Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Estude para ap3 - crase

2,061 views

Published on

  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Estude para ap3 - crase

  1. 1. (O filé original existe até hoje o Cosmopolita. Dizem, porém, que o Oswaldo deles, embora ainda muito requisitado, já não é mais o mesmo. Teria sido superado pelo Filé à Ouro. A conferir.)<br /> Fiz minha escolha em São Paulo. O melhor dos três, provados em várias visitas no mês de janeiro, está no Lellis da Alameda Campinas, nos Jardins. E faço questão que, à minha mesa, o Oswaldo chegue a cavalo feito príncipe no conto de fadas. Um ovo para acompanhar, por favor <br /> É possível afirmar que o sinal indicativo de crase, presentes no título e texto, justifica-se pelo mesmo motivo? <br />Observe o texto para explicar o sinal indicativo de crase nas expressões marcadas.<br />
  2. 2. Filé à Oswaldo Aranha: o melhor de três<br />Compartilhe:Twitter<br />                                                                                                 <br /> A montagem do prato no Lellis da Al. Campinas: misturar o suco da carne ao arroz e à farofa é mais gostoso. <br /> 2. Analise a morfossintaxe para explicar o sentido do termo em destaque.<br />
  3. 3. Cheguei ao restaurante a fim de um bife a cavalo, com o ovo por cima e uma porção de arroz branco fresquinho. Não achei o bife, mas lá estava o Oswaldo. Chamei o garçom. “Dá para trazer o Oswaldo a cavalo?”. O garçom trouxe a frigideira com os filés (são quatro peças) e, em outro prato, o arroz, a farofa e as batatas. Perguntou se poderia misturar o molho da frigideira aos demais ingredientes, antes de servir. “É o modo clássico, mas muita gente não gosta”. A diferença principal do Oswaldo Aranha para outro filé é que o outro é:igual à da sua casa, ou igual a de casa.O texto fala sobre o quê? Qual é o produto divulgado? É possível afirmar que o acento grave, indicativo de crase, justifica-se pelo mesmo motivo nos dois pratos? Se o termo representa substantivo masculino, por que recebe crase?Caso o produto anunciado fosse filé a parmegiana, o “a” receberia acento grave, indicativo de crase? Leia o trecho do texto em verde. Qual a justificativa do emprego da crase antes da contração “da”? Está subentendida a expressão a comida que pode ser trocada por ao tempero.Observe a semelhança: “ igualzinha à da sua casa.” / “É igual a de casa.” Explique a diferença de sentido. da = casa específica / de = qualquer casa.<br />
  4. 4. Explique.<br />Sua jogada é igual à tartaruga dopada. <br />Sua jogada é igual a tartaruga. <br />Veja a letra dela: é semelhante a da diretora.<br />... é semelhante a de diretora.<br />COMPLETE AS FRASES CLASSIFICANDO A MORFOSSINTAXE PARA COMPREENDER A SEMÂNTICA><br />Ele pede a vontade __________________________.<br />Pede a vontade -------------------------------------------------.<br />Ele pede à vontade ___________________________.<br />Pede à vontade ______________________________ .<br />Peede à vontade ______________________________ .<br />Peede, a vontade, ______________________________ .<br />
  5. 5. A crase e os pronomes de tratamento - A crasenão deve ser empregada junto a pronomes de tratamento, exceto em alguns casos, como "senhora(s)“ .<br />Exemplos:<br />Eu só empresto meu livro avocê se for realmente necessário. [Adequado]<br />Essas homenagens são afetuosamente dedicadas a Vossa Excelência. [Adequado]<br /> Porém, alguns pronomes de tratamento, admitindo o determinante, faculta o acento grave indicativo da crase quando o termo regente pede a preposição "a". São esses pronomes: senhora(s), senhorita(s), dona(s), madame(s)<br />Exemplos:<br />A correspondência é endereçada amadame. [Adequado] A correspondência é endereçada àmadame. [Adequado]<br />...[termo regente: endereçar a]<br />...[termo regido: (a) madame]<br />Alguém explicou asenhora o funcionamento do programa? [Adequado] Alguém explicou àsenhora o funcionamento do programa? [Adequado]<br />...[termo regente: explicar (o funcionamento...) a]<br />...[termo regido: (a) senhora]<br />
  6. 6. Ocorrência do artigo feminino "a(s)"     Todo falante tem competência para saber se a palavra feminina aceita ou não o artigo "a(s)". Faça seu teste, colocando ou não o artigo antes das palavras:____ Maria Santíssima ____ Atenas ____ Curitiba ____ Roma ____ Copacabana ____ Bahia ____ Roma Imperial ____ Atenas de Péricles ____ Vossa Senhoria ____ Vossa Excelência ____ Ela ------- Dona ------- Senhora------- Você------- Senhorita------- Madame<br />
  7. 7. Regra: Não ocorre acento indicativo de crase antes de pronomes pessoais, demonswtrativos, indefinidos, e expressões de tratamento, pois não admitem artigo. O "a", nos exemplos acima, é meramente preposição, exigida pelos verbos, conforme sinalização. <><br />Refiro-me a ti -> Refiro-me a Ø ti. <br />Dirigi-me a ela -> Dirigi-me a Ø ela. <br />Apresento-o a você -> Apresento-o a Ø você. <br />Venha a nós o Vosso Reino -> Venha a Ø nós o Vosso Reino. <br />Respondo a Vossa Senhoria -> Respondo a Ø Vossa Senhoria. <br />Não me referi a esta carta -> Não me referi a Ø esta carta. <br />Direi a qualquer pessoa -> Direi a Ø qualquer pessoa. <br />Refiro-me a uma pessoa educada -> Refiro-me a Ø uma pessoa educada. <br />DESAFIO<br />O verbo assistir, abaixo, foi empregado ou não em linguagem coloquial? Se a resposta for positiva, corrija e justifique.<br /> Não assisto às cenas de guerra -> Não assisto a + as cenas de guerra. <br />
  8. 8. Considere estas frases: <br />Já mencionei à fiscalização, a Gerez, à Socorro, a coordenadora, à aluna e a Senhora.<br />Já mencionei a fiscalização, a Gerez, a Socorro, à coordenadora, à aluna e à Senhora.<br />Já mencionei à fiscalização, a Gerez, à Socorro, a coordenadora, à aluna e a você. <br />Explique por que, na frase 1 e 3, fiscalização recebe sinal de crase, mas, na frase 2, o sinal não deve ser usado. <br />Nas duas frases, as formas a e àque antecedem o nome “Socorro” estão corretas quanto ao sinal de crase? Justifique. <br />As formas à e a que antecedem o nome “coordenadora” estão corretas quanto ao emprego do sinal de crase? Justifique. <br />
  9. 9. Analise as placas a seguir e corrija-as.<br />
  10. 10.
  11. 11.
  12. 12.
  13. 13. As informações abaixo são ambíguas. Complete cada uma das frases com palavras ou expressões coerentes. <br />Falou a vontade / Falou à vontade.<br />Fique a vontade / fique à vontade.<br />Cheire a gasolina / cheire à gasolina.<br />Formei a equipe / Formei à equipe.<br /> Explique as frases, acima, comentando as relações morfológicas, sintáticas e semânticas envolvidas<br />
  14. 14. Faça agora seu teste: analise os enunciados, raciocine e coloque acento indicativo de crase se for o caso:<br />Faça agora seu teste: analise os enunciados, raciocine e coloque acento indicativo de crase se for o caso:<br />Fez um pedido a mãe. <br />Emprestou um livro a colega. <br />Entregou o trabalho a professoara. <br />Enviou uma reclamação a companhia. <br />Dedicou-se a literatura infantil. <br />Estava disposto a colaborar. <br />Refiro-me a uma pessoa educada. <br />Refiro-me a esta carta. <br />Refiro-me a certa pessoa. <br />Nada revelou a elas. <br />Mostrou-se submisso a decisões equivocadas. <br />Mostrou-se submisso as decisões equivocadas. <br />Nunca ia a festas, nem a reuniões. <br />Nas próximas férias ireia a Lisboa. <br />Todos deverão comparecer a reunião. <br />

×