bibliográficas: Caio Jr, João Santos, Dr.; Endocrinologista, Neuroendocrinologista, Caio,H.V., Dra. Endocrinologista, Medicina Interna – Van Der Häägen Brazil, São Paulo, Brasil; Sex Steroid Treatment for Pubertal Induction and Replacement in the Adolescent Girl, Royal College of Obstetricians and Gynaecologists - Scientific impact paper (Jun 2013); Traggiai C, Stanhope R; Delayed puberty. Best Pract Res Clin Endocrinol Metab. 2002 Mar;16(1):139-51. Bramswig J, Dubbers A; Disorders of pubertal development. Dtsch Arztebl Int. 2009 Apr;106(17):295-303; quiz 304. Epub 2009 Apr 24; Clark PA; Constitutional Growth Delay, Medscape, Aug 2009; Bianco SD, Kaiser UB; The genetic and molecular basis of idiopathic hypogonadotropic hypogonadism. Nat Rev Endocrinol. 2009 Oct;5(10):569-76. Epub 2009 Aug 25. Ambler GR; Androgen therapy for delayed male puberty. Curr Opin Endocrinol Diabetes Obes. 2009 Jun;16(3):232-9. Site Van Der Häägen Brazil www.vanderhaagenbrazil.com.br www.clinicavanderhaagen.com.br www.crescimentoinfoco.com
  5. 5. www.obesidadeinfoco.com.br http://drcaiojr.site.med.br http://dracaio.site.med.br Joao Santos Caio Jr http://google.com/+JoaoSantosCaioJr Video http://youtu.be/woonaiFJQwY Google Maps: http://maps.google.com.br/maps/place?cid=5099901339000351730&q=Van+Der+Haagen+Brasil&hl=pt &sll=-23.578256,46.645653&sspn=0.005074,0.009645&ie =UTF8&ll=-23.575591,-46.650481&spn=0,0&t = h&z=17

×