Da linha à tridimensionalidade

1,183 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
1,183
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
13
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Da linha à tridimensionalidade

  1. 1. Desenho A 11ºF 2011/122º PERÍODOUnidade Didáctica - Procedimentos e sintaxe Da linha à Tridimensionalidade| ENUNCIADO das actividades a realizar1. Criação de ambiênciaDepois da leitura da obra “Às dez a porta fecha” de Alice Vieira, é proposto a cadagrupo que:- Caracterize (física, psicológica, culturalmente) a personagem atribuída,adicionando ao que é dado a conhecer da personagem no livro, qualidades físicase materiais, como o corte de cabelo, que tipo de roupa vestirá, sapatos etc.,aliando o conhecimento que se tem da personagem à capacidade inventiva ecriativa de atribuição de qualidades e atributos- Em conjunto, escolha uma passagem do livro onde foquea personagem atribuída, e recrie a ambiência dessa“cena”, em contexto real, recorrendo ao registo fotográfico(supondo que uma X personagem encontra-se, numapassagem do livro, a estender roupa, poderão escolher acasa de um dos elementos do grupo, sendo que umcolega tirará a fotografia e outro servirá de personagem, eencenar essa passagem, imaginando como poderia seraquele espaço e que objectos poderiam fazer parteintegrante desse contexto).
  2. 2. Desenho A 11ºF 2011/12- Depois de captada e escolhida a imagem, esta será impressa e trabalhando comuma folha de acetato irás simplificar os seus elementos, simplificando pornivelamento toda a imagem a intervir – cada elemento do grupo deverá trabalharsobre uma imagem própria, escolhendo no fim a que melhor se aplica para acontinuação do projecto.*Não esquecer o carácter expressivo do traço e as resultantes funções da linha nodesenho. Traço | Natureza e carácter: intensidade, incisão, espessuras,gestualidade.Simplificação por nivelamento: implica sucessivas operações de simplificação em que os elementosnão essenciais da forma vão sendo eliminados até se obter, por linhas ou outros elementos estruturaisda linguagem, um “modelo” despojado e sintético – nivela e simplifica as formas o mais possível.Simplificação por acentuação: intensificação das diferenças – um bom exemplo será a caricatura emque a fisionomia do modelo é “ simplificada” pelo excesso de um pormenor característico e definidor.|Notas-O corpo do personagem tem obrigatoriamente de ser todo representado (não lhecortar os pés por exemplo)- Deverás captar uma imagem simples em que a figura da personagem seja bempercebida, assim como deverás tomar atenção à sua indumentária-A fotografia deverá indiciar (ou conter objectos que indiciem) a perspectiva dolocalACTIVIDADES1.1| Memória descritiva da personagem e do local.1.2| Recriação e captação fotográfica do ambiente contextual escolhido (deacordo com a história).1.3| Desenho de síntese linear criativo - Transformação Gráfica /Invenção (acaneta preta em formato A2) – Simplificação por nivelamentoDuração da actividade: 2 aulas
  3. 3. Desenho A 11ºF 2011/12Critérios de Avaliação:|Atitudes e Valores 20 pontosMétodo de trabalho ...........................................................................................................10Empenho/Persistência..................................................................................................................5Responsabilidade / Autonomia ..................................................................................................5|Aquisição de Conceitos 30 pontos:Caracterização da personagem / Registo fotográfico / Diversidade de ideias alternativas………….....................................…………….…………………….……………………………..……………5Capacidade de organização e síntese de ideias...........................................................10Capacidade de observar e registar com qualidade e rigor a formapedida..................................……………….…………………………………………………………………5Qualidade dos registos de expressão linear (caneta)………………………...…………………….…5Criatividade / Imaginação…………………………………………………………………………………..5|Concretização das Práticas 50 pontos:Domínio das Técnicas…………………………………………………………..……………...……….......10Exploração dos materiais e técnicas (fotografia, caneta)…………………………………………..10Conseguiu transmitir ideias através do desenho/composição……………………………………..10Solução criativa adequada ao problema……………………………………………………………...10Empenho no processo de desenho, composição…………………………………………………….102. Invenção/Criação – cenário + personagem- Na segunda fase de trabalho, é proposta materializaçãotridimensional das personagens escolhidas e caracterizadaspor cada grupo- Na criação das personagens deverão ter sempre em contaos processos de escala, massa e volume.- O material a empregar é o papel (jornal, revistas, e outros)e fita-cola de papel.- Ter sempre em consideração a expressão corporal dospersonagens, como forma de transmitir sentimentos e ideias- O trabalho final de cada grupo tem que ser acompanhadopor uma Folha de Parede para cada grupo contendo asindicações: Nome da obra (livro), personagensrepresentadas com breve descrição da cena, nome dosautores, disciplina, ano de escolaridade e nome doprofessor, em formato A5.
  4. 4. Desenho A 11ºF 2011/12ACTIVIDADESCada grupo ficará encarregue da:2.1| Criação do cenário simplificado por linhas – recursoao papel autocolante preto a aplicar nas janelasescolhidas2.2|Invenção e representação tridimensional daspersonagens escolhidas modeladas a papelTodos os elementos do grupo serão encorajados arealizar pesquisas individuais como formas derepresentação, expressões de rosto ou possibilidades derepresentação das vestimentasDuração da actividade: 5 aulasCritérios de Avaliação:|Atitudes e Valores 20 pontosMétodo de trabalho ..........................................................................................................................10Empenho/Persistência..........................................................................................................................5Responsabilidade / Autonomia ..........................................................................................................5|Aquisição de Conceitos 30 pontos:Pesquisa autónoma……………………………………………………………………………………………5Capacidade crítica e sensibilidade estética na formulação das personagens e dacomposição……………………………………………………………………………………………………10Capacidade de organização e síntese de ideias...........................................................5Capacidade de exploração materiais…………………………………………………………………10|Concretização das Práticas 50 pontos:Estabeleceu a ligação personagem – cenário…………………………...……………………………10Utilizou e adequou correctamente os materiais e técnicas à proposta lançada |Adequação das técnicas escolhidas/ rigor na aplicação dos materiais…………….……….….10Demonstrou criatividade e inovação…………………………………………………………………....10Conseguiu transmitir ideias/conceito através do produto artístico………………………………..10Solução criativa adequada ao problema | Criatividade / Expressividade /Imaginação…………………………………………………………………………………………………....10A execução das actividades deverão realizar-se em sala de aula com a orientação da professoraestagiária e da professora da disciplina. A avaliação é continua, constando de pareceres sobre osexercícios realizados no decorrer das aulas e apreciação do grau de motivação e desempenho do/aaluno/a que executou a maior parte dos exercícios na sala de aula com a orientação e tutoria daProfessora. Professora da disciplina | Isabel Monge Professora estagiária | Ana Carina

×