Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
CONVENÇÕES COLETIVAS
2016/2017
CONVENÇÕES COLETIVAS
2016/2017
Edição nº 3 • Julho de 2016
PERÍODO DE
ELEIÇÕES
Página 2
Em ...
2
Jornal mensal do Sindicato dos Trabalhadores nas
Indústrias da Construção e do Mobiliário de Londrina
Cada solicitação, ...
3
As Convenções Coletivas de
Trabalho (CCTs) são consideradas
um instrumento muito importante
na defesa dos interesses da ...
4
Após quatro reuniões, a
CCT de Móveis e Marcenaria
do Paraná foi fechada e trouxe
um reajuste significativo para os
prof...
5
Com a inflação e o
desemprego em alta, quem sofre
as consequências na hora da
negociação do reajuste salarial são
os trab...
6
Com muito empenho e
dedicação, a assessoria jurídica
do Sintracom Londrina garantiu
um acordo judicial favorável para
tr...
7
O Sintracom Londrina
inaugurou o novo site do Sindicato,
que agora conta com muito mais
informação e interação com os
tr...
8
dasdas
15
a
15
a
Evento
Evento
gratuito
gratuito
de
12outubro
A partir das 10h,
na Sede Campestre
de 2016
Rua Noel Porfí...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Jornal sintracom julho grafica

60 views

Published on

Jornal sintracom julho grafica

Published in: News & Politics
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Jornal sintracom julho grafica

  1. 1. CONVENÇÕES COLETIVAS 2016/2017 CONVENÇÕES COLETIVAS 2016/2017 Edição nº 3 • Julho de 2016 PERÍODO DE ELEIÇÕES Página 2 Em setembro acontecerão as eleições do Sintracom Londrina CAMPEONATO DE FUTEBOL Página 2 Confira a programação para a grande final da competição ASSESSORIA JURÍDICA Página 6 Sindicato conquista acordo judicial favorável aos trabalhadores da BTC NOVO SITE DO SINDICATO Página 7 Mais informação e interação com os trabalhadores NEGOCIAÇÕES Convenções Coletivas 2016-2017 Trabalhadores já podem comemorar reajustes salariais MÃOS À OBRAJornal do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Londrina
  2. 2. 2 Jornal mensal do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Londrina Cada solicitação, denúncia ou dúvida que chega ao Sintracom Londrina é prontamente atendida pela nossa diretoria e por toda a equipe administrativa. Só em julho, por exemplo, foram quase 600 homologações e atendimentos jurídicos; mais de 600 pessoas atendidas nos cabeleireiros e dentistas do Sindicato. Mais do que eficiência, isso demonstra respeito ao trabalhador. Respeito a vocês, nossos companheiros de luta. Por isso, aproveito o espaço deste jornal para reafirmar que o Sindicato tem um compromisso real com os direitos de toda a categoria da construção civil e do mobiliário. Afinal, todo e qualquer problema vivido por vocês, é, também, um problema nosso. Sintracom Londrina unido pelos direitos dos trabalhadores Independentemente da situação, o trabalhador pode confiar e contar com o trabalho do Sintracom Londrina. Mesmo diante de todas as denúncias recebidas no último mês, e também pelo atraso na definição de algumas Convenções Coletivas, digo com firmeza que estamos lutando “com unhas e dentes” para que nada atinja os direitos legítimos dos trabalhadores. É como temos comprovado durante toda história do Sintracom Londrina, trabalhando e lutando é que se constrói uma sociedade mais humana e mais justa para todos. Não existe trabalho em vão. Todos nós, na batalha diária, representamos algo de valor inestimável neste mundo: a força do trabalho digno e honesto. Expediente Presidente: DENILSON PESTANA DA COSTA Vice-presidente: LUIZ AFONSO DE MELO Secretário-geral: VALDIR DE OLIVEIRA Secretário-geral adjunto: SEBASTIÃO PEREIRA LEITE Secretário de finanças: JOSÉ APARECIDO MARTINS Secretário de finanças adjunto: ANTÔNIO JOSÉ LINO DO NASCIMENTO Secretário de formação: GILMAR PINTO DA SILVA Secretário de política soc., saúde e seg. do trabalho: APARECIDA M. SOARES Secretário de política sindical: JOSÉ FERNANDES PAIÃO Secretário de assuntos jurídicos e previdenciário: LINDELMA FURTADO DE MELO CHIONPATO Distribuição gratuita e dirigida Produção Fale Conosco Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção e do Mobiliário de Londrina Rua Sergipe, 598 - Salas 107/108 - Centro - CEP 86010-380 - Londrina - PR Fone: (43) 3324-4022 - E-mail: sintracomldna@sercomtel.com.br Abridor de Latas - Comunicação Sindical www.abridordelatas.com.br Jornalistas Responsáveis - Guilherme Mikami SRTE 9458-PR e Larissa Amorim SRTE 9459-PR Diretoria - Gestão 2013/2017 DENILSON PESTANA Presidente do Sintracom Londrina Cerca de 8 mil trabalhadores filiados ao Sintracom Londrina poderão participar, em breve, das eleições para a renovação da diretoria do Sindicato. Como explica o presidente da entidade, Denilson Pestana da Costa, foi publicado recentemente um edital anunciando as eleições de setembro e os processos necessários para as candidaturas. No entanto, ao fim do prazo para as inscrições, apenas a atual gestão se candidatou. Desta forma, as eleições deste ano serão Próximas eleições, com chapa única, serão de 21 a 23 de setembro com chapa única e servirão para reafirmar a atuação da diretoria atual do Sintracom Londrina a favor de toda a categoria. A chapa será composta por 51 membros, dentre os quais estarão 6 mulheres e 9 jovens na faixa dos 20 anos. “É com grande responsabilidade que assumimos, novamente, nosso compromisso em trabalhar a favor da categoria, pois a construção do cidadão é a nossa missão e por ela pulamos da cama, todos os dias, antes do sol raiar no horizonte”, afirma Denilson. Final do Campeonato de Futebol será em 28 de agosto A bola está rolando solta no campo da Sede Campestre do Sintracom Londrina desde o início do 6º Campeonato de Futebol Suíço do Sindicato. Com 22 equipes inscritas, o torneio já está em suas fases finais e em 21 de agosto serão definidos os grandes finalistas da competição. Dos seis times que entrarão em campo na penúltima rodada, os três vencedores e o “melhor perdedor” do dia passarão direto para a final, que está prevista para 28 de agosto. Um grande evento voltado para toda a família Sintracom está sendo preparado para esse dia e a expectativa é que os jogadores possam contar com muita torcida de seus colegas e familiares para conquistarem o título deste ano. Prestigie!
  3. 3. 3 As Convenções Coletivas de Trabalho (CCTs) são consideradas um instrumento muito importante na defesa dos interesses da classe trabalhadora. São elas que definem, por exemplo, reajustes, pisos salariais e benefícios para cada categoria. Segundo a legislação trabalhista brasileira, as Convenções devem ser estabelecidas e atualizadas de acordo com as necessidades dos trabalhadores e, por isso, há sempre um período do ano dedicado para a discussão do acordo vigente. Funciona da seguinte forma: próximo ao período da data-base, o sindicato reúne a pauta de reivindicações dos trabalhadores Para a categoria de Mármore e Granito, também foi definido aumento no piso salarial de todas as profissões. O reajuste conquistado foi de 11,06% para ajudante-geral, 9,83% para servente, 9,98% para os A nova CCT de Instalações Elétricas trouxe reajustes salariais de 9,82% para todos os trabalhadores dos setores de instalações elétricas, gás, mês e o vale-refeição, que antes era de R$ 14,00, passou a ser de R$ 15,37 por dia. Outra conquista importante foi a manutenção do prêmio e, em seguida, dá início ao que chamamos de mesas de negociação com os representantes dos empregadores. É por meio desse processo de negociação intensa que os trabalhadores conquistam, por fim, novos direitos na relação trabalhista. “A conciliação dos interesses da categoria e o interesse dos empregadores nunca é uma tarefa fácil, e é por meio das CCTs que garantimos que nenhum direito seja retirado – pelo contrário, o trabalhador sai ganhando, ano a ano, os reajustes e benefícios que tanto merece”, afirma o presidente do Sintracom Londrina, Denilson Pestana da Costa. trabalhadores registrados como meio profissional, 10,02% para profissional, 9,97% para encarregados de setor e 9,87% para encarregados gerais. Já para os demais cargos o reajuste será de 9,82%. hidráulicas e sanitárias do Paraná. Com relação aos benefícios da categoria, o vale-compras foi reajustado para R$ 401,00 por assiduidade, que garante um adicional de 26 horas, calculadas com base no salário, para aqueles trabalhadores que não tiverem faltas durante o ano. Mármore e Granito Instalações Elétricas No caso das categorias representadas pelo Sintracom Londrina, as negociações das Convenções 2016/2017 têm como data-base maio e junho e, por isso, ou já foram definidas ou estão em processo de finalização. Confira a seguir um balanço de cada uma delas! CCTs já fechadas PARA OS DEMAIS SALÁRIOS: 9,82% sobre os salários de maio/2016. PARA OS DEMAIS SALÁRIOS: 9,82% (nove vírgula oitenta e dois por cento). CONVENÇÕES COLETIVAS 2016-2017 PISO SALARIAL JUNHO DE 2015 PISO SALARIAL JUNHO DE 2016 Por hora Por mês Vale mercado Total Percentual de reajuste de junho/15 Sem vale compras Percentual de reajuste de junho/15 Com vale compras 4,32 4,76 5,98 6,59 7,24 8,95 9,48 10,12 Piso Jun/2015 + Vale-compras R$ 365,00 R$ 1.315,40 R$ 1.412,20 R$ 1.680,60 R$ 1.814,80 R$ 1.957,80 R$ 2.334,00 R$ 2.450,60 R$ 2.591,40 4,74 5,23 6,57 7,24 7,95 9,83 10,41 11,11 R$ 1.042,80 R$ 1.150,60 R$ 1.445,40 R$ 1.592,80 R$ 1.749,00 R$ 2.162,60 R$ 2.290,20 R$ 2.444,20 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 401,00 R$ 1.443,80 R$ 1.551,60 R$ 1.846,40 R$ 1.993,80 R$ 2.150,00 R$ 2.563,60 R$ 2.691,20 R$ 2.845,20 9,7222% 9,8739% 9,8662% 9,8634% 9,8066% 9,8324% 9,8101% 9,7826% 9,7780% 9,8711% 9,8655% 9,8633% 9,8171% 9,8372% 9,8180% 9,7939% Ajudante Meio oficial Oficial A Oficial B Sub encarregado Encarregado A Encarregado B Encarregado-geral PISOS A PARTIR DE 1 DE JUNHO DE 2016 PISOS DE JUNHO DE 2015 Por hora Por mês Percentual de reajuste de junho/2015 11,0672% 9,8310% 9,9855% 10,0230% 9,9790% 9,8785% Ajudante-geral Servente Meio profissional Profissional Encarregado de setor Encarregado-geral 5,06 6,51 6,91 8,68 9,52 12,35 5,62 7,15 7,60 9,55 10,47 13,57 1.236,40 1.573,00 1.672,00 2.101,00 2.303,40 2.985,40 BASE TERRITORIAL DO SINTRACOM LONDRINA: Abatiá, Alvorada do Sul, Assaí, Bandeirantes, Bela Vista do Paraíso, Cambe, Congonhinhas, Conselheiro Mairinck, Cornélio Procópio, Florestópolis, Jaboti, Japira, Jundiaí do Sul, Londrina, Nova América da Colina, Nova Fátima, Porecatu, Primeiro de Maio, Quatiguá, Ribeirão do Pinhal, Santa Amélia, Santa Cecília do Pavão, Santa Mariana, Santo Antônio do Paraíso, São Sebastião da Amoreira, Sertanópolis, Tamarana e Uraí.
  4. 4. 4 Após quatro reuniões, a CCT de Móveis e Marcenaria do Paraná foi fechada e trouxe um reajuste significativo para os profissionais da área. A partir de 1 de maio, o piso da categoria ficou estipulado em R$ 1.234,20 e todos os profissionais que Garantir aumentos reais para os trabalhadores nem sempre é uma tarefa fácil. As negociações coletivas necessitam da luta dos dirigentes sindicais e dos próprios trabalhadores para que Depois de algumas rodadas de negociações, os trabalhadores do mobiliário conseguiram alcançar, DEMAIS SALÁRIOS: a partir de 1 de maio de 2016, os demais salários serão reajustados conforme descrição: a) Sobre os salários de abril de 2016, já reajustados de acordo com a CCT anterior, e até o limite de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), será aplicado o percentual de 9,83% (nove vírgula oitenta e três por cento). b) Para os salários superiores a R$ 5.000,01 (cinco mil reais e um centavo), em abril de 2016, será aplicado um reajuste fixo de R$ 491,50 (quatrocentos e noventa e um reais e cinqüenta centavos) PARA OS SALÁRIOS ACIMA DO PISO: em 1 de maio de 2016, reajuste de 9,83% (nove, virgula oitenta e três por cento), aplicados sobre os salários de maio de 2015, limitados a salários de até R$5.000,00 (cinco mil reais), aos salários acima de R$ 5.000,01 reajuste fixo de R$ 491,50. DIFERENÇAS SALARIAIS: eventuais diferenças salariais dos meses de maio, junho e julho de 2016, deverão ser pagas por meio da folha complementar, em até três parcelas, juntamente com o pagamento dos salários de agosto, setembro e outubro de 2016 e, na hipótese da rescisão de contrato, juntamente com as demais verbas de direito. BASE TERRITORIAL DO SINTRACOM LONDRINA: Abatiá, Alvorada do Sul, Congonhinhas, Conselheiro Mairinck, Cornélio Procópio, Jaboti, Japira, Jundiaí do Sul, Leópolis, Nova América da Colina, Nova Fátima, Nova Santa Bárbara, Porecatu, Primeiro de Maio, Quatiguá, Ribeirão do Pinhal, Santa Amélia, Santa Cecília do Pavão, Santo Antônio do Paraíso e Sertaneja. BASE TERRITORIAL: Londrina, Assaí, Bela Vista do Paraíso, Cambé, Florestópolis, Jaguapitã, Miraselva, Prado Ferreira, Rancho Alegre, São Sebastião da Amoreira, Sertanópolis, Tamarana e Uraí. recebem acima do piso contarão com reajuste de 9,83% sobre o valor dos seus salários. Além disso, as diferenças salarias referentes a maio, junho e julho serão pagas junto aos salários de agosto, setembro e outubro, respectivamente. o resultado, na hora do acerto, represente ganhos para os empregados. Veja a seguir como ficou a nova CCT para a categoria de Madeira Estadual: para a nova CCT, um aumento de 10,68%. Confira como ficaram os salários para os trabalhadores. Móveis e Marcenaria do ParanáMadeira estadual Mobiliário de Londrina e região AUXILIARES DE PRODUÇÃO 11,0891% 10,7807% 10,9029% 10,7872% 5,61 5,96 7,60 6,51 OPERADORES NÍVEL I OPERADORES NÍVEL II ENCARREGADOS Auxiliar de Cozimento de Toras Auxiliar de Esquadrejadeira Auxiliar de Expedição de Produtos Acabados Auxiliar de Faqueadeira Auxiliar de Guilhotina Auxiliar de Juntadeira de Lâminas Auxiliar de Limpeza Auxiliar de Lixadeira Auxiliar de Pátio Auxiliar de Plaina Auxiliar de Prensa Auxiliar de Sarrafeadeira Auxiliar de Secador Auxiliar de Serra Fita Auxiliar de Torno Centrador de Toras Batedor de Cola Bitoleiro Circuleiro Classificador de Compensados Classificador de Sarrafeados Consertador de Chapas Destopador de Sarrafeados Destopador de Serraria Emassador de Chapas Prontas Montador de Compensados Operador de Juntadeira de Lâminas Operador de Moto-serra Operador de Passadeira de Cola Operador de Secador Afiador de Facas e Serras Carpinteiro Classificados de Lâminas Marcheteiro Operador de Caldeira Operador de Empilhadeira e Carregadeira Operador de Esquadrejadeira Operador de Faqueadeira Operador de Freza Operador de Guilhotina Operador de Lixadeira Operador de Multi-Serra Operador de Plaina Operador de Prensa Operador de Sarrafeadeira Operador de Serra Fita Operador de Torno Desfolhador Operador de Trator Vigia / Porteiro Encarregados FUNÇÕES PISO SALARIAL MAIO DE 2016 Percentual de reajuste de maio/2015 PISO DE MAIO DE 2015 5,05 5,41 5,91 6,92 5,61 6,01 6,57 7,69 11,0891% 11,0906% 11,1675% 11,1272% 1.234,20 1.322,20 1.445,40 1.691,80 Auxiliar de produção Meio profissional ou Profissional nível I Profissional ou Profissional nível II Encarregado/ Supervisor PISO SALARIAL MAIO DE 2016 Percentual de reajuste de maio/2015 Por mês Por hora Por hora PISO MAIO DE 2016 1.082,15 1.242,60 1.305,34 1.407,88 1.616,59 10,68% 10,68% 10,68% 10,68% 10,68% PISO DE INGRESSO AUXILIAR GERAL MEIO PROFISSIONAL PROFISSIONAL CHEFE DE SETOR POR MÊS PERCENTUAL DE REAJUSTE DE MAIO/2015 DIFERENÇAS SALARIAIS: as diferenças salariais dos meses de maio, junho e julho deverão ser pagas juntamente com os salários de agosto, setembro e outubro de 2016, respectivamente. DEMAIS SALÁRIOS: sobre os salários do mês de abril de 2016, já reajustados de acordo com a CCT anterior, e até o limite de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), será aplicado o percentual de 9,83% (nove vírgula oitenta e três por cento). Para os salários superiores a R$ 5.000,01 (cinco mil reais e um centavo) em abril de 2016, será aplicado um reajuste fixo de R$ 491,50 (quatrocentos e noventa e um reais e cinqüenta centavos). DIFERENÇAS SALARIAIS: eventuais diferenças salariais de maio, junho e julho de 2016, deverão ser pagas por meio da folha complementar, em até três parcelas, juntamente com o pagamento dos salários de agosto, setembro e outubro de 2016 e, na hipótese da rescisão de contrato, juntamente com as demais verbas de direito. BASE TERRITORIAL DO SINTRACOM LONDRINA: Abatiá, Alvorada do Sul, Congonhinhas, Centenário do Sul, Conselheiro Mairinck, Cornélio Procópio, Jaboti, Japira, Jundiaí do Sul, Leópolis, Nova América da Colina, Nova Fátima,Nova Santa Barbara, Porecatu, Primeiro de Maio, Quatiguá, Ribeirão do Pinhal, Santa Amélia, Santa Cecília do Pavão, Santo Antônio do Paraíso e Sertaneja.
  5. 5. 5 Com a inflação e o desemprego em alta, quem sofre as consequências na hora da negociação do reajuste salarial são os trabalhadores. A categoria da Construção Civil de Londrina, por exemplo, que possui data-base em junho, ainda não conseguiu fechar as negociações. Após oito reuniões realizadas, a CCT de 2016 não foi celebrada porque o setor patronal deseja parcelar o reajuste em duas vezes. Com a proposta de 9,82% de correção salarial, os patrões querem o pagamento de 6,83% para junho deste ano e os outros 2,8% para janeiro de 2017. Isso, de acordo com Denilson, não cobre o INPC, que serve como referência para o cálculo necessário das perdas salariais. “Nesse parcelamento, você não vai ter o pagamento do INPC cheio durante oito meses do ano. É uma No cenário econômico em que há mais de 11 milhões de desempregados, as negociações com o setor patronal não estão sendo fáceis. Na hora de assinar as CCTs, os sindicatos têm batalhado para conseguir, ao menos, que o reajuste esteja de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Para evitar perdas, alguns sindicatos recorrem ao dificuldade a mais”, destaca. O INPC é medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e tem como objetivo oferecer a variação de preços no mercado varejista, a fim de mostrar o aumento do custo de vida da população. A grande dificuldade, segundo o presidente, é que outras categorias e outros sindicatos estão fechando as CCTs com parcelamento. Na cidade de São Paulo, por exemplo, os trabalhadores entraram em greve. Mesmo assim, o reajuste ficou estabelecido para ocorrer em duas vezes. Isso, segundo Denilson, não contribui para as negociações. O problema não atinge somente os trabalhadores da construção civil de Londrina. Em Curitiba e em Maringá, as negociações coletivas da categoria ainda não foram estabelecidas. parcelamento. Para se ter uma dimensão do problema, em 2015, conforme os dados divulgados pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), as negociações salariais entre patrões e trabalhadores resultaram em um reajuste médio de 0,23% em termos reais. Esse índice é o menor desde 2004, quando o reajuste médio ficou em 0,61%. Convenções em Negociação Convenções ainda não fechadas Reuniões patronais A negociação da CCT para Olaria e Cerâmica resultou em reajuste salarial de 9,82% para quem ganha acima do piso da categoria e passou a valer a partir de 1 de junho. Para torneiro, queimador de material cerâmico e operador de pá carregadeira ou retroescavadeira, haverá aumento salarial de pelo menos 9,93%, conforme valores mostrados a seguir. Olaria e Cerâmica 9,82% (nove vírgula oitenta e dois por cento) sobre os salários de junho de 2015, já corrigidos. PISO SALARIAL JUNHO DE 2015 5,11 6,13 6,64 6,64 5,62 6,74 7,30 7,30 1.236,40 1.482,80 1.606,00 1.606,00 9,9804% 9,9511% 9,9398% 9,9398% Piso 20% 30% 30% Piso Torneiro (ceramista artesanal ou oleiro em torno de pedal) Queimador de material cerâmico Operador de pá carregadeira ou retroescavadeira PISO SALARIAL JUNHO DE 2016 Por hora Por mês Percentual de reajuste de junho/2015 % acima do piso ARTEFATOS DE CIMENTO Database: junho Reuniões já realizadas: 4 cimento CONSTRUÇÃO CIVIL Database: junho Reuniões já realizadas: 8 MONTAGEM E MANUTENÇÃO INDUSTRIAL Database: junho Reuniões já realizadas: 5 Além de todos os valores e benefícios estabelecidos nas Convenções Coletivas de Trabalho, os trabalhadores também têm direito de receber o salário-família. O benefício é concedido caso o trabalhador tenha filhos, enteados ou tutelados com até 14 anos e não receba salário acima de R$ 1.212,64. Além disso, o salário-família pode ser recebido pelo pai e pela mãe do dependente. Para isso, basta se dirigir a uma unidade da Previdência Social e solicitar o benefício. Salário família Garantia do pagamento na data-base Salário de até R$ 806,80 Salário de R$ 806,81 a R$ 1.212,64 R$ 41,37 por filho R$ 29,16 por filho Mesmo que a CCT de Construção Civil, por exemplo, não tenha sido fechada ainda, as negociações devem garantir o pagamento do reajuste de junho e julho. Esse reajuste é pago retroativamente assim que o acordo for fechado. PINTURA Database: junho Reuniões já realizadas: 0
  6. 6. 6 Com muito empenho e dedicação, a assessoria jurídica do Sintracom Londrina garantiu um acordo judicial favorável para trabalhadores demitidos do Grupo BTC. Há meses sofrendo com salários atrasados, más condições de trabalho e falta de pagamento de benefícios, os trabalhadores puderam, finalmente, respirar aliviados após a negociação das dívidas do empregador, que aconteceu em uma audiência com a juíza do Trabalho de Cornélio Procópio. Como explica o advogado do Sintracom Londrina, Jorge Custódio, a negociação das verbas não foi uma tarefa fácil, e grande parte da agilidade do caso se deve à liminar ingressada pelo Sindicato, com pedido de bloqueio de créditos e veículos da empresa. “Com os veículos parados, e sem poder continuar suas obras, a BTC foi pressionada a resolver suas pendências com os trabalhadores. Apesar disso, foi uma negociação difícil. Começamos a primeira audiência, de um dos trabalhadores, na parte da manhã e não houve acordo. Já durante a tarde, a juíza aceitou incluir os demais trabalhadores na audiência e conseguimos obter uma decisão de acordo com as expectativas”, conta Jorge. Ao todo, o Grupo BTC deverá pagar aos trabalhadores mais de R$ 148 mil em até cinco parcelas. Além disso, a juíza exigiu da empresa o pagamento de uma multa de 30% sobre o valor devido para cada trabalhador, em cumprimento a uma cláusula da CCT da categoria. SEU DIREITO Semanalmente, o Sintracom Londrina recebe dezenas de denúncias de empregadores que atrasam, por semanas e até meses, o pagamento do salário. No entanto, conforme orientação do advogado do Sindicato, Jorge Custódio, se o pagamento do salário não for realizado no dia combinado, ou até o 5º dia útil do mês, o trabalhador deve denunciar, imediatamente, a empresa ao Sindicato. A assessoria jurídica do Sintracom Londrina está à disposição do trabalhador para solucionar problemas relacionados a isso. Sindicato conquista acordo a favor dos trabalhadores da BTC Diante da demissão de diversos trabalhadores da Móveis Serra Morena e do não cumprimento do acordo judicial, a Justiça determinou o leilão de imóveis da empresa para quitar as dívidas com os trabalhadores. Além das parcelas devidas, a Serra Morena deverá pagar multas. Leilões de bens da Serra Morena Após anos sofrendo com atraso de salários e falta de pagamento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), dois trabalhadores da Ecolon procuraram o Sindicato para solicitar rescisão direta de seus contratos. Trabalhadores da Ecolon pedem rescisão direta OS TRABALHADORES QUE ESTIVEREM ENFRENTANDO PROBLEMAS SEMELHANTES DEVEM PROCURAR O SINDICATO E DENUNCIAR. Em 27 de julho, cerca de 100 trabalhadores da MRV participaram de um Diálogo Diário de Segurança (DDS), promovido pelo Sintracom Londrina, em celebração ao Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho. A pedido da própria construtora, os diretores do Sindicato, Valdir de Oliveira e Antônio Gimenes Junior, e a técnica em Segurança do Trabalho do Instituto São José (ISJ), Leonice Claro, foram até a obra e conversaram com os trabalhadores presentes sobre a importância da segurança e da prevenção de acidentes no ambiente de trabalho. Como explica Leonice, a DDS é uma ação que os empregadores devem promover diariamente nos canteiros de obras para reforçar a importância da prevenção de acidentes nesse ambiente. “Hoje, em todos os setores e em todas as esferas, a prevenção é, como dizemos, a ação da vez. Na categoria da construção civil, em especial, isso é ainda mais importante, justamente pela rotatividade e pelos riscos da profissão”, defende a técnica em Segurança do Trabalho do ISJ. Dia Nacional da Prevenção de Acidentes de Trabalho Em busca da redução de custos, muitos empregadores acabam por não registrar oficialmente seus funcionários. Mas, além de ir contra a lei, essa prática traz muitos prejuízos aos trabalhadores. Imagine o caso de um operário, que nunca foi registrado, sendo demitido após 5 anos trabalhando para a mesma empresa. Nesse caso, a falta de registro na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) desse trabalhador vai além da impossibilidade de comprovação da experiência profissional, pois traz perdas financeiras para ele. Sem registro na carteira, o trabalhador não tem o recolhimento para a Previdência, o depósito do FGTS e outras verbas trabalhistas, como férias, 13º salário, descanso semanal remunerado, horas extras e possíveis adicionais de periculosidade e insalubridade. Falta de registro em carteira deve ser denunciada ao Sintracom Londrina Tudo isso pesa muito no momento da demissão, e foi o que aconteceu com quatro trabalhadores que atuavam na empresa Antônio Pereira, em Londrina. Segundo denúncia dos trabalhadores à assessoria jurídica do Sintracom Londrina, o empregador nunca anotou seus registros na CPTS e, agora que foram demitidos, eles precisarão entrar na Justiça para comprovar o vínculo empregatício e ter direito às verbas rescisórias do contrato de trabalho. O advogado do Sindicato explica que já estão sendo tomadas todas as providências possíveis para garantir o direito dos trabalhadores nessas situações.
  7. 7. 7 O Sintracom Londrina inaugurou o novo site do Sindicato, que agora conta com muito mais informação e interação com os trabalhadores. Além do visual moderno, o novo site foi pensado para aproximar ainda mais a categoria das ações do Sintracom. Com isso, o objetivo é que o trabalhador tenha acesso a todas as informações e notícias do seu interesse de forma rápida e fácil – seja no computador ou no celular. E para facilitar a navegação, o novo site se adapta perfeitamente aos Novo site do Sintracom Londrina: mais informação e interação com o trabalhador celulares, gerando mais comodidade para acessar os conteúdos. “O novo site trará, em primeira mão, todas as novidades da nossa luta sindical. É uma nova proposta de comunicação que irá proporcionar ainda mais contato entre nós”, afirma Denilson. As notícias, as fotos e os vídeos das ações do Sindicato, por exemplo, agora têm destaque na página inicial do site e podem ser facilmente compartilhadas. O novo site apresenta, também, uma aba especial para receber A comunicação do Sindicato na internet foi totalmente reformulada para gerar ainda mais diálogo com a categoria. Acesse o site e conheça todas essas novidades! www.sintracomlondrina.com.br Agora ficou muito fácil e rápido rever todos os eventos promovidos pelo Sintracom Londrina. Basta acessar o canal do Sindicato no Youtube e conferir de perto a cobertura completa das ações do Sindicato. Inscreva-se no canal Sintracom Londrina! Reveja os eventos do Sintracom Londrina no Youtube denúncias anônimas e coloca a total disposição dos trabalhadores informações sobre filiação, convenções coletivas e tabelas salariais. Agora, o trabalhador também pode consultar, sempre que quiser, os horários de atendimento das homologações, do atendimento jurídico, do dentista e do cabeleireiro – e conferir de perto todos os detalhes sobre as sedes do Sintracom Londrina. Sintracom Londrina em númerosVocê sabia que o Sintracom Londrina também está no Facebook? Curta e compartilhe as ações do Sindicato! Página do Sindicato no Facebook Julho foi um mês muito animado no atendimento aos filiados do Sintracom Londrina. Ao todo, foram quase 1600 atendimentos – odontológicos, jurídicos, homologações e serviços de cabeleireiro. 406HOMOLOGAÇÕES O Sintracom realizou 406 homologações em julho, o que representa as rescisões de contrato de trabalho intermediadas pelo Sindicato. 188ATENDIMENTOS ODONTOLÓGICOS Os dentistas de Londrina e de Cornélio Procópio realizaram 188 consultas aos trabalhadores e seus dependentes. 577SERVIÇOS DE CABELEIREIRO Em julho, o Sindicato realizou uma média de 20 cortes de cabelo por dia, totalizando 577 atendimentos. 118ATENDIMENTOS JURÍDICOS 118 trabalhadores procuraram a assessoria jurídica do Sintracom Londrina para realizar denúncias, reclamações ou tirar dúvidas. 294NOVAS FILIAÇÕES 294 novos companheiros de Londrina, Cornélio Procópio e Cambé entraram para a família Sintracom Londrina. Sejam bem-vindos!
  8. 8. 8 dasdas 15 a 15 a Evento Evento gratuito gratuito de 12outubro A partir das 10h, na Sede Campestre de 2016 Rua Noel Porfírio de Andrade, 202 Parque Industrial Maria Estela Lanche Sorvete Algodão Refrigerante Brincadeiras Presentes doce Pipoca Ônibus gratuito! Saída às 10h • Retorno às 16h Terminal do Vivi Xavier Retirada de convites A partir de 1 de outubro, na sede do Sindicato Rua Sergipe, 598 - 1º andar - sala 107 - Londrina-PR entradaentradaentradaentradaentradaentradaentrada entradaentradaentradaentradaentradaentradaentrada entrada entrada entrada entrada

×