Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.
Arquitetura e Urbanismo - UBC    Planejamento Urbano B           Antonio           Fernando            UBC - 2013
Cidade de Barcelona e:    • Vila Olímpica     • 3 Manzanas • Parque Diagonal Mar  • Torre de Collserola • Complexo Olímpico
Rio Llobregat   Barcelona       Rio Besós                                Barcelona está                                loc...
Um Pouco Da História de Barcelona                                          Plano CerdáBarcelona, por se tratar de uma cida...
Filho de Família rica, fez curso de desenho,                                     arquitetura e matemática em Barcelona. Em...
Passados alguns anos e após a II Guerra mundial, a cidade de          Barcelona passou a ter algumas áreas degradadas cujo...
Detalhes HistóricosExemplos de arquitetura industrial, que foi demolida no bairro de Icària .                             ...
Novos rumos, antes industrias, agora Vila OlímpicaEm 1967 Barcelona enfrentou o primeiro movimento de resistência popular ...
Área destinada aos esportes náuticos.                 Viabilizando acessibilidade, tanto                 pelo mar quanto p...
Três Manzanas em Barcelona                                                           Arquiteto: Carlos Ferrater           ...
MorfologiaO projeto rompe com a continuidade dos edifícios.As passagens marcadas por finas torres identificama descontinui...
Apartamentos duplex                                         Construído com sistema modulado                               ...
Apartamentos de 3dormitórios sendo:1 suíte2 quartosSalaCozinha                     Apartamentos de 4                     d...
•Volumetria que tem sua                                                                                    horizontalidade...
Complexo Olímpico MontjuicLocal repleto de parques e jardins de áreas verdes; a região de Montjuic localizada em uma colin...
Palau San Jordi, Barcelona, Arq. Arata Isozaki                                                  Torre de telecomunicações ...
Ficha técnica                                                Arquitetura: Enric Miralles e Benedetta                      ...
O Parque Diagonal Mar, projetado por EMTB - Miralles Benedetta, tem   como função principal, revitalizar uma area degrada ...
Torre de Collserola                  1.   Estacionamento                                          2.   2 Caixa D’água     ...
Corte longitudinalFonte: Revista Au ed. 42
Vista Do Mirante                    com pele de vidro e                    grelha metálica nas                    bordas d...
Estação Intermodal de Saragoça projetada por Carlos Ferrater A cobertura da estação está suspensa por nove grandes arcos m...
Bibliografia     BARCELONA 1992-2004,COSTA GUIM,editora Gustavo Gili, 1º Ed,2004, Espanha     Revista Criticas de ciências...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

03:. Barcelona

5,339 views

Published on

Planejamento Urbano B - Antonio e Fernando

  • Be the first to comment

03:. Barcelona

  1. 1. Arquitetura e Urbanismo - UBC Planejamento Urbano B Antonio Fernando UBC - 2013
  2. 2. Cidade de Barcelona e: • Vila Olímpica • 3 Manzanas • Parque Diagonal Mar • Torre de Collserola • Complexo Olímpico
  3. 3. Rio Llobregat Barcelona Rio Besós Barcelona está localizada Entre os Rios Besós e Llobregat, Serra de Collserola e na Costa do Mar Mediterrâneo. População: 1.621.537Hab. Seg. censo de 2009 Economia: Barcelona é hoje uma das mais ricas cidades do sul da Europa. UBC - 2013
  4. 4. Um Pouco Da História de Barcelona Plano CerdáBarcelona, por se tratar de uma cidade medieval teve seu crescimento em pontos focais, comoestratégia os novos povoados se formavam em lugares onde não era possível o alcance das balas decanhão. Em 1854 , Ildefonso Cerdá propõe um plano de expansão para a cidade de Barcelona. Estaproposta apresenta uma malha urbana com traçado quadriculado, cria no centro uma grandediagonal que corta todo o tecido da cidade com uma avenida . Não se preocupa em criar um centroadministrativo, pois para ele, o território tem que ser homogêneo e todos os locais devem possuir omesmo valor. Não concentra prédios públicos e administrativos, espalha por toda a cidade os edifíciosdestinados a essas funções, valorizando por igual os setores e bairros. “Congela” a cidade medieval esó prolonga a avenida ligando-a aos bairros novos projetados, descartando assim, qualquer tipo dedemolição ou desapropriação do antigo núcleo, enfatizando a preservação do lugar.
  5. 5. Filho de Família rica, fez curso de desenho, arquitetura e matemática em Barcelona. Em 1835,foi estudar em Madrid no colégio de engenheiros formando-se em 1841. Trabalhou em diversos projetos de construção de estradas. Passou a dedicar-se ao estudo das cidades que seriam servidas pelo sistema ferroviário. Foi deputado no parlamento de Barcelona.O projeto Cerdá, projetouBarcelona para o Mundo etornou-se um marco na históriado urbanismo, pois osfundamentos adotados e oembasamento teóricoapresentado servem de referenciaaté os dias de hoje como: O conceito de inter viasrepresentando a importância daquadra e do sistema viário;A possibilidade de expansãoilimitada da cidade;A união entre o velho e o novo. Foto extraída do blog urbanidades UFSC 
  6. 6. Passados alguns anos e após a II Guerra mundial, a cidade de Barcelona passou a ter algumas áreas degradadas cujo uso tinha necessidade de alteração eis que surge então a necessidade de uma segunda renovação, eis que surge a oportunidade com a escolha de Barcelona como sede das Olimpíadas.Imagem do Bairro de Icária em 1987, Considerado o lugar mais visível dacom seus galpões industriais. renovação urbana da cidade. A remoção das antigas fabricas fez Barcelona voltar a ser uma cidade Litorânea.
  7. 7. Detalhes HistóricosExemplos de arquitetura industrial, que foi demolida no bairro de Icària .  Gonzàlez Reinald Fotografia http://www.ub.edu/geocrit/b3w-895/b3w-895-9.htm Imagens
  8. 8. Novos rumos, antes industrias, agora Vila OlímpicaEm 1967 Barcelona enfrentou o primeiro movimento de resistência popular a um projetoinstitucional, onde o poder publicoVivia um grande dilema, abrir Barcelona ao mar ou continuar abrindo Barcelona àespeculação privada do solo urbano.Em 1987, passados 20 anos, a possibilidade de realização das mudanças em virtude dasolimpíadas.A responsabilidade de realizar um projeto urbanístico em harmonia com a morfologiaurbana tradicional, coube ao escritórioMBM arquitetos, formado pelos arquitetos, Josep Martorell, Oriol Bohigas, DavidMackay e Puigdoménech. Imagens do livro, Barcelona The urban evolution of a compact City, Joan Busquets
  9. 9. Área destinada aos esportes náuticos. Viabilizando acessibilidade, tanto pelo mar quanto por terra.Corte do dique
  10. 10. Três Manzanas em Barcelona Arquiteto: Carlos Ferrater Nascido em 1944 Formado em 1971 pela Escola de Arquitetura de Barcelona Foi diretor da IV Bienal de Arquitetura Espanhola É doutor em arquitetura pela Universidade Politécnica da Catalunha,Conjunto Habitacional com 560 apartamentos de onde leciona desenho de projeto. Entrevariadas plantas, um centro comercial e áreas coletivas. suas principais obras estão o Instituto Científico e Jardim Botânico de Barcelona, o hotel Rei Juan Carlos e instalações para a Vila Olímpica barcelonesa Entre suas obras destacamos a estação intermodal de Saragoça, Espanha. Imagem: Lluis Casals. UBC - 2013
  11. 11. MorfologiaO projeto rompe com a continuidade dos edifícios.As passagens marcadas por finas torres identificama descontinuidade, além de outras alternativas para a circulação de pedestres.Habitações de 4 dormitórios (9,80 X 12,60m), e coroamento de 2 pisos (Apartamentos Duplex),Identificados nas fachadas por corredores envidraçados.Tratamento volumétrico das coberturas, com aproveitamento do terraços, saídas de escadas, caixaselevadores e elementos de ventilação, que fazem contraponto com a horizontalidade dos blocos.Algumas acessíveis através dos apartamentos duplex outras com acesso apenas para manutenção. Imagens da revista AU 71.
  12. 12. Apartamentos duplex Construído com sistema modulado de 5m, possibilitando a distribuição de apartamentos com 4 dormitórios e largura de 10 metros. Para os de 3 dormitórios 7,5m, para os de 2 dormitórios 6m e 5 metros para os duplex.Imagens estraídas da revista AU ed. 71
  13. 13. Apartamentos de 3dormitórios sendo:1 suíte2 quartosSalaCozinha Apartamentos de 4 dormitórios sendo: 1 suíte 3 quartos Sala Cozinha Flexibilidade da prumada hidráulica.
  14. 14. •Volumetria que tem sua horizontalidade quebrada com as caixas de elevadores. • Variação da caixilhariaInterior da quadra com destaque para o centro comercial caracterizando cada apartamento tipo. • Garagem subterranea. Detalhe construtivo da cobertura do centro Comercial feito em estrutura metálica, projetada por Josep Torres y Guardiola, Tendo como referencia para a forma estrutural, as asas de mosca.
  15. 15. Complexo Olímpico MontjuicLocal repleto de parques e jardins de áreas verdes; a região de Montjuic localizada em uma colina defrente para o porto, foi palco de 2 eventos que trouxeram reformas e ampliações para a região; aprimeira foi a feira Mundial de 1929 e recentemente a realização dos jogos olímpicos de 1992, estepor suas vez gerou grande reforma na região.
  16. 16. Palau San Jordi, Barcelona, Arq. Arata Isozaki Torre de telecomunicações de Montjuic Projetada por Santiago Calatrava Material utilizado aço, altura de 136 metros, diferente da maioria das torres esta possui um desenho inovador que lembra a silhueta de um atleta ajoelhando para receber uma medalha e suaEstádio De Baseball, L’Hospitalet de Liobregas, orientação permite que ela seja umarqs,. M. Corea, E. Mannino, F. Gallardo relógio solar.
  17. 17. Ficha técnica Arquitetura: Enric Miralles e Benedetta Tagliabue - EMBT arquitectes associats Promotor: Diagonal Mar/HINES Diretora: Elena Rocchi Colaboradores: Michael Eichhorn, Stefan Eckert, Christine Hirmnler, George Mahnke, Wolfang Lukas Hainz, Jan Marko Grebe, Francesca Tata, Angelo Floros, Piercarlo Comacchio, Angelo Catama, Ulrike Stübner, Andrea Müller, Hirotaka Koizumi, Dam Rosselló, Makoto Fukuda, Kaori Sato, Adrian Versuere Maquete: Fabián Asucion,Isabel Zaragoza,  Andrea Möller, Ulrike Stübner, Isabelle Sambeth, Liliana Bonforte, Tobias Gottschalk, Luca Tonella, Jan Koettgen, Tobias Aus Der Beek, Charlotte Bojsen-Parque Diagonal Mar Möller, Mónica Carrera Vazquez, Francesco Jacques-Días, Sven Gosmann, Projeto executivo Pierre Lauper, Adria Goula, Riccardo Diretores: Elena Rocchi, Lluis Cantallops, Alessandroni Fabián Asunción Paisagismo: Edaw, Londres. Colaboradores: Mònica Batalla, Ezequiel Urbanismo: Oscar Tusquets, Xavier Sust Cattaneo, Roberto Sforza, Makoto Fukuda, Engenharia: Europroject Consultores Laura Valentini, Massimo Chizzola, Associados - José María Velasco  Cristofer Hofler, Stefan Geenen Construtora: Benjumea
  18. 18. O Parque Diagonal Mar, projetado por EMTB - Miralles Benedetta, tem como função principal, revitalizar uma area degrada com solo alagadiço,e em meio a antigas fabricas as margens de um lago; além de estabelecer o contato da cidade com a praia.Esta obra pega o gancho do Fórum 2004 -Celebração da Cultura Mundial para ganhar forças e ampliar a área de alcance.Ao longo de seu trajeto encontram-se varias equipamentos de lazer para varias idades, com o contorno do lago o arquiteto,Não só aproximou a região central do mar como também trouxe ele para dentro da cidade, pois as pessoas nos dias de calorFazem uso da área para pegar Sol.
  19. 19. Torre de Collserola 1. Estacionamento 2. 2 Caixa D’água 3. 3 Subterrâneo com acesso ao elevador 4. 4 Restaurante 1 5. 5 torre 2 3 4 5Ficha técnicaArquitetura: Norman FosterInicio da Obra: 1990Especificações técnicas:Localização Turó de Vilana no meio dafloresta de Collserola a 455 m acima donível do marAltura 268mPossui uma visão de 60km de raio
  20. 20. Corte longitudinalFonte: Revista Au ed. 42
  21. 21. Vista Do Mirante com pele de vidro e grelha metálica nas bordas dando mais visibilidade ao observador.Fonte: BCNarq.com
  22. 22. Estação Intermodal de Saragoça projetada por Carlos Ferrater A cobertura da estação está suspensa por nove grandes arcos metálicos em diagonal sobre o corpo do edifício, com tirantes a 150 metros de distância cada um .Ficha técnicaEstação Intermodal Saragoça-DeliciasLocal Saragoça, EspanhaData do concurso 1999Início do projeto 2000Conclusão da obra 2007Arquitetura Carlos Ferrater (autor); José Maria Valero eFélix Arranz (coautores); Elena Mateu, Manel Bermudo,Montse Abad, Gonzalo Urbizu e Jesús Marcuello(colaboradores)Cliente Gestor de Infraestructuras FerroviáriasEstrutura Pondio; Cesma - Juan CalvoInstalações P&T - Juan Broseta, Eduardo Bononad e OlgaGuillénAssistência técnica da obra Amado Vila (coordenador) Interior da estação, comConstrutora Fomento de Construcciones y Contratas e detalhe da cobertura feitaFerrovial S.A. com materiais leves.Fotos Alejo Bague
  23. 23. Bibliografia BARCELONA 1992-2004,COSTA GUIM,editora Gustavo Gili, 1º Ed,2004, Espanha Revista Criticas de ciências sociais, BALIBREA Mari Paz, nº 67 pg 34 a 39,ISSN, 2003, Espanha . Busquets, joan,Barcelona ,The Urban evolution of a compact cityhttp://www.arcoweb.com.br/arquitetura/carlos-ferrater-estacao-intermodal-22-09-2010.html http://www.linternaute.com/sortir/sorties/nature/jardins-villette/diaporama/9.shtml http://bcnarq.blogspot.com.br/2007/12/torre-collserola-19901992-arquiteto.html http://www.dearquiteturas.com/2008/07/pra-entender-barcelona.html http://www.youtube.com/watch?v=Bl6LIlYz32k&feature=related http://www.archdaily.com.br/45675/disjuncoes-bernard-tschumi/ http://www.villette.com/fr/ http://www.mbmarquitectes.cat/ Revista Au ed. 42 Revista Au ed. 71 Revista Au. Ed. 109

×