Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Aula 3 terceirização

11,712 views

Published on

  • Be the first to comment

Aula 3 terceirização

  1. 1. TERCEIRIZAÇÃO/ OUTSOURCING É o processo de gestão pelo qual se repassam algumas atividades para terceiros com os quais se estabelece uma relação de parceria, ficando a empresa concentrada apenas em tarefas essencialmente ligadas ao negócio em que atua.
  2. 2. ORIGEM <ul><li>A terceirização originou-se nos Estados Unidos, logo após a eclosão da II Guerra Mundial; </li></ul><ul><li>As pequenas e médias empresas, foram as primeiras a entrar neste novo processo. </li></ul><ul><li>Logo as grandes organizações começaram a fazer uma reflexão para continuar no mercado de forma competitiva. </li></ul><ul><li>No Brasil, as empresas refletiram sobre sua atuação e ao mesmo tempo demonstravam o outro lado, que era a abertura de novas empresas. </li></ul>
  3. 3. RELAÇÃO DO OUTSOURCING COM O DOWNSIZING Outsourcing tem uma estreita ligação com o Downsizing, pois quando foram eliminadas alguns cargos das estruturas hierárquicas e as funções secundárias, algumas atividades necessitaram ser terceirizadas.
  4. 4. ATIVIDADES QUE PODEM SER TERCEIRIZADAS <ul><li>Processo ligado às atividades da empresa; </li></ul><ul><li>Processo não ligado à atividade-fim da empresa; </li></ul><ul><li>Atividades de suporte da empresa; </li></ul><ul><li>Substituição de mão-de-obra direta, por mão-de-obra indireta ou temporária. </li></ul>
  5. 5. PROCESSO DE TERCEIRIZAÇÃO O processo de Terceirização envolve duas empresas, uma que contrata o serviço, denominada de “Contratante” , e outra que presta o serviço, denominada “Contratada” . Definido o prestador de serviço, a empresa contratante deverá propor a assinatura de um “Contrato de Prestação de Serviços” , que formalizará a relação entre as partes.
  6. 6. Pontos Básicos que deverão ser observados na contratação <ul><li>Devem observar o contrato, definindo bem as obrigações e direitos; </li></ul><ul><li>Entre as partes deve haver um posicionamento </li></ul><ul><li>equilibrado; </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>É sempre bom incluir no contrato, cláusulas prevendo o risco do tomador vir a ser interrogado judicialmente por uma obrigação trabalhista não cumprida pelo prestador; </li></ul><ul><li>No contrato recomenda-se que o contratante não queira levar vantagem com este; </li></ul>
  7. 7. ATIVIDADES EMPRESARIAIS <ul><li>São aquelas que agregam custos ao produto. Caracterizam-se como ações e atitudes administrativas ou intermediárias no processo produtivo, nas empresas, apoiando ou suportando a produção, sem interferir na qualidade ou no funcionamento do produto. </li></ul><ul><li>Mantê-las como gestão própria, administrando-as diretamente, traz incrementos no custo operacional das empresas que, repassado ao preço final do produto, vai encarecê-lo, reduzindo a sua competitividade e atratividade. </li></ul>
  8. 8. ATIVIDADES EMPRESARIAIS <ul><li>FIM: </li></ul><ul><li>São aquelas que agregam valor ao produto. Fazem parte intrínseca do processo produtivo, sendo essenciais na montagem, construção e manufatura do produto. Estão diretamente ligadas à qualidade e ao funcionamento do produto. </li></ul><ul><li>O gerenciamento desta atividade está sempre dirigido para a melhoria do produto, aprimorando-se a tecnologia, adquirindo novos conhecimentos, que, aplicados ao produto, o farão mais atrativo e eficaz, moderno, tecnicamente avançado e mais competitivo, atendendo às necessidades do mercado. </li></ul><ul><li>Com isso aumenta o seu consumo, melhorando a rentabilidade das empresas. </li></ul>
  9. 9. VANTAGENS <ul><li>Desenvolvimento econômico; </li></ul><ul><li>Especialização dos serviços; </li></ul><ul><li>Competitividade; </li></ul><ul><li>Busca de qualidade; </li></ul><ul><li>Controles adequados; </li></ul><ul><li>Aprimoramento do sistema de custeio; </li></ul><ul><li>Controles adequados; </li></ul><ul><li>Aprimoramento do sistema de custeio; </li></ul><ul><li>Esforço de treinamento e desenvolvimento profissional; </li></ul><ul><li>Diminuição do desperdício; </li></ul><ul><li>Valorização dos talentos humanos; </li></ul><ul><li>Agilidade das decisões; </li></ul><ul><li>Menor custo; </li></ul><ul><li>Maior criatividade e crescimento </li></ul>
  10. 10. DESVANTAGENS <ul><li>Desconhecimento da alta administração; </li></ul><ul><li>Resistência e conservadorismo; </li></ul><ul><li>Dificuldade de se encontrar a parceria ideal; </li></ul><ul><li>Risco de coordenação dos contratos; </li></ul><ul><li>Custo de demissões; </li></ul><ul><li>Conflito com os sindicatos; </li></ul><ul><li>Desconhecimento da legislação trabalhista. </li></ul>
  11. 11. TERCEIRIZAÇÃO - ANÁLISE <ul><li>Fazendo uma análise crítica da estrutura empresarial, questionamos o seguinte: </li></ul><ul><li>· O que terceiros podem fazer conosco e melhor do que nós? Ou </li></ul><ul><li>· O que farão com melhor qualidade e mais economicamente que nós? </li></ul>
  12. 12. AS PREMISSAS PARA TERCEIRIZAR <ul><li>Ter capacidade empreendedora </li></ul><ul><li>Esta postura é do tomador e do fornecedor de serviços. </li></ul><ul><li>Estar comprometido </li></ul><ul><li>O fornecedor precisa ter credibilidade no mercado em que atua. </li></ul><ul><li>A autonomia das partes </li></ul><ul><li>Uma não pode depender da outra. </li></ul><ul><li>A especialização </li></ul><ul><li>O tomador e o seu fornecedor precisam ser especialistas, respectivamente nas suas atividades-fim. </li></ul>
  13. 13. COMO BUSCAR A PARCERIA <ul><li>Um fator importantíssimo na terceirização de serviços é o estabelecimento de uma verdadeira parceria. A confiança mútua é uma condição fundamental e indispensável, pois os recursos são despendidos em conjunto e os dados confidenciais são partilhados entre os parceiros. </li></ul>
  14. 14. PROVIDÊNCIAS QUE FACILITAM A IMPLANTAÇÃO DOS PROJETOS <ul><li>Na fase de planejamento, conhecer muito bem as metas de terceirização; </li></ul><ul><li>Analisar os riscos; </li></ul><ul><li>Identificar as iniciativas de mudança comportamental; </li></ul><ul><li>Definir com clareza o perfil do prestador; </li></ul><ul><li>Desenvolver planos de como aproveitar, eventualmente no prestador, a mão-de-obra que será colocada em disponibilidade; </li></ul><ul><li>Reunir-se com a supervisão interna, que vai integrar-se com o terceiro; </li></ul><ul><li>Instruí-los na forma de se relacionar com os funcionários do prestador de serviços, para evitar a subordinação; </li></ul><ul><li>Não havendo no mercado, prestador com qualidade e perfil exigidos, procurar convencê-los a melhorar as suas condições para que possam ser competentes; </li></ul><ul><li>Procurar estar muito bem informado sobre os aspectos legais do processo de terceirização, etc. </li></ul>
  15. 15. FATORES QUE PODEM COMPROMETER A TERCEIRIZAÇÃO <ul><li>Se o tomador exercer má administração do contrato, poderão advir sérias conseqüências, que podem inviabilizar a continuidade do processo de terceirização: </li></ul><ul><li>Poderá gerar um aumento do risco a ser administrado; </li></ul><ul><li>Uma eventual deterioração no relacionamento sindical; </li></ul><ul><li>As demissões em si e o seu custo; </li></ul><ul><li>Erros na avaliação do fornecedor; </li></ul><ul><li>Aumento da dependência do terceiro (diluir as atividades); </li></ul><ul><li>Falta de critérios adequados para avaliação. </li></ul>
  16. 16. AS FASES DE IMPLANTAÇÃO DE UM PROJETO <ul><li>Planejamento </li></ul><ul><li>Decisão de terceirizar </li></ul><ul><li>Busca do fornecedor parceiro </li></ul><ul><li>Contratação </li></ul><ul><li>Avaliação </li></ul><ul><li>Correção </li></ul><ul><li>Feedback </li></ul>
  17. 17. TERCEIRIZAÇÃO –QUESTÕES JURÍDICAS <ul><li>Providenciar um resumo sobre os aspectos jurídicos da terceirização. </li></ul><ul><li>Páginas – 90 a 93 da apostila. </li></ul>
  18. 18. Perguntas <ul><li>O que é outsourcing e qual a sua origem? </li></ul><ul><li>Quais as relações existentes entre Outsourcing e Downsizing? </li></ul><ul><li>Quais as atividades que podem e que não podem ser terceirizadas pelas empresas? </li></ul><ul><li>O que é um Contrato de Prestação de Serviços? </li></ul><ul><li>Cite aspectos para serem observados quando da contratação de terceirização: </li></ul><ul><li>Qual a diferença entre atividade empresarial e atividade empresarial fim? </li></ul>
  19. 19. Perguntas <ul><li>Cite 5 vantagens oriundas da terceirização: </li></ul><ul><li>Cite 5 desvantagens oriundas da terceirização: </li></ul><ul><li>Explique os motivos que levam uma empresa a terceirizar serviços, como você como um terceiro iria oferecer seus serviços a uma empresa: </li></ul><ul><li>Quais os pontos principais para se buscar uma empresa terceirizada no mercado? </li></ul><ul><li>Quais as fases para implementar um projeto de terceirização, comente sobre eles: </li></ul>

×