• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
China antiga
 

China antiga

on

  • 4,160 views

 

Statistics

Views

Total Views
4,160
Views on SlideShare
4,160
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
169
Comments
1

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    China antiga China antiga Presentation Transcript

    • A China Antiga.
    • Localização:
      Península situada no leste da Ásia, banhada pelo oceano Pacífico.
      Atravessado por dois importantes rios: O Hoang- ho (rio amarelo) e o Iang-tsé (rio Azul)
      • Os chineses chamavam sua terra de Reino do Meio, por acreditarem estar no centro do mundo.
      • Esse pensamento fazia com que acreditassem ser o único reino verdadeiramente civilizado.
    • Economia
      Assim com o Egito a China era um império de regadio.
      Cultivavam trigo, cevada, painço, sorgo e arroz.
      Criaram diques, represas e canais de irrigação para melhorar sua agricultura.
      Os chineses dedicavam-se à produção de cerâmica e sofisticada porcelana.
    • Cultivavam também amoreiras para a criação de bicho da seda. A fabricação de seda éuma arte milenar e bastante apreciada pelos Chineses. Seu comércio era feito com indianos e árabes.
      A Rota da seda, foi como ficou conhecido o caminho pelo qual as caravanas chinesas passavam vendendo e comprando mercadorias.
    • Política.
      No sec. IV os chineses tinham unidade cultural, mas não unidade política nem governo centralizado.
      Estavam divididos em diversos reinos que viviam em guerra.
      Esse período da história da China ficou conhecido como período dos “reinos guerreiros”
      Os principais eram: Chin, Chao, Chu, Chi, Han, Wei e Yen
    • A China imperial: A dinastia Chin (ou Quin)
      No ano 221 a.C., Qin Shi Huang (ou Hoang-Ti) pôs fim às lutas dos Reinos Combatentes e fundou a dinastia Qin (Chin).
      Hoang- Ti unificou a região e criou o reino da China, tornand0-se o 1° imperador.
      • Qin Shi Huang unificou as letras,
      • a unidade de medida
      • a moeda,
      • estabeleceu o sistema de prefeituras e distritos,
      • construiu a famosa Grande Muralha
      • o palácio imperial
      • a tumba e a residência temporária para si próprio, em Xianyang e Lishan
    • Para proteger sua tumba foram criados Os “guerreiros e cavalos de terracota” o túmulo do imperador Qin Shi Huang e os soldados de terracota são conhecidos como a “oitava maravilha do mundo” e uma importante descoberta arqueológica.
    • A Grande muralha da China, construída em seu governo contava com 2500 quilômetros de extensão e 2500 torres de vigia, tinha 10 metros de altura e 6 de largura, contou com mais de 400 mil trabalhadores.
    • A dinastia Han
      No final da dinastia Qin, Liu Bang, de origem humilde e Xiang Yu, general aristocrático, acabaram lutando pelo domínio de Qin.
      Depois de alguns anos Liu Bang venceu a Xiang e criou a forte dinastia Han, no ano 206 a.C.
      China oficialmente transformou-se em um estado confucionista e progrediu em questões internas: a agricultura, artesanato e o comércio floresceram, e a população chegou à 55 milhão
    • Sociedade
      • Família imperial.
      • Grandes proprietários de terras.
      • Mandarins (funcionários públicos letrados)
      • Grandes comerciantes e empresários manufatureiros
      • funcionários do governo
      • Pequenos comerciantes
      • Pequenos proprietários
      • Artesãos
      • Camponeses
      • Trabalhadores contratados
      • Pequeno numero de escravos
    • Religião
      Os chineses adoravam as forças da natureza e os deuses celestiais, contudo algumas importantes doutrinas influenciaram demais esse povo:
    • Taoísmo.
      Atribuído ao filosofo Lao- Tsé, que viveu durante o período dos reinos guerreiros.
      Tao, significa caminho e a principal idéia desta doutrina era que o homem deveria levar uma vida em perfeita harmonia coma a natureza
      Enfatizava a simplicidade, a naturalidade e a espontaneidade
      Lao- Tsé
    • Confucionismo
      Confúcio foi um importante filosofo chinês, pregava rígidos valores morais baseados:
      No culto aos ancestrais.
      Obediência aos pais
      Respeito as antigas tradições
      Lealdade e submissão a lei e à autoridade.
      Responsabilidade social das classes privilegiadas.
      Confúcio
    • O Budismo
      A tradição atribui a introdução do budismo na China ao imperador han Ming-Ti.
      O budismo só se espalhou na China nos séculos V e VI com o apoio da dinastia Wei e Tang. Durante este período estabelecem-se na China escolas budistas de origem indiana ao mesmo tempo que se desenvolvem escolas próprias chinesas.
      Sidarta Gautama
      Buda
    • Cultura.
      A medicina Chinesa era preventiva, os médicos cuidavam para que os pacientes não ficassem doente para isso desenvolveram técnicas como a acupuntura e utilização de ervas e raízes medicinais como Ginseng
    • Eram hábeis inventores, desenvolveram a bussola, o sismógrafo, o papel, o papel moeda, a pólvora etc.
      o papel das mulheres era inferior, deviam obediência ao homens (pai, irmão, marido), submetiam-se aos “pés de Lótus” na qual enfaixavam os pés para que ficassem bem pequenos.
    • A administração governamental estava a cargo dos mandarins, altos funcionários que conheciam os segredos da escrita chinesa, composta por mais de 40 mil ideograma.
      Os mais letrados mandarins conheciam cerca de 5 mil.
    • O imperado era conhecido como filho do céu, era o grande sacerdote e mediador das relações entre homens e os deuses.
      Conta a lenda que o 1° imperador Huang-ti recebeu um pergaminho sagrado da boca do Deus Dragão e por isso adotou como simbolo de seu império um dragão.