Aplicativos para dispositivos móveis
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Aplicativos para dispositivos móveis

on

  • 525 views

 

Statistics

Views

Total Views
525
Views on SlideShare
525
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
10
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Aplicativos para dispositivos móveis Aplicativos para dispositivos móveis Presentation Transcript

  • Trabalho realizado por: Beatriz Agostinho Ricardo Floro Vanessa Fernandes Ygor Castro
  • “Num mundo cada vez mais tecnológico, possuir uma Aplicação Móvel (App) é uma enorme mais valia para a sua empresa, para os seus projetos. Apostar nesta tecnologia é demonstrar inovação e dar uma nova dinâmica aos seus negócios, tanto no plano nacional como internacional, para além de ter a possibilidade de ter ferramentas extremamente úteis em qualquer projeto.” Spotfokus
  •  É toda atividades e processos acerca do desenvolvimento de software para dispositivos móveis como computadores, PDAs, smartphones, telemóveis, consola portátil e Ultra Mobile PC combinado com tecnologias como GPS, TV portátil, touch, navegador de Internet, WAP, leitores de áudio, vídeo e texto, entre outros. Estes aplicativos podem ser instalados durante a fabricação, através dos sistemas operacionais de cada dispositivo ou distribuido através de arquivos de instalação pela web.
  •  A programação móvel pode ser aplicada a praticamente todas as atividades e ou em segmentos de negócio que lidam com informações. Isto porque todo mundo que trabalha nestas atividades/segmentos se desloca, em maior ou menor grau. Entre algumas das aplicações possíveis, podemos destacar: Consultas de informações e relatórios, de forma online ou offline; Processos de venda; Processos de contagem/inventário em geral; Processos de ordens de serviço em campo; Gerenciamento de informações, contatos, ERPs, CRMs. Além disso, muitas aplicações são utilizadas como forma de entretenimento, por exemplo: para ver filmes, ouvir músicas, jogar, ler eBooks, etc.
  •  Ao desenvolver dispositivos móveis, temos que ter em conta as suas principais características técnicas para nos ajudar a direcionar o desenvolvimento.  Em termos de smartphones, as principais são: tamanho e resolução do ecrã, capacidade de memória e processamento, métodos de entrada de dados e conectividade.  Mas nem todos os dispositivos têm as mesmas capacidades e temos que desenvolver a aplicação de acordo com os vários tamanhos e resoluções.
  •  A nossa aplicação móvel deve estar preparada para se adaptar automaticamente ou devem ser feitas versões diferentes para cada tamanho específico.  A aplicação móvel deve preocupar-se com a capacidade de memória e processamento do dispositivo em que irá ser executada. Geralmente essa capacidade é limitada e deve-se construir um código de programação bastante leve e eficiente, que não sobrecarregue os recursos do dispositivo e possa tirar o máximo de proveito do equipamento.
  •  Telemóvel  Smartphone  Tablet  Alguns computadores portáteis (Netbook, Notebook, Ultrabook)  Consolas de vídeo
  •  Android: É um sistema operacional baseado em Linux que atua em telemóveis (smartphones), netbooks e tablets. É desenvolvido por várias empresas, dentre elas a Google. O funcionamento do Android é idêntico a outros sistemas operacionais, cuja função é gerenciar todos os processos dos aplicativos e do hardware de um dispositivo para que funcionem perfeitamente.
  •  Ipad: É um tablet produzido pela empresa Apple Inc. Pelo seu tamanho e peso situa-se entre um smartphone e um computador portátil. O iPad usa o sistema operativo iOS, o mesmo do iPod e iPhone. Também funciona com tela multitouch. O iPad integra algumas funcionalidades de computador como aplicações, acesso a internet e conteúdos web, leitor de livro digital, músicas, vídeos, jogos, etc.
  •  Iphone: O iPhone é o telemóvel mais famoso do mundo. O smartphone foi lançado pela Apple e revolucionou o mercado de telefonia móvel, pois apresentou, gradativamente, funcionalidades novas para um aparelho, como ecrã sensível ao toque, aplicativos, câmara fotográfica aprimorada, conexão à internet via 3G/4G, entre outras funções.
  •  Smartphone: É um telemóvel com tecnologias avançadas que inclui programas executados por um sistema operacional, equivalente aos computadores. Um smartphone possui características de computadores, como hardware e software, pois são capazes de conectar redes de dados para acesso à internet e sincronizar dados como um computador. Existem diversos sistemas operacionais para smarphones, Symbian, Blackberry, Windows Mobile, Android e outros.
  •  Android  iOS  Windows phone  Windows Mobile  Windows RT  Synbian  Firefox OS  Blackberry OS  Ubuntu Mobile (Ubuntu Phone)
  •  Um aplicativo móvel (App) é um software desenvolvido para ser instalado num dispositivo eletrónico móvel, como um PDA, um telefone celular, um smartphone ou um Leitor de MP3.  Este aplicativo pode ser instalado no dispositivo, efetuando download, através de uma loja on-line de aplicações móveis, tais como Google Play ou App Store (existem algumas aplicações gratuitas e pagas).
  • Jogos:  Candy crush saga  Hill Climb Racing  Plants VS Zombies 2  Temple Run  Angry Birds  Flow Free  Pou  Blendoku
  • Redes Sociais  Tumblr  Instagram  Facebook  Google+  We Heart it  Pinterest  Foursquare  Ask.fm
  • Fotografia e Video  VLC  Pixlr express  YouTube  Camera Zoom FX  Xnretro  Magisto
  • Comunicação  What’s App;  Gmail  Viber  Yahoo!Mail
  • Ferramentas  Google Maps;  Swiftkey;  Clean master  QR android;
  • Produtividade  Dropbox;  Airdroid;  Google Chrome  Uc browser; Segurança  AVG  Avast
  • Vantagens  Melhor experiência para o utilizador: as Aplicações móveis permitem uma melhor utilização de recursos gráficos e de interface, proporcionando um uso mais rápido e agradável para o utilizador. Além disso, é possível disponibilizar conteúdo para ser acedido sem conexão com a internet.  Menor custo de acesso: Nos aplicativos toda a parte da interface já se encontra instalada no telemóvel, o que implica um tráfego de dados muito menor para se aceder a um determinado conteúdo da internet.
  • Vantagens  Acesso a recursos nativos do telemóvel: Os aplicativos possibilitam a utilização de recursos nativos do telemóvel como a câmara fotográfica, GPS, bluetooth, agenda telefónica, entre outros.  Vendas: É possível uma empresa vender bens, conteúdos e acessos do mais alto nível dentro das aplicações.
  • Desvantagens  Atualização de versões: Para cada alteração na estrutura ou contéudo da aplicação, o utilizador precisará efetuar uma nova instalação na nova versão disponível.  Plataformas distintas: A gama de fabricantes e plataformas de desenvolvimento faz com que um aplicativo não funcione em todos os aparelhos.
  •  Android SDK Release  Eclipse SDK  Enterprise Java Application Server  Flash builder  Windows Phone SDK  Android SDK
  •  SAP Mobile Platform  Oracle Java Me  Microsoft windows Mobile  Google android  Apple IOS  Palm WebOS
  • Aplicações gerais  Otimizar a interação para o dispositivo alvo (Ter em conta se o utilizador utiliza caneta ou os dedos no ecrã tátil);  Simular aspeto 3D para ecrãs táteis;  Minimizar introdução de dados;  Otimizar a apresentação do conteúdo (Dar mais relevo ao que está a ser manipulado/visualizado);  Disponibilizar atalhos para quem é experiente.
  • Aplicações Website móveis  Utilizar um endereço fácil de introduzir;  Versões móveis especializadas;  Estruturar a App de forma simples e incomplexa;  Colocar conteúdo útil e simplificado em toda a aplicação;  Disponibilizar atalhos;  Minimizar uso da largura de banda;
  • Aplicações Website móveis  Criação de uma SEO (Search Engine Optimization) que consiste num conjunto de estratégias com o objetivo de potencializar e melhorar o posicionamento de um site nas páginas de resultados naturais nos sites de busca gerando conversões;  Estruturar links de forma vertical;  Evitar introduções repetitivas de dados;  Simplificar formulários (De modo a não deixar dúvidas);
  • Os ecrãs dos dispositivos portáteis são diferentes uns dos outros, por isso ao se criar um website adaptado para estes dispositivos, é preciso repensar o design para ecrãs menores, afim de que o conteúdo do website seja exibido na íntegra, limitando-se às capacidades de processamento do aparelho. Para que o website esteja corretamente adaptado ao dispositivo, é preciso seguir algumas regras fundamentais:
  •  Desenvolver páginas que carreguem rápido Os usuários de dispositivos móveis geralmente são “apressados” e possuem pouco tempo, utilizando seus smartphones e tablets entre compromissos do dia-adia. Por esse motivo, é essencial que um website mobile seja completamente adaptado para ser carregado rapidamente, o recomendável é que a página não demore mais do que 3 segundos para carregar. Para que tudo isso aconteça é importante dar prioridade ao conteúdo principal do website, utilizar imagens leves, “limpar” o código fonte do website, para retirar linhas de código desnecessárias e, de preferência, utilizar pouco texto nas páginas para que o utilizador possa ler mais rapidamente.
  •  Simplificar a experiência de navegação Para dar mais destaque ao conteúdo priniciapal do website mobile, devemos também tomar alguns cuidados com a navegação pelo website, inserindo botões importantes como “Voltar”, “Avançar”, “Início” e “Voltar ao Topo” e deixando-os em destaque. E a barra de rolagem vertical deve ser minimizada o mínimo possível. Recomenda-se a utilização de até 7 hiperlinks por página, e se por acaso o site tiver bastante conteúdo, separado por várias páginas, deve-se inserir uma caixa de “Pesquisa” em destaque, para que os usuários possam fazer buscas por palavras-chave.
  •  Planear o site mobile para todos os formatos Apesar de alguns smartphones virem acompanhados de uma caneta Touchscreen, a principal forma de manuseio de páginas em sites mobile ocorre pelos dedos, portanto pense em um layout que permita uma fácil interação para todos os usuários, independentemente do tamanho do ecrã. Use botões grandes e bem visíveis, aumente a área clicável e garanta um espaço extra entre o botão e o resto do conteúdo para evitar cliques acidentais.
  •  Ofereça visibilidade Lembre-se que além da variedade no tamanho dos ecrãs, os usuários podem estar em ambientes com pouca luz, portanto crie um layout com bom contraste entre o background e o restante conteúdo de leitura. Não pense, por exemplo, em um layout com background preto e texto a cinza ou vermelho.
  •  Facilitar a conversão Alguns procedimentos como compras online, solicitações de orçamento e contato devem ser fáceis. Uma boa dica é reduzir o número de etapas para concluir uma transação. Os formulários do site original devem ser repensados e resumidos para que fiquem com menos campos possíveis. Em sites mobiles descarte o uso de códigos de confirmação, como os Captchas, por exemplo.
  •  Torne o website compatível e acessível Dispense o uso de animações, banners ou menus em Flash, pois alguns dispotivos não interpretam esse tipo de linguagem. Como alternativa, pense em páginas em HTML5 para facilitar as interações.
  •  Exiba informações de localização Consumidores e usuários procuram por informações locais em seus telefones constantemente, portanto, inclua funcionalidades que ajude as pessoas a encontrar a sua empresa ou contatálo facilmente. Exiba a morada ou, no caso de franquias, um localizador de todas as suas lojas, mapas e orientações de como chegar à sua empresa também são conteúdos importantes.
  •  Ofereça uma perfeita experiência de navegação Mantenha os principais recursos da versão original do website, exiba as mesmas informações que o site original apresenta. Não deixe que a experiência de navegação pelo website mobile seja inferior a navegação do website original.
  •  Use redireccionamentos para o website mobile O desenvolvedor deve tomar algumas precauções ao desenvolver as versões para mobile e desktop. Deve inserir códigos para identificar o dispositivo com o qual o usuário está a aceder o website e redirecioná-lo para a versão para desktop, se o dispositivo for um PC ou um Notebook, ou para a versão mobile, caso seja um smartphone ou tablet.
  •  Oiça os seus utilizadores É fundamental que haja interação entre os desenvolvedores do website mobile e os consumidores para que, juntos, possam melhorar a experiência de navegação e melhor utilização dos recursos do dispositivo. Por isso, deve-se inserir uma área onde os utilizadores possam enviar suas opiniões acerca do site. Esse feedback também evita que problemas graves possam acontecer e passarem despercebidos pelos desenvolvedores ou gestores de conteúdo.
  • Rodrigo é um homem bem sucedido. Levanta-se pela manhã para ir gerir a sua empresa, toma um duche, enquanto isso, coloca a aplicação Musicbox (App leitor de músicas) a tocar as suas músicas favoritas no seu Nexus 5. Na hora de se vestir, Rodrigo consulta a AccuWeather (App de consulta de meteorologia), para saber que roupa deverá vestir e se adequará à temperatura no exterior. De seguida toma um bom pequeno almoço, mas visto que é um homem muito solicitado, sente necessidade de consultar o seu e-mail, usando a Gmail (App caixa de correio eletrónico) enquanto come a sua refeição. Sai de casa apressado, entra no seu BMW, pois antes de ir para o trabalho pretende ir conhecer o novo café da cidade. Utiliza a Foursquare (App de localização de estabelecimentos) para encontrá-lo. Compra um chocolate quente para beber mais tarde. A caminho do trabalho, o empresário ouve na rádio uma música que lhe agrada muito, mas como não ouviu o nome da música nem do artista utiliza a TrackID (App de identidade de música), para descobrir essa informação. Chegando ao destino, Rodrigo estaciona o seu carro e envia uma fotografia do seu chocolate quente para o seu Instagram (App rede social móvel), para mostrar aos seus amigos próximos que já foi ao novo café. Agora sim, Rodrigo está pronto para mais um dia de trabalho!
  •         http://www.usabilidade.org/usabilidade_aplicacoes_moveis.pdf http://pt.wikipedia.org/wiki/Aplicativo_m%C3%B3vel http://pt.wikipedia.org/wiki/Otimização_para_motores_de_busca http://www.significados.com.br/android/ http://www.significados.com.br/ipad/ http://blackberry.uol.com.br/o-que-e-blackberry.jhtm http://www.significados.com.br/smartphone/ http://www.slideshare.net/fagnerlima91/programao-para-dispositivosmveis-01-introduo-ao-ambiente  http://pt.wikipedia.org/wiki/Desenvolvimento_de_software_mobile  http://www.ribeiraopretoonline.com.br/coluna-estrategia-digital/10dicas-do-google-para-desenvolver-um-mobile-site-agradavel-anavegacao/58855