Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Cristiano Heckert - Alicerce dos Negócios

248 views

Published on

Seminário de Políticas Públicas & Negócios - Dia 31
Painel 06: Alicerce dos Negócios
Cristiano Heckert, MPOG

Published in: Technology
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Cristiano Heckert - Alicerce dos Negócios

  1. 1. Cristiano Rocha Heckert Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (BRASSCOM) Seminário de Políticas Públicas e Negócios Brasília, 31 de março de 2016 Estratégia de Governança Digital Ações e Desafios
  2. 2. Sociedade da informação e economia digital mudanças cada vez mais rápidas e intensas Novas tecnologias Impressoras 3D, internet das coisas, veículos autônomos, robótica, inteligência artificial Crescente volume de dados big data, master data, business analytics Inovações sociais economia da colaboração e do compartilhamento, crowdfunding, fortalecimento das redes Novos paradigmas no governo e-governo, integração de sistemas, transparência ativa, processo eletrônico na APF
  3. 3. 49,4% dos brasileiros possuíam acesso à internet em 2013 55% dos brasileiros residiam em municípios com acesso à banda larga móvel 4G em 2015 Fonte: PNAD, IBGE – 2013 e Telebrasil - 2015 Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo Proporção de domicílios com acesso à internet
  4. 4. Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo Fonte: CETIC.br, 2013 80% 62% 43% 35% 32% 32% 25% 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% Fazer download de documentos e formulários Preencher ou enviar formulários Consultar processos administrativos ou judiciais Fazer inscrição ou matrícula Fazer emissões de documentos Agendar consultas, atendimentos e serviços Emitir boletos de tributos PROPORÇÃO DE ÓRGÃOS PÚBLICOS FEDERAIS E ESTADUAIS, POR TIPO DE SERVIÇO DISPONIBILIZADO NO WEBSITE OU PÁGINA OFICIAL NA INTERNET
  5. 5. Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo Fonte: CETIC.br, 2013
  6. 6. Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo Fonte: CETIC.br, 2013 55% 29% 19% 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% Consulta pública on-lineEnqueteFóruns ou comunidades de discussão pela Internet PROPORÇÃO DE ÓRGÃOS PÚBLICOS FEDERAIS, POR FORMA DE PARTICIPAÇÃO DO CIDADÃO PELA INTERNET NOS ÚLTIMOS 12 MESES
  7. 7. Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo 77% 76% 76% 73% 71% 67% 42% 36% 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% Recursos humanos Patrimônio Finanças e contabilidade Orçamento Compras Convênios e contratos Informação geográfica, mapas ou… Sistemas de apoio à decisão PROPORÇÃO DE ÓRGÃOS PÚBLICOS FEDERAIS E ESTADUAIS QUE UTILIZARAM SISTEMA DE INFORMAÇÃO PARA GESTÃO NOS ÚLTIMOS 12 MESES, POR FINALIDADE Fonte: CETIC.br, 2013
  8. 8. Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo
  9. 9. Estado como presença vs. Estado como lugar Desafios para um Brasil digital Sociedade e governo
  10. 10. O desafio do Ministério do Planejamento: Orquestrar e promover sinergias entre os órgãos da Administração Pública federal, para maior eficácia, eficiência, efetividade e economicidade do Estado Brasileiro
  11. 11. Secretaria de Tecnologia da Informação Governo Digital Governança e Sistemas de Informação Infraestrutura e Serviços de Tecnologia da Informação Secretaria de Tecnologia da Informação Organograma
  12. 12. Governança em rede no SISP STI Órgão setorial Órgão setorialÓrgão setorial Órgão setorial Órgão setorial Órgão setorial Órgão seccional Órgão seccional Órgão seccional Órgão seccional Órgão seccional Órgão seccional Órgão seccional Órgão correlato Órgão correlato Órgão correlato Órgão correlato Órgão correlato Comissão de Coordenação
  13. 13. 2015 TICs na agenda governamental Governo eletrônico no Brasil Histórico e marcos legais 2000 Comitê Executivo de Governo Eletrônico 2010 Estratégia Geral de TI (EGTIC) 2015 Programa Bem Mais Simples 2015 Seminário Brasil 100% Digital 2009 Carta de Serviços ao Cidadão (6.932/09) 2003 Comitês Técnicos de Governo Eletrônico 2005 ePING: padrões de interoperabilidade 2012 Infraestrutura Nacional de dados abertos (INDA)
  14. 14. Governança Digital “utilização, pelo setor público, de tecnologias da informação e comunicação com o objetivo de melhorar a informação e a prestação de serviços, incentivando a participação dos cidadãos no processo de tomada de decisão e tornando o governo mais responsável, transparente e eficaz” (Verma et al., National Informatics Centre of India, 2005 – em UNESCO, 2010). Valor público Serviços Participação Informação
  15. 15. Maturidade em governança digital 1. Serviços informacionais 2. Serviços interativos 3. Serviços transacionais 4. Democracia participativa "Nossa democracia usa o voto para agregar a capacidade de decisão da população. Isso não é eficiente, porque reduz uma grande quantidade de informação (o conhecimento de todos os cidadãos) a um pequeno número de respostas (os seus representantes)” Yaneer Bar-Yam (Instituto de Sistemas Complexos da Nova Inglaterra, 2015)
  16. 16. Política de Governança Digital Decreto 8.638/16 Alcance Administração Pública federal direta, autárquica e fundacional Princípios I - foco nas necessidades da sociedade; II - abertura e transparência; III - compartilhamento da capacidade de serviço; IV - simplicidade; V - priorização de serviços públicos disponibilizados em meio digital; VI - segurança e privacidade; VII - participação e controle social; VIII - governo como plataforma; e IX - inovação.
  17. 17. Valor Público (benefícios para a sociedade) Expandir e inovar a prestação de serviços digitais Melhorar a governança e a gestão por meio da tecnologia Facilitar e universalizar o uso e o acesso aos serviços digitais Compartilhar e integrar dados, processos, sistemas, serviços e infraestrutura Serviços Fomentar a colaboração no ciclo de políticas públicas Ampliar e incentivar a participação na criação e melhoria dos serviços públicos Aprimorar a interação direta entre governo e sociedade Participação Garantir segurança da informação e comunicação do Estado e o sigilo das informações do cidadão Fomentar a disponibilização e o uso de dados abertos Ampliar uso de TICs para transparência e publicidade à aplicação dos recursos Informação Princípios Compartilhamento de capacidade de serviço Abertura e transparência Foco nas necessidades do cidadão Simplicidade Serviços digitais por padrão Segurança e privacidade Participação e controle social Inovação Governo como plataforma Estratégia de Governança Digital Eixos e objetivos estratégicos
  18. 18. Contratualização de Planos de Trabalho EGD em ação Analistas em Tecnologia da Informação - ATI Alocação dos ATIs de acordo com os perfis e as necessidades dos órgãos Escritório de projetos do SISP Acompanhamento e apoio à execução dos planos de trabalho Marcos estratégicos: alinhamento à EGD Segurança da Informações e Comunicação Serviços em nuvem Implantação do IPV6 Dados abertos Prestação de serviços digitais Interoperação de sistemas Acessibilidade digital Plano Diretor de Tecnologia da Informação (PDTI) Gestão de projetos Processo de software Compartilhamento de software Processo Eletrônico Nacional (PEN) Comitê de Governança Digital
  19. 19. Portal de Serviços EGD em ação Foco no cidadão Centralização dos serviços em um único portal Padronização das informações para todos os serviços Participação da sociedade na evolução do código e no conteúdo dos serviços Principais funcionalidades Geração automática da Carta de Serviços eletrônica Flexibilidade para criar páginas temáticas que agregam serviços Importação de informações de serviços dos órgãos Exportação de página de serviços em formatos variados Estatísticas de acesso aos serviços do órgão no portal Ferramentas de apoio Manual de publicação de serviços Github (http://servicosgovbr.github.io/) Ambiente dev (dev.servicos.gov.br) Lista de discussão servicos@planejamento.gov.br Avaliação dos serviços publicados pelos órgãos para adequação aos padrões do Decreto-Cidadão (em elaboração) Meta 100%dos serviços prestados à sociedade cadastrados
  20. 20. Dados Abertos EGD em ação O Portal Brasileiro de Dados Abertos (dados.gov.br) Ponto central para busca e acesso aos dados públicos Disponibilização de 1052 conjuntos de dados com 8582 recursos Desenvolvimento colaborativo Desenvolvimento totalmente aberto com ampla participação da sociedade Visão de futuro da INDA Plataforma de dados abertos como principal ativo para promover a transparência (pelo governo) e o controle social (pelo cidadão)
  21. 21. Serviços em Nuvem EGD em ação • Custos de aquisição e manutenção elevados e custos de oportunidade não percebidos e apropriados pelos gestores • Terceirização da manutenção e operação da infraestrutura – dependência de terceiros, riscos de descontinuidade e à segurança • Facilidade de contratação de salas cofre por inexigibilidade • Falta de flexibilidade e agilidade no provimento do serviço • Complexidade, fragmentação e falta de sincronismo das aquisições O problema – Infraestrutura na forma tradicional • Estruturas ociosas e não compartilháveis • Ciclo vicioso de ampliação de custos e complexidade – contratação de camadas de virtualização da infraestrutura • Foco da TI na gestão de infraestrutura e não nos sistemas finalísticos e estratégicos • Insatisfação dos clientes em momento de pico • Lentidão na implantação de novos serviços e sistemas Consequências • Redução de custos de infraestrutura e de serviços terceirizados de TI – pagamento pelo efetivamente usado • Melhor capacidade de resposta em picos de demanda (flexibilidade e elasticidade) • Redução do potencial risco de falhas e de indisponibilidades • Redução da complexidade da infraestrutura possibilitando foco nos sistemas finalísticos e estratégicos Vantagens dos Serviços de Computação em Nuvem
  22. 22. Disseminação do IPV6 EGD em ação • Plano de disseminação do uso do IPv6 para os 224 órgãos do SISP • Transição em oito etapas até 2018 • Treinamento de servidores sobre o tema em parceria com o NIC.br • O atendimento ao plano também é meta das contratualizações de Planos de Trabalho • Ampliação da segurança de órgãos (protocolos e auditoria)
  23. 23. Segurança da Informação e Comunicações EGD em ação Contexto Grandes volumes de transações nos sistemas estruturantes – R$ 151 bi (SIGEPE); R$ 45 bi em compras e R$ 23 bi em contratos (COMPRASNET) Preocupação com Segurança Cibernética Instrumentos Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP- Brasil) – emissão de 14 mil certificados/ano Massificar o uso da certificação digital na APF Sensibilização, conscientização, capacitação e especialização Contratualização com 28 órgãos do SISP: • Metodologia de gestão de SIC (plano de metas, política de SIC, Comitê de Segurança e Equipe de Tratamento de Incidente de Redes) • Incentivo à utilização da INFOVIA Brasília
  24. 24. Obrigado! cristiano.heckert@planejamento.gov.br (61) 2020-1400

×