Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Arezzo&Co Investor’s Day                Infraestrutura de Varejo| Apresentação do Roadshow                                ...
| Financeiro               2
.1 Criação de cultura orientada ao1            varejoO aumento do canal de lojas próprias, 21% das vendas dos últimos doze...
.2 Desenvolvimento de competências1Crescimento da operação de lojas próprias aumentou o envolvimento e apoiode toda Compan...
.3 Gestão do capital de giro dos1                                  franqueadosToda extensão de prazos de contas a receber ...
.4 Análise de viabilidade para lojas                 1                  monomarca               Decisão de abrir uma loja ...
.5 Gestão de varejo por resultados1O acompanhamento do resultado de cada loja individualmente garante umresultado saudável...
| Tecnologia da informação aplicada ao varejo                                                8
.1 Integração de sistemas de varejo2       O processo de integração dos sistemas de varejo foi iniciado em 2008        com...
.2 Evolução da Tecnologia Aplicada2                  ao Varejo       A conversão dos 65 sistemas em uma única plataforma e...
.3 Apoio à Gestão da Operação de Varejo2Os processos e sistemas de varejo apoiam não somente a operação deloja, mas toda a...
.4 Gestão de Suprimentos e Estoques21     Otimizar Gestão de Suprimentos e Estoques             Recebimento               ...
.5 Gestão de Desempenho do Sell-Out22     Gerenciar Indicadores de Desempenho da Loja e Equipe                          Fo...
.6 Maior Proximidade da Cliente Final23   Conhecer o Perfil das Consumidoras                                           Com...
.7 Foco Atual2Após conclusão da unificação dos sistemas, inicia-se novo ciclo debusca de soluções tecnológicas para apoiar...
| Melhoria da produtividade e a gestão de pessoas                                                    16
.1 Gestão do Varejo:3          Melhoria de processos e foco em Produtividade    Foco da equipe               Otimização do...
.2 Gestão do Varejo:3        Treinamentos e Ferramentas disponibilizadasAbordagem completa em treinamentos para equipe de ...
.3 Gestão do Varejo:3         Treinamentos e Ferramentas disponibilizadasFoco em aumentar treinamentos e motivacionais de ...
.4 Gestão do Varejo:3                       Demais iniciativas    Fortalecimento da cultura de varejoIniciativas          ...
.5 Evolução da agenda de gente3Implementadas diversas iniciativas da agenda de Gente buscando atrair, reter edesenvolver o...
| Apresentação do Roadshow                             22
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

366 arezzo&co investor_day_-_apresentacao_de_infraestrutura_de_varejo

976 views

Published on

  • Be the first to comment

366 arezzo&co investor_day_-_apresentacao_de_infraestrutura_de_varejo

  1. 1. Arezzo&Co Investor’s Day Infraestrutura de Varejo| Apresentação do Roadshow 1
  2. 2. | Financeiro 2
  3. 3. .1 Criação de cultura orientada ao1 varejoO aumento do canal de lojas próprias, 21% das vendas dos últimos dozemeses, propulsionou a cultura de varejo Arezzo&Co nos últimos 5 anos Evolução da quantidade de lojas próprias 50  Desenvolvimento de competências no varejo 45  Lojas próprias como benchmark 29 21  Aproximação do cliente final 6 10  Maximizar geração de valor ao acionista 2007 2008 2009 2010 2011 2T12 # Lojas próprias 3
  4. 4. .2 Desenvolvimento de competências1Crescimento da operação de lojas próprias aumentou o envolvimento e apoiode toda Companhia à operação de varejo: lojas próprias e franquias Foco no Sell-Out Tecnologia da informação – importância dos dados do ponto de venda Pessoas – produtividade da força de vendas e criação de pool de talentos P&D – processo de criação das coleções com visão do sell-out Sourcing – estratégia de suprimento baseado em leitura do giro Financeiro – gestão ampliada da cadeia de valor através de: • Capital de giro: contas a receber e estoques • Avaliação de investimento em ponto de venda • Gestão de varejo por resultado 4
  5. 5. .3 Gestão do capital de giro dos1 franqueadosToda extensão de prazos de contas a receber busca criar incentivos paramaximizar a venda da rede de lojas Objetivos da gestão mais integrada dos vencimentos do franqueado: • Aumentar foco no sell out • Suavizar fluxo de pagamentos • Aumentar a previsibilidade do fluxo de caixa possibilitando novos investimentos no negócio • Desvincular o prazo de pagamento do fluxo de entregasGestão do prazo do contas a receber do franqueado Prazo de pagamento do franqueado cresce do cenário 1 para o cenário 4 Lançamento 3 4 2 ILUSTRATIVO / FORA DE ESCALA da coleção Início do faturamento 1 Investimento em estoque 1 Coleção menor e compra 80% da meta Início do 2 Coleção menor e compra 100% da meta sell out 3 Coleção maior e compra 80% da meta 4 Coleção maior e compra 100% da meta Prazo para sell-out do produto na loja 5
  6. 6. .4 Análise de viabilidade para lojas 1 monomarca Decisão de abrir uma loja própria leva em consideração, além da localização geográfica, a geração de valor adicional para o acionista Análise de viabilidade Estratégia de Lojas Próprias • Visão ROIC vs. VPL • Análise de sensibilidade para diferentes cenários • Potencial de venda do ponto em análise +Valor presente líquido Lojas • Principais centros de consumo Próprias (principalmente SP e RJ) • Alta rentabilidade com elevada eficiência operacional Lojas • Referência para franqueados Franquias • Flagship stores garantem maior visibilidade e - reforçam a imagem da marca - 20% + ROIC 6
  7. 7. .5 Gestão de varejo por resultados1O acompanhamento do resultado de cada loja individualmente garante umresultado saudável e sustentável de toda rede de distribuiçãoEx.: Variáveis Ex.: ações corretivas • Análise da venda realizada versus orçadaReceita • Avaliação do nível de stock-out e sobra da loja • Revisão de Mix de produto • Revisão dos contratos de locaçãoCusto de ocupação • Ajuste da área de vendas da lojaGente • Dimensão da equipe de loja • Avaliação do pacote de remuneração e benefíciosTributário • Regime Tributário: Simples X Presumido X Real • Análise da despesas fixas/variáveis – alavancagem operacionalBack Office • Análise de compartilhamento de Back Office entre lojas versus estrutura com franqueado dedicado 7
  8. 8. | Tecnologia da informação aplicada ao varejo 8
  9. 9. .1 Integração de sistemas de varejo2 O processo de integração dos sistemas de varejo foi iniciado em 2008 com as lojas próprias que serviram de benchmark para as franquias, garantindo uma leitura homogênea dos indicadores de desempenho Implantar sistema Implantar sistema Fazer rollout para integrado em lojas em 2-3 franqueados toda a rede em próprias Arezzo (Piloto) todas marcas Demanda estratégica Resultados esperadosObter informações de SSS e outros Captura automática de dados de informações de vendas das lojasindicadores do varejoViabilizar a implantação de um modelo de Data warehouse com informações consistentes de giro, estoques de produtos esuprimento inteligente e de fácil uso pelos informações de sell out para P&D, Merchandising e SourcingfranqueadosReduzir o “back office” do franqueado para Ferramentas para gestão do desempenho de vendas da loja, dos produtos e seusmelhorar seus resultados atributos, de vendedores, controle de estoque e inventários periódicos, gestão financeira integrada e acompanhamento de resultadosViabilizar CRM (Customer Relationship Registro e compartilhamento do perfil de cada cliente, seus hábitos, costumes,Managment) e outras tecnologias comentários e transações de vendas, gerando subsídios para o planejamento estratégico de vendas das lojas 9
  10. 10. .2 Evolução da Tecnologia Aplicada2 ao Varejo A conversão dos 65 sistemas em uma única plataforma exigiu um processo de padronização e acompanhamento dos processos das companhia e franqueados capturando os benefícios da integração de sistemas Consolidação Inicio do projeto de Projeto Lojas Roll-out do 65 SISTEMAS sistema unificado Próprias e Piloto Conclusão DIFERENTES Sistema para a do projeto varejo Arezzo&CO com lojas rede franqueadas ANO 2009 2010 2011 2012 % lojas integradas 5% 46% 87% 95% Revisão de processos de Consolidação das Aprimoramento dos relatórios de gestão de lojas ePrincipais ações na lojas e customizações do ferramentas de captura desenvolvimento de novas tecnologias para gestão deárea tecnológica sistema integrado para de informação do suprimentos baseadas no sell out rede de franquias ponto de venda Inicio de projeto de produtos continuáveis e ações deNovas soluções e Consolidação B2B para grade aberta, grade fechada, reposição e venda de produtos baseados no sell out.processos venda de produtos em fase de produção Utilização efetiva das informações de sell out por P&D, planejamento de coleção e gestão do ponto de venda . 10
  11. 11. .3 Apoio à Gestão da Operação de Varejo2Os processos e sistemas de varejo apoiam não somente a operação deloja, mas toda a gestão de suprimento e o relacionamento com acliente final. Uso da tecnologia como apoio ao processo de gestão... 1 2 3 Gerenciar Otimizar indicadores de Conhecer o gestão de desempenho perfil da suprimentos e da loja e consumidora estoques equipe ... para vender mais, sobrar menos...e atingir metas! 11
  12. 12. .4 Gestão de Suprimentos e Estoques21 Otimizar Gestão de Suprimentos e Estoques Recebimento Vendas Reposição Produtos em trânsito Relatório de Giro Arezzo Web, Schutz Web Permite que as lojas identifiquem Analise das vendas e estoques, Site B2B para oferta de produtos on com antecedência as mercadorias avaliando indicadores por SKU line (estoques para reposição) faturadas, para ajustar espaços no gerando ações para cada item integrado automaticamente a estoque e avisar clientes operação logística Novidades Campeões de vendas Continuáveis Permite a gerente ver a cada dia Apresenta os produtos com alto Acompanhamento da reposição de os novos produtos, preparando a giro , integrado ao web site de produtos continuáveis para as lojas, equipe para a ação diária de B2B (reposição on line) a partir da leitura de informações vendas do ponto de venda 12
  13. 13. .5 Gestão de Desempenho do Sell-Out22 Gerenciar Indicadores de Desempenho da Loja e Equipe Fornece indicadores e informações de Painel de controle vendas em base diária, facilitando a atuação imediata nos “alavancadores” de resultados Ranking das Permite acompanhar e atuar sobre o desempenho da equipe de vendas da loja vendedoras* online Informação das vendas das lojas com Vendas do dia* atualização online, fornecendo os principais indicadores das lojas Vendas realizadas X meta X ano anterior Informações por dia e por categorias de produtos, comparativas projeções de fechamento e estoque Permite gestão, em base diária, do Markup Médio* resultado da operação, por loja, período, coleção e produto* Acompanhamento online 13
  14. 14. .6 Maior Proximidade da Cliente Final23 Conhecer o Perfil das Consumidoras Compras das consumidoras Identificação da consumidoras por perfil, produtos adquiridos, frequência de compras, retorno de ações e campanhas Ações de CRM Controle e administração das ações comerciais, com base em dados de vendas realizadas buscando aumentar a frequência de compra 14
  15. 15. .7 Foco Atual2Após conclusão da unificação dos sistemas, inicia-se novo ciclo debusca de soluções tecnológicas para apoiar a operação de varejo Aprimorar planejamento, criação e distribuição da novas coleções, reduzindo o time to market; Acelerar pesquisa e adoção de novas tecnologias para piso de loja (tablets, coletores, monitoramento de imagem e fluxo, mídia eletrônica); Tecnologias para suportar Centros de Distribuição; Ações de treinamento continuado e adoção de boas práticas de gestão e processos operacionais nos franqueados; Ações de CRM para buscar maior interações com as consumidores. 15
  16. 16. | Melhoria da produtividade e a gestão de pessoas 16
  17. 17. .1 Gestão do Varejo:3 Melhoria de processos e foco em Produtividade Foco da equipe Otimização dos processos Aprimoramento da gestão • Vendas • Padronização processos • Vendas + Atendimento Excelente • Processos operacionais de back office loja de baixo valor • Simplificação de • Gestão do Negócio + percebido controles e relatórios • Acompanhamento do • Alta rotatividade da • Maior uso dos sistemas DRE lojas na ponta + equipe disponíveis • Gestão de Indicadores • Treinamento Gerencial • Gestão de pessoas EVOLUÇÃO DA GESTÃO 17
  18. 18. .2 Gestão do Varejo:3 Treinamentos e Ferramentas disponibilizadasAbordagem completa em treinamentos para equipe de vendas nas diversasfrentes da operação de varejo Ferramentas de treinamento • Produto • Moda e tendências • Técnicas de vendas • Operações de loja • Visual merchandising • Sistemas de vendas • Integração Novos operadores • Treinamentos Gerenciais • Convenções de vendas • Incentivos de vendas (motivacionais) • Mais de R$1MM investidos em treinamento no 1º Sem/12 • Redução de 20% no turnover de Varejo das Lojas Próprias no 1ºSem/12 18
  19. 19. .3 Gestão do Varejo:3 Treinamentos e Ferramentas disponibilizadasFoco em aumentar treinamentos e motivacionais de venda buscando oengajamento e orientação para resultado Horas de treinamento/HC• Mais R$1,5M investidos em Incentivo à vendas em 2011. Alcançando mais 4.500 pessoas na força de vendas própria e da rede de franquias 19
  20. 20. .4 Gestão do Varejo:3 Demais iniciativas Fortalecimento da cultura de varejoIniciativas Alto• Projeto barriga no Balcão: visitas periódicas Investimento do senior management a rede de lojas em Gente• Projeto Pereirão: projeto da turma de trainee 2011 focada na operação de loja R:152 R:208 Estrutura de suporte para os processos G:216 B:218 G:240 Maior B:232 Círculo Manutenção - Interface Alta R:80 Vendas e Virtuoso produtividade Visita a loja para manutenção preventiva ou corretiva G:179 rentabilidade B:207 do Varejo R:216 G:181 Loja Suporte Prestador de Serviço B:163 R:177 • Informa demandas de G:181 manutenção B:121 • Agenda manutenção preventiva R:119 R:160 Eficiente • Notifica o suporte sobre toda • Solicita visita emergencial demanda de manutenção que • Aprova o orçamento de G:119 G:160 execução B:119 B:160 surgir na loja material para conserto operacional • Recebe os relatórios das • Informa à loja o dia da visitas fornecidos pela R:217 manutenção preventiva empresa G:217 1 B:217 20
  21. 21. .5 Evolução da agenda de gente3Implementadas diversas iniciativas da agenda de Gente buscando atrair, reter edesenvolver os talentos da Companhia Iniciativas 2012 Ciclo de Gente • Projetos trainees 2011 • Ciclo de Gente • Avaliação 360º para “C level” Princípios: • Sócios de verdade • Meritocracia • Visão de longo prazo • Adesão da 1ª. Linha da Cia. • Pool de talentos 21
  22. 22. | Apresentação do Roadshow 22

×