ED. FÍSICA: Xote & Baião

13,231 views

Published on

.

0 Comments
5 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
13,231
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
7
Actions
Shares
0
Downloads
68
Comments
0
Likes
5
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

ED. FÍSICA: Xote & Baião

  1. 1. EDUCAÇÃO FÍSICADANÇAS POPULARES
  2. 2. BAIÃO Foi na década de 1940 que o baião tornou-se popular, através dos músicos Luiz Gonzaga (conhecido como o “rei do baião”) e Humberto Teixeira (“o doutor do baião”). O baião utiliza os seguintes instrumentos musicais: viola caipira, sanfona, triangulo, flauta doce e acordeom. Os sons destes instrumentos são intercalados ao canto.
  3. 3. BAIÃOA temática do baião é o cotidiano dos nordestinos e asdificuldades da vida. A dança ocorre em pares (homem emulher) com movimentos parecidos com o do forró(dança com corpos colados).O baião recebeu, na sua origem, influência das modasde viola, música caipira e também de danças indígenas.
  4. 4. XOTEXote (também escrito xótis, chóteou chótis) é um ritmo musicalbinário ou quaternário é umadança de salão de origemcentroeuropeu.De origem alemã, a palavra “xote”é corruptela de “schottisch”, umapalavra alemã que significa“escocesa”.
  5. 5. XOTEÉ uma dança muito versátil e pode ser encontrada,com variações rítmicas, desde o extremo sul doBrasil (o xote gaúcho), até no nordeste do país, nosforrós nordestinos. Hoje em dia, o xote é um dosritmos mais tocados e dançados em todo o Brasil.
  6. 6. ESTILOS DA DANÇA Alguns estilos de xote: * Xote- carreirinho * Xote-duas-damas * Xote-bragantino
  7. 7. XOTE-BRAGANTINO Em 1798 quando em Bragança, os escravos fundaram a Irmandade de São Benedito, a Marujada, o xote foi magnificamente aproveitado pelos escravos, tornando-se a mais representativa dança do povo Bragantino.
  8. 8. XOTE-BRAGANTINOUtilizando os mesmos instrumentos típicos das demaisdanças folclóricas paraenses, o “xote”tem, obrigatoriamente, solos de violino (rabeca) e ocanto, puxado por um dos integrantes do conjuntomusical.Tanto as damas quanto os cavalheiros apresentam-secom trajes festivos, já bastante modernizados, o quecomprova que o “xote” atual está muito longe daforma primitiva.
  9. 9. EREM PROFESSORTRAJANO DE MENDONÇA Recife, de 30 agosto de 2012 Elza Kellyne Ingrid Monalisa Janaina Reis Josevânia da Silva Sérgio Francisco

×