Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Pesquisa PMO (Project Management Office Brasil) Brasil 2015

912 views

Published on

Pesquisa conduzida por Americo PInto com PMOs brasileiros.

Published in: Business
  • Be the first to comment

Pesquisa PMO (Project Management Office Brasil) Brasil 2015

  1. 1. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto PESQUISA PMO BRASIL 2015 V1
  2. 2. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto SUMÁRIO EXECUTIVO COORDENAÇÃO REALIZAÇÃO AGRADECIMENTOS INTRODUÇÃO METODOLOGIA RESULTADOS SOBRE AS ORGANIZAÇÕES SOBRE OS PMOs SOBRE OS PROFISSIONAIS ANÁLISES ESPECIAIS ÍNDICE 2 6 7 8 9 10 11 15 24 32 1
  3. 3. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto SUMÁRIO EXECUTIVO 2 Apresentamos a seguir as principais descobertas deste estudo: 1) Os PMOs coexistem com ambientes de baixa maturidade organizacional em projetos. A existência de um PMO depende da maturidade organizacional em gerenciamento de projetos, assim como a maturidade organizacional é diretamente impactada pela ação do PMO. Essa relação de mão dupla é clara, porém, observa-se que por mais que a metade das organizações (54%, Figura 5) tenham relatado níveis de maturidade baixos, ainda assim contam com PMOs implementados. Por outro lado, em organizações com maior maturidade, o valor do PMO é melhor percebido. 2) A terceirização ou não dos gerentes de projetos não tem influência significativa sobre o sucesso dos projetos. Quase a metade dos profissionais participantes revelou que seus PMOs trabalham com gerentes de projetos terceirizados (44%, Figura 6). Apesar de algumas organizações ainda serem reticentes em contar com o apoio de terceiros nesta função, os níveis de sucesso em projetos observados nas duas situações não apresentou variações significativas (Figura 39), sendo até mesmo levemente favoráveis aos gerentes de projetos terceirizados, porém não de forma conclusiva.
  4. 4. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto 3 3) Uma das melhores formas de fazer um PMO sobreviver é garantindo o apoio da Alta Gestão. Os PMOs têm recebido significativo apoio da Alta Gestão (77%, Figura 20), mas apesar disso, quase a metade dos participantes (44%, Figura 21) relatou que o seu PMO já foi seriamente questionado em tempos recentes. Interessante observar como o apoio da Alta Gestão confirma a forte influência na redução do questionamento quanto a relevância ou a própria existência do PMO (Figura 40). 4) Foco no monitoramento e controle de projetos, metodologia e sistemas de informação aumenta a percepção de valor do PMO. Apenas um número ínfimo de participantes (1%, figura 22) relatou que a Organização não percebe valor algum em seus PMOs. Porém, é interessante observar que algumas funções colaboram significativamente para aumentar esse reconhecimento, dentre elas monitorar e controlar projetos, prover sistemas de informação para projetos, e prover metodologia de gerenciamento de projetos (Figura 37).
  5. 5. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto 4 5) Quanto maior é o tempo de vida de um PMO, maior é o reconhecimento do seu valor. Temos aqui um ponto onde não foi possível estabelecer a relação de causa e efeito, o que sugere que ela acontece nos dois sentidos. Em outras palavras, PMOs com maior tempo de vida são capazes de atuar de forma mais madura e, com isso, gerar maior percepção de valor (Figura 38). Por outro lado, justamente por serem capazes de atender as expectativas, estes PMOs conseguem durar por mais tempo, chegando a maturidade. 6) Comunicação é importante, mas capacidade de se adaptar e resiliência são os aspectos fundamentais nos PMOs bem sucedidos. Dentre os participantes do estudo, a palavra que se destacou na representação do PMO de sucesso foi “Comunicação” (39%, Figura 36). Entretanto, dentre os PMOs que têm o seu valor reconhecido pelas suas Organizações, as palavras “Adaptação” e “Resiliência” tiveram destaque sobre as demais, demonstrando que a capacidade de se moldar a diferentes necessidades é um fator importante para que o PMO tenha o seu valor reconhecido.
  6. 6. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto 5 7) O início da carreira de um profissional em PMOs não é fácil, mas com o tempo, aumenta a satisfação pessoal e o reconhecimento do trabalho realizado. A avaliação da percepção e expectativas dos profissionais em PMOs conforme variação do nível de experiência nos mostra que o primeiros anos de trabalho em PMOs são os mais difíceis (Figura 43), quando a satisfação se reduz consideravelmente e o desejo de mudar de área aumenta. Os primeiros anos de liderança da área invertem esse panorama em termos de satisfação, aumentando o estresse significativamente, mas também a sensação de reconhecimento. Por fim, o amadurecimento na liderança de um PMO mostra que o reconhecimento aumenta, assim como a satisfação, havendo uma redução considerável no interesse em mudar de área. 8) Existe um perfil ideal de Organização para aqueles que procuram oportunidades em PMOs. Considerando as organizações onde há mais oportunidades para profissionais em PMOs (Figura 29), foi possível estabelecer o perfil ideal de uma Organização, onde esse profissional pode ter mais chances de crescimento em sua carreira. São organização privadas (Figura 44), nas áreas de Consultoria, Telecomunicações, Tecnologia da Informação ou Engenharia (Figura 45), no Sudeste do país, com pelo menos 500 funcionários e, finalmente, que tenham PMOs com foco, principalmente, em seus clientes internos. Por fim, é importante lembrar que 48% dos profissionais em PMOs são oriundos da sua própria organização (Figura 28), reforçando que este talvez seja o melhor caminho para começar.
  7. 7. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto COORDENAÇÃO Esta pesquisa foi idealizada e é coordena- da por Americo Pinto, considerado um dos principais pesquisadores e especialistas brasileiros no tema PMO, com atuação destacada no país e no exterior. Americo é Doutorando pela Rennes School of Business, na França, uma das mais prestigiadas universidades no mundo na área de projetos, onde vem aprofundando sua pesquisa no tópico PMO, sob a supervisão de Monique Aubry (Canadá), uma das mais importantes referências no tema hoje no mundo. Americo é Chairman da PMO Global Alliance, professor em universidades no Brasil e no exterior, palestrante internacional e autor de quatro livros na área de projetos. É Coordenador do Programa PMO Master Class e membro do Conselho Editorial e articulista da Revista Mundo PM, onde assina a coluna PMO Insights. Em 2011, Americo Pinto recebeu em Dallas, EUA, o prêmio “PMI Distinguished Contribution Award”, por sua contribuição voluntária no desenvolvimento da disciplina de gerenciamento de projetos. 6
  8. 8. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto REALIZAÇÃO Esta pesquisa foi realizada com o apoio da PMO Global Alliance, sem a qual não seria possível atingir os resultados esperados. A PMO Global Alliance é a empresa gestora de uma comunidade global de profissionais em PMOs com mais de 5.000 membros, em diversos países. Com atuação global, a PMOGA tem como foco a criação, desenvolvimento e a gestão de uma comunidade global de profissionais em PMOs, provendo serviços e produtos desenvolvidos a partir do trabalho colaborativo desta comunidade. Os membros da PMOGA são líderes do PMO, membros do PMO, Executivos, Consultores, Professores, Alunos, Gerentes de Projeto, entre outros que compartilham experiências e conhecimentos, contribuindo para o desenvolvimento da comunidade mundial do PMO. Sua missão é apoiar o desenvolvimento profissional de nossos membros através do apoio mútuo, networking, pesquisa avançada e um intercâmbio intensivo de experiências. 7
  9. 9. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Nossos sinceros agradecimentos a todas as Organizações e profissionais em PMOs que apoiaram e participaram dessa iniciativa. Que esse relatório possa representar o primeiro passo de uma sólida jornada rumo ao conhecimento profundo da realidade e expectativas de nossa comunidade de PMOs. AGRADECIMENTOS 8
  10. 10. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Desde 2009 venho estudando a fundo o fenômeno PMO (Project Management Office) nas organizações no Brasil e no exterior. A cada nova descoberta, dezenas de outras questões surgem, transformando o PMO em um dos mais importantes e intrigantes fenômenos já observados na área de gerenciamento de projetos. Conhecer mais e em maior profundidade sobre o tema, possibilita que tenhamos em mãos importantes indicações para nos orientar quanto as formas mais prováveis de obtermos sucesso em nossas organizações e carreiras. Este estudo, pela primeira vez, vai além, buscando identificar não apenas aspectos relacionados as organizações ou aos próprios PMOs, mas aprofundando o entendimento no que envolve o profissional que atua nessa área, sua realidade e suas expectativas. Espero que este estudo, que se propõe a ter atualizações anuais, possa contribuir de fato para o desenvolvimento da nossa comunidade de PMOs, fazendo com que cada vez menos, o sucesso seja uma obra do acaso. Americo Pinto Novembro de 2015 INTRODUÇÃO 9
  11. 11. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Esta pesquisa foi conduzida com o objetivo de identificar o perfil de organizações, PMOs e profissionais que atuam nestas áreas, a fim de estabelecer relações que possam identificar novos pontos de vista sobre performance organizacional e sucesso dos PMOs. Este estudo foi organizado em quatro diferentes partes: 1) Um perfil das organizações onde trabalham os participantes da pesquisa; 2) Um perfil dos PMOs onde trabalham os participantes da pesquisa; 3) Um perfil do participantes da pesquisa como profissionais em PMOs e, finalmente; 4) Uma análise combinada e de correlações, buscando identificar resultados que possam melhorar a compreensão do fenômeno PMO nas organizações. A metodologia utilizada envolveu o desenvolvimento e aplicação de um questionário com 36 perguntas, onde apenas foram consideradas as respostas de profissionais que atualmente têm algum envolvimento com PMOs, quer seja na operação ou na implementação. Foram obtidas 388 respostas válidas, fornecidas por profissionais de 264 diferentes organizações brasileiras. A coleta de dados foi realizada durante os meses de setembro e outubro de 2015. METODOLOGIA 10
  12. 12. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Nesta seção, você encontrará os resultados relativos ao perfil das organizações onde trabalham os participantes desta pesquisa. RESULTADOS SOBRE AS ORGANIZAÇÕES Figura 1: Qual o tipo da organização onde você trabalha? 11
  13. 13. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 2: Qual a atividade primária da sua Organização? Figura 3: Qual a região da federação onde está localizada a sua Organização? 12
  14. 14. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 4: Qual a quantidade total de funcionários na sua Organização? Figura 5: Qual o nível de maturidade em gerenciamento de projetos da sua Organização? 13
  15. 15. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 6: A sua Organização trabalha com Gerentes de Projetos terceirizados? 14 Figura 7: Qual a percepção da sua Organização quanto ao sucesso dos projetos realizados?
  16. 16. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 8: Qual das seguintes situações melhor descreve o posicionamento do seu PMO na Organização? Nesta seção, você encontrará os resultados relativos ao perfil dos PMOs onde trabalham os participantes desta pesquisa. RESULTADOS SOBRE OS PMOs 15
  17. 17. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 9: O quanto tempo o PMO existe? Figura 10: Quantos projetos em média são executados por ano na Organização ou na área a qual pertence o PMO? 16
  18. 18. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 11: Qual porcentagem dos projetos citados na questão anterior reportam para o PMO? Figura 12: Quantos profissionais trabalham no PMO? 17
  19. 19. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 13: Qual a duração média em meses dos projetos nos quais o PMO está envolvido? Figura 14: Primariamente, os projetos em que o PMO está envolvido são para: 18
  20. 20. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 16: Quais serviços (funções) o seu PMO oferece? 19 Figura 15: Os Gerentes de Projetos são subordinados ao PMO?
  21. 21. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 17: Quais são os benefícios mais esperados pelos clientes do seu PMO? 20
  22. 22. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 18: Qual o nível de autoridade do PMO para a tomada de decisão em projetos? Figura 19: O quanto a cultura da sua Organização suporta o trabalho do PMO? 21
  23. 23. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 20: O PMO recebe apoio da Alta Administração? Figura 21: A relevância ou até mesmo a existência do PMO foi seriamente questionada nos anos recentes? 22
  24. 24. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 22: O valor do PMO é reconhecido pela Organização? 23
  25. 25. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 23: Qual a sua função na organização? Nesta seção, você encontrará os resultados relativos ao perfil dos profissionais que participaram desta pesquisa. RESULTADOS SOBRE OS PROFISSIONAIS 24
  26. 26. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 24: Qual a sua experiência em PMOs? Figura 25: Você possui MBA ou Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos? 25
  27. 27. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 26: Você possui certificação PMI-PMP (Project Management Professional)? Figura 27: Você já trabalhou como Gerente de Projetos antes de trabalhar em PMOs? 26
  28. 28. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 28: O que levou você a trabalhar em PMOs? Figura 29: Na sua Organização, as oportunidades de crescimento profissional estão disponíveis: 27
  29. 29. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 30: Com que frequência você se sente feliz trabalhando no PMO? Figura 31: Qual o nível de estresse ao qual você se considera submetido em seu trabalho como profissional do PMO? 28
  30. 30. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 32: Você está satisfeito com a sua carreira como profissional em PMOs? Figura 33: Você se sente valorizado e tem o seu trabalho reconhecido pelos seus superiores e pares? 29
  31. 31. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 34: Com que frequência você pensa em deixar de trabalhar em PMOs? Figura 35: Você acredita que consegue fazer no PMO o trabalho adequado que deveria ser feito para a sua Organização? 30
  32. 32. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 36: Qual a palavra que resume o “espírito” de um PMO bem sucedido? 31
  33. 33. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Nesta seção, você encontrará análises detalhadas, avaliando variáveis que permitirão uma melhor compreensão do fenômeno PMO. RESULTADOS ANÁLISES ESPECIAIS Figura 37: Funções mais frequentes nos PMOs que têm o seu valor reconhecido 32 % de PMOs que oferecem a função
  34. 34. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 38: Tempo de existência do PMO e reconhecimento do seu valor pela Organização 33 % de PMOs Figura 39: Impacto da terceirização de Gerentes de Projetos no sucesso dos projetos % de PMOs
  35. 35. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 40: Impacto do apoio da Alta Administração no questionamento da existência do PMO 34 % de PMOs Figura 41: Palavras que melhor resumem o “espírito” dos PMOs que têm o seu valor reconhecido por suas organizações. % de citações dentre os participantes
  36. 36. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto Figura 42: Impacto da autoridade do PMO na percepção de sucesso dos projetos realizados 35 % de PMOs Figura 43: Variação da percepção e expectativas dos profissionais em PMOs conforme o nível de experiência na área % de profissionais que relataram cada item
  37. 37. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto 36 Figuras 44 a 48: Em que tipo de Organização estão as maiores oportunidades de crescimento para profissionais em PMOs % de PMOs onde existem majoritariamente oportunidades para profissionais em PMOs % de PMOs onde existem majoritariamente oportunidades para profissionais em PMOs
  38. 38. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto 37 % de PMOs onde existem majoritariamente oportunidades para profissionais em PMOs % de PMOs onde existem majoritariamente oportunidades para profissionais em PMOs
  39. 39. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto % de PMOs onde existem majoritariamente oportunidades para profissionais em PMOs 38
  40. 40. Pesquisa PMO BRASIL 2015, Americo Pinto ENTRE EM CONTATO CONOSCO PARA PALESTRAS OU ESCLARECIMENTOS SOBRE ESSA PESQUISA. americopinto@pmoga.com www.pmoga.com PESQUISA PMO BRASIL 2015

×