Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Lei de coulomb

6,340 views

Published on

Published in: Education

Lei de coulomb

  1. 1. Lei de Coulomb Me. Betine Rost
  2. 2.  Descarga  Descarga  Descarga elétrica elétrica que elétrica, ao percorrer entre as se da um volume nuvens e própria de ar, faz superfície nuvem ou com que aja da Terra. entre as uma nuvens e expansão brusca da em erupção camada de de vulcões ar. Raio Relâmpago Trovões
  3. 3.  As cargas interagem uma com a outra por meio do campo elétrico, em torno de uma carga elétrica. Campo elétrico é a capacidade que uma carga tem de influenciar o espaço que a rodeia.Interação de cargas elétricas
  4. 4.  A lei de Coulomb foi proposta pelo físico Charles Augustin Coulomb, no ano de 1725, e faz uma relação entre a intensidade da força eletrostática entre dois corpos carregados eletricamente. A lei enuncia que a intensidade da força entre duas cargas elétricas é diretamente proporcional ao produto dos módulos das cargas elétricas e inversamente proporcional ao quadrado da distância que as separa.Lei de Coulomb
  5. 5. F d F 2F d 2F 4F d 4FMantendo a distância fixa eaumentando a carga
  6. 6. F d F F/4 2d F/4 F/9 3d F/9Mantendo a carga fixa e alterandoa distância
  7. 7. Informações Importantes
  8. 8. Lei de Coulomb
  9. 9.  O valor da constante de Coulomb varia conforme o meio, são sempre menores do que aquela no vácuo. Por exemplo na água o módulo da força é 80 vezes menor. A lei de Coulomb só se aplica a carga pontuais, pois nas cargas não pontuais suas dimensões são comparáveis a suas dimensões.Lei de Coulomb
  10. 10.  No processo de eletrização nenhum elétron é criado ou destruído, eles são transferidos de uma substância para outra. A carga de uma substância é inteira, portanto é errado dizer que a carga tem 1,5 elétrons.Conservação da carga elétrica
  11. 11. Campo elétrico criado por umacarga pontual
  12. 12.  Quando tocamos um condutor, as cargas se repelem mutuamente e tendem a se afastar o máximo um dos outros, ate atingir o equilíbrio eletrostático.Campo no interior de umCONDUTOR
  13. 13.  Condutores de diferentes formas terão diferentes distribuições de cargas. As cargas se distribuem de tal forma a produzir um campo elétrico nulo no interior do condutor.Campo no interior de umCONDUTOR
  14. 14.  O campo elétrico de um condutor é sempre perpendicular a superfície.
  15. 15.  O conceito de campo elétrico em material condutor também se aplica a materiais ocos. As cargas se distribuem pela sua superfície e no seu interior oco o campo elétrico é nulo. Blindagem Eletrostática: é utilizada com grande frequência em aparelhos eletrônicos e é ela também que garante a segurança de pessoas dentro de carros e aviões durante descargas elétricas. A blindagem faz com que o que esteja no interior do material eletrizado não sofra com nenhum fenômeno elétrico externo.
  16. 16.  Além desses exemplos, as propriedades da Blindagem eletrostática são válidas para corpos vazados como gaiolas. O Físico inglês Michael faraday comprovou experimentalmente o efeito da Blindagem Eletrostática colocando-se dentro de uma gaiola metálica, totalmente eletrizada, e pôde comprovar que devido ao fato do campo elétrico ser nulo em seu interior, ele não sofreu com os fenômenos elétricos exteriores da gaiola. A figura abaixo ilustra uma situação do funcionamento do que ficou conhecido como a Gaiola de Faraday.Gaiola de Faraday
  17. 17. Aproximando umcorpo eletrizado (A) Repetindo ode um pêndulo procedimento, maselétrico neutro, esse agora cobrindo osofre eletrização por pêndulo por umaindução e é atraído gaiola, ele não sofrepelo corpo. nenhuma influência do objeto aproximado mesmo a gaiolaGaiola de Faraday
  18. 18.  Se as dimensões das placas forem muito maiores que a distância d entre elas, as linhas de forças existentes entre as placas serão retas paralelas e igualmente espaçadas.Campo Elétrico Uniforme (CEU)
  19. 19.  As cargas se distribuem na sua superfície tornando o campo elétrico no seu interior nulo. Se ele for irregular as cargas se concentram nas regiões mais pontudas. O acumulo das cargas nessas regiões faz com que essa região supere a rigidez dielétrica, assim o ar torna-se ionizado e as cargas escoam da ponta para o ar.Campo Elétrico - CondutorIrregular
  20. 20. Campo elétrico – CondutorIrregular
  21. 21.  PÁGINA 35 PÁGINA 36 PÁGINA 42 PÁGINA 47 PÁGINA 48 PÁGINA 51 PÁGINA 52 PÁGINA 53 PÁGINA 54 PÁGINA 55 PÁGINA 56EXERCÍCIOS

×