Ficha de leitura - brida

1,839 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,839
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
11
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ficha de leitura - brida

  1. 1. Ana Margarida Pinto, nº3 10ºA Ficha de LeituraNome do autor: Paulo CoelhoTítulo: BridaEditor: PergaminhoLocal e data: Cascais, 1999Informações sobre o autor: O escritor nasceu a 24 de Agosto de 1947, na cidadedo Rio de Janeiro. Na década de 60, aderiu ao movimento hippie, ao mundo dasdrogas, ao ocultismo e ao satanismo e antes de se dedicar inteiramente à literatura,trabalhou como director e actor de teatro, compositor e jornalista. O seu fascínio pelabusca espiritual, que data da época em que, como hippie, viajava pelo mundo, resultounuma série de experiências em sociedades secretas, religiões orientais, entre outros. Vendeu, até hoje, um total de 100 milhões de exemplares e foi o autor mais vendidodo mundo em 2003, com o livro Onze Minutos. O seu trabalho está traduzido em 67idiomas e editado em mais de 150 países. Paulo Coelho é ainda: Mensageiro da Paz daONU, Embaixador da União Europeia para o Diálogo Intercultural do ano de 2008,Membro do Board do Instituto Shimon Peres Para a Paz, Conselheiro Especial daUNESCO para "Diálogos Interculturais e convergências espirituais”, Membro dadiretoria da Schwab Foundation for Social Entrepreneurship, Membro da AcademiaBrasileira de Letras, Member of the Board, Doha Center of Media Freedom e Memberof INI International Advisory Council - HARVARD INTERNATIONAL NEGOTIATIONINICIATIVE. O escritor já recebeu mais de 30 prémios por todo o Mundo. E entroupara o Guinness Book of Records por duas vezes, como o autor que mais assinou livrosem edições diferentes (dia 9 de Outubro 2003, Feira do Livro de Frankfurt) e, emOutubro 2008, pelo seu livro O Alquimista – livro mais traduzido do mundo.Outras obras do autor: “Arquivos do Inferno”; “O Manual Prático doVampirismo”; “O Alquimista”; “As Valkírias”; “Na Margem do Rio Piedra Eu Sentei eChorei”; “Maktub”; “O Monte Cinco”; “Manual do Guerreiro da Luz”; “Veronika DecideMorrer”; “O Demônio e a Srtª Prym”; “Histórias para Pais, Filhos e Netos”; “OnzeMinutos”; “O Gênio e as Rosas”; “O Zahir”; “A Bruxa de Portobello”; “O vencedor estásó”; entre outros.Comentário: Ao ler este livro, comecei a “olhar” para alguns assuntos de umamaneira diferente e a reflectir sobre outros que nunca me tinham passado pela cabeça.Não estava à espera de uma história deste género mas gostei de o ler e gostei,particularmente, das partes em que acabamos por aprender algumas lições com osMestres da magia, sobre a felicidade, o medo, o amor, entre outros temas importantesdas nossas vidas.
  2. 2. Citações: “Aprender uma coisa significa entrar em contacto com um mundo do qualnão se fazia a menor ideia. É preciso ser humilde para aprender” Wicca; “Em certasreencarnações, dividimo-nos (…) A nossa alma transforma-se em duas, estas novasalmas transformam-se noutras duas e assim, nalgumas gerações, estamosespalhados por uma boa parte da Terra. (…) Por isso, assim como nos dividimos,também nos reencontramos. E este reencontro chama-se Amor.“ Wicca; “Sim,podemos encontrar três ou quatro Outras partes, em cada vida, porque somos muitos eestamos muito espalhados.” Wicca; “Era possível conhecer a Outra Parte pelo brilhodos olhos – assim, as pessoas reconheciam o seu verdadeiro amor.“ Wicca; “Amo-te.Ainda não conheço o meu amor por ti – mas amo-te. Tu és a minha outra parte.”BridaResumo: A história, trata de uma jovem de vinte e um anos, de nome Brida O’Fern, quevivia em Dublin e que por ter muito interesse sobre o mundo da magia, decide procurarum Mago, que vivia nas montanhas, junto de uma pequena aldeia. Quando Brida foi ao encontro desse Mago, depressa este percebeu que ela tinhaum Dom e que era a sua Outra Parte, mas nada lhe disse. Um dia, depois de umapequena conversa com o dono da livraria onde costumava ir, ele deu-lhe um papel comum número de telefone e com um nome, Wicca. A jovem decidiu marcar um encontrocom Wicca, uma bruxa, que se tornou sua Mestre da Tradição da Lua. A bruxa começoupor explicar á o que era a Outra Parte, e que em cada reencarnação, a alma se divide emduas e temos como missão encontrá-la. Brida tinha um namorado, o Lorens, que apesar de achar que os mistérios seresolvem através da ciência, sempre a respeitou e apoiou nas suas crenças. Com ocontinuar do seu estudo entre a Tradição do Sol, pelo Mago, e a Tradição da Lua, porWicca, a discípula começa a pensar que talvez o seu namorado não seja a sua OutraParte, apesar de saber que o ama. Entretanto, Brida percebe que sente algo pelo Magoe, mais tarde, que ele é a sua Outra Parte. Alguns meses depois de ter iniciado o seu percurso no munda da magia, Bridaestava pronta para a festa do Equinócio da Primavera. Nesse dia, houve uma cerimónia,com alguns rituais entre Wicca, Brida e mais algumas mulheres que também estavam aser Iniciadas. A assistir, encontravam-se dezenas de pessoas convidadas, entre elas,Lorens e o Mago. No final da cerimónia, a jovem Iniciada percebe que os dois homenseram, ambos, as suas Outras Partes, mas, Brida decide, ficar com Lorens e, percebe,que ao longo daqueles meses encontrou o seu caminho e a felicidade.

×