Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Os Movimentos Sociais Atuais e suas repercussões na economia

1,428 views

Published on

  • Login to see the comments

  • Be the first to like this

Os Movimentos Sociais Atuais e suas repercussões na economia

  1. 1. Período de Ajustes Cenário Econômico Agosto 2013
  2. 2. Template 01 I 29/08/13 I 2 Crescimento mundial moderado, mas acelerará nesse semestre. Nova locomotiva mundial é o consumidor americano. Fonte: Bloomberg, JP Morgan e Citibank. Elaboração: BNP Paribas AM.
  3. 3. Template 01 I 29/08/13 I 3 EUA: Expansão monetária impulsiona riqueza e consumo. Atuação do FED está aumentando a riqueza das famílias. Fonte: Bloomberg e FED. Elaboração: BNP Paribas AM. 200 400 600 800 1000 1200 1400 1600 1800 10,000 20,000 30,000 40,000 50,000 60,000 70,000 Mar-90 Mar-91 Mar-92 Mar-93 Mar-94 Mar-95 Mar-96 Mar-97 Mar-98 Mar-99 Mar-00 Mar-01 Mar-02 Mar-03 Mar-04 Mar-05 Mar-06 Mar-07 Mar-08 Mar-09 Mar-10 Mar-11 Mar-12 Mar-13 EUA: Ativo Financeiro vs SPX Ativos Financeiros SPX
  4. 4. Template 01 I 29/08/13 I 4 EUA: Consumidor está pronto para nova alavancagem ! PIB real deverá ficar em 1,6% nesse ano devido consolidação fiscal. Mas, atividade acelerará no próximo ano para 2,5% com expansão monetária e menor aperto fiscal. Fonte: FED. Elaboração: BNP Paribas AM.
  5. 5. Template 01 I 29/08/13 I 5 Europa: Estagnação é melhor do que recessão. PIB 2013 deve ficar ao redor de -0.8%. Com aperto fiscal menor, a região poderá crescer 0.3% em 2014. Fonte: Bloomberg. Elaboração: BNP Paribas AM. 30 35 40 45 50 55 60 -3.0% -2.5% -2.0% -1.5% -1.0% -0.5% 0.0% 0.5% 1.0% 1.5% Jun-05 Sep-05 Dec-05 Mar-06 Jun-06 Sep-06 Dec-06 Mar-07 Jun-07 Sep-07 Dec-07 Mar-08 Jun-08 Sep-08 Dec-08 Mar-09 Jun-09 Sep-09 Dec-09 Mar-10 Jun-10 Sep-10 Dec-10 Mar-11 Jun-11 Sep-11 Dec-11 Mar-12 Jun-12 Sep-12 Dec-12 Mar-13 Jun-13 Sep-13 Zona Euro: PIB Real vs. PMI Composto PIB Real PMI Composto 94 95 96 97 98 99 100 101 102 103 104 105 Jan-02 Jul-02 Jan-03 Jul-03 Jan-04 Jul-04 Jan-05 Jul-05 Jan-06 Jul-06 Jan-07 Jul-07 Jan-08 Jul-08 Jan-09 Jul-09 Jan-10 Jul-10 Jan-11 Jul-11 Jan-12 Jul-12 Jan-13 Zona do Euro: Vendas no Varejo (sa)
  6. 6. Template 01 I 29/08/13 I 6 Europa: Ajuste ainda está longe do fim . . . 95 100 105 110 115 120 125 130 135 140 145 2000Q4 2001Q2 2001Q4 2002Q2 2002Q4 2003Q2 2003Q4 2004Q2 2004Q4 2005Q2 2005Q4 2006Q2 2006Q4 2007Q2 2007Q4 2008Q2 2008Q4 2009Q2 2009Q4 2010Q2 2010Q4 2011Q2 2011Q4 2012Q2 2012Q4 Zona do Euro: Custo Unitário do Trabalho Alemanha Espanha França Grécia Irlanda Itália Portugal Áustria Fonte: ECB. Elaboração: BNP Paribas AM.
  7. 7. Template 01 I 29/08/13 I 7 Europa: . . . o que implica em aumento da taxa de desemprego. Fonte: Bloomberg e Eurostat. Elaboração: BNP Paribas AM. 7.0 8.0 9.0 10.0 11.0 12.0 Feb-93 Feb-94 Feb-95 Feb-96 Feb-97 Feb-98 Feb-99 Feb-00 Feb-01 Feb-02 Feb-03 Feb-04 Feb-05 Feb-06 Feb-07 Feb-08 Feb-09 Feb-10 Feb-11 Feb-12 Feb-13 Zona do Euro: Taxa de Desemprego Taxa Desemprego (< 25 anos) Mar-08 May-13 Jun-13 Zona do Euro 15.1% 23.8% 23.9% Alemanha 10.9% 7.6% 7.5% Bélgica 18.3% 23.7% 23.8% Espanha 21.0% 55.8% 56.1% França 18.0% 25.4% 25.7% Irlanda 10.5% 26.3% 26.5% Itália 20.6% 38.3% 39.1% Portugal 19.1% 41.9% 41.0%
  8. 8. Template 01 I 29/08/13 I 8 China: Atividade segue na meta do governo. PIB real deve crescer entre 7,0% e 7.5% em 2013 e 2014. China: Contribuição ao PIB Real 2009 2010 2011 2012 2013F PIB Real 9.2 10.4 9.3 7.8 7.5 Consumo das Famílias 3.7 2.6 3.3 3.0 2.8 Gasto do Governo 1.2 1.2 1.3 1.2 1.2 Formação Burta de Capital Fixo 9.5 4.2 4.7 4.1 3.7 Estoques -0.7 0.4 0.8 -0.3 -0.2 Exportações -3.8 5.0 3.6 1.7 1.4 Importações 0.8 3.0 4.3 1.9 1.4 PIB ex-estoques 9.9 10.0 8.5 8.1 7.7 Fonte: Goldman Sachs e Bloomberg. Elaboração e projeção: BNP Paribas AM.
  9. 9. Template 01 I 29/08/13 I 9 China: Processo ‘natural’ de urbanização ainda não acabou. Fonte: NBS. Elaboração: BNP Paribas AM.
  10. 10. Template 01 I 29/08/13 I 10 => Ajuste nos desenvolvidos prejudicará consumo emergente. Recuperação da atividade, especialmente nos EUA, está deslocando a curva de juros para cima. Isso tem implicações nos emergentes, especialmente nos países com aumento no déficit em conta corrente. Fonte: Bloomberg. Elaboração: BNP Paribas AM. Aumento da curva de juros americana. Valorização do USD Desvalorização cambial nos emergentes Aumento da curva de juros nos emergentes. Deteriora poder de compra Deteriora oferta de crédito
  11. 11. Template 01 I 29/08/13 I 11 Brasil: Ajuste externo deverá desacelerar consumo doméstico. Nos últimos anos, captamos poupança externa e reduzimos a taxa de investimento. O aumento do déficit em conta corrente apenas financiou o consumo corrente. Fonte: BCB. Elaboração: BNP Paribas AM.
  12. 12. Template 01 I 29/08/13 I 12 Brasil: Além disso, precisamos fazer o ajuste interno. Aumento salarial acima da produtividade impulsionou consumo, mas prejudicou condição de produção. Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  13. 13. Template 01 I 29/08/13 I 13 Brasil: Impulsionar consumo não significa aumento de produção. Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  14. 14. Template 01 I 29/08/13 I 14 Brasil: Aumento de custo de produção reduziu lucratividade . . . Fonte: Bloomberg. Elaboração: BNP Paribas AM.
  15. 15. Template 01 I 29/08/13 I 15 Brasil: . . . e reduziu a confiança dos empresários. Fonte: FGV. Elaboração: BNP Paribas AM.
  16. 16. Template 01 I 29/08/13 I 16 Brasil: Menor lucratividade restringe decisões de investimento . . . Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  17. 17. Template 01 I 29/08/13 I 17 Brasil: . . . e deteriora o mercado de trabalho. Taxa de desemprego deve subir em breve e desacelerar ritmo de consumo das famílias. PIB real deverá ficar em 2,1% em 2013 e 1,8% em 2014. Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  18. 18. Template 01 I 29/08/13 I 18 Brasil: Inflação deve desacelerar para 5,8% em 2014. Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  19. 19. Template 01 I 29/08/13 I 19 Brasil: PIB potencial abaixo de 3,0% a.a.. How proficient are students in mathematics? Percentage of students at the different levels of mathematics proficiency Countries are ranked in descending order of the percentage of students at Levels 2, 3, 4, 5 and 6. Source : OECD PISA 2009 Database, Table I.3.1. 100 80 60 40 20 0 20 40 60 80 100 Shanghai-China Korea Hong Kong Singapore Canada Japan Australia Norway Germany United Kingdom Poland Sweden Czech Republic France United States Portugal Spain Italy Russian Federation Greece Turkey Uruguay Mexico Chile Thailand Argentina Brazil Colombia Peru Indonesia % Students at Level 1 or below Students at Level 2 or above Below Level 1 Level 1 Level 2 Level 3 Level 4 Level 5 Level 6 13% 14% 15% 16% 17% 18% 19% 20% 21% 2001.I 2001.III 2002.I 2002.III 2003.I 2003.III 2004.I 2004.III 2005.I 2005.III 2006.I 2006.III 2007.I 2007.III 2008.I 2008.III 2009.I 2009.II 2010.I 2010.III 2011.I 2011.III 2012.I 2012.III 2013.I Brasil: Taxa de Investimento e Poupança (%PIB) Taxa de Investimento Poupança Nacional Fonte: IBGE e OCDE (PISA 2009). Elaboração: BNP Paribas AM.
  20. 20. Template 01 I 29/08/13 I 20 How would you assess general infrastructure in your country? (World Economic Forum) Quality of overall infrastructure -2.0 -1.5 -1.0 -0.5 0.0 0.5 1.0 1.5 Chile Mexico Uruguay Ecuador Brazil Colombia Peru Argentina Bolivia Venezuela Paraguay Y Axis: Country Grade - Global Average # Global Rank (144 countries) # 107 # 108 # 31 # 65 # 81 # 85 # 111 # 112 # 118 # 135 # 140 Above Global Average Below Global Average Brasil: Infraestrutura está sucateada. Fonte: World Economic Forum. Elaboração: BNP Paribas AM.
  21. 21. Template 01 I 29/08/13 I 21 Brasil: Ainda temos tempo. Mas, precisamos trabalhar mais rápido ! Fonte: IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM.
  22. 22. Template 01 I 29/08/13 I 22 Brasil: Crescimento econômico impacta popularidade. Fonte: CNI/Ibope e IBGE. Elaboração: BNP Paribas AM. Popularidade Positiva PIB Real FHC 1 41 2,5% FHC 2 22 2,1% Lula 1 39 3,5% Lula 2 69 4,6% Dilma 54 1,8%
  23. 23. Template 01 I 29/08/13 I 23 Brasil: Eleição (ainda) não está definida. Atual patamar de popularidade é inconclusivo. Mas, ainda tem muito tempo . . . Fonte: CNI/Ibope, Datafolha e CNT Sensus. Elaboração: BNP Paribas AM. Pesquisa de popularidade pré-eleição CNI/Ibope DataFolha CNT Sensus Média Elegeu sucessor? FHC 1 41 43 31 38 SIM FHC 2 22 23 25 23 NÃO Lula 1 44 47 44 45 SIM Lula 2 80 78 79 79 SIM Dilma 31 36 31 33 Demanda Doméstica 3,1% 1,8% 3,3% 6,3% 2,4% E
  24. 24. Template 01 I 29/08/13 I 24 Brasil: Eleitor está mudando . . . Classe média representa 55% da população e possui renda mensal entre R$ 1.200 e R$ 5.174. Fonte: Ministério da Fazenda e BNP PAM
  25. 25. Template 01 I 29/08/13 I 25 Brasil: . . . olhando cada vez mais para a ‘qualidade’. Consumidores estão aumentando o peso dos ‘atributos’ (qualidade) nas decisões de compra. Essa mudança de perfil de consumo pode indicar mudança de perfil no voto ? Fonte: World Economic Forum
  26. 26. Template 01 I 29/08/13 I 26 Este documento foi produzido pelo Banco BNP Paribas Brasil S.A. ou por suas empresas subsidiárias, coligadas e controladas, em conjunto denominadas "Banco BNP Paribas Brasil", com fins meramente informativos não se caracterizando como oferta ou solicitação de investimento ou desinvestimento de ativos; O Banco BNP Paribas Brasil S.A. é instituição financeira regularmente constituída e em funcionamento no país e devidamente autorizada pelo Banco Central do Brasil e habilitada pela Comissão de Valores Mobiliários para administrar fundos de investimentos; Esse documento contém informações e declarações prospectivas referentes ao Banco BNP Paribas Brasil e ao mercado em geral. Essas declarações não constituem fatos históricos e abrangem projeções financeiras e estimativas, bem como hipóteses sobre as quais estão baseadas declarações relativas a projetos, objetivos e expectativas relacionadas às operações, produtos e serviços futuros ou performances futuras. Essas declarações prospectivas podem ser identificadas pelas palavras «esperar», «antecipar», «acreditar», «planejar» ou «estimar», bem como por outros termos similares; Informações e opiniões contidas neste documento foram obtidas de fontes públicas por nós consideradas confiáveis, porém nenhuma garantia, explicita ou implícita, é assegurada de que as informações são acuradas ou completas, e em hipótese alguma podemos garantir a sua ocorrência; O BNP Paribas Brasil não assume qualquer compromisso de publicar atualizações ou revisões dessas previsões; O BNP Paribas Brasil não se responsabiliza por eventual perda causada pelo uso de qualquer informação contida neste documento; Este documento foi produzido pelo BNP Paribas Brasil S.A. e é de uso exclusivo do destinatário, não podendo ser reproduzido, ao todo ou em parte, sem prévio consentimento do BNP Paribas Brasil S.A. Caso V.Sa. não seja o destinatário pretendido, qualquer divulgação, cópia, distribuição ou qualquer ação conduzida ou omitida para que se baseie nisso, é proibida e pode ser considerada ilegal. A rentabilidade divulgada já é líquida das taxas de administração, de performance e dos outros custos pertinentes ao fundo. A rentabilidade divulgada não é líquida de impostos; O Valor da cota, patrimônio e rentabilidade são divulgados diariamente em jornal de grande circulação; Fundos de investimento não contam com garantia do administrador do fundo, do gestor da carteira, de qualquer mecanismo de seguro ou, ainda, do fundo garantidor de créditos - FGC; A rentabilidade passada não constitui garantia nem promessa de rentabilidade futura; Para a avaliação de performance de fundos de investimento, é recomendável uma análise de no mínimo doze meses; É recomendada a leitura cuidadosa do prospecto e regulamento dos fundos de investimento pelo investidor ao aplicar seus recursos; Acesse nosso site: www.bnpparibas.com.br Disclaimer

×