Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
1
Buckfast
Portugal
(Buckfast Portugal)
Praça Senhora da Graça, Fração 1, Nº. 213, 4960-581 Vila e Roussas – Melgaço
Tlm: ...
Buckfast Portugal
Um resumo...
2
Buckfast
Portugal
• Início e o seu desenvolvimemto ao
longo da minha actividade apícola.
...
• Tudo começou com a aquisição de um curtiço de abelhas que comprei
por 30€ em 1990 (Leiradelo- Monção).
• E assim trabalh...
• Com a compra de colmeias do modelo lusitana, de origem
portuguesa.
• A reprodução fazia-se recolhendo os
enxames que se ...
• A contínua formação, desde palestras,
workshops, feiras e cursos, foram o
arranque para uma apicultura moderna e
sustent...
• Ao longo dos anos aprendemos a defendermo-
nos das vicissitudes naturais.
• A varroa foi um quebra cabeças (e
ainda o é)...
• Outra mais valia é que esta colmeia está
disponível o mercado vizinho.
• Por esta altura também fiz as minhas primeiras ...
• Foram vendidas em Portugal desde 2002 a 2006 milhares
de rainhas italianas (suponho que a maior força veio do
Chile).
• ...
De 2005 a 2008
9
Buckfast
Portugal
• Indignado pelo difícil trabalho com
as abelhas locais e a não compensação
obtida, mai...
• Entretanto, surgiu o grande problema: como manter a
linhagem? Apercebi-me que estava perante um grande e
longo desafio f...
• Através da reprodução aumentei o efectivo.
• Fiz formação em inseminação instrumental.
• Encomendei 100 rainhas Buckfast...
• Com dois colegas criamos um apiário onde foram
introduzidas 100 rainhas de Jovita e Ramunas.
• Claro que só sobreviveram...
• Então recebi exemplares das quais ainda hoje mantenho âmbas as linhas.
13
Buckfast
Portugal
De Carsten Dalbøl recebi est...
14
Buckfast
Portugal
Consultas e Visitas:
Buckfast Portugal
• Normalmente, aparecem sempre apicultores interessados nas ab...
• Criei o blog com a finalidade de agrupar apicultores
Buckfast de todo país.
• Continuei a melhorar o blog e a divulgar a...
• Fundar uma associação! Claro que nem todos estavam
de acordo em obedecer às regras.
• Então resolvi promover um evento r...
17
O primeiro passo foi esperar a aprovação do nome: Abbey-Associação Buckfast Portugal.
Buckfast
Portugal
Fundação:
Buckf...
18
Buckfast
Portugal
• Foi cedida a marca Buckfast de Paulo Gonçalves para a Buckfast Portugal. Também foi cedida
a gestão...
Buckfast Portugal
19
Buckfast
Portugal
Desta forma organizei os Orgãos Directivos:
Carla Esteves
Presidente:
Cláudio Pinto...
Buckfast Portugal
20
Buckfast
Portugal
O Conselho Fiscal:
Filipe Fernandes
Vogal:
Nelson Esteves
Presidente:
Alberto Dias
...
Buckfast Portugal
21
Buckfast
Portugal
Presidente:
Paulo Gonçalves
Vicente Fuetado
Vice-presidente:
Secretário:
António Pa...
Buckfast Portugal
• O Gilbert mostrou ser um apicultor credível
e foi de grande ajuda na localização da
estação de acasala...
Buckfast Portugal
23
Buckfast
Portugal
Controlo:
Esta carta foi cedida pelo
coordenador de reprodução para
controlo de col...
Buckfast Portugal
• A estação de acasalamento dirigido “Dança com Lobos” na
Branda da Aveleira irá ser, sem dúvida, uma ex...
Buckfast Portugal
• Continuamos a trabalhar na divulgação da Buckfast Portugal como associação e como
abelha:
25
Buckfast
...
Buckfast Portugal
• Vamos realizar um evento anual, em Setembro de 2016, na região do Algarve, no Sul que fica
a 800km de ...
Buckfast Portugal
27
Buckfast
Portugal
A minha Ambição:
Buckfast Portugal
28
Buckfast
Portugal
Por: Paulo Gonçalves
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Palestra Buckfast Portugal 2016

209 views

Published on

Arquivo da palestra Buckfast Portugal 2016

Published in: Education
  • Be the first to comment

Palestra Buckfast Portugal 2016

  1. 1. 1 Buckfast Portugal (Buckfast Portugal) Praça Senhora da Graça, Fração 1, Nº. 213, 4960-581 Vila e Roussas – Melgaço Tlm: 936 536 799, E-mail: buckfast.pt@gmail.com, Web: http://abelhadebuckfast.blogspot.pt/ Abbey - AssociaçãoBuckfast Portugal
  2. 2. Buckfast Portugal Um resumo... 2 Buckfast Portugal • Início e o seu desenvolvimemto ao longo da minha actividade apícola. • Fundação da Buckfast Portugal.
  3. 3. • Tudo começou com a aquisição de um curtiço de abelhas que comprei por 30€ em 1990 (Leiradelo- Monção). • E assim trabalhei com as abelhas durante vários anos... Buckfast Portugal 3 Os meus primeiros passos com as abelhas: Buckfast Portugal
  4. 4. • Com a compra de colmeias do modelo lusitana, de origem portuguesa. • A reprodução fazia-se recolhendo os enxames que se encontravam pendurados nos arbustos e nas árvores. • Também já se retirava alvéolos das melhores colmeias para formar novas colónias. 4 Buckfast Portugal Segue-se a evolução em 1998: Buckfast Portugal
  5. 5. • A contínua formação, desde palestras, workshops, feiras e cursos, foram o arranque para uma apicultura moderna e sustentável. • Esta foto, em particular, mostra como portugueses e espanhóis trabalhamos em prol da mesma causa! 5 Buckfast Portugal • O acesso à internet serviu para sair do pequeno mundo em que me encontrava. A década de 2000 foi principalmente marcada pelo alargamento de conhecimentos: Buckfast Portugal
  6. 6. • Ao longo dos anos aprendemos a defendermo- nos das vicissitudes naturais. • A varroa foi um quebra cabeças (e ainda o é), assim como todas as outras doenças que afectam a criação e os adultos. 6 Buckfast Portugal Ao longo deste percurso não fui excepção às pragas, doenças e fenómenos naturais: Buckfast Portugal
  7. 7. • Outra mais valia é que esta colmeia está disponível o mercado vizinho. • Por esta altura também fiz as minhas primeiras importações de abelhas rainhas dum criador da região de Córduba, Espanha. Porém, não era bem isso que eu procurava, pois as minhas abelhas apresentavam caractirísticas tão boas quanto as importadas e morfologicamente eram melhores. • Todas as minhas colmeias passaram a ser Langstroth, porque proporcionam o uso de uma maior diversidade de materiais. 7 Buckfast Portugal No ano 2000: Buckfast Portugal
  8. 8. • Foram vendidas em Portugal desde 2002 a 2006 milhares de rainhas italianas (suponho que a maior força veio do Chile). • Pessoalmente, acompanhei “esse percurso”. • A falta de formação de maneio apícola com estes animais em concreto, a venda descontrolada, a fraude na venda de abelhas que não tinham nada a ver com as italianas, levou a que hoje, em Portugal, só alguns amadores praticam este tipo de apicultura. • A minha experiência foi péssima: um mês de Abril, com quatro semanas de chuva, fez com que colapsassem quase todas as colmeias italianas, mesmo as três rainhas que me tinham enviado de Itália (Apicultura Girasoli). 8 Buckfast Portugal Época das abelhas italianas: Buckfast Portugal
  9. 9. De 2005 a 2008 9 Buckfast Portugal • Indignado pelo difícil trabalho com as abelhas locais e a não compensação obtida, mais uma vez levou-me a pesquisar: já tinha lido alguns textos referentes a Buckfast e até queimado pestanas para entender os pedigreeapis. • Progressivamente, durante anos, fui adquirindo rainhas Buckfast. Buckfast Portugal • Adiquiri a lendária abelha de Buckfast do Sr. Vicente Furtado, residente em Lagos, que tinha sido emigrante na Suécia.
  10. 10. • Entretanto, surgiu o grande problema: como manter a linhagem? Apercebi-me que estava perante um grande e longo desafio futuro. 10 Buckfast Portugal Em 2006 começa a minha investigação sobre a abelha de Buckfast: Buckfast Portugal
  11. 11. • Através da reprodução aumentei o efectivo. • Fiz formação em inseminação instrumental. • Encomendei 100 rainhas Buckfast, na Alemanha. • Encomendei rainhas Buckfast, na Dinamarca. 11 Buckfast Portugal • Encomendei rainhas Buckfast, na França. De 2008 a 2010: Buckfast Portugal
  12. 12. • Com dois colegas criamos um apiário onde foram introduzidas 100 rainhas de Jovita e Ramunas. • Claro que só sobreviveram 75 rainhas, o que para nós é considerado taxa de sucesso, visto que na abelha ibérica é quase impossível este tipo de prática. 12 Buckfast Portugal O meu primeiro apiário Buckfast de grande envergadura: Buckfast Portugal
  13. 13. • Então recebi exemplares das quais ainda hoje mantenho âmbas as linhas. 13 Buckfast Portugal De Carsten Dalbøl recebi esta rainha.De Yvon Achard recebi este exemplar. B24(PG ) • Actualmente, mantenho estas duas linhas e outras linhas de colegas apicultores que me consultam para inseminar as filhas das rainhas importadas. Em 2011: Buckfast Portugal B100(PG )
  14. 14. 14 Buckfast Portugal Consultas e Visitas: Buckfast Portugal • Normalmente, aparecem sempre apicultores interessados nas abelhas Buckfast. • Muitas horas perdidas para mostrar as abelhas que ultrapassam a apicultura convencional.
  15. 15. • Criei o blog com a finalidade de agrupar apicultores Buckfast de todo país. • Continuei a melhorar o blog e a divulgar a abelha de Buckfast em Portugal. • Procedi ao registo da marca Buckfast, que numa primeira fase foi rejeitada, por causa do registo de Buckfast Queen… 15 Buckfast Portugal • Também foi nesta data que fui aceite no pedigreeapis e tornei- me associado da GdeB. Em 2012: Buckfast Portugal
  16. 16. • Fundar uma associação! Claro que nem todos estavam de acordo em obedecer às regras. • Então resolvi promover um evento relacionado com a Buckfast, convidando todos os que aparentemente estavam envolvidos. De entre os apicultores participantes seleccionei os que formariam a direcção da futura associação. • Desde então já existia Buckfast Portugal, só era necessário oficializa-la. 16 Buckfast Portugal O desafio: Buckfast Portugal
  17. 17. 17 O primeiro passo foi esperar a aprovação do nome: Abbey-Associação Buckfast Portugal. Buckfast Portugal Fundação: Buckfast Portugal A associação tem como fim a aquisição e reprodução de abelhas, em particular a abelha Buckfast, no âmbito nacional e internacional, sua promoção, proteção e manutenção. Cooperação na conservação de material genético e na seleção das melhores abelhas em função das diferentes zonas climáticas. Formação dos associados, através de treinamento prático e teórico. Desenvolvimento entre os associados de um espírito de solidariedade e apoio recíproco nos aspetos apícolas, sociais, fiscais e afins. Sensibilização do público e atração dos mais jovens para o trabalho com abelhas, contribuindo para a proteção e preservação da natureza. Defesa dos direitos de todos os seus associados.
  18. 18. 18 Buckfast Portugal • Foi cedida a marca Buckfast de Paulo Gonçalves para a Buckfast Portugal. Também foi cedida a gestão das abelhas para a estação de acasalamento da Branda da Aveleira. • Ficou decidido que todos os aspirantes que concordem com o regulamentos possam associar-se. Organização e cedência: Buckfast Portugal • Os estatutos de fundação foram aqueles que a legislação Portuguesa entende como base. • Procedi à criação de um Regulamento Geral Interno que foi lido e assinado por todos. • Concordamos em aceitar os regulamentos de reprodução da GdeB.
  19. 19. Buckfast Portugal 19 Buckfast Portugal Desta forma organizei os Orgãos Directivos: Carla Esteves Presidente: Cláudio Pinto Secretário: João Marques Tesoureiro:
  20. 20. Buckfast Portugal 20 Buckfast Portugal O Conselho Fiscal: Filipe Fernandes Vogal: Nelson Esteves Presidente: Alberto Dias Redator:
  21. 21. Buckfast Portugal 21 Buckfast Portugal Presidente: Paulo Gonçalves Vicente Fuetado Vice-presidente: Secretário: António Patrício A Assembleia-Geral representada por:
  22. 22. Buckfast Portugal • O Gilbert mostrou ser um apicultor credível e foi de grande ajuda na localização da estação de acasalamento que já se encontra em funcionamento. Foi nomeado como coordenador de reprodução para os próximos dois anos. 22 Buckfast Portugal Gilbert Bast Coordenador de Reprodução:
  23. 23. Buckfast Portugal 23 Buckfast Portugal Controlo: Esta carta foi cedida pelo coordenador de reprodução para controlo de colónias, traduzida e adaptada para o português. Uma cópia da carta da criadora alemã Heike Aumeier, traduzida e adaptada para o português.
  24. 24. Buckfast Portugal • A estação de acasalamento dirigido “Dança com Lobos” na Branda da Aveleira irá ser, sem dúvida, uma experiência inovadora. 24 Buckfast Portugal O local para Acasalamento:
  25. 25. Buckfast Portugal • Continuamos a trabalhar na divulgação da Buckfast Portugal como associação e como abelha: 25 Buckfast Portugal Divulgação: Forum Nacional de Apicultura em Vila Nova de Cerveira, Novembro de 2015
  26. 26. Buckfast Portugal • Vamos realizar um evento anual, em Setembro de 2016, na região do Algarve, no Sul que fica a 800km de minha casa, no Norte. Será uma óptima ocasião de alargar e dar a conhecer o nosso trabalho. O conteúdo e a data da palestra ainda não está defenido! 26 Buckfast Portugal Desafios Futuros:
  27. 27. Buckfast Portugal 27 Buckfast Portugal A minha Ambição:
  28. 28. Buckfast Portugal 28 Buckfast Portugal Por: Paulo Gonçalves

×