Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Michelle Kakoi - Ágil ou não, é do resultado que eles gostam mais

182 views

Published on

A resistência e dificuldade na mudança de cultura relacionada à implantação das boas práticas ágeis é um fato conhecido. Para enfrentá-las, nada mais convincente que os resultados alcançados. Nas experiências embrionárias do TJDFT de uso das boas práticas ágeis, mesmo com baixa maturidade, com pouco conhecimento, sem treinamento adequado e muitas outras barreiras, os resultados falaram por si. E foram úteis, não apenas para convencer os membros dos times de que o caminho a seguir é esse, mas também as autoridades da casa.

Published in: Technology
  • Be the first to comment

Michelle Kakoi - Ágil ou não, é do resultado que eles gostam mais

  1. 1. ÁGIL OU NÃO, É DO RESULTADO QUE ELES GOSTAM MAIS
  2. 2. Olá, boa tarde! Sou Michelle Kakoi 2 Subsecretária de Desenvolvimento de Sistemas do TJDFT. “Você não precisa ser um expert em ágil para descobrir que funciona.” Contatos: ▪ michellekakoi@gmail.com ▪ michelle.lima@tjdft.jus.br ▪ 61 3103 4120
  3. 3. Agenda 1. Cenário Anterior e Missão 2. Por que usar Ágil? 3. Iniciando no Ágil 4. Resultados 5. Mudança Cultural 6. Profissionalizando 3 Estudo de Caso das Boas Práticas Ágeis aplicadas no TJDFT
  4. 4. 1. Cenário Anterior e Missão Antes de iniciar as mudanças culturais 4
  5. 5. Cenário Anterior Metodologia Nenhuma metodologia de desenvolvimento de software formalmente instituída. Na prática, cascata. Insatisfação Geral Todos os tipos de usuários extremamente insatisfeitos e desacreditados nas equipes de tecnologia do Tribunal. Desperdício Vários sistemas prontos e meses de trabalho jogados no lixo. 5 Desmotivação Equipes de desenvolvimento desacreditadas em mudanças e melhorias. Líderes Inadequados Líderes de TI pouco ou nada capacitados na área, acomodados com forma de gestão ultrapassada. Resultados Ruins Pouquíssimas entregas efetivas de novos sistemas e funcionalidades.
  6. 6. MISSÃO: Mudar a satisfação e percepção dos usuários em relação à Tecnologia da casa. 6
  7. 7. 2. Por que usar ágil? Como nasceu a ideia de adotar as boas práticas ágeis 7
  8. 8. Visitamos vários órgãos para entender o que usam, o que gera bons resultados e quais erros cometidos. Aprender com outras experiências Unanimidade Todos os órgãos visitados ou contatados usam as boas práticas ágeis. Cada um com maturidade e tempo diferentes. 8 Principais Órgãos Visitados BACEN TCU PRODASEN - Senado Federal STF
  9. 9. 3. Iniciando no ágil Por onde começamos 9
  10. 10. Primeiras práticas adotadas 10 Sprints de 1 mês Feedback frequente do usuário Quadro Scrum Times Dedicados Práticas Ágeis
  11. 11. 4. Resultados Ninguém estava convencido antes deles 11
  12. 12. Resultados Os projetos elencados foram entregues em produção. Sistemas | Funcionalidades: 1. Início da Gestão 2. Julgamento Virtual - Completo 3. SEI - Completo 4. Distribuição do Segundo Grau - Completo 5. SIGOC - Completo 6. DWJuris - Release 1 7. ARQUIVO - Release 1 8. Plantão Judicial 9. DWJuris - Release 2 10. ARQUIVO - Release 2 11. CEMAN - Release 1 (Previsão) 12 04 05 06 07 08 09 10 11 12 01 02 03 04 05 06 07 08 09 1 2016 2017 2 3 4 5 6 7 7 7 8 9 10 11
  13. 13. Resultados Times Meses até Produção Concluído Julgamento Virtual 6 a 9 Maio a Outubro (5 Meses) Sim SEI 3 Julho a Novembro (4 Meses) Sim Distribuição do 2º Grau 4 a 6 Outubro a Fevereiro (4 Meses) Sim SIGOC* 5 a 7 Julho a Fevereiro (7 Meses) Sim Arquivo Release 1* 3 Janeiro a Maio (4 Meses) Não Arquivo Release 2* 3 a 6 Maio a Agosto (3 Meses) Não 13 Alguns detalhes dos Projetos: *Projetos com arquiteturas novas
  14. 14. 3 | 10 Gestão Anterior: 2014 | 2016 24 meses Apenas 3 Sistemas | Funcionalidades entregues em Produção 14 Gestão Atual: 2016 | 2018 16 meses 10 Sistemas | Releases entregues em Produção até o momento
  15. 15. Alinhamento da TI com a alta administração 15 Regulamentação do Sistema de Julgamento Virtual foi assinada quando a TI sinalizou que o sistema estava pronto para ser implantado em produção. Portaria GPR 1848 de 14 de Outubro de 2017
  16. 16. 5. Mudança Cultural O importante papel do Scrum Master 16
  17. 17. 17 Um conceito de cada vez + Entregas gradativas - Cronogramas + Transparência - Projetos Obscuros + Reconhecimento - Acusações
  18. 18. “ Um Scrum Master efetivo é persistente e perseverante, e não aceita que não consegue modificar a organização em que trabalha. 18
  19. 19. 6. Profissionalizando Buscando Aperfeiçoamento por meio de Treinamentos 19
  20. 20. Avançando no conhecimento do Ágil Certificações 20 Congressos Discussões Internas
  21. 21. ADAPTAR SEMPRE Estamos em constante adaptação, seja das práticas, seja dos produtos produzidos 21
  22. 22. Muito obrigada pelo seu tempo! Dúvidas? 22 Contatos: ▪ michellekakoi@gmail.com ▪ michelle.lima@tjdft.jus.br ▪ 61 3103 4120

×