Reunião de  Gestão de Assessoria Apresentação Vertical de Alocação Jair D. Faleiros 29/07/2009
Quem Sou Eu <ul><li>Jair Donizeti Faleiros </li></ul><ul><ul><li>Gerente / Consultor de Projetos, Professor. </li></ul></u...
Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>Projeto  Período  Cliente Administração de Vendas P...
Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>Telemar (RJ) Apuração/Análise Perda Receita (Billin...
Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>CTBC Telecom Projeto IRIX (Garantia da Receita) CTB...
Portal Co-Billing <ul><li>O  Portal de Co-Billing  contempla um conjunto de processos de suporte ao Co-Billing que inclui ...
Portal Co-Billing MEDIAÇÃO OPERAÇÃO Fábrica de CDR LOTES Remessas TARIFADOR GCC Temp Processo de Co-Billing Arquitetura  V...
Portal Co-Billing Plataformas Técnicas Portal de Co-Billing Engine de Colaboração Dashboard CDR Tracking Comunicação/Trans...
Portal GETRAF <ul><li>Objetivos do Projeto </li></ul><ul><ul><li>O  GETRAF – Automação e Monitoramento do Macro Processo D...
Portal GETRAF
Portal GETRAF Plataformas Técnicas Portal de Co-Billing / GETRAF Engine de Colaboração Dashboard CDR Tracking Comunicação/...
Projeto IRIX – Garantia da Receita Objetivo Implementar infra-estrutura de sistemas e processos, que permitam o monitorame...
Cadeia de Receita SSR Telefonia  Publica SSR Projeto IRIX – Garantia da Receita
Projeto IRIX – Garantia da Receita <ul><li>Dentro do Escopo </li></ul><ul><li>Fluxo de CDRs na Cadeia de Receita </li></ul...
Projeto IRIX – Garantia da Receita Estrutura do Sistema
Projeto IRIX – Garantia da Receita Arquitetura Atual Storage (4 TB) Garantia01 “ Aplicação” Backup Garantia02 “ Carga”  (A...
Projeto IRIX – Cenário Atual <ul><li>Projetado....... : 01/julho/2007 a 31/12/2007 </li></ul><ul><li>Em andamento: 01/julh...
O que Faço Atualmente? <ul><ul><li>Projeto:  IRIX – Garantia da Receita </li></ul></ul><ul><ul><li>Área:  CSG – Coordenaçã...
O que Faço Atualmente? <ul><ul><li>Acompanhamento Técnico do Projeto; </li></ul></ul><ul><ul><li>Acompanhamento e Monitora...
<ul><li>Controle da cadeia de receita; </li></ul><ul><li>Identificação e correção pró-ativa de desvios; </li></ul><ul><li>...
Dúvidas ??? Obrigado!  [email_address]
EBTIDA   Earning before interest, taxes, depreciation and amortization, é a origem da sigla EBTIDA, que em português pode ...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Apresentacao Vertical De Alocacao Consultor Jair Faleiros V2

826 views

Published on

Published in: Business, Sports
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

Apresentacao Vertical De Alocacao Consultor Jair Faleiros V2

  1. 1. Reunião de Gestão de Assessoria Apresentação Vertical de Alocação Jair D. Faleiros 29/07/2009
  2. 2. Quem Sou Eu <ul><li>Jair Donizeti Faleiros </li></ul><ul><ul><li>Gerente / Consultor de Projetos, Professor. </li></ul></ul><ul><ul><li>Formação Técnica em TI – Goiânia - 1977 </li></ul></ul><ul><ul><li>Graduação – Ciências Econômicas – FACEF-Franca(1976-1983). </li></ul></ul><ul><ul><li>Pós Graduação – Sistemas de Informação - UNIFRAN(2000). </li></ul></ul><ul><ul><li>Cursos de Extensão </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Gerência Projetos (PMI / MOSIC) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>APF – Análise de Ponto de Função </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>GIS - Gentran Integration Suite – Advanced Business Process Modeling / Data Mapping and EDI Processing </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>OPSC - Orga Prepaid Service Center – (Orga System – Roma – Itália). </li></ul></ul></ul><ul><li>Quanto tempo de SWB </li></ul><ul><ul><li>3 anos (a partir 10/07/2006) </li></ul></ul>
  3. 3. Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>Projeto Período Cliente Administração de Vendas Planej. Controle Produção 08/1981 a 10/1985 Grupo Samello (Franca-SP) Gestão Financeira Administração Vendas (Pedidos/Faturam) Controle/Custo Produção Avícula Melhoramento Genético Rebanhos Controle Produção Fabrica Óleo 10/1985 a 03/1994 Granja Rezende (Udi) Gerencia área TI Automação Comercial (Lojas Varejo) 04/1994 a 10/1997 Lojas MIG (Udi)
  4. 4. Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>Telemar (RJ) Apuração/Análise Perda Receita (Billing) Embratel (RJ) SIR-Sistema Integrado Recuperação Portal EBTOL – Embratel On-line SOS-Ordens Técnicas Serviços Telefonia SNC-Sistema Novos Canais Star One (RJ) SIC-Sistema Informações Comerciais Projeto Período Cliente Billing Telecom (BSCS e P2K-Convergys) 02/1998 a 02/2005 (Algar Bull) Telemig Cel (BH) Amazônia Cel (PA) TCO Cel (Brasilia) Telesp Cel (SP)
  5. 5. Quem Sou Eu <ul><li>Principais projetos em que já trabalhei: </li></ul>CTBC Telecom Projeto IRIX (Garantia da Receita) CTBC Telecom 06/2007 a presente (SWB) Portal Co-Billing CTBC Telecom Portal GETRAF (Interface SIAF) Projeto Período Cliente Migração Arbor x Kenan FX (Mapeamento e Conversão Interfaces) 07/2005 a 01/2006 (Inovar) CTBC Telecom
  6. 6. Portal Co-Billing <ul><li>O Portal de Co-Billing contempla um conjunto de processos de suporte ao Co-Billing que inclui a gestão e manutenção da informação relevante até à disponibilização de informação para servir múltiplos fins: </li></ul><ul><ul><li>Garantia do processo de Co-Billing (convergência dos processos operacionais) </li></ul></ul><ul><ul><li>Tomada de decisão (detalhada e scorecards) </li></ul></ul><ul><ul><li>Identificação de sistemáticas de resolução de problemas </li></ul></ul><ul><ul><li>Reporting de Gestão e definição de objetivos (múltiplos usos) </li></ul></ul><ul><ul><li>Suporte às Renegociações contratuais </li></ul></ul><ul><li>O Portal de Co-Billing assenta na coleta e tratamento da informação ao longo do processo de Co-Billing. </li></ul>Billing, Filtros & Sistemas de Interface Informação Warehouse “ Insight” Reports Scorecard KPI’s Planning Simulação Forecast Analise Mensuração Planejamento & Simulação Ações Estratégico Pós-Remessa Remessa Geração de CDRs Nível ou Processo
  7. 7. Portal Co-Billing MEDIAÇÃO OPERAÇÃO Fábrica de CDR LOTES Remessas TARIFADOR GCC Temp Processo de Co-Billing Arquitetura Views das tables: GCC_CDR_COBILLING, GCC_HISTORICO_CDR_COBILLING, GCC_LOTE, GCC_OPERADORA, GCC_CHAMADA, GCC_CDR_REJEITADO, GCC_CDR_CONTESTADO INTEGRIDADE RETORNO DRE RÉGUA Arquitetura Técnica – Overview dos Componentes dblink Operadora Terceira Scheduling python
  8. 8. Portal Co-Billing Plataformas Técnicas Portal de Co-Billing Engine de Colaboração Dashboard CDR Tracking Comunicação/Transfer Interface Usuário Gestor de Conteúdos Gestão Regras Negócio Dashboard Base OLAP Q-mail <ul><li>portalcobilling02 </li></ul><ul><li>10.32.10.236 </li></ul><ul><li>2 Processadores INTEL XEON de 3 GHZ , 1 MB Cache e 4 GB de Ram. </li></ul><ul><li>40 GB (Linux) / 80 GB RAID (Aplicativos) </li></ul><ul><li>portalcobilling01 </li></ul><ul><li>10.32.10.235 </li></ul><ul><li>2 Processadores INTEL XEON de 3 GHZ, 1 MB Cache e 4 GB de Ram. </li></ul><ul><li>300 GB RAID </li></ul>MaxDB <ul><li>portalcobilling03 </li></ul><ul><li>10.32.10.237 </li></ul><ul><li>Instalação no Servidor HP-UX Corporativo com 4 Processadores. </li></ul>Arquitetura Técnica – Overview dos Componentes HP-UX
  9. 9. Portal GETRAF <ul><li>Objetivos do Projeto </li></ul><ul><ul><li>O GETRAF – Automação e Monitoramento do Macro Processo DETRAF engloba todas as informações e funcionalidades necessárias visando a Automação / Monitoramento da Provisão Contábil e Contabilização Financeira, em apoio ao Faturamento de Interconexão. </li></ul></ul><ul><ul><li>O GETRAF – Automação e Monitoramento do Macro Processo DETRAF, tem como objetivo mapear e automatizar o Fluxo da Provisão Contábil e Contabilização Financeira, conforme justificativas a seguir: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Automação dos múltiplos processos </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>A operação dos processos ocorrerá de forma automática, com a mínima intervenção do usuário </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Integração automática com o sistema SIAF da Hewitt, eliminando potenciais “erros” de entrada </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Redução crítica do trabalho manual de processamento de relatórios </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Segurança e controle nos dados lançados </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Liberação de parte do tempo da equipe </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Antecipação do encontro de contas </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Possibilidade de antecipação de caixa </li></ul></ul></ul>
  10. 10. Portal GETRAF
  11. 11. Portal GETRAF Plataformas Técnicas Portal de Co-Billing / GETRAF Engine de Colaboração Dashboard CDR Tracking Comunicação/Transfer Interface Usuário Gestor de Conteúdos Gestão Regras Negócio Dashboard Base OLAP Q-mail <ul><li>portalcobilling02 </li></ul><ul><li>10.32.10.236 </li></ul><ul><li>2 Processadores INTEL XEON de 3 GHZ , 1 MB Cache e 4 GB de Ram. </li></ul><ul><li>40 GB (Linux) / 80 GB RAID (Aplicativos) </li></ul><ul><li>portalcobilling01 </li></ul><ul><li>10.32.10.235 </li></ul><ul><li>2 Processadores INTEL XEON de 3 GHZ, 1 MB Cache e 4 GB de Ram. </li></ul><ul><li>300 GB RAID </li></ul>Oracle 9i <ul><li>Usrv68 </li></ul><ul><li>10.32.8.250 (ICPRD) </li></ul><ul><li>Servidor HP-UX-11.11-Unix - Corporativo com 4 Processadores de 750 MHZ, 6GB de Ram. </li></ul>Arquitetura Técnica – Overview dos Componentes HP-UX
  12. 12. Projeto IRIX – Garantia da Receita Objetivo Implementar infra-estrutura de sistemas e processos, que permitam o monitoramento contínuo da cadeia de geração de receitas da CTBC, possibilitando: <ul><li>Identificar de forma rápida e segura as alterações no comportamento dos usuários, sejam por razões mercadológicas, tecnológicas ou alteração de processos e regras. </li></ul><ul><li>Identificar de forma rápida e segura as variações no fluxo de receita, evitando a perda de receita e garantindo a realização do EBTIDA planejado; </li></ul><ul><li>Realizar o acompanhamento diário dos principais pontos de risco na cadeia de receita ( gestão de riscos da receita ); </li></ul><ul><li>Permitir a confrontação diária / semanal entre os principais sistemas da cadeia de receita ( batimentos: kenan x Settler x GCC / TUP x SSR / plataforma pré-pago x Mediação ); </li></ul>
  13. 13. Cadeia de Receita SSR Telefonia Publica SSR Projeto IRIX – Garantia da Receita
  14. 14. Projeto IRIX – Garantia da Receita <ul><li>Dentro do Escopo </li></ul><ul><li>Fluxo de CDRs na Cadeia de Receita </li></ul><ul><li>Indicadores para controle dos CDR de dados e voz (fixa e móvel), no mediador, billing (kenan), Co-billing, </li></ul><ul><li>(GRC e GCC) e interconexão (Settler). </li></ul><ul><li>Volume de CDRs nos diferentes pontos da cadeia de receita; </li></ul><ul><li>Duração dos CDRs nos diferentes pontos da cadeia de receita; </li></ul><ul><li>Rastreabilidade dos CDR ao longo da cadeia de receita; </li></ul><ul><li>Estratificação dos CDR rejeitados, por motivo e por idade. </li></ul><ul><li>Análise cruzada entre os sistemas: </li></ul><ul><li>Custo de interconexão (Settler) x Receita 12 (GCC); </li></ul><ul><li>Custo de interconexão (Settler) x Receita (Kenan); </li></ul><ul><li>CDRs TUPs (Mediação) x CDR´s TUPs (SSR); </li></ul><ul><li>CDRs de pré-pago (Mediação) x Plataformas de pré-pago. </li></ul>Escopo
  15. 15. Projeto IRIX – Garantia da Receita Estrutura do Sistema
  16. 16. Projeto IRIX – Garantia da Receita Arquitetura Atual Storage (4 TB) Garantia01 “ Aplicação” Backup Garantia02 “ Carga” (Aplicação) Garantia03 “ Carga” <ul><li>File System </li></ul><ul><li>Arquivos Flat </li></ul><ul><li>Cluster Dna </li></ul>Banco Oracle <ul><li>Ambiente Windows em FAIL SAFE (HOT STANDY BY) </li></ul>Cluster - MCS <ul><li>GARANTIA01 </li></ul><ul><li>10.11.133.18 </li></ul><ul><li>MS Windows Server 2003 Enterprise Edition </li></ul><ul><li>Servidor IBM XSERIES_3550 Intel(R) Xeon(R) – CPU E5310 – 1.60 Ghz, 8 GB Ram </li></ul><ul><li>HD 280 GB </li></ul><ul><li>GARANTIA02 </li></ul><ul><li>10.11.133.19 </li></ul><ul><li>MS Windows Server 2003 Enterprise Edition </li></ul><ul><li>Servidor IBM XSERIES_3550 Intel(R) Xeon(R) – CPU E5310 – 1.60 Ghz, 8 GB Ram </li></ul><ul><li>HD 280 GB </li></ul><ul><li>GARANTIA03 </li></ul><ul><li>10.11.133.20 </li></ul><ul><li>MS Windows Server 2003 Enterprise Edition </li></ul><ul><li>Servidor IBM XSERIES_3550 Intel(R) Xeon(R) – CPU E5310 – 1.60 Ghz, 8 GB Ram </li></ul><ul><li>HD 48.2 GB </li></ul>
  17. 17. Projeto IRIX – Cenário Atual <ul><li>Projetado....... : 01/julho/2007 a 31/12/2007 </li></ul><ul><li>Em andamento: 01/julho/2007 a 29/07/2009 </li></ul><ul><li>Entrada em operação pré-produção em 28/julho/2009 com a liberação gradativa </li></ul><ul><li>dos pontos de coleta de coleta. </li></ul><ul><li>Ganhos : identificação de alguns arquivos corrompidos com a correção da causa raiz, mas sem ganhos relacionados a possíveis perdas/recuperação de receita </li></ul>Cronograma do Projeto
  18. 18. O que Faço Atualmente? <ul><ul><li>Projeto: IRIX – Garantia da Receita </li></ul></ul><ul><ul><li>Área: CSG – Coordenação de Segurança e Garantia Receita </li></ul></ul><ul><ul><li>Coordenação: Edmo Lopes </li></ul></ul><ul><ul><li>Subárea: Garantia da Receita – analistas Maria Lucia da Silva, Marcelo Vidigal Dias e Jacqueline Pereira Souza </li></ul></ul>Descreva o projeto atual:
  19. 19. O que Faço Atualmente? <ul><ul><li>Acompanhamento Técnico do Projeto; </li></ul></ul><ul><ul><li>Acompanhamento e Monitoramento dos Processos em Geral; </li></ul></ul><ul><ul><li>Manutenção e Atualização dos Ambientes: Produção e Homologação; </li></ul></ul><ul><ul><li>Homologação e Validação dos processos; </li></ul></ul><ul><ul><li>Validação Documentação do Projeto </li></ul></ul>Como é o dia-a-dia no projeto:
  20. 20. <ul><li>Controle da cadeia de receita; </li></ul><ul><li>Identificação e correção pró-ativa de desvios; </li></ul><ul><li>Reduzir perdas; </li></ul><ul><li>Subsidiar decisões mercadológicas, a partir da análise de volumes de produtos e campanhas; </li></ul><ul><li>Suportar a implementação do i-VOCÊ, evitando possíveis perdas de receita ocasionadas pelas mudanças em sistemas e/ou processos contemplados pelo i-VOCÊ, através do monitoramento contínuo da cadeia de geração de receitas. </li></ul>Qual a Importância do Projeto? Benefícios:
  21. 21. Dúvidas ??? Obrigado! [email_address]
  22. 22. EBTIDA Earning before interest, taxes, depreciation and amortization, é a origem da sigla EBTIDA, que em português pode ser traduzida para LAJIDA, ou “lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização”. É um termo importado dos balanços americanos. Passou a ser adotada a partir de 1997. Juntamente com outros indicadores a sua formulação é útil aos analistas e investidores.

×