Um dia de Copa em Belo Horizonte

151 views

Published on

Como deve ficar a cidade em um dia de jogo da copa do Mundo 2014

Published in: Sports
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
151
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Um dia de Copa em Belo Horizonte

  1. 1. BeloHorizonte,segunda-feira,17.9.2012 HOJEEMDIA hojeemdia.com.br 03 NOSSODESTAQUE EM2014 LUCAS PRATES - 3/7/2011 Umdiade CopaemBH > Praticamente todas as regiões da cidade estarão mobilizadas pelo Mundial nos dias de jogos > Restrição ao Mineirão terá raio de 2 quilômetros BrunoMoreno bmoreno@hojeemdia.com.br Um ônibus por minuto saindo do Aeroporto de Confins em direção ao Mineirão. Média de 21 mil pessoas desembarcando no terminal aéreo dez horas antes e reembarcando dez horas depois dos jogos. Praças ocupadas por milhares de torcedores no Centro, no Barreiro e em Venda Nova. Tudo isso é parte do cenário projetado para Belo Horizonte em cada um dos seis dias em que receberá partidas da Copa do Mundo, em 2014. A cidade terá também centenas de ônibus BRT rodando a todo vapor nas avenidas Cristiano Machado e Antônio Carlos, principalmente. Os planos ainda não estão concluídos, mas já é possível avaliar que a capital mineira seguirá uma dinâmica completamente diferente de tudo o que terá experimentado, até lá, em seus 116 anos de fundação. Belo Horizonte já abrigou grandes eventos, como a própria Copa de 1950, clássicos internacionais como Brasil e Argentina, maratonas de shows de música (axé e pop rock, principalmente), celebrações religiosas em praças, passeatas políticas, comícios. Mas nada que se compare a um Mundial de futebol dos tempos de hoje. É o momento em que toda a estrutura de serviços, segurança, emergência e transportes da cidade é colocada à prova. Tudo ao mesmo tempo. MINEIRÃO A maior intervenção será no entorno do Mineirão. Os estudos preliminares apontam que o controle do fluxo de veículos vai começar em um raio de dois quilômetros do estádio, indo desde o encontro do Anel Rodoviário com as avenidas Catalão e Antônio Carlos até o Aeroporto da Pampulha (detalhes na arte ao lado). Mais perto do estádio, só torcedores com ingressos ou pessoal credenciado terão acesso. FANFEST A Fan Fest oficial da Fifa em Belo Horizonte será na Praça da Estação, no Centro. No local será montada uma estrutura com telão e barracas de patrocinadores, e todos os jogos serão transmitidos. A prefeitura estuda a possibilidade de fechar uma ou duas pistas na avenida dos Andradas, em frente à praça. Além disso, o Comitê Executivo da Copa quer montar estruturas semelhantes no Barreiro e em Venda Nova. Outra atração que a cidade deverá ter é a Arena Cultural, a cargo do Ministério da Cultura. O órgão federal pretende lançar o equipamento nas 12 cidades-sede da Copa, onde, além da transmissão dos jogos, haverá shows musicais e apresentações culturais diversas. Atualmente, o projeto das arenas está sob análise do ministério, que promoveu um concurso para sua escolha. O maior empecilho é a área mínima da Arena Cultural, que deve ser de 40 mil metros quadrados, ou seja, pouco mais que quatro campos de futebol. FERIADO A Lei Geral da Copa autoriza as cidades-sede a declararem feriados nos dias de jogos. Entretanto, a medida ainda não foi efetivada em BH e só deve entrar na pauta dos vereadores para aprovação no ano que vem. As escolas devem ter as férias alteradas para o período do Mundial, de 12 de junho a 13 de julho. FUTEBOL E FESTA - Na Copa América, em 2011,modelo de evento foi testado em BH

×