Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Felipe saboya apresentação projeto jogos limpos

1,176 views

Published on

Jogos Limpos dentro e fora do campo: estratégias articuladas para os investimentos de megaeventos no Brasil
Palestrante: Felipe Saboya

Published in: Business
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Felipe saboya apresentação projeto jogos limpos

  1. 1. “Jogos Limpos Dentro e Fora dos Estádios”Instituto EthosApoio: Siemens Integrity Initiativewww.jogoslimpos.org.br
  2. 2. Objetivos Transparência O objetivo geral do projeto é promover maior transparência e integridade sobre os investimentos de infraestrutura da Copa do Mundo de 2014 e Integridade Jogos Olímpicos de 2016 através da criação de mecanismos de ações coletivas, monitoramento e controle social. Controle Social
  3. 3. Objetivos específicos Aumentar o nível de transparência dos gastos públicos e das relações entre o setor público e privado; Aumentar o nível de integridade das relações entre o setor público e privado; Aumentar o nível de controle social sobre os gastos públicos.
  4. 4. Ações coletivasPara atingir esses objetivos, o projeto prevê a realização de ações coletivascom grande engajamento do setor público, da sociedade civil, de empresas e de organizações dos trabalhadores.
  5. 5. ▀ Comitês NacionaisGestão  Comitê Nacional de Coordenação e mobilização  4 Comitês Nacionais Temáticos: Comitê Nacional JurídicoComitês de Ação Coletiva  Comitê Nacional de Empresas e investidores  Comitê Nacional de Mídia  Comitê Nacional de Esportes ▀ 12 Comitês Locais - 12 sedes da Copa do Mundo e sedes dos Jogos Olímpicos
  6. 6. ▀ Objetivo: O Comitê Nacional tem o papel de orientar as atividades propostas e convergir agendas das demais iniciativas em andamento que tratam dos jogos, tais como impactos nas áreas de educação, políticas públicas de esporte, meio ambiente, trabalho decente e cidades sustentáveis. ▀ Composição: Secretaria Executiva: Instituto Ethos Comitê ABRACCI Nacional de Amarribo Brasil Atletas pela CidadaniaCoordenação Central Única dos Trabalhadores – CUT Conselho Brasileiro de Construção Sustentável – CBCS Conselho Federal de Engenharia, Arquitetura e Agronomia – Confea Controladoria-Geral da União - CGU  Escritório das Nações Unidas para Drogas e Crime – UNODC Fundação AVINA Instituto Observatório Social UN Global Compact Office NY Rede Social Brasileira por Cidades Justas e Sustentáveis
  7. 7. 1.Acordos setoriais 2011 | Saúde Mecanismos de auto- regulação da conduta dos 2011 | Construção signatários nas relaçõespúblico-privado, através da estruturação de quatro 2012 | Energia Acordos Setoriais.▀ 4 Grupos de Trabalho de 2012 | TransportesAcordos Setoriais▀ 4 Comitês de Ética dos AcordosSetoriais
  8. 8. 2.Indicadores de Transparência Legislação Conjunto de informações por cidade- sede que orientem cidadãos e organizações Informações sobre obras e da sociedade civil para equipamentos verificarem a conduta ética das empresas e do setor público relativos a: Informações dos acordos setoriais
  9. 9. 3.Pacto de Transparência Compromisso dos Prestação de contas candidatos às prefeituras das cidades-sede em 2012 Transparência Controle Social
  10. 10. 4.Controle Social Página Jogos Limpos – mapa de iniciativas Ferramentas e Publicação Jogo Limpo informações que x Jogo Sujo orientem e ajudem oscidadãos e organizações “Guia Como Ler da sociedade civil a Contratos?” exercerem controle social sobre os gastos Canal de denúnciaspúblicos e a conduta das empresas. Indicadores de Transparência
  11. 11. 5.Mobilização ▀ Mobilização para aprovação de marcos regulatórios, como os projetos de lei em tramitação “PL 5228 / 2009 de Acesso à Atividade de Informação”, “PL 8.626 / 2010 de sensibilização e Responsabilização de Pessoas engajamento de Jurídicas por Atos de Corrupção” cidadãos, organizações ▀ Realização de Seminários sociais e setor Nacionais e Locais empresarial ▀ Participação na 1ª Conferência Nacional de Transparência e Controle Social - Consocial, e etapas locais e temáticas que antecedem o encontro nacional
  12. 12. Parcerias globais Países de implementação: Brazil,  Foundation for the Egypt, India, Nigeria, South Africa. Global Compact da Organizações parceiras: UN Global ONU (NY) Compact; Ethos Institute, Brazil; Egyptian Junior Business Association; Global Compact Society – India;  Transparência Nigerian Economic Summit Group; Internacional National Business Initiative, South Africa  Banco Mundial
  13. 13. Contribuições para o legado social• Desenvolver a cultura do controle social, daparticipação popular, da democracia participativa –todo cidadão pode se engajar• Ao aumentar o nível de transparência e controlesocial, iniciativas de outra natureza poderão seinstrumentalizar
  14. 14. Obrigado! Felipe Saboya Coordenador Nacional de Mobilização fsaboya@ethos.org.br

×